Deputado quer criar um Museu Cristão em São Paulo, para “eternizar a história da igreja evangélica”

13

O estado de São Paulo pode receber um museu dedicado ao cristianismo. O “padrinho” da ideia é o deputado estadual Fernando Capez (PSDB), que na última quarta feira (20) lançou o “primeiro tijolo simbólico” da obra na Assembleia Legislativa de São Paulo.

Os idealizadores do projeto são os jornalistas Luciana Mazza e Marcelo Rebello, seu marido, que pretendem recorrer a leis de incentivo fiscal como a Rouanet, do Governo Federal, para financiar a obra. O casal é responsável também pelo Salão Internacional Gospel, feira de negócios voltada para o segmento evangélico que acontecerá em setembro em São Paulo.

Padrinho do projeto, Capez afirma que tentará levantar patrocinadores e recursos da Secretaria da Cultura do estado para realizar a obra. Ele afirma ainda que o museu não terá um foco religioso, mas sim “histórico e cultural” e que a obra tem diversos objetivos, entre eles o de eternizar a história da igreja evangélica.

– O Estado é laico, não posso mandar dinheiro para a igreja, mas posse me associar a entidades religiosas – explica o deputado, que se classifica como “um cristão que apoia o movimento evangélico” e frequenta igrejas como a Bola de Neve.


Ainda sem local definido para sua construção, o projeto piloto para o museu conta com uma área de 10 mil m² e capacidade para receber 1500 pessoas, segundo o jornal Folha de S.Paulo. As dimensões são equivalentes às do Masp.

Os responsáveis pelo projeto explicam que se trataria de um museu particular e sem fins lucrativos. Segundo Luciana Mazza, haverá uma “cobrança social” para entrar no local, “com preços acessíveis”.

Peças do Museu

A ideia do museu é reunir documentos e objetos representativos à história do movimento evangélico no Brasil, como fotos da Cruzada Nacional da Evangelização, que aconteceu em 1953 na capital paulista.

Além dos objetos históricos, os idealizadores do museu pretender criar também uma seção dedicada a declarações polêmicas e “pérolas” ditas por líderes evangélicos. Entre as lembranças polêmicas estarão o convite para um culto que mostra o pastor Lucinho Barreto “cheirando” a Bíblia, e a declaração do cantor Thalles Roberto, que mandou as mulheres “segurarem a periquita”.

Nomes curiosos de igrejas também terão seu lugar garantido no museu, que exibirá nomes como “Assembleia de Deus Pavio que Fumega” e “Associação Fiel Até Debaixo D´Água”.


13 COMENTÁRIOS

    • deixa de cê abextado Stardustiii

      é só mostrar a carteirinha de dizimista em dia e FAZER UMA PEQUENA OFERTA SIMBÓLICA E VOLUNTÁRIA no valor irrizório de uns 100 ou 200 reaus que tá tudo certu.

  1. Informo que existe Museu da Diversidade e Museu do Negro e outros … através de verbas publicas. E por que não ter um Museu dos Evangélicos!!! Olha o PRECONCEITO !! Quando é para o povo cristão sempre existe criticas . A parada Gay é utilizada recursos públicos e ninguém fala nada .

  2. Ridiculo existe alguma coisa no protestantismo de se orgulhar? Brigas, mentiras, ódio, roubos, calotes e nada de relevante para toda a população, só para a cúpela deles e pros bolsos dos maiores!

    • Ridículo,existe alguma coisa no catolicismo para se orgulhar?brigas,mentiras,ódio,roubos,calotes como da jmj e nada de relevância para toda população,só para a cúpula deles e pro bolso do clero.

    • Felipe, seu projeto mal acabado de jumento:

      Melhor um museu, do que gastar dinheiro público com um monte de vagabundo desavergonhado que quer ficar enchendo a cara de cachaça e cocaína, ou fazendo sexo no meio da rua na avenida paulista atrapalhando o fluxo dos motoristas e pedestres.

      E antes que sua mente de jumento “pense”, também é melhor um museu do que gastar dinheiro público com a marcha pra Jesus.

      • ahh tá bom
        voce é um crente burro mesmo
        não basta sustentar esses parasitas
        ainda quer fazer museu pra esses bostas ??
        então vamos fazer museus pra religião católica, messiânica, espírita, etc etc . .

        já discutimos aqui a parada gay, quanto ela traz de retorno pra cidade de SP, será que voce já se esqueceu ????

        é dificil conversar com um IDIOTA como voce . . . .

        • Felipe, seu projeto mal acabado de jumento:

          Sim, que se construam muitos museus! Cultura nunca é demais. Melhor que jogar dinheiro público fora com VAGABUNDOS DESOCUPADOS!

          Imagino pra você não deva ser difícil conversar com um idiota, basta colocar um espelho na sua frente e pronto, você estará apto a conversar com um idiota!!

          • enquanto eu tenho um idiota do seu nível pra conversar, nem vou perder meu tempo procurando outro …..
            seria impossivel encontrar algum mais idiota que você.

            no mais, sei que vc esta sendo hipócrita . Tenho certeza que se quiserem fazer um museu sobre religião afro, voce vai ser o primeiro a ser contra.

    • Que o SENHOR tenha misericordia de sua alma,mas ele lhe ama mui,gostaria de saber o que vc tem contra o nosso SENHOR e nossa fe no SALVADOR CRISTO JESUS meu amado filho de DEUS,o que

  3. Felipe, seu projeto mal acabado de jumento:

    Um museu não serve pra outra coisa senão pra remontar um passado, seja de uma sociedade, seja de uma religião, seja de determinado modo de vida de um povo. Sem a necessidade de emitir uma opinião própria de seus administradores.

    Você é burro assim mesmo, ou “apenas” nos 365 dias do ano?

DEIXE UMA RESPOSTA