Justiça condena estúdio fotográfico por discriminação após recusa de fotografar cerimônia gay

6

O Tribunal de Justiça do estado do Novo México, Estados Unidos, julgou culpado um estúdio fotográfico, por discriminação, após ter se recusado a fotografar uma cerimônia de compromisso gay. A decisão foi tomada por ser o estúdio fotográfico considerado um espaço público, assim como uma loja ou restaurante.

Para a justiça, o estúdio não poderia se recusar a prestar o serviço ao cliente, embora, o teor da cerimônia divergisse da fé dos proprietários da empresa, que são cristãos.

“Os cristãos no mercado não dever ser penalizados por cumprir suas crenças”, disse um consultor da Alliance Defense Fund, que é uma organização que defende a propagação do evangelho através da defesa legal da liberdade religiosa, a santidade da vida, o matrimônio e a família.

O representante da organização finalizou dizendo que, “O governo não pode fazer as pessoas escolherem entre sua fé e seu sustento”.


Fonte: Gospel+

6 COMENTÁRIOS

    • Você quer comparar um consultório médico com uma cerimonia? Eu não aceitaria esse tipo de serviço, se fosse um aniversário ainda ia, mas fotografar dois homens nos atos do pecado, "NEGADO" Se somos cristão o ideal é glorificar o nome de Deus com os nossos atos, e não participar de tudo que o sistema mundano nos impõe.

    • Isso não é uma foto 3/4, é um ato, uma cerimonia, se vocês não querem fazer a vontade de Deus o irmão quer, eu do gloria Deus por ainda existir homens que tentam fazer a vontade de Deus! Um exemplo de cerimonia que o cristão sempre vai aqui no BRASIL é as festas juninas, festas dos santos católicos, mas os "evangélicos" tão tudo lá balançando os esqueletos, não tem compromisso com a Palavra de Deus e acaba participando de qualquer cerimonia diabólica.

    • Amigo agnóstico é diferente, impedir a entrada só por a pessoa ser gay, isso sim é discriminação, a questão não é essa, o fotografo tem direito como profissional de recusar trabalhos se forem contra seus principios, seja religioso ou não, por exemplo, se eu como fotografa receber a proposta de haver um ensaio erotico no meu studio, eu tenho direito de falar que não quero e pronto, pois não quero me envolver em coisas libertinas, pois para os olhos de Deus isso é errado (segundo minha fé) outra bem diferente, é eu me recusar a fazer fotos comuns (retrato comum) de uma prostituta, isso sim seria discriminação, pois eu estaria me recusando pelo fato dela ser oque é, e não pelo intuito do meu trabalho, consegue entender?

    • A matéria não falou nada em relação a erotismo

      Aplica se ao serviço de fotografia o mesmo aplicável aos estabelecimentos que impedem a frequência de homossexuais. Ambos são prestadores de serviços. Recusar-se a fotografar um homossexual é o mesmo que um restaurante impedir um homossexual de consumir

      Ridículo e nojento da mesma forma

    • Jessica Wilhelm não são fotografias sexuais(GERALMENTE TEM LOCAIS PRÓPRIOS), e uma cerimônia.. não pode dar esta justificativa, vai contra o direito do consumidor. e outras leis…então vc coloca serviço especializado, atendimento a eventos e festas evangélicas, para crianças, liberal … se não colocar, vira propaganda enganosa.
      um estudio não é uma igreja(que tem proteção de dogmas)

    • Paulo, oque eu quis expressar que para a visão Cristã não há diferenças entre pecados, para Deus o pecado é igual, e para o verdadeiro cristão também. Fotografar um casal cuja relação é homoafética, em poses carinhosas, ou celebração de união, é contra nossos principios, e não é discriminação, discriminação seria se fosse a recusa pelo fato da pessoa ser gay, e não por fotografar caricias homoaféticas, são duas coisas distintas.

    • Paulo Agnóstico O Profissional tem direito de aceitar o trabalho se ele quiser, ele não pode ser obrigado a fazer oque vai contra seus princípios, tem profissional que não faz fotos de casal, ele está sendo preconceituoso?

    • acho que sim, como tb um católico ou gay, se recusar a fotografar uma cerimômia judia ou evangélica… claro que tudo isto é acertado de véspera, ele pode até alegar agenda cheia(é o que ocorre), mas falar que não faz por estas condições, eu já acho complicado… já imaginou um dos parceiros gays(casal), vai contratar as fotos, só avisa que é cerimômia de casamento, não fala que é gay, ele dá o sinal, e no dia o fotografo se recusa(por ser uma cerimônia gay)??? os contratantes vão ficar sem fotos da cerimônia??? ou então ele, o contratado, que coloque avisos que tem restrições religiosas(ai estará protegido por lei).. não pode simplismente constrangir as pessoas…Tanto que as leis americanas entenderam desta forma.

    • Ah, é? E pq a bancada evangélica não cansa de se espernear no parlamento sofrendo de perseguição religiosa? Silas Malafaia tbm na tv. E ngm é privado no Brasil de professar sua fé, mt pelo contrário, o cristianismo é cheio de privilégios com suas isenções no Brasil.

    • Eu não disse que é privações, disse que no Brasil isso é proibido, só que o mal de alguns evangélicos é levar uma passagem biblica de romanos a ferro e fogo, e outra, pelo que eu estou sabendo, quando lançam tal lei na bancada querem forçar os pastores evangélicos a casar os gays dentro de suas igrejas, não é questão de privar a fé e sim que um pastor ou que o cristão vá contra seus principios

    • Nossa, você ta muito mal informado. O projeto de lei correndo no parlamento é pelo casamento civil igualitário, nada ver com matrimonio religioso. O estado não tem poder dentro da igreja e vice-versa, mas a ultima só na teoria.

    • pronto, agora sim deu pra entender o que eles querem, mas o que eu falei acima, foram boatos que rolou em toda as igrejas evangélicas, eu não tenho em mãos, mas você deve ter visto no facebook, falando sobre algumas possíveis leis que corriam no congresso contra as igrejas evangélicas, até agora nada provado

    • Obediência?? e o amor ao próximo Carmo Moura aonde vai?? que eu saiba Deus abomina o pecador, mas abomina o pecado ao qual ele comete, ele poderia muito bem atender a pessoa e pregar a palavra de Deus em meio ao seu trabalho, ou então um jogador de futebol não pode jogar em um time que não seja todos crentes, que tem gays naquele meio

    • Quando uma pessoa aceita Jesus como o Senhor de sua vida, esta assume um compromisso com a verdade da palavra de Deus, e creia não é fácil visto que ela enfrenta muitos obstáculos, pois os que ainda vivem de acordo com o mundo não entendem e sentem-se descriminados, mas não é assim; Na verdade aqueles que realmente servem a Deus desejam que todos sejam livres da escravidão do pecado, porque esta é a vontade Deus. " Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade." 1 Timóteo 2:3-4

    • NÃO É SO EM ROMANOS QUE É CONTRA ESSA PRATICA LE O VELHO DESTAMENTO QUE TEM VARIAS PASSAGENS CONTRA O HOMEM SEXOALISMO QUEM É REALMENTE CRISTÃO NÃO ACEITA ESSA PRATICA MAS É QUE NO MEIO CRISTÃO TEM MUITOS QUE ANDAM FALANDO DE JESUS MAS VIVE NA PRATICA HOMOXOAL . MAS NAQUELE DIA QUANDO O SENHOR VOLTAR SERA MANIFESTO QUEM REALMENTE E DELE .POIS NO CEU SO VAI ENTRAR SANTO LAVADO NO SANGUE DE JESUS

  1. Sou evangélica, eu quando li esse artigo, não aprovei a atitude deste fotografo, a atitude deste fotografo foi infeliz, eu considero isso concerteza racismo, ja pensou se todos agissem assim, olha a bagunça que iar ficar?! Foi justa a condenação do fotografo, ele não iar ficar um pouquinho contente se tivessem qualquer tipo de atitude de discriminação a pessoa dele. A justiça decidiu de maneira muito justa, nem um ser humano deve ser constragindo, dependente de religião, sexo, cor, opção sexual, nós que somos de Deus, temos que pregar o amor de Cristo, para que todos venham conhecer a verdade de Cristo, ou seja, a SUA SANTA PALAVRA.

    • Querida, Igreja é espaço publico, onde já se viu pastor fazer casamento gay? Não se trata de descriminação, se ele quer glorificar Deus com o trabalho dele, glória a Deus por isso, ainda existem pessoas que procuram viver para agradar a Deus!

    • Alexandre Ferreira Acho que vc nao leu o artigo. Em momento algum está falando que foi um pastor que se negou a casar gays. E sim, um fotografo que se negou a fazer fotos por que eram de pessoas gays. Como vcs mudam as coisas.

    • Tatiana, eu so seu lugar teria coragem de dizer que é evangelica. Sua opinião não encaixa na vida de um profissional que quer agradar a Deus. Alem do mais voce é desinformada, vc compara cor e sexo com opção sexual. Ninguem pode decidir se quer ser negro ou branco, como tambem não pode decidir se quer ser macho ou femea, Já quanto ao ser gay, voce mesmo disse que é opção sexual.
      Parabenizo este fotografo pois ele colocou jesus acima da sua profissão. Devemos sim pregar o amor de Cristo, mas da mesma não podemos ser obrigado a fazer aquilo que nos causa nojo.

    • Coitado, tão ignorante que peca sem saber

      O senhor é quem não deveria ser chamado de cristão, posto que discriminação não agrada a Deus. Jesus Cristo acolheu uma prostituta sem se quer olhar para seus pecados, enquanto esse estudio de fotografia enxota um cliente homossexual, e você ainda defende.

      Opção sexual não existe, orientação sexual (termo correto) é, assim como a cor da pele, uma característica imutavel. A única diferença é que a cor da pele é variante física, enquanto a orientação sexual é uma variante psicológica

    • Meus irmãos se fosse uma foto 3/4 seria sim uma descriminação, mas o ato cerimonio agride com certeza a fé dele, e a minha também, onde já se viu um homem de Deus ta participando de algo que Deus reprova, Parabéns ao profissional que coloca Deus em primeiro lugar na sua vida. E vocês não lêem a Bíblia nem sabe da vontade de Deus preferem ta criticando o irmão que tenta ser fiel a Deus do que criticar as palhaçadas que estão aparecendo nesses poderes. Mas Deus é fiel e sabe de todas as coisas, estou tranquilo no meu entender, Deus abençoe vcs!

    • Se um dia vc cristão, for lhe negado o direito de comer em um restaurante só por que o dono é macumbeiro, não reclame, ok. afinal de contas ele tem esse direito tb né? Pensamento retógrado o teu. Se vc pensa realmente assim, que seja anulada então a lei do qual o protege de discriminação religiosa. A pimenta é refresco nos olhos dos outros.

    • Artur Stoppelli, voce pode entender de homossexualismo, agora de seguir a Cristo voce não entende nada, pois em questão a "prostituta" a qual vc faz referencia, Jesus disse: vá e não peques mais. Jesus certamente falaria para os gays, vá e não peques mais, ou seja deixa essa safadeza de lado. Nasceu macho? Seja homem. Nasceu femea? Seja mulher.

    • João, Então este mesmo fotógrafo deverá rejeitar todos os outros clientes que não sejam cristãos, pois os mesmos cometem outros tipos de pecados. A duvida que fica é: Será que ele se negaria a fotografar um casamento de uma pessoa divorciada? Pois se ele não negar, ele está a ser um grande hipócrita ao afirmar que não fotografou pelo fato de a bíblia condenar a homossexualidade, pois a bíblia condena tb o casamento de pessoas divorciadas. Pense!!!! Ele foi preconceituoso e não religioso. Acho que a condenação foi muito bem feita!!!

    • E quem disse que homossexuais não são machos e femeas ? Aliás, homens e mulheres

      A julgar pelos seus comentarios, eu sou muito mais homen do que você, senhor João Marcos

      Pesquise mais sobre os temas antes de falar besteiras, senhor "seguidor de cristo"

    • Só você mesmo para dizer que um cristão vai comer em um restaurante de macumbeiro, mas se eu tivesse um restaurante ele o macumbeiro poderia nele comer, pois comer não é pecado, mas dois homens ou duas mulheres casando é! Você não entende essas coisas, nem precisa eu ficar explicando aqui, falou w até mais!

    • Aff, estou falando de discriminação, santa inteligência, e não de pecado. O fato de o macumbeiro expulsar um crente de onde quer que seja é errado! Discriminação é crime. Independente de ser pecado ou não. Será que o mesmo se recusaria fotografar um casamento de pessoas divorciadas? Ou de pessoas mundanas? Existe uma diferença enorme de ir e fazer seu trabalho de compactuar com o que lá está sendo feito… Ele foi julgado e condenado por discriminação e não de não aceitar algo que fosse contra sua religião. Entendeu a diferença?

    • Eu quando comentei sobre a questão da decisão deste julgado, porque acho que não foi uma atitude legal, o fotografo de uma forma escandalizou, porque a palavra de Deus tem que se pregada com sabedoria, os homossexuais tem que ver que somos fontes do amor de Cristo. Por exemplo quando me chamam para sair a noite, ir para festas que não estão de concordancia com a minha fé, eu não vou e hajo com muita sabedoria, para dizer que não vou para as pessoas que convidaram, para não escandalizar. Eu só quero ressaltar que toda atitude discriminatória pode fechar muitos corações para o Reino de Deus, a atitude deste fotografo continuo afirmando que não é legal. Por exemplo, se fosse um casal de gays em uma cerimônia religiosa deles ( que eu sei que é contrario a palavra de Deus este tipo de cerimonial) passar mal, vai um medico evangélico socorrer-los, ve que é uma cerimonia gay, não vai entrar porque é contrario a palavra, será que o médico entrar para socorrer ou deixar o homossexual morrer? Eu penso que como todo ser humano, o homossexual tem direito a vida, a saude, e dever ser socorrido.

    • A ilustração que coloquei do medico é para nós refletirmos mais. Tem tantas outras ilustrações que poderia colocar para refletirmos, mas preferir do médico, porque mexer com a vida,até porque teve o médico dos médicos que deu a vida também pelos homossexuais, que foi Jesus! Povo de Deus, temos que pregar como Jesus pregava com muita sabedoria, Jesus quando pregava, ele pregava sem agredir ninguém, mas a missão dele é que todos viessem conhecer a verdade, essa é a nossa também, Jesus nunca teve uma atitude discriminatoria, racista e sempre pregava a palavra de forma literalmente sabia.

    • Tatiana, eu no lugar dele sabe o que eu faria? Eu seria sincero e tolerante. Não negava, mas falava que eu era cristão e que não me sentiria confortável em fotografá-los e que por isso a foto talvez não iria sair do jeito que eles queriam e mereciam. Mas se os contratantes quisessem mesmo assim, eu ia. Com uma conversa franca tenho certeza que eles entenderiam. Mas não negava em ir. Eu deixava para os contratantes decidirem. Dessa forma, não haveria tido nenhum tipo de processo.

    • Acordem pessoal, a noticia aqui é na área espiritual, Tatiana Campos, entenda, o fotografo só quer servir a Deus, minha gente, participar de uma cerimonia gay não é da vontade de Deus, não acredito que vocês que se dizem cristão prefere agradar o homem invés de agradaria Deus. Independente de alguém ficar magoado temos que servi é a Deus meu povo!

    • Alexandre Ferreira, meu querido, eu sei que a noticia é na area espiritual, por isso em que todo momento estou falando de forma espiritual, concerteza o fotografo tem a opção dele sim de não ir, concerteza isso é contrario a nossa fé um casamento gay, mas quero expor que temos que agir de forma sabia, falando do evangelho de forma sabia, será que ele falou de forma sabia, porque foi processado, conheço profissionais deste ramo que são evangélicos, expos a palavra de forma sabia, não foram processados por que não quis fotografar algo que afronta a palavra de Deus e ainda ganharam o respeito dos homossexuais, que muitos pastores, obreiros, diaconos não tem, por agirem de forma brutal e ignorante e fecham o coração destas pessoas para ouvirem a palavra de Deus. Agora me diga, a ilustração do médico evangélico, ele entraria num casamento gay para salvar a vida do gay ou deixaria ele morrer, você achar que Deus se agradaria deixar o gay morrer? Seria que se o médico agisse como o fotografo, ele estaria conforme a palavra de Deus, deixando um ser humano morrer?

    • aí tem coisa !
      há boate para gay, lojas para gay, até igrejas chamadas de evangélicas para gays,
      e não tem um studio fotográfico gay ???
      no meio da gayzarada toda , não tinha um que atua nessa área ?
      e nos estados unidos ??

      é por isso que a maldita pl122 não deve ser aprovada neste país,
      porque certamente a usarão para perseguir as igrejas, e ainda dirão: é a lei.
      é a história se repetindo .

    • Fabio, eu também explicaria a palavra de Deus, eu explicaria que me sentia desconfortavel, eu falaria minhas razões concerteza por não ir na cerimonia fotografa, sem magoar ninguém! Concerteza, num bom dialogo de forma amigavel e sabia, pedindo a direção de Deus, tudo iria dar certo.

    • Pessoal na ilustração do médico evangélico, eu me equivoquei numa frase, quando disse que o médico, não iar entra na cerimonia para salva um gay por afronta a palavra de Deus, concerteza se o médico entrasse na cerominia para salvar uma vida do gay, ele não estaria afrontando a palavra de Deus, mas sim, amando essa alma como deve ser amada, olha que nesta minha ilustração ele esta prestando serviços como médico.

    • Bom, para dar um ponto final nesta história, qualquer forma discriminatória, falta de sabedoria de usar a palavra de Deus, eu não aprovo. O fotografo poderia sim recusar de executar o serviço para o casamentogay, mas ainda acho que o fotografo não foi sábio, porque ele poderia ter saido melhor , como muitos profissionais que conheço deste ramo, que não fez esses tipos de trabalho e não foram processados, por explicarem seus principios biblicos.

    • Quem segue Jesus Cristo verdadeiramente, não pode participar de atos que sejam contra os mandamentos de Deus, uma coisa é você fotografar um homossexual, sozinho, um book fotografico, outra é fotografar a cerimonia de casamento gay cuja união é vista como abominação aos olhos de Deus. Isso não é preconceito, o fotografo tem total liberdade de trabalhar como quiser, mas a Biblia já nos avisou das perseguiços, continuemos nossa jornada.

    • E quem disse que ele estaria sendo conivente se fotografasse a cerimónia? Acho que Deus é inteligente o suficiente para saber que ele estaria lá a trabalho, afinal de contas, Deus sabe do coração de cada um, certo?

    • Pra vc que não sabe Marilda, se fossem negros e o fotógrafo também se negasse a tirar fotos por serem pessoas negras, dava cadeia também,, é lei! Ou vc tb acha que é pivilégio e não um direito dos negros processarem-o por racismo?

    • Marilda, e graças a Deus por isso. Pois chega de impunidade né. Dá para contar nos dedos os casos de homofobia que realmente foram parar na justiça e levaram o réu para cadeia. Agora já os casos que ficaram impunes, tão longe de ter qualquer contabilidade possível.

  2. Sou evangélico e não concordo com a punição, todos tem direitos de atenderem a quem quiserem, cada tem direito de escolher oque quer oque não quer.Agora se eles tivessem ridicularizado,ofendido publicamente ou outra coisa do tipo acharia justo, mais simplesmente não quiseram aceita o trabalho e ponto final!

    • e tb teria sido uma grande oportunidade para o fotografo levar o amor de Cristo aos gays. Afinal de contas "pregai o evangelho a todas as criaturas" ainda é valido né? Ou ele achou mesmo que se negar a prestar um serviço que deveria ser público foi o certo a se fazer?

    • Não vejo o serviço que ele deixou de prestar se tivesse sido um médico deixar de atender um acidentado homossexual. Acredito que tivesse muitas outras possibilidades para o casal. Acho que até pro casal seria mais interessante que todos os envolvidos na cerimônia fossem partidários. Seguindo esse mesmo princípio, um pastor e sua igreja deveriam também ser forçadas a permitir e fazer o casamento.

    • Sim, o livre arbítrio ainda é válido, porém, deve-se aceitar as consequências. Exemplo: Se você for a um restaurante, e o dono do restaurante é macumbeiro. Dae ele fala que não quer servir refeição a vc, por seres cristão, pois suas crenças vai contra o que ele acredita. Das duas a uma: Ou vc se levanta e vai embora e não faz nada, ou processa o dono do restaurante pois existe uma lei que te protege de preconceito religioso. É um direito seu. As pessoas podem fazer o que quiserem, porém existem consequência para isso. Entende? E como é que a pessoa vai saber se o fotografo era cristão ou não? Assim como vc não saberia se a dono do restaurante é macumbeiro ou não.

    • Qt a ser forçado a fazer casamento, não. Pois a lei quer igualitar casamento civil e não o religioso. São coisas diferentes. Assim como na igreja católica não se casam pessoas divorciadas, e nem por isso a igreja é processada.

    • Tem coisas que só esperando pra ver o que realmente vai acontecer… No passado de falava várias coisas do PT e se dizia que era tudo conversa e que ele não faria nada disso e hoje, várias delas estão ai… Pena que tarde demais…

    • Fábio Santosi, é verdade que Deus ordena para nós pregarmos sua palavra, mas dizendo a verdade mesmo que esta verdade não agrade a muitos.
      Veja o que diz a palavra de Deus; “Ninguém vos engane com palavras vãs; porque, por essas coisas, vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência. Portanto, não sejais participantes com eles. Pois, outrora, éreis trevas, porém,agora, sois luz no Senhor; andai como filhos da luz (porque o fruto da luz consiste em toda bondade, e justiça,e verdade), provando sempre o que é agradável ao Senhor. E não sejais cúmplices nas obras infrutíferas das trevas; antes, porém, reprovai-as”
      (Ef 5:6-11). podemos entender que o verdadeiro cristão não deve ser cumplice e nem participar do pecado, mesmo amando o pecador.

    • Carmo, uma coisa não tem absolutamente nada a ver com a outra. Ele prestar o serviço de fotógrafo dele, não o faz ser cúmplice de nada!!! Por acaso se vc tiver um restaurante e forem lá macumbeiros para almoçar, vc vai expulsá-lo do seu recinto??? Não! Pois vc estará apenas atendendo um cliente, é seu trabalho. E esse fotógrafo negou-se prestar um serviço do qual deveria ser público. Discriminação é crime. Ele deveria seguir a constituição, pois o Brasil é um país que segue as leis da mesma, não a lei da bíblia. Se o país seguisse a lei da bíblia , seria uma teocracia, e seria tb um país caótico, como o Irã por exemplo que é teocrático. Deus não é intolerante e não o colocaria no fogo eterno por ter feito seu trabalho. Se assim fosse, Jesus viraria as costas para a prostituta pois a mesma pecava. Vcs tem que saber analisar e diferenciar as coisas.

    • O que aconteceu foi nos EUA. Teocracia = caótico???? Irã??? Você está misturando as coisas… Irã não segue o Deus da Bíblia e nem a Bíblia. Israel, no passado teve teocracia e funcionol muitíssimo bem, mas o povo começou a aceitar pecados das nações vizinha(idolatria, por exemplo) e largaram a teocracia e acabaram escravos…

    • Vanderlei, vc acha mesmo que se o país fosse teocrático seria a melhor coisa? Quanto ao Irã, acho que vc que está confundindo as coisas, amigo. Mas isso não importa e nem vem ao caso. O que acontece é que o Brasil é um país democrático, que segue a constituição e vcs têm que respeitar isso!!!!! E pronto!!!! Vcs querem é empurrar goela abaixo a religião de vcs aos outros, e quem não a seguir está errado. Deus dá o livre arbítrio e vcs querem tirar, Deus fala para não julgar o próximo e julgamento é o que vcs mais fazem. Acho que a bíblia para vcs só serve as partes que lhes convém.

    • Com certeza é importante respeitar, Fábio… Sem dúvida devemos obedecer a constituição. inclusive cremos, pela Bíblia, que as leis da Constituição são também leis de Deus. Você sabia disso? Acho que não… Observe que isso que escrevi está na Bíblia. E automaticamente quem não acredita dessa forma está contra a Bíblia, então não se trata de julgar A ou B, mas de mostrar o que está na Bíblia. O que é impossível de se fazer é dizer que quem faz algo contrário a Bíblia está de acordo com a Bíblia. Dai ficou difícil… Mas, como você acertadamente escreveu, Deus nos dá o livre-arbítrio e cada um escolhe se deve seguir a Bíblia ou não… É simples assim. Quanto a julgar, parece que você é que de fato está nos julgando, não é?

    • Não. Não estou. Estou a falar que estás errado por achar que ele fez o certo. Por achares que, só por que uma pessoa não segue a bíblia ela deve ser rejeitada a contratar serviços públicos, como o caso do fotógrafo. Se ele respeitou a constituição (da discriminação) então ele desrespeitou a bíblia (como vc mesmo disse). Então, que tipo de cristão será este que desrespeita a palavra de Deus? Ou seja, dois pesos , duas medidas, né? Vanderlei, tenho certeza que ele rejeitou o trabalho por preconceito e não por que a bíblia condena supostamente a homossexualidade, pois se fosse assim, ele só deveria prestar seus serviços de fotógrafo a pessoas cristãs e só. Pois se ele tiver clientes mundanos, cheios de outros pecados, ele estará sendo um grande hipócrita ao afirmar que os rejeitou os gays por serem pecadores. Entendeu???

    • Sobre o que falei da Constituição… Para que fique bem claro, vou explicar… Em Atos 5:29 diz que mais iporta obedecer a Deus do que aos homens… Então, se a lei, a Constituição diz que devo matar, sigo a lei suprema… a lei de Deus. Porém, se a Constituição não contraria a lei suprema de Deus, devo obedecê-la como sendo uma lei de Deus.

    • Sobre o divórcio, a Bíblia apresenta um critério diferente do utilizado pela Igeja Católica… Em Mateus 19:9, diz que se houver "porneia" pode-se separar e casar outra vez. porneia é qualquer ato sexual ilícito, como o adultério, por exemplo.

    • Fábio Santosi, algumas pessoas procuram justificar pecados através de passagens da bíblia em que Jesus perdoa aos pecadores, mas esquecem que para receber este perdão devemos nos comprometer a buscar viver uma nova vida em santidade na presença de Deus. Um ex; Maria madalena, veja o que disse Jesus; " E ela disse: Ninguém, Senhor. E disse-lhe Jesus: Nem eu também te condeno; vai-te, E NÃO PEQUES MAS." João 8:11
      Havia também um homem que, a trinta e oito anos, se achava enfermo. "Depois Jesus encontrou-o no templo, e disse-lhe: Eis que já estás são; NÃO PEQUES MAS, para que não te suceda alguma coisa pior.", João 5:14

    • Carmo, independentemente de as pessoas seguirem a bíblia ou não, seus direitos devem ser reconhecidos, foi o que eu já disse! Vcs tem a mania (pelo menos a maioria) de confundir as coisas o tempo todo! Acham que só pq a pessoa não segue sua religião ela está errada, vai pro inferno, e não merecem ter nada além de desprezo. Essa atitude do fotógrafo não ajuda em nada na imagem de vcs. Pare e pense! Querem por que querem que as pessoas engulam vossas crenças. E isso não é de Deus. Quanto a prostituta, Jesus foi até ela e salvou-a. Não virou-lhe as costas por ela ser pecadora como este fotógrafo fez. Pq que ele não foi a cerimônia e não pediu a Deus para dar-lhe uma oportunidade lá dentro de pregar a palavra e levar amor aquelas pessoas. Isso não é uma atitude cristã. E era para vc saber disso.

  3. Gente, que infantilidade, ai ja é fazer tempestade num copo d'agua. Tanto fotografo no mercado, porque ao inves de entrar na justiça contra este ai que nao quiz atender, e que eu penso ser um direito dele, eles nao procuraram outro? Se ele fosse o "unico", seria um caso a pensar, ah, bah! Criancice!!!! Tanta causa de maior importancia para estes advogados de picuinhas defender, coisa mais banal, vao amadurecer crianças, ve se crescem!!!

  4. Isso só mostra a força que os ativistas gays conquistaram. Um estúdio não pode mais se recusar a fotografar uma cerimônia gay. Ora, quem presta o serviço que escolhe se quer ou não fazer esse trabalho. Po, os fotógrafos são cristãos, e o homossexualismo como sabemos é abominável, "cheira mal". Constrangido, ficariam os fotógrafos se fizessem esse serviço.
    Da mesma forma que condenou o estúdio, também se poderia condenar os pastores que se recusarem a fazer casamento gay.

    • Um estudio de fotografia, como qualquer outro lugar publico, não pode discriminar psssoas por raça, sexo, genero ou religião. Imagine um negro chegar num restaurante, e do nada vier o Gerente dizendo "Levante-se senhor, este é um local de fampilia, não queremos negros aqui".

      Igrejas estariam protegidas pela liberdade religiosa, um estudio de fotografia, um restaurante ou cinema não.

    • Respeito a sua opnião. Concordo que toda forma de descriminação é errada, como no exemplo que vc citou do negro. Se o restaurante rejeitar um casal gay, o restaurante estará discriminando-os, o q é errado.
      Eu só acho que um particular pode rejeitar o serviço de acordo com suas convicções. Ninguém é obrigado a fazer um trabalho que não quer, que não se sente a vontade. Existem vários estudos fotográficos, se um não quer fazer que procure outro.

  5. Achei que fosse no Brasil

    Aqui esse tipo de coisa acontece todo dia

    Decisão sensata da Justiça americana. Um estudio de fotografia, como qualquer outro lugar publico, não pode discriminar psssoas por raça, sexo, genero ou religião. Imagine um negro chegar num restaurante, e do nada vier o Gerente dizendo "Levante-se senhor, este é um local de fampilia, não queremos negros aqui".

  6. Agiu certissimo não somos obrigados a conviver com essa imundicia, pois o Senhor é Santo e quero ver que mudara suas leis Deus é Deus E PONTO Final, ficam querendo mudar suas leis vamos ver até onde vai essa bagunça convertam-se equanto vcs ainda tem chançe Elê vos ama, mas suas abominações Elê não aceita Deus nos criou para obedecermos a ElÊ e isso que vcs praticam é contra suas Leis terrivel cair nas maõs do Deus vivo nem é bom penssar, misericordia……

  7. Quem quer fotografar um monte de mer…junta vai na empresa de trtamento de esgoto lá tem um monte de gay boiando, ai é só tirar foto, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

  8. E se fosse uma cerimônia espírita como umbanda ou candomblé ? A bíblia tbm condena a feitiçaria, e ai tbm ia se negar a fotografar a cerimônia ? O profissional deve se comportar como profissional independente de suas crenças q fazem parte de sua vida pessoal.

  9. Esse fotógrafo teria o direito de se negar a fazer fotos de qualquer coisa ..é um direito dele optar pra quê e quem trabalha.Ninguém nem mesmo uma loja é obrigada a vender seu produto a qualquer um….assim como também não sou obrigada a comprar um produto.Mas está parecendo que tal fato foi feito proposital, de maneira que poderiam dar queixa de preconceito e homofobia!Só assim para ganhar uma causa mesmo…

  10. Isso é uma arbitrariedade, não é preconceito seguir a Palavra de Deus! Há inúmeros estúdios fotográficos que aceitariam este trabalho. Da mesma forma não se pode obrigar um gay a obedecer a Deus pois Ele deu o livre arbítrio para cada um colher as consequências de seus atos. Se Deus que é o Criador de Todas as coisas não nos obrigou a seguir Suas leis perfeitas, como o homem quer nos obrigar a seguir suas leis ambíguas e que foram criadas para justificar seus pecados?

  11. esses gays ..eles mesmo cria a polemica, porque gay gosta de se aparecer, pra mostrar que eles estao ali..entao eles vao atras de fazer noticia..como ninguem ta ligando pras palhaçadas deles..porque nao contratou um do meio deles??eles sao assim mesmo!!pode se preparar que eles vao aprontar ainda..(diabo sujo)

  12. Negativo,ou vc é de Deus ou não é, a palavra de Deus é bem clara, quem compartilha com o pecado pecador é. Eles não podem obrigar as pessoas a se submeterem ao que não querem.

  13. NÃO SOMOS OBRIGADOS COMO CRISTÃO ACEITAR AS PRATICAS HOMO SEXOAIS POIS AS ESCRITURAS DIZ MANDITO O HOMEM QUE SE DEITAR COM OUTRO HOMEM SE FAZENDO DE MULHER AS LEIS DE DEUS SÃO CLARAS A ESSE RESPEITO ELES QUEREM NOS OBRIGAR ACEITAR ESSAS PRATICAS IMUNDAS E ESTÃO CRIANDO LEIS PARA APOIA ESSA CLASSE NO PRINCIPIO DEUS CRIOU MACHO E FEMIA E FEZ EVA PARA ADÃO E NÃO ADÃO PARA ADÃO E EVA PARA EVA INVENTARAM A OMOFOBIA PARA DIZER QUE QUEM NÃO CONCORDA COM O COITO A PRATICA SEXOAL DE HOMEM COM HOMEM E MULHER COM MULHER .MAS TEMOS RESPAUDO BIBLICO PARA NÃO CONCORDAR COM ISSO SEM DIZER QUE ESTA ESCRITO QUE DEUS VAI LANÇAR NO LAGO QUE ARDE COM FOGO E ENCHOFRE TODOD QUE AMA E COMETE A MENTIRA OS AFEMINADO OS ADULTEROS FEITICEIRO OS SADOMISTA EM FIM SE NÃO SE ARREPENDEREM ESTÃO CONDENADOS PARA TODO SEMPRE

  14. QUEM É SANTO SANTIFIQUE AINDA QUEM É SUJO SUJE SE AINDA ESSES QUE SE DIZEM CRISTÃO E É A FAVOR DO PECADO QUE É CLARO A PALAVRA CONDENA A PRATICA HOMO SEXOAIS DESDE O VELHO TESTAMENTO AO NOVO COMO CRISTÃO NÃO CONCORDO COM ESSA PRATICA E QUEM DIZ SER DE DEUS E CONCORDA COM ESSA IMUNDICIA ESTA EM CIMA DO MURO OU É OU NÃO É DEUS É CONTRA E EU SOU A FAVOR DAS LEIS DO MEU DEUS LOGICO QUEM É DE DEUS VAI SOFRER POIS O MUNDO JAZ NO MALIGNO ESTÃO QUERENDO NOS OBRIGAR A ACEITAR ESSA PRATICA MALDITA CONTRARIA A SÃ DOUTRINA E ENVENTARAM ATÉ A OMOFOBIA PARA QUEM NÃO CONCORDAR COM ESSA ABERRAÇÃO MAS SE NÃO SE ARREPENDEREM DESSE ATO MANDITO SERÃO LANÇADO NO LOGO DE FOGO COM SATANAS E SEUS ANJOS COM SEUS SIMPATIZANTES POIS OU É DO REINO DE DEUS OU DO REINO DAS TREVAS SE DEFINAM

  15. Estamos bem perto do fundo do posso. ISSO É UMA PERSEGUIÇÃO AOS CRISTÃOS NA CARA DURA. QUER DIZER QUE SE EU NÃO QUISER FOTOGRAFAR GAYS VOU PRESA? QUEREM FAZER COM QUE TODOS ENGULAM ISSO? TUDO ISSO É UM ABSURDO.

    • Não, Sara! Isso não é perseguição. Se você é uma profissional da fotografia, ou médica ou advogado, ou exerça qualquer outra profissão, não pode recusar a prestar seus serviços em razão da orientação sexual das pessoas. Imagine um gay chegando num restaurante de um cristão, pede almoço, e o proprietário lhe diz: aqui somos cristãos e não atendemos gay. Você consideraria esta atitude civilizada? Defender o direito de comerciantes ou prestadores de serviços de somente vender ou prestar seus serviços aos não gays, é um desrespeito á cidadania, à constituição federal, aos direitos humanos, e um retorno à barbárie. Ray Charles, teve problema na visão, precisou de atendimento médico, e este disse que não atendia negros, e por isso Ray Charles ficou cego. A tua postura e o que defendes não é diferente daquele médico que se recusou a atender Ray Charles.

      • Adauto, estou entrando nessa polêmica, para falar com você, não sei qual a sua profissão, se trabalha com a lei, mas você me pareceu muito sensato. Sou cristã e acho que a marca de um cristão é o amor ao próximo. E o que vemos hoje são muitos cristãos sem sabedoria querendo ser aceito de qualquer jeito e agindo com grosseria e desamor.

        Eu acho que o que é direito para um é também para o outro, querem que os cristãos aceitem essas práticas de qualquer jeito. Crete aceita a pessoa homossexual e o ama, só não aceita as práticas e o cume dessa prática é o casamento.

        Além disso o trabalho de um fotógrafo é eternizar aquele momento, esse trabalho será usado para divulgação em vários meios e de vários outros fornecedores e isso vai ficar para sempre associado ao nome daquele fotógrafo, que acima de ser um profissional (fotógrafo) é um ser humano com suas convicções e sua crença religiosa, e isso ficará marcado para sempre em sua vida e sua carreira, podendo até desestimulá-lo à continuar.

        Também acho que quem é realmente perseguido no mundo é o cristão, até por que crente normalmente não revida à altura. Se formos olhar essa situação com naturalidade, que lógica tem isso?? Será que o casal foi humilhado pelo fotógrafo?? Será que não existe outro estúdio na cidade? Será que eles teriam a recíproca de aceitar que as fotos não fossem divulgadas? Que dano foi causado a esse casal por causa da atitude do fotógrafo?

        Não quero ser radical, nem para um lado nem para o outro. Virou moda procurar a justiça por coisas que podem ser resolvida de outra maneira, acho que esse tipo de questão tem que ser analisada com mais detalhes e mais justiça verdadeira e não modal.

        Por outro lado, nós cristãos sabemos que será cada dia mais difícil viver neste mundo, pois as profecias bíblicas têm se cumprido e o dia do Senhor está cada vez mais próximo, então a perseguição vai mesmo aumentar.

        Gostaria de mais esclarecimentos sobre o assunto “casamento gay”.

        Desejo a todos muito amor no coração.

        Obrigada!

  16. Qualquer estabelecimento que comercializa produtos ou serviços é obrigado a atender a todos. No caso em questão, tinha que ser condenado mesmo. Quanto ao casamento, a igreja jamais será obrigada a fazê-lo, mas o cartório não poderá recusar efetuar casamento de quem quer que seja. O casamento civil é uma instituição republicana e laica e não um sacramento, É uma molecagem ficar imaginando que algum juiz poderá punir uma igreja por se recusar a fazer um casamento gay ou que o Estado brasileiro poderá impor por decreto essa obrigação ás igrejas.

  17. Todos vcs aqui são hipócritas, isso sim. Justificam o ato do estúdio fotográfico em não querer fotografar um casal gay porque é “pecado”, mas e quanta gente mentirosa eles já fotografaram? E quanta gente corrupta (não são apenas políticos não, como a maioria pensa)? E quantos ladrões? E quanta gente fornicária (que por sinal deve ter aos quilos aqui né, assim como 99,99% da sociedade brasileira, que já fez sexo antes do casamento oficial)? E quantos adúlteros (qualquer um aqui que olhou p/ uma mulher com olhos de cobiça, sendo casado, já fez esse pecado)? Uma coisa é vc prestar um serviço, e outra é vc ser algo. Jesus fazia móveis, e com certeza alguns pecadores já compraram seus móveis, mas o problema é que gente como vcs não sabem separar as coisas. É o velho caso do macaco que senta no próprio rabo e fica reparando no rabo dos outros, pecado por pecado, até esses fotógrafos devem ser, e talvez, ainda piores em seus atos. Isso é infantilidade, falta de profissionalismo, e falta de entendimento e de interpretação da Bíblia (que por sinal, deve ser apenas um livro decorativo na casa deles).

DEIXE UMA RESPOSTA