Hackers invadem sites do pastor Silas Malafaia e ameaçam: “Vamos explorando aos poucos”

0

O pastor Silas Malafaia se tornou alvo de um grupo de hackers, que invadiram o site da Associação Vitória em Cristo (AVEC) na última segunda-feira, 19 de dezembro, como forma de protestar contra seu suposto envolvimento no esquema de corrupção investigado na Operação Timóteo.

Os responsáveis pela invasão são membros do grupo hacker Backyard Horses, que segue a linha ideológica do Anonymous, explorando pontos fracos na infraestrutura de páginas de pessoas ou instituições em evidência.

Sem objetivos financeiros, esses hackers praticam a modalidade “lulz”, algo que pode ser entendido como uma invasão apenas por diversão. “Opa, pastor. Várias vulnerabilidades, vamos explorando aos poucos @PastorMalafaia”, publicaram os hackers no Twiter.

Em alguns dos tuítes, os hackers inseriram links para as páginas que foram alteradas com a invasão. Em uma delas, era possível ler a assinatura dos invasores: “Hacked by AnonOpsBrazil AnonBRNews Backyard Anon H4”, o que segundo informações do Tecmundo, pode indicar a ligação do Backyard Horses com integrantes do Anonymous.


Confira algumas imagens do site da Associação Vitória em Cristo após a invasão hacker:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Famosos

Alguns famosos se manifestaram a respeito da investigação à qual o pastor Silas Malafaia está sendo submetido. Os senadores Marcelo Crivella (PRB-RJ) e Magno Malta (PR-ES) gravaram depoimento, assim como o ator Alexandre Frota e os fiéis da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC).

Frota disse que tem convicção de que a investigação sobre Malafaia é uma tentativa de manchar sua reputação.

“Malafaia não começou ontem. Ele não é garoto, é responsável e sabe exatamente o que faz, reconhece as suas ações e tem feito um excelente trabalho jogando duro contra essa corrupção sistêmica que existe no país. Obviamente que hoje é ele, amanhã sou eu, depois o [deputado federal Jair] Bolsonaro, depois o [senador] Magno Malta e por aí vai. Eles [adversários políticos] sempre jogarão pesado contra alguém que bate neles e que bate forte”, comentou.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA