Igreja Católica é condenada a indenizar em R$ 100 mil fiel adolescente que foi vítima de pedofilia no Paraná

26

Os casos de pedofilia na Igreja Católica tornaram-se escândalo no mundo todo, e em alguns países, os acusados se tornaram alvo de processos que resultaram em prisão e indenizações às vítimas. No Brasil, a Justiça decidiu que a denominação deve indenizar uma vítima de abuso por um clérigo.

A sentença, assinada pela ministra Nancy Andrighi, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), determina que a Igreja Católica e o sacerdote acusado do abuso sexual paguem R$ 100 mil de indenização à vítima, que tinha 14 anos em 2002, quando foi abusada.

O valor da indenização a ser paga será dividido entre a Igreja e o padre José Cipriano da Silva, acusado de atrair a vítima para a casa paroquial e cometer os abusos.

“A igreja não pode ser indiferente –em especial no plano da responsabilidade civil, frise-se– aos atos praticados por quem age em seu nome ou em proveito da função religiosa, sob pena de trair a confiança que nela própria depositam os fiéis”, sentenciou a ministra em seu parecer.


Em sua defesa, a Mitra Diocesana de Umuarama, Paraná, afirmou através de seu advogado que vai recorrer da decisão. “O ato da pessoa física, em suas atividades privadas, nada tem a ver com o ofício do sacerdócio e não pode ser creditado à instituição”, declarou Hugo Cysneiros, responsável pela defesa da diocese, segundo informações da jornalista Monica Bérgamo, em sua coluna na Folha de S. Paulo.

No entanto, a ministra Nancy Andrighi, rebateu o argumento da diocese: “Mais do que simples relação de subordinação, o ministro ordenado é para os fiéis a própria personificação da Igreja Católica, no qual depositam justas expectativas de retidão moral”, pontuou, ressaltando que a denominação não pode ser omissa ao crime praticado por seus representantes.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


26 COMENTÁRIOS

  1. Vamos ser justos, neste ponto estou de acordo com a posição da igreja, a igreja não pode ser responsabilizada por ato inescrupuloso de um seu membro, toda instituição tem seus estatutos suas regras suas ordenanças a ser cumpridas por um ser humano quando o mesmo passa a fazer parte de suas fileiras, um patrão não pode ser culpado por um seu empregado que cometeu um roubo por exemplo, quem tem que arcar com a responsabilidade de seus atos e o empregado, assim também uma igreja no caso este padre e que tem de arcar com a indenização foi ele na pessoa física quem cometeu o crime não a igreja em se, o que não pode acontecer e a igreja acobertar os erros de seus membros seja eles o que forem dentro de suas fileiras, isso não a igreja católica ao longo de anos acobertou os erros cometidos por padres transferindo-os para outras paroquias e isto e fato, mas o meu ponto de vista e sobre o assunto proposto, quem tem que pagar e o padre e não a igreja, assim também com pastores que alias estão sendo presos por cometer estas barbaridades estes pecados cabeludos se aproveitando de suas posições de pastores tem que pagar ele mesmo indenização e se for preso tanto melhor, não e justo a igreja enquanto instituição pagar por um crime cometido por seu dirigente local seja padre pastor missionário reverendo ou o que for como se a igreja fosse a criminosa, ora sejamos justo, eu tenho um empregado ele assalta um banco ai eu tenho que pagar por seus atos desonestos? não de jeito maneira ele tem que ser responsável por seus atos, a igreja tem toda a razão em recorrer quem tem de pagar e o padre que cometeu este crime desonesto nojento medonho e covarde, e ser expulso de suas fileiras, assim também deve agir todas as denominações, pois se eu for um presidente de um campo com certeza eu expulsaria imediatamente, e tenho dito

  2. Essa meretriz já está dando sinal de sua depravação,muitas coisas sujas já estão vindo a tona.
    O problema não é somente indenizar essa vitima,mas milhões de vitimas que sofreram nas mãos desses sacerdotes sem escrúpulos.
    A que ponto chega um clero católico:
    1-Muitos cometem assassinato.
    2-São pedófilos.
    3-São estupradores
    Alguns anos atrás o Vaticano chegou a reconhecer que em 23 países freiras sofrem violência sexual por padres,e muito delas estão na África,onde os desgraçados com medo de pegar um HIV,exploram sexualmente a coitadinha das freiras,muitas chegam a engravidar,e são obrigadas a cometer aborto,e em certo casos chega ao óbito.
    Não há nada escondido que não venha a ser revelado, nem oculto que não venha a se tornar conhecido.
    Mateus 10:26

    • Você tem toda razão. Nãohá n ada oculto que não venha a ser revelado. Vocês ficaramduze ntos anos falando, falando não, latindo, que o Papa Bento XVI seria a besta. Mas até mesmo os evangélicos americanos caíram na real, Opss se, tiveram outra revelação, e agora dizem que a besta se chama Barack Obama, por sinal protestante como você. Você faz parte do grupo de protestantes adepto do triunfalismo. Não tem amor nem misericórdia no coração. Tratam os outros como perdidos e vocês, os salvos. Se Jesus voltasse agora sóvvocês seriam salvos. Na verdade não passam de um bando de idiotas digno de compaix ão.

      • Calma Marcos você esta mutiu nervoso, você precisa parar para pensar, A Salvaçao e uma luta constante não se ganha a salvação, a salvação se conquista e esta conquista esta a disposição de qualquer ser humano independente de raça cor ou língua, única e exclusiva exigência a que Deus estabeleceu ou ser humano para consegui-la e através de Jesus Cristo que e o precursor da mesma pois foi ele e unicamente ele a conquistou para nos, assim também como ele a conquistou como regra nos também a temos que conquistar e isso em uma luta constante sem trégua, nenhum crente em sa consciência fica se gabando que e Salvo quem assim faz e ignorante na Palavra, pois são muitos os que hoje estão de pe e amanha podem estar caídos para o que tem consciência da Santa Palavra sabe, e por isso mesmo Jesus Cristo no alerta orai e vigiai para que não caias em tentação, mas se cair tens um advogado diante de Deus o cair e do homem mas o levantar e de Deus não que temos de estar a cair e a levantar todo o tempo, mas Deus nos deu a escapatória, mas muitos são os que se gabavam de serem Salvos e caíram e não mais se levantaram, por isso ser uma luta constante e sem trégua para se conquistar salvação, Martinho Lutero não foi um herege isto foi falas dos inimigos ele Martinho Lutero foi um Padre usado por Deus para tirar a igreja da inercia em que se encontrava pois a mesma estava mergulhada em trevas a que pode se chamar a era negra da igreja, antes de chama-lo de herege veja bem se os atos que a igreja praticava aos quais ele foi contra se estavam dentro das ordenanças e estatutos que Deus nos ordena através de sua Santa Palavra escritos no livro eterno ou seja a bíblia

        • cordo concordo reconcordo triconcordo quaduoconcordo hehehehe salvação só em JESUS CRISTO O SENHOR, a irmã maria morta espera peo mesmo julgamento que todos os homens, não pode fazedr nada por ela quem dirá pelos outros

      • Marco

        Essa ideia da besta ser o papado vem do movimento adventista,são eles que fortemente defende esse tese.
        A igreja católica para mim,simplesmente é um reduto de apostasia,e não tem como negar,somente vcs católicos cegos que não querem enxergar a verdade,preferem viver no tradicionalismo cego de seus padres.

        • Phedro, melhor pagar pelo erro da unidade do que errar tentando escolher um norte baseado em multiplos ensinamentos, é a minha visão pessoal sobre o assunto.

          Na Parusia teremos a resposta definitiva, até lá deveríamos amenisar as críticas.

    • Depois diz que não julga e nem que se acha melhor que ninguem. Será que devemos julgar todos os pastores e evangelicos pelos seus pedofilos? Ou pelos seus deputados corruptos?

  3. Que novidade. Isso acontece todo dia na seita romana idolatra. è safadeza geral, quando não é com os coroinhas, aqueles meninos bobinhos que saõ obrigados a usar aquele vestido dos padres, são meninas também, é sodoma e Gomorra a seita romana mesmo.

      • Me desculpe, Mas Lutero não criou nenhum lixo! Lutero renovou a igreja e graças a ele a própria igreja católica ainda existe por que se protestantizou para conter o crescimento evangélico. As idéias de Lutero ajudaram a renovar o cristianismo, essa é a verdade! Logo logo a Igreja Católica vai reconhecer e perdoar esse grande homem de Deus vc. verá. Lutero não criou a safadeza no meio evangélico, quem criou isso foram os Malafaias , RR Soares, Universal do Reino de etc. etc….

        • Lutero mudou a Ig catolica Tomas?
          Em que????

          VC fala deste Lutero:
          O estrago causado pela interpretação individual da Sagrada Escritura se fez notar imediatamente. Lutero parecia lamentar o que começara, quando fez os seguintes comentários:

          “Este não quer saber do Batismo, aquele nega o sacramento, um outro coloca um mundo entre este e o último dia: alguns ensinam que Cristo não é Deus, alguns dizem isto, outros dizem aquilo: Há tantas seitas e crenças quanto cabeças. Qualquer camponês bronco tem sonhos e fantasias e pensa que é inspirado pelo Espírito Santo e deve ser um profeta.” (De Wette III, 61. citado em O’Hare, THE FACTS ABOUT LUTHER [OS FATOS SOBRE LUTERO], 208).

          “Nobres, burgueses, camponeses, todas as classes entendem o Evangelho melhor do que eu ou São Paulo; agora eles são sábios e pensam que são mais sabidos do que todos os ministros” (Walch XIV, 1360. citado em O’Hare, Ibid, 209.)

          A essas alturas Lutero percebeu que tinha aberto a porta para o erro e não tinha o poder de fechá-la. Ele tinha “libertado o gênio” e agora percebera que este tinha crescido demais para ser forçado a “entrar novamente na lâmpada”. Você sabia que Lutero admitiu que a Igreja Católica era a Igreja verdadeira?

          “De acordo, concedemos ao papado que este se assenta na verdadeira Igreja, possuindo o ofício instituído por Cristo e herdado dos apóstolos, para ensinar, administrar o sacramento, absolver, ordenar, etc., assim como os judeus se sentavam em suas sinagogas ou assembléias e sacerdócio e autoridade da Igreja eram regularmente estabelecidas por eles. Admitimos tudo isso e não atacamos o ofício, embora eles não estejam dispostos a admitir o mesmo tanto de nossa parte; sim, confessamos que recebemos estas coisas deles, mesmo como Cristo por nascimento descendeu dos judeus e os apóstolos obtiveram deles as Escrituras” (Sermão para o domingo após a Ascenção de Cristo; João 15,26-16,4 (segundo sermão), página 265, parágrafo 28, 1522).

          Ou ainda Os protestantes costumam colocar Lutero como um príncipe, um homem iluminado, que trouxe à luz a Igreja que jazia nas trevas da “corrupção”. Em todos os meios protestantes, Lutero foi um homem que, ao ler “um livro proibido”, a Bíblia, descobriu em suas letras simples a doutrina até então “obscura” de Cristo: a salvação somente pela fé. Desde então Lutero é uma figura ímpar na história do protestantismo. Inclusive alguns teólogos católicos reconhecem em Lutero valores dignos dos grandes doutores da Igreja.

          Lutero deixou uma obra extensa, da qual em português creio não existir nem metade. Suponho, também, que nem metade dos protestantes já leu as obras dele. O que será que encontrariam? Talvez não gostem muito do que encontrarão, caso se aventurem. Na realidade, apesar de ser um estudioso da Bíblia, ter causado uma revolução no seio da Igreja, muitas vezes Lutero foi um blasfemo. Ao menos, pelos seus escritos, é o que nos parece.

          Mas, de qualquer forma, o leitor julgue as palavras de Lutero…ditas pelo próprio reformador.

          Seja um pecador

          Se és um pregador da graça, então pregue uma graça verdadeira, e não uma falsa; se a graça existe, então deves cometer um pecado real, não fictício. Deus não salva falsos pecadores. Seja um pecador e peque fortemente, mas creia e se alegre em Cristo mais fortemente ainda…Se estamos aqui (neste mundo) devemos pecar…Pecado algum nos separará do Cordeiro, mesmo praticando fornicação e assassinatos milhares de vezes ao dia. (American Edition, Luther’s Works, vol. 48, pp. 281-82, editado por H. Lehmann, Fortress, 1963. ‘The Wittenberg Project;’ ‘The Wartburg Segment’, translated by Erika Flores, de Dr. Martin Luther’s Saemmtliche Schriften, Carta a Melanchthon, 1 de agosto de 1521. )

          Lutero está claramente dizendo que os nossos pecados, mesmo o pecado mais intenso imaginável, não importa. Diz que podemos cometer os pecados de forma convicta, que mesmo assim não nos separaremos de Deus. Imagine um católico dizendo tal coisa a um protestante, em um debate sobre o pecado, qual seria a resposta do protestante? (não responda, caro leitor, apenas abra sua Bíblia e leia o que ela diz sobre o pecado ? Mt 25,32; Mt 13,30; Mt 3,10; Hb 10,26-29).

          Fazer o bem é mais perigoso que o mal

          Estas almas piedosas que fazem o bem para chegar ao céu não somente não o alcançarão, como serão arranjados entre os ímpios; e importa mais em impedi-los de fazerem boas obras que pecados. (Wittenberg, VI, 160, citado por O’Hare, in “The Facts About Luther”, TAN Books, 1987, p. 122).

          Sim, é isso que você leu. Deve-se evitar praticar boas obras, não pecados. Acaso foi isso que Jesus ensinou? Pense em Cristo exortando a pecadora, em vias de ser apedrejada, e, ao segurá-la pela mão, dizer: “vá, e não pratique mais boas obras”. Na verdade, o que Lutero quer dizer é “não se preocupe com os pecados, Jesus os encobrirá. Preocupe-se com suas boas obras, isto lhe condenará”. As Escrituras dizem que seremos julgados pela forma como vivemos a nossa fé. Paulo diz claramente, em Rm 2,5-11, que o justo julgamento de Deus será de acordo com nossas ações. De acordo com 2Cor 5,10, receberemos a recompensa de Deus de acordo com nossos atos, bons ou ruins. Segundo Lutero, seremos recompensados por não fazer boas obras, enquanto que nossos pecados não influirão no julgamento de Deus.

          Você pode perguntar: mas não são os protestantes que acreditam “somente na Bíblia”? Bem, responderíamos, somente quando lhes convém…

          Não há livre arbítrio

          …Em relação a Deus, e a tudo que importa na salvação e condenação, o homem não possui livre-arbítrio, é um cativo, um prisioneiro, um escravo, seja da vontade de Deus, seja da vontade de Satanás. (Bondage of the Will, Martin Luther: SelectionsFrom His Writings, ed. by Dillenberger,Anchor Books, 1962 p. 190).
          Tudo que fazemos é por necessidade, não por livre-arbítrio, pois o livre-arbítrio não existe… (Ibid, p. 188)

          O homem é como um cavalo. Deus o está montando? Um cavalo é obediente e aceita as vontades de seu dono, e vai onde quer que ele queira. Acaso Deus soltou as rédeas? Então Satanás sobe em seu dorso, e o submete aos seus caprichos…Portanto, a necessidade, e não o livre-arbítrio, é o princípio controlador de nossa conduta. Deus é o autor do que é mal como do que é bom, e, da forma como concede a felicidade àqueles que não a merecem, assim também condena a outros que não desejaram seu destino. (‘De Servo Arbitrio’, 7, 113 seq., citado por O’Hare, in ‘The Facts About Luther, TAN Books, 1987, pp. 266-267.)

          A Bíblia discorda de Lutero. Lemos em Eclesiástico 15,11-20: “Não digas: É por causa de Deus que ela me falta. Pois cabe a ti não fazer o que ele abomina. Não digas: Foi ele que me transviou, pois que Deus não necessita dos pecadores. O Senhor detesta todo o erro e toda a abominação; aqueles que o temem não amam essas coisas. No princípio Deus criou o homem, e o entregou ao seu próprio juízo; deu-lhe ainda os mandamentos e os preceitos. Se quiseres guardar os mandamentos, e praticar sempre fielmente o que é agradável (a Deus), eles te guardarão. Ele pôs diante de ti a água e o fogo: estende a mão para aquilo que desejares. A vida e a morte, o bem e o mal estão diante do homem; o que ele escolher, isso lhe será dado, porque é grande a sabedoria de Deus. Forte e poderoso, ele vê sem cessar todos os homens. Os olhos do Senhor estão sobre os que o temem, e ele conhece todo o comportamento dos homens”.

          Os protestantes, claro, replicarão dizendo que Eclesiástico não é um livro canônico. Apesar de estarem errados, e Eclesiástico ser sim um livro canônico (leia os porquês em vários artigos de nossos site), podemos citar livros que eles apreciam como Escritura Sagrada: Dt 30,19-20: “Tomo hoje por testemunhas o céu e a terra contra vós: ponho diante de ti a vida e a morte, a bênção e a maldição. Escolhe, pois, a vida, para que vivas com a tua posteridade, amando o Senhor, teu Deus, obedecendo à sua voz e permanecendo unido a ele. Porque é esta a tua vida e a longevidade dos teus dias na terra que o Senhor jurou dar a Abraão, Isaac e Jacó, teus pais”. Vemos que o homem, além de ser livre para escolher, ele é obrigado a fazer tal escolha. Em Gn 4,7 lemos: ?Se praticares o bem,, sem dúvida alguma poderás reabilitar-te. Mas se precederes mal, o pecado estará à tua porta, espreitando-te; mas, tu deverás dominá-lo?.

          Em Jo 15,15: “Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz seu senhor. Mas chamei-vos amigos, pois vos dei a conhecer tudo quanto ouvi de meu Pai”. Não nos parece que João concorda com Lutero a respeito da natureza eqüina dos homens, nem de seu jóquei…

          Lutero disse que Deus é o responsável pelo bem e pelo mal. Porém Paulo também discorda dele, pois escreveu: “Pois, se nós, que aspiramos à justificação em Cristo, retornamos, todavia, ao pecado, seria porventura Cristo ministro do pecado? Por certo que não!”. Por certo que Lutero está errado.

          A Bíblia poderia melhorar

          A história de Jonas é tão monstruosa que é absolutamente inacreditável (‘The Facts About Luther, O’Hare, TAN Books, 1987, p. 202)

          Eu jogaria o livro de Esther no Elbe. Sou de tal forma inimigo deste livro que preferiria que não existisse, pois é judaizante demais e com grande parte de idiotices pagãs. (Ibid.)

          A carta de Tiago é uma carta de palha, pois não contém nada de evangélico (‘Preface to the New Testament,’ed. Dillenberger, p. 19.)

          Se algo sem sentido foi falado, este é o lugar. Eu confirmo o que muitos já haviam dito que, com muita probabilidade, esta epístola não fora escrita pelo apóstolo, e não merece o nome do apóstolo. (‘Pagan Servitude of the Church’ ed. Dillenberger, p. 352.).

          Para mim tal livro* não possui qualquer característica cristã. Que cada um julge este livro; eu mesmo tenho aversão, e isto é o suficiente para rejeitá-lo (Sammtliche Werke, 63, pp. 169-170, ‘The Facts About Luther,’ O’Hare,TAN Books, 1987, p. 203). *NT: Trata-se do livro de Apocalipse.

          É dito que Lutero entendeu a Bíblia “como se Deus falasse ao coração”. Mas é difícil de imaginar que o próprio Deus, que lhe “falou ao coração”, revelasse que Tiago escreveu uma epístola sem valor. Tal confusão é bem parecida com a “inspiração pelo Espírito Santo” que os evangélicos têm hoje em dia para confirmar a veracidade de suas interpretações bíblicas. É interessante também notar que, para os protestantes, a Bíblia é a autoridade final, correto? Porém vemos que Lutero se coloca acima da autoridade da Bíblia, escolhendo quais livros devem pertencer ou não a ela, e ainda com a “autoridade” de definir determinado livro. Na realidade, Lutero se colocou acima da Bíblia que afirma estar sujeito. Sem perceber, os protestantes de ontem e de hoje fazem o mesmo.

          Os protestantes, debatendo sobre os deuterocanônicos, citam passagens que dizem que os que acrescentam qualquer coisa à Palavra de Deus serão condenados. Demonstramos com vários artigos que, na realidade, quem acrescentou ou retirou algo da Bíblia foram os reformadores. E o próprio Lutero admite tal feito, com a adição da palavra “somente” em Rm 3,28 de sua tradução para o alemão:

          Se um papista lhe questionar sobre a palavra “somente”, diga-lhe isto: papistas e excrementos são a mesma coisa. Quem não aceitar a minha tradução, que se vá. O demônio agradecerá por esta censura sem minha permissão. (Amic. Discussion, 1, 127,’The Facts About Luther,’ O’Hare, TAN Books, 1987, p. 201)

          Judeus para o inferno

          Os judeus são pequenos demônios destinados ao inferno (‘Luther’s Works,’ Pelikan, Vol. XX, pp. 2230).

          Queime suas sinagogas. Negue a eles o que disse anteriormente. Force-os a trabalhar e trate-os com toda sorte de severidade…são inúteis, devemos tratá-los como cachorros loucos, para não sermos parceiros em suas blasfêmias e vícios, e para que não recebamos a ira de Deus sobre nós. Eu estou fazendo a minha parte. (‘About the Jews and Their Lies,’ citado em O’Hare, in ‘The Facts About Luther, TAN Books, 1987, p. 290)

          Mesmo se os judeus fossem inimigos, Lutero deveria amá-los, e não tratá-los como cachorros loucos, muito menos recomendar tal tratamento. Os cristãos devem reconhecer nos judeus o povo chamado por Deus e portador de sua revelação, e que possuem um papel na história da salvação. De fato, o chamado descobridor da doutrina de Deus encoberta pelos católicos, não parece ser familiar com a doutrina cristã que alegam ter resgatado.

          Cristo pecador

          Cristo Adúltero. Cristo cometeu adultério pela primeira vez com a mulher da fonte [do poço de Jacó] de que nos fala São João. Não se murmurava em torno dele: “Que fez, então, com ela?” Depois, com Madalena, depois, com a mulher adúltera, que ele absolveu tão levianamente. Assim, Cristo, tão piedoso, também teve que fornicar, antes de morrer. (Lutero, Tischredden, Table Talk, Weimar, Vol. II, p. 107, apud Franz Funck Brentano, Martinho Lutero, Ed Vecchi Rio de Janeiro 1956, p. 15).

          Creio que não se pode comentar tais palavras, assegurando que vieram do nome daquele que cultuam hoje como “a estrela que brilhou no meio à escuridão da idade média”. Não há dúvida: Lutero está errado. Cristo se assemelhou em tudo a nós, menos ao pecado. Isto é evidente pela Sagrada Escritura e pela autoridade da Igreja, pois Cristo é Deus. Imagine, leitor, o que aconteceria se você apresentasse este fragmento a um protestante, esperasse este identificar quem o disse, e depois revelar que foi dita por nada menos que Martinho Lutero?

          Infelizmente, os protestantes se recusarão a buscar as obras de Lutero e de outros reformadores. Sua metodologia “minha consciência é meu guia” lhe impede de aderir a qualquer semelhança com a doutrina de algum ser humano, ainda mais se este ser humano ensinou o que mostramos acima. Na realidade, os protestantes, que acham que retiram suas doutrinas da Bíblia, na realidade copiam as conclusões de outras pessoas, como Lutero (o que é um mal negócio), Calvino (também), ou o que pode ser ainda pior, de suas próprias conclusões.

          • Leandro

            Todo catolico fracassado sempre usa lutero como justificativa de uma igreja partida.
            Lutero dividiu a igreja? Não,Lutero renovou o cristianismo? tambem não.
            Lutero simplesmente foi um instrumento de Deus para dar luz a uma ignorancia em que estavam imersas milhares de pessoas submissas ao poder papal.
            Esse mesmo poder papal,que oprimia as pessoas com carissimas indulgencias,vedendo reliquias sagradas,e vendendo a libertação do purgatorio,a altissimas quantias de dinheiro,favorecendo o poder clerical,alimentando a luxuria dos papas e sacerdotes,que se deleitavam em enormes banquetes,e com prostitutas,e com varios tipos de vicios,que fez com que homens se levantasse contra essa corrupção.
            Porque já os seus pecados se acumularam até ao céu, e Deus se lembrou das iniqüidades dela.
            Apocalipse 18:5
            A igreja catolica é de Cristo? Não,ela é uma instituição religiosa pagã.
            Porque? A igreja de Jesus Cristo ela tem um fundamento,e esse alicerce é ele mesmo.
            Edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus Cristo é a principal pedra da esquina; Efésios 2:20
            Qual era o fundamento dos apostolos? É Jesus Cristo,qualquer outro fundamento que não seja Jesus não é fundamento.
            Em qual momento os apostolos ensinaram adorar idolos,fazer orações aos mortos,entronizar Maria como mediadora,ou ensinaram que a salvação é pelas obras,ou ensinaram a batizar recem nascidos?
            Por acaso os apostolos ensinaram fazer romarias? Por acaso os apostolos ensinaram que o clero tem que se abster de mulher? Onde os apostolos ensinaram que o sacerdocio é exclusivo á algumas pessoas? Não ensina a biblia que é universal?
            A instituição catolica se basea em tradições,não a tradição dos apóstolos, de que Jesus Cristo era a principal pedra de esquina.

          • pHEDRO

            vC DIZ QUE NÃO SE ACHA MELHOR QUE NINGUE ,mas esta ai toda hora chamando-nos de idolatras, de fracassados e etc. Se somos um fracasso vc mais parece um recalcado que toda hora quer se glorificar as custas de minimizar e desprezar o que os outros entendem como corrta interpretação da Biblia.

            Transcrevi as palavras de LUTERO TAIS COMO ELE ESCREVEU, se isto te incomoda reclame COM AQUELE QUE AS ESCREVEU. Nenhum papa, por pior que fosse, disse tais coisas a respeito de Cristo.

            Dogma da SS Trindade vcs aprenderam e repetem somente ensino de Bispos católicos, ver Atanásio, Basilio, Gregorio de Nazienzo e outros.

            Jesus HOmem e Deus numa só natureza tudo ensino católico. Sobre falar que qualquer um pode ser bispo ridículo Em Atos e em Timóteo vemos Paulo dar instruções claras sobre os que podiam ser bispos. Sobre celibato clerical, há muito a Igreja fala que isto é mandamento de disciplina eclesiástica, que pode ser relevado no momento em que a Igreja desejar.

            Usa a mesma tática do Leviano, quer alegar que so tínhamos eclesiásticos corrompidos quando o “bondoso” Lutero foi seu anjo de Luz, seu héroi. Negue a vontade vc é que segue doutrinas de uma heresia nascida a menos de 500 anos passados.

          • É impressionante como A reforma ainda cause tanto furor de alguns, após quase 500 anos. A reforma na verdade foi um movimento social resultante do descontentamento dos cristãos com a igreja da época que já vinha de muito tempo. Lutero foi um instrumento ou o estopin e nunca imaginou as dimensões que isso fosse tomar. A reforma abriu sim novos caminhos para o conhecimento e muitas mudanças aconteceram inclusive na igreja católica. é a verdade!

    • E OS VENDOLHOES DO TEMPLO ESTORQUEADORES DE OVELHAS Q DILAPIDA OS FIEIS AS SEITAS Q SE DIZEM EVANGELICAS QUE SÃO VERDADEIRAS INDUSTRIA DE DINHEIRO QUE DILAPIDAM OS FIEIS , QUE LEI SE ENCAIXARIA MEU NOBRE??????????

    • Sim! Sodomo e Gomora, mas a pior Sodoma e Gomora estão nas igrejas evangélicas pentecostais, pastores ladroes, estupradores, idolatras, logrões de toda espécie um verdadeiro inferno!!! Isso acontece e muito pior e muitas e muitas vezes pior!

  4. Que o estado e a iniciativa privada também sejam condenados pelos erros de seus funcionários enquadrados pela lei na mesma modalidade de crime, estrabelecendo assim o caráter isonômico no estado brasileiro.

    A Isonomia deve ser a palavra ordem encarada pelo judiciário brasileiro. Ninguém em sã consciência deseja esconder criminosos em seus quadros, muito menos as igrejas.

    Repito, a igualdade de tratamento deve ser dado a todos.

  5. Se a biblia for lida e praticada conforme ela ensina não haveria tanto exagero em algumas opniões de alguns assuntos tão polemico como estes. Deixe a religião de lado e pratique mais a palavra de Deus.

  6. Calma irmãos não devemos julgar a ninguem, não interessa ser for católicos ou evangélicos devemos apenas orar por essas almas para que ela possa alcançar o perdão.
    Mateus 7
    1 NÃO julgueis, para que não sejais julgados.
    Mateus 12-30
    “Quem não é comigo é contra mim; e quem comigo não ajunta, espalha.”

DEIXE UMA RESPOSTA