Contradições: lista de fatos ligados a Patrícia Lélis deixa dúvidas sem respostas

109

Os fatos concretos nas acusações de Patrícia Lélis ao pastor Marco Feliciano (PSC-SP) são poucos, até o momento, e todos eles ligados às consequências da denúncia feita pela estudante de jornalismo. Sobre o período em que ela supostamente teria sido agredida e abusada sexualmente e/ou estuprada, restam muitas dúvidas.

Para ajudar na compreensão dos pontos ainda mal explicados na acusação feita por Patrícia Lélis ao pastor, confira uma lista com as alegações da estudante e fatos que colocam em xeque seus relatos.

Apartamento

A estudante alega que o pastor a convidou para ir a seu apartamento funcional para uma reunião sobre a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre a União Nacional dos Estudantes (UNE).

Nesse dia, a Câmara dos Deputados realizou três sessões, sendo a primeira realizada às 11h02, com encerramento às 16h07; a segunda às 16h10, finalizada às 21h09; e a terceira e última às 21h12, encerrada às 22h41. De acordo com o site da Câmara, Feliciano compareceu a todas.


1ª sessão: http://goo.gl/NTwnn4

2ª sessão: http://goo.gl/ZNl0oj

3ª sessão: http://goo.gl/a8OD6M

Reunião no PSC

Patrícia Lélis alega que no dia seguinte ao suposto abuso, 16 de junho, uma quinta-feira, esteve no escritório do PSC em Brasília (DF) para uma reunião com o presidente do partido, pastor Everaldo Pereira, e o deputado federal Gilberto Nascimento (SP), quando teria recebido uma oferta de dinheiro em troca de seu silêncio.

Porém, no dia 16 de junho, o pastor Everaldo Pereira participaria de uma convenção do PSC em Palmas (TO), para o lançamento da pré-candidatura do pastor João Campos Abreu à prefeitura da cidade. A visita de Pereira a Palmas foi anunciada por diversos sites voltados ao público do estado.

Pastor Everaldo na mesa da Convenção do PSC. (Foto: JMNotícia)
Pastor Everaldo na mesa da Convenção do PSC. (Foto: JMNotícia)

Encontro

Na entrevista à revista Veja SP, Patrícia diz que esteve com Talma Bauer, chefe de gabinete do pastor Marco Feliciano, na quinta-feira, 16 de junho, mesma data da suposta reunião com Everaldo Pereira e Gilberto Nascimento.

No entanto, o jornalista Leandro Mazzini, da Coluna Esplanada, do Uol, primeiro a publicar as acusações da estudante, afirma que o encontro com Bauer em um café de Brasília teria acontecido no dia 22 de julho, uma semana depois do relato de Patrícia à imprensa.

Prints

Em entrevista ao Gospel+, Patrícia Lélis fez um texto onde se passava pelo portal para afirmar que os prints conseguidos com exclusividade que apontavam o envio de fotos suas, íntimas, para o pastor pelo WhatsApp eram falsas.

No entanto, a decisão do portal em levar a matéria ao ar se deu justamente porque no dia 28 de junho, Feliciano publicou um tweet com uma imagem anexa, que era justamente um dos prints que integrava o conteúdo revelado. Além disso a conversa continha uma foto íntima e pessoal de Patrícia vestindo apenas um top, a qual só a mesma teria e portanto só ela poderia enviar a outra pessoa.

Estupro

No encontro com Bauer, em Brasília, no áudio vazado Patrícia diz que no encontro com Feliciano teve relações sexuais não consensuais com ele, e que iria levar o caso adiante. No primeiro Boletim de Ocorrência (B. O.) registrado pela estudante em São Paulo na última sexta-feira, 06 de agosto, ela acusa o pastor apenas de tentar estupra-la. O B.O. registrado por ela acusa apenas de tentativa de estupro e agressão.

Cárcere

Nesse mesmo B. O., ela acusa Bauer de tê-la mantido sob coação e em cárcere privado no hotel San Raphael, no centro de São Paulo, obrigando-a a gravar vídeo em defesa de Feliciano. No entanto, investigações da Policia Civil revelaram que não houve coação ou cárcere.

Vídeos mostram a estudante na companhia do jornalista Emerson Biazon e do próprio Bauer, em clima descontraído e de amizade, discutindo questões ligadas à situação que os havia aproximado: a denúncia de um suposto estupro.

No vídeo abaixo, gravado às escondidas por Emerson Biazon, é possível ver Patrícia conversando com Bauer à porta do hotel onde ficou hospedada, e posteriormente atendendo a uma ligação, que supostamente seria do pastor Marco Feliciano:

Assine o Canal

Dinheiro

No B. O., Patrícia Lélis afirma que Bauer ofereceu dinheiro a ela para que ficasse em silêncio quanto às denúncias contra o pastor. Em entrevista a Mazzini, ela confirmou que as conversas envolveram valores em dinheiro, mas o pedido não teria partido dela, pois ela queria apenas seguir em frente.

“Eu não queria dinheiro, nunca quis, e disse que se ele quisesse negociar que não me envolvesse nisso […] Eu só queria ficar em paz e minha vida de volta”, afirmou Patrícia, referindo-se ao colega, Emerson Biazon.

Porém, um novo vídeo entregue pelo próprio Biazon à Polícia mostra a estudante tratando de valores com Bauer. E o delegado responsável pelo caso, Luiz Roberto Hellmeister, considera que Patrícia extorquiu o chefe de gabinete de Marco Feliciano. Veja:

Assine o Canal

SBT

No começo das negociações entre Patrícia e Leandro Mazzini, para revelar as acusações dela contra Feliciano, Emerson Biazon teria questionado o colunista do Uol sobre quanto valeria uma matéria como a que ele estava prestes a publicar.

Mazzini, em um extenso artigo publicado no site do jornal O Dia, diz que recusou a oferta: “Eu não trabalho assim, não compro nem vendo, meu interesse é jornalístico”.

Segundo Mazzini, a conversa não prosperou e posteriormente, Patrícia e Biazon foram à sucursal do SBT em Brasília, oferecendo a matéria em troca de R$ 10 mil, mas o repórter da emissora procurado pela dupla recusou.

Mais contradições

No vídeo abaixo, há trechos das entrevistas concedidas por Patrícia Lélis no 3º DP, no bairro de Campos Elíseos, em São Paulo (SP), a diferentes veículos de imprensa. Neles, há divergências nas declarações da estudante a cada depoimento, principalmente na ordem dos acontecimentos narrados por ela. Confira:

Assine o Canal

Namorado

Há alguns dias o Gospel+ apurou que o namorado de Patrícia havia terminado com ela após a divulgação de alguns detalhes. Procurada pela redação a jovem prontamente negou e afirmou que seu relacionamento com o empresário estava muito bem:

Captura de Tela 2016-08-11 às 14.33.48

No dia 10 de agosto, o namorado publicou em seu perfil Facebook que realmente terminou com a jovem:

Captura de Tela 2016-08-11 às 14.35.55

Patrícia Lélis foi procurada pelo Gospel+ para comentar o caso, mas não respondeu aos contatos.


109 COMENTÁRIOS

  1. Não posso afirmar com certeza se o Feliciano errou… Até agora não há provas disso… Mas há muitas e muitas provas do quanto essa jovem é mau-caráter … Não só as contradições, mas o fato de ela pedir pra matar uma pessoa, na maior naturalidade… Olha do que ela é capaz! Outro mau-caráter é o Bauer, que insiste em se passar por cristão, quando temos visto e ouvido o que ele faz

  2. Se uma pessoa me acusa do que Feliciano foi acusado e a coisa toma essa repercussão toda que a acusação teve, eu jamais teria ficado calado por tanto tempo . Viria na MESMA HORA nas mídias para me explicar. Postura no mínimo incoerente do Pastor. Ele esperou o BO pra ser manisfestar, mesmo depois que o caso já tinha ganho repercussão nacional. Fica parecendo que ele queria tentar reverter a situação nesse lapso temporal e não conseguiu.

  3. Outro comportamento extremamente mentiroso é quando ela sempre afirma que não quis aceitar o suposto pagamento. Porém, quando assistimos ao último vídeo publicado (aquele onde ela pede matar Feliciano e um cara) vemos que quando Bauer disse que deu 50 mil para um intermediário de Patrícia, ela fica toda louca, descontrolada, porque recebeu 10 mil (parece que até o comparsa não gosta dela). Logo, esse útimo vídeo desmente mais uma vez o comportamento “honrado” dela de não aceitar pagamento. O vídeo, além de mostrar que ela aceitou, demonstra o comportamento ganacioso e louco por dinheiro dessa psicopata de Patrícia Léllis. Ela deve ir pra cadeia já!

  4. O PECADO DE FELICIANO É SEMELHANTE AO DE JUDÁ CONTRA TAMAR! (GENESIS 38)
    .
    O que houve entre Feliciano e Patrícia foi alguma forma de RELAÇÃO SEXUAL.
    Ou ela agiu como prostituta de luxo, que não foi devidamente paga pelos serviços, ou realmente foi vítima de uma tentativa forçada de sexo, mas que havia aceitado “perdoar” se fosse indenizada.
    .
    Mas todo esse furdunço acabou se tornando do conhecimento de algumas pessoas do partido PSC que se aproveitaram da situação!
    É como eu digo:
    O MAIOR INIMIGO DE UM RELIGIOSO É OUTRO RELIGIOSO!
    (Aprenda isso e seja feliz dentro da sua religião.)
    .
    O Bauer, que é braço direito de Feliciano e por interesse do mesmo, estava fazendo a intermediação para ABAFAR O ESCÂNDALO.
    O que vai ficando entendido é que foi exigido UM MILHÃO DE REAIS de Feliciano, em que 300 MIL reais iria para a Patrícia, enquanto o restante seria dividido entre os “MUY AMIGOS” de Feliciano!
    .
    Isso que está acontecendo com Feliciano É COMUM DENTRO DAS IGREJAS e acontece O TEMPO INTEIRO, e por culpa dos próprios pastores!
    Pastores sem chamado geralmente começam assim:
    1. O cara começa como EISEGETA (herege);
    2. Involui para charlatão;
    3. Depois para estelionatário da fé e consciência alheia;
    4. Torna-se adúltero;
    5. E depois sai por aí achando que pode até comer a rainha da Inglaterra!
    .
    Feliciano, é o seguinte cara:
    Adão caiu, Judá caiu, Davi caiu e Salomão caiu!
    E se até Paulo arrumou uma doença venéria quanto mais tu que é bestão!
    Tudo por uma “TACADINHA.”
    .
    Obs.:
    As notícias do Gospel+ estão alienadas e com teor de sensacionalismo.

  5. Talvez eu esteja errado, mas, minha opinião é: Resumido: Ela “teve um caso amoroso com Marcos Feliciano”, que por sua vez não quis assumir a cobra, sendo assim, ameaçado e julgado por coisas que não fez. Digo isso porque realmente o Bauer tenta comprar algum silêncio da garota. Em fim. Tem algo muito errado nisso tudo que ainda ninguém sabe. Se o Feliciano tivesse um caso com uma amante, sem duvida perderia a esposa e talvez o amor dos filhos, e isso afetaria nas em sua vida pessoal em todos os sentidos, inclusive nas igrejas ! Minha opinião!

  6. Nunca tive dúvidas que isso ia acabar em nada. Alguém ainda tem dúvida???

    Porém, sempre tive certeza que esse caso era de alguma forma, golpe da pistoleira. Principalmente depois dela dizer que era vizinha de deputado do PT e ameaçou alguma coisa.

    Ainda mais, para acabar com qualquer possibilidade de credibilidade, a pistoleira se uniu mesmo com as deputadas do PT. DEU NO QUE DEU. Caiu no descrédito total e SÓ resta a ela pedir mais ajuda ao PT, para safa-lá da prisão. VAI QUE COLA! Entrou numa gelada.

    Agora que tudo está quase esclarecido, fica nítido que muitos agem por ódio, perseguição e muita inveja das pessoas. Não que o Feliciano seja um Santo, mas que os outros são uns demônios. Agem da pior maneira e como os piores dos bandidos.
    SER JUSTO E CARIDOSO É O PASSAPORTE PARA A SALVAÇÃO. Mas antes precisa acreditar no nosso SENHOR DEUS.

  7. Ninguém “DÁ” 300 mil reais sem DEVER !!!!

    Agora é HORA do Feliciano comprar o delegado de São Paulo , o porteiro do edificio de Brasília, a vizinha que bateu na porta do apartamento, destruir as IMAGENS das cameras do elevedor e da portaria do seu prédio e outros . Para se SAFAR dessa SAFADEZA. Aguardemos!!!!!

  8. Gospel mais comete outro escandalo. Não podemos jamais questionar as mulheres nesse momento. Elas sempre foram vítimas do machismo, e o momento da história, e de pgto dessa dívida triste. Feliciano errou em convidar uma moça para estar sozinhos. O estaturo da CGADB é claro: … nenhum pastor pode fazer visita ou ser visitado por uma mulher a sós. Por favor Feliciano quem nós conhecemos é um homem sem vigilância. Seus ataques aos movimentos sociais prova claramente sua meniniçe e estupidez. Por favor é melhor se calar nesse momento e não alimento o machismo .

  9. Sabe o que estragou tudo, foi a mãe dela ter ido a São Paulo e acionar a policia dizendo que ela havia cido sequestrada.
    Não tenho a menor duvida de que ela estava la para negociar um cala boca bem poupudo e a mãe dela estragou tudo. e acho que neste caso não existem inocentes.

  10. Ela é bonitinha, mas perigosamente ordinária, se o Marcos Feliciano, não acreditava na máxima que, O Diabo não vem de rabo e chifre e com um tridente na mão, mas também usando um rostinho bonito, de calcinha e sutiã e com uma serpente com a boca aberta, tem que ter muita comunhão com Deus, como José, pra não ir pra cama com o diabo.

  11. Nem o belíssimo show da abertura das Olimpíadas cariocas foi tão grande quanto grande está sendo esse “show” de mentiras nesse embrólio todo no episódio Feliciano/Lélis!
    Só o tempo e autoridades pertinentes ao assunto poderão dirimir dúvidas e verdades e/ou mentiras dos dois lados.
    Mas é patente a postura infantil e imprudente do sr. Feliciano, como pastor, ao ponto de ficar a sós, com uma garota, seja pra que assunto se depare. Poxa, cadê alguém ao lado (melhor se fora sua mulher) pra evitar, depois, “mal entendidos”? Falhou de novo o deputado/pastor, ao não vigiar (ele sabe muito bem da importância disso, na Bíblia que porta) e dando espaço pra, agora, um infernal jogo de acusações mútuas. Precisa amadurecer esse “novo” pastor.
    Quem é essa “bonitinha”, trabalha pra quem, esquerda, quer ficar popular desde já como futura jornalista??
    Agora essa lambisgoia procurou Caio Fábio; amanhã vai procurar o Temer, o Papa e sei lá mais quem. Precisa de afirmação psicológica (então arruma uma autoafirmação) e deve ser uma traumatizada de algo na vida que ficou mal resolvido, e agora cheia de bloqueios.

  12. Mais um capítulo da novela Feliciano.
    Marisa Lobo aparece e confirma a fama de pegador do “santo pastor”, algo q Caio Fábio já dizia.
    Posts de conversas entre ela e Patrícia comprometem de vez o pastor do dízimo.
    Evanjegues atacam moça nas redes sociais.

    HOUSE OF FELICIANO
    SÓ PIORA http://bit.ly/2bcg50s

    + Prints de conversas de Patrícia Lélis com psicóloga Marisa Lobo complicam ainda mais Feliciano
    + Amiga e ex-terapeuta do deputado, Marisa revela que conhece a fama e que há outros casos contra o pastor

DEIXE UMA RESPOSTA