Missões

Evangelismo Social: projeto Almas para o Reino de Deus distribui alimentos e roupas a moradores de rua

Comments (7)
  1. Estevão disse:

    Isso ai é um golpe, esses crentes querem é roubar esses moradores de rua, e transformar eles em verdadeiros escravos.

    1. edy disse:

      Tadinho deste Estevão.
      Tão vago os comentários dele.
      Como alguém vai roubar alguma coisa de quem não tem nem dignidade para viver
      Vai para os sites dos ateus seu baitola.

      1. Igor disse:

        Vocês são uma quadrilha de golpistas, eu ainda vou ver vocês na cadeia, seu palhaço.

        Vocês não tem dignidade, por isso querem tirar a dos outros.

      2. Igor disse:

        Edy não ligue para esse estevão, ele deve ser mais um ateu de mer.da.

        1. Estevão disse:

          Vai tomar no seu c.ú seu crente fracassado

          1. edy disse:

            Estevão
            A bichinha da boca suja huuuuu.
            E como diz aqui um certo comentarista o show.
            Vocês bichas e ateus,só servem para espalhar doenças como baratas,ratos,mosquitos e cedo ou tarde vai esta de perto com Deus e ai ateu baitola “vencedor”,hehe.
            Vai para a sua sargeta seu buraco.

  2. Muito bom esse tipo de ação, Por que os espirita os batuqueiros fazem esse tipo de ação
    por que nós que conhecemos o caminho, a verdade e a vida também temos que fazer
    mais claro que fique bem CLARO nem só de pão viverá o homem, mais de toda PALAVRA QUE SAI
    DA BOCA DE DEUS.
    Bem achei legal a ação dos irmãos que se siga o exemplo para todos no BRASIL inteiro

  3. Estevão disse:

    Deus: Um personagem de livrinho infantil que não existe, e ainda tem trouxas que o idolatra.

  4. Viva de joelhos me idolatrando e faça o que te digo ou te jogo no fogo do inferno. Infelizmente, a ajuda aos necessitados não se faz por pura compaixão, mas sim por troca de evangelização, eufemismo de abdução do inteleto do incauto.

    Aliás, existem inúmeros estudos estatísticos afirmando que os ateus têm muito mais compaixão que o crente. Não que o crente não pratique a caridade, mas o faz por outras razões (vida eterna)

    Há os que para serem virtuosos precisam de algo em troca (vida eterna)

    Há os que para serem virtuosos precisam da intimidação e ameaça do fogo do inferno.

    A verdadeira filantropia é a que o Bill Gates faz. Um ateu que doa o seu próprio dinheiro e não o dos outros, em quantidade que muitas igrejas jamais o farão ao longo de sua existência e tudo sem querer nada em troca (vida eterna). Por pura bondade e não por medo das trevas infernais que habitam as mentes com neurônios desesperados por uma sinapse da vida eterna.

  5. Nilson de Simas disse:

    Viva de joelhos me idolatrando e faça o que te digo ou te jogo no fogo do inferno. Infelizmente, a ajuda aos necessitados não se faz por pura compaixão, mas sim por troca de evangelização, eufemismo de abdução do inteleto do incauto.

    Aliás, existem inúmeros estudos estatísticos afirmando que os ateus têm muito mais compaixão que o crente. Não que o crente não pratique a caridade, mas o faz por outras razões (vida eterna)

    Há os que para serem virtuosos precisam de algo em troca (vida eterna)

    Há os que para serem virtuosos precisam da intimidação e ameaça do fogo do inferno.

    A verdadeira filantropia é a que o Bill Gates faz. Um ateu que doa o seu próprio dinheiro e não o dos outros, em quantidade que muitas igrejas jamais o farão ao longo de sua existência e tudo sem querer nada em troca (vida eterna). Por pura bondade e não por medo das trevas infernais que habitam as mentes com neurônios desesperados por uma sinapse de vida eterna.

  6. A velha CHANTAGEM q não muda.. Isso pra mim tem um nome: Se aproveitar do momento de fraqueza de outras pessoas.
    Moradores de rua não querem bíblia. Querem COMIDA, ABRIGO!
    "distribuição de alimentos, agasalhos, cobertores e Bíblias a moradores de rua"
    "marmitas, fazemos um suco e levamos água filtrada e gelada. Saímos para fazer o trabalho evangelístico com os moradores de rua, pois esse trabalho foi algo que o Senhor colocou em meu coração quando eu buscava uma resposta ministerial para minha vida."

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *