Filho de pastor que morreu por mordida de cobra também é ferido manipulando serpente

9

O filho do pastor Jamie Coots, morto em fevereiro deste ano devido a uma mordida de cascavel, também foi ferido por uma serpente da mesma espécie. Cody Coots revelou que o acidente aconteceu quando ele retirava as cobras de uma gaiola.

Jamie Coots ficou conhecido nos Estados Unidos por pregar segurando cobras, uma prática crescente entre algumas igrejas neopentecostais do país. Cody segue os passos do pai e do avô, que tocaram seus ministérios sempre manipulando serpentes.

Assim como seu pai, Cody recusou atendimento médico e tem se tratado da mordida à base de orações. No caso de seu pai, a recusa resultou na morte.

Segundo informações do Huffington Post, essa é a quinta vez que Cody foi mordido. Sobre sua recuperação, o jovem relatou que sua mão inchou e ele vomitou diversas vezes, mas já não sentia dores.


9 COMENTÁRIOS

    • Ele só está cumprindo os preceitos bíblicos. Ser picado por serpentes e nada acontecer corresponde a um dos sinais para identificar um crente.

      .

  1. Com certeza Cody Coots´(a exemplo do seu pai falecido) defende uma interpretação equivocada do texto bíblico do evangelho de Marcos cap. 16 vers.18 – ”PEGARÃO NAS SERPENTES; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum.” É claro que o texto não aconselha que alguém brinque com serpentes venenosas (ou ingira veneno, como refere o restante do texto). Trata-se de algo acidental e não voluntário. Do contrário o ato caracterizaria o pecado de ”tentar a Deus”, como sugeriu o diabo que Cristo fizesse (Leia-se Lucas cap. 4. 9 a 12). Para ilustrar nosso comentário, recomendamos que se leia na Bíblia, Atos cap. 28. vers. 3 a 6, onde o apóstolo Paulo livra-se de uma cobra venenosa que o mordeu atirando-a no fogo e não sofre dano algum.

  2. Essas pessoas são tolas, elas pegam a passagem de pegar em cobras mas esquecem do ” não tentarás o Senhor teu Deus.”
    graças a Deus, Ele me abriu a visão.

DEIXE UMA RESPOSTA