Brasil

Aprovada lei que obriga leitura da Bíblia na abertura das sessões da Assembleia Legislativa de Goiás

Comentários (7)
  1. O Brasil é um estado laico, e a lei fere a constituição federal! Aguardemos o pronunciamento do ministério público contra a lei, que em seu papel deve fazê-lo!

    1. Emerson Oliveira Meu amigo! Vocês parecem crianças! Estado laico significa estado COMPLETAMENTE NEUTRO em relação à religião! Assim, da mesma forma que ele não pode coibir sua religião – e de a de ninguém – não cobrando nem sequer imposto predial dos ambientes de reuniões, ele também NÃO PODE TERMINANTEMENTE promover religião alguma, nem de forma explícita, muito menos implícita. Ambientes públicos de acesso compulsório na vida de todo cidadão NÃO podem ostentar símbolos religiosos! A câmara do deputados, símbolo máximo da democracia e respeito à diversidade, deve ser a primeira a fazê-lo, e não a primeira a contrariá-lo! Vou deixar bem claro. Caso persista, vou entrar com um processo exigindo que os deputados, durante o trabalho, se vistam todos de piratas, em respeito à religião pastafariana, com a qual simpatizo muito, que exige o uso da mesmo trajamento em ocasiões formais!!!!! Diga-se de passagem, ia combinar muito com eles, não? Vou deixar bem claro a situação: por que eles não fizeram a lei obrigando-se a ler também as suras do lalcorão? O que você, como cristão que não há dúvidas que é, acharia se melhor ainda, só se lessem as suras? Pimenta nos olhos dos outros é bom, né, mas no meu não!!! Quanto aos anencéfalos, sejamos COERENTES frente à própria legislação vigente. Não há cérebro! Não há condições de manutenção das funções biológicas sem conexão com a mãe! Não há pensamentos. E sobretudo: a lei NÃO proíbe você de ter a criança, obrigando a mão a fazer um aborto! Só garante o direito de não ter de passar por isso tudo e depois vela nascer natimorta! Quem não comunga da sua religião – pois esse posicionamento É religioso – não deve ser obrigado a passar por tudo isso simplesmente porque seu deus não é tão perfeito assim e a permitiu nascer desse jeito! AGORA A COERÊNCIA LÓGICA: se acha que perante a lei esse aborto é crime, que se faça a coisa direito. Proíba-se qualquer tipo de transplante no país inteiro. Pois se não sabe, quando se remove os órgãos, o corpo ainda está vivo, com o coração batendo inclusive na quase totalidade dos casos. Se remove os órgãos após constatado apenas MORTE CEREBRAL, mesmos as demais funções vitais operantes. Elas são interrompidas à base da facada. Assim. Que qualquer médico a executar tal procedimento seja imediatamente condenado por homicídio doloso qualificado, sem direito de defesa da vítima. Afinal, se quando não tem cérebro é crime, não há nada do que se discutir quando se tem e esse simplesmente não encontra-se funcional Mantenha-o vegetando na máquina até a que a decomposição comece espontaneamente na cama! E mesmo assim, eutanásia, mesmo nesse caso, não! É crime hediondo também! Depois que o "doente" estiver dissolvido, ai desligam-se os aparelhos que o mantém "vivos", ok? O que acha? E que se termine com esses gastos públicos enormes associados ao transplante no sistema público. Se morrer, é porque deus quis assim, não é mesmo? Conclusão: se não fosse o tal da religião, Colombo teria sido não o primeiro a descobrir a América mas o primeiro a pisar em marte. Agora, só para constar. Sou contra o aborto, nas formas exatas da lei atual. Aborto de feto fruto de irresponsabilidade, de feto saudável que não compromete a saúde da mãe, não há o que discutir, é crime! Abraços!

    2. Emerson Oliveira "Boa. Peça pro Ministério Público também avaliar a burrada anticonstituicional que o STF fez ao sair de sua alçada e aprovar o aborto dos anencéfalos." Concordo plenamente. E concordo plenamente em pedir também que se extinga essa tal de "bancada religiosa" no congresso, que é o fundamento de seu argumento. Bancada religiosa no congresso, não há o que discutir, fere drasticamente o estado laico. Completamente. E é nela que você pauta seu argumento anterior. Pois se dependesse dela, seu ponto de vista religioso não teria sido derrotado! Que se legisle na base da razão e da ciência apenas, conforme manda a lei. E na base da ciência, não há o que se discutir quanto à decisão tomada, dado o meu próprio comentário anterior!

  2. Eu leria essa:

    2 Reis Cap. 2:
    "23 Então subiu dali a Betel; e, subindo ele pelo caminho, uns meninos saíram da cidade, e zombavam dele, dizendo: Sobe, calvo; sobe, calvo!
    24 E, virando-se ele para trás, os viu, e os amaldiçoou em nome do Senhor. Então duas ursas saíram do bosque, e despedaçaram quarenta e dois daqueles meninos."

    1. E pra provar que além de Laicos, somos um Estado igualitário, oremos:"I Timóteo 2:11 A mulher aprenda em silêncio, com toda a submissão.
      I Timóteo 2:12 E não permito que a mulher ensine, nem exerça autoridade de homem; esteja, porém, em silêncio.
      "I Coríntios 11:7 Porque, na verdade, o homem não deve cobrir a cabeça, por ser ele imagem e glória de Deus, mas a mulher é glória do homem.
      I Coríntios 11:9 Porque também o homem não foi criado por causa da mulher, e sim a mulher, por causa do homem.
      "Gênesis 3:16 E à mulher disse: Multiplicarei sobremodo os sofrimentos da tua gravidez; em meio de dores darás à luz filhos; o teu desejo será para o teu marido, e ele te governará.
      "Levítico 21:14 Viúva, ou repudiada, ou desonrada, ou prostituta, estas não tomará, mas virgem do seu povo tomará por mulher."

    2. Osias Jota disse:

      vocês estão sabendo da interpretação astrológica deste texto, né?

    3. Osias Jota disse:

      Francisco Junior as ursas seriam as constelações ursa maior e menor e os 42 meninos as estrelas de uma outra que eu não lembro agora, e também não lembro qual o sentido/moral da história vista deste modo, estou tentando achar no google o que li sobre, mas você pegou a idéia, certo?

    4. mais ou menos. se achar no google, me manda o link!

    5. Osias Jota disse:

      Francisco Junior o que achei até agora foi este http://www.usbible.com/astrology/garden_tour.htm que é longo complexo e fala de outras coisas, mas estou postando pra você porque achei interessante.

      Para o resto do pessoal que estiver me lendo, o resumo é: Ok, é um texto legal pra mostrar, mas cuidado pra não caírem na armadilha de interpretar esses textos tão ao pé da letra quanto os fundamentalistas.

    6. Off-topic. Aproveitando para falar de um assunto que nunca falei com ninguém antes:

      Eu particularmente acho um pouco "incoerente" não levar a bíblia no sentido literal. Acho que, se você se permitir flexibilizar (entender no sentido denotativo) um trecho X, você em tese poderia flexibilizar qualquer outro.

      A não ser que seja possível convergir para uma única interpretação global e totalmente coerente de todos os pontos descritos da bíblia, o que atualmente não acontece.

      Também acho que seria uma péssima estratégia de marketing de deus fazer um livro que depende de interpretação para ser entendido. Particularmente eu nunca achei um motivo que me fizesse pensar o oposto.

    7. Osias Jota disse:

      Todo livro depende de interpretação para ser entendido.

      Mas leia lá, está interessante

    8. Rogerio Augusto Pereira disse:

      E pensar que ISSO foi aqui, no estado em que moro.

  3. Fabio Fischer de Andrade disse:

    Um retrocesso. Isso fere a Constituição.

    1. Retrocesso e que fere a constituição é o aborto,fere o direito á vida,o resto é café pequeno.

    2. outra coisa que fere a constituição é cotas raciais,todos temos o mesmo direito,cotas ferem a constituição,o resto é café pequeno.

  4. isso é um pais democratico?se tivermos cuidados nos tornaremos um pais igual ao irã.Temos que colocarmos um limite para isso.

    1. não irão conseguir por mais que tente,Deus tem sua forma de trabalhar e que é o homem para IMPEDIR????????

  5. Foca disse:

    Eles esqueceram de respeitar o 2o. mandamento: `Não tomar seu santo nome em vão`. Perdoável…., afinal, se eles se esquecem do que prometem ao povo na época de campanha eleitoral….é de se esperar a `pouca memória`.

  6. Ellen Sobrenome disse:

    ai.

  7. etateu disse:

    EU TENHO MUITA FÉ,MAS MINHA FÉ É NO STF QUE SÓ TEM A NATA DO CONHECIMENTO E QUE COM SABEDORIA VAI DERRUBAR ESSES FANÁTICOS MAIS UMA VEZ, SE ACHA QUE EXISTE VIDA APÓS A MORTE, MORRE LOGO, POLÍTICO PRECISA DE VOTO E ESSAS LEIS SÃO SEU PASSA PORTE. VIVA OS TROGLODITAS DA TEOCRACIA.

  8. EU TENHO MUITA FÉ, MAS MINHA FÉ É NO STF QUE SÓ TEM A NATA DO CONHECIMENTO E QUE COM SABEDORIA VAI DERRUBAR ESSES FANÁTICOS MAIS UMA VEZ, SE ACHA QUE EXISTE VIDA APÓS A MORTE, MORRE LOGO, POLÍTICO PRECISA DE VOTO E ESSAS LEIS SÃO SEU PASSA PORTE. VIVA OS TROGLODITAS DA TEOCRACIA.

    1. Duvideodó, derruba um meu querido, levanta-se outro.

  9. Allisson Goes disse:

    Que ótimo! Mas porque não lemos os escritos de Buda, trechos do Alcorão, do livro de Kardec e outros tantos?

    1. Eris Henrique disse:

      E ainda dizem que o Brasil eh um Estado Laico. Tsc tsc tsc

    2. Allisson, pois é, boa pergunta, pq Deus veio primeiro meu querido Ele é SOBERANO, ABSOLUTO, MAGNÍFICO, não há outro além dele existem muitas invenções mas todas com selos falsificados.

    3. Allisson Goes disse:

      Marilda Alves de Sousa, nós enquanto cristãos estamos dizendo que "não há outro além dele", mas isso não justifica colocar todas as outras "cosmovisões" (como disse o Emerson Oliveira) para escanteio.

    4. com uma pessoa que posta uma sandice desse calibre não adianta nem discutir

  10. Que tal ler capítulos inteiros de ''Assim Falava Zaratustra'' do Nietzsche também.Isso aumentaria os horizontes de certas mentes limitadas.

  11. Que absurdo.. Eu como espirita quero que leia o Evangelho segundo o espiritismo

  12. Muito bom! que Deus te abençõe Deputado Daniel Messac.

  13. A melhor notícia de hoje oh! GLÒRIA!!!!!!!!

  14. eduardo tavares disse:

    parabéns pela idéia (Nietzsche) mas esses fanáticos não querem pensar, pra eles bastam pagar as parcelas de dízimos para se acharem intocáveis.

  15. Leitura da bíblia obrigatória por lei, eu NÃO apoio! Sou teólogo, sou a 4ª geração de Batistas na família e sou ministro do Evangelho em Belo Horizonte/MG, contudo mesmo assim considero ABSURDA essa lei, visto que eu me sentiria muito desconfortável se uma lei fosse aprovada obrigando a leitura de outro livro sagrado que não fosse a Bíblia, tal como o Corão dentre outros. Coloco-me no lugar daqueles que não consideram a bíblia um livro sagrado e seguindo um princípio do próprio cristianismo, não devemos fazer com os outros aquilo que não queremos que façam conosco.

    1. Duglan Pontes disse:

      Mariel, a "obrigação" deve constar apenas como "força da lei", isto é, dar a garantia, é evidente que assim como no casos das escolas, os alunos que não são cristãos negarem orar antes das aulas, não vai acontecer nada. Agora veja, esse é um país católico, gostem os membros de outras religiões ou não, e não existe esse negócio de "os outros vão achar ruim". Essa lei, ainda que tenha sido feita por um protestante é um "resgate" de uma tradição que estavam destruindo, vem em boa hora,e como a das orações nas escolas, ostentação dos crucifixos, etc. Se ateu não gosta, azar dele, se protestante não gosta, o problema é dele também, ninguém está sendo forçado a nada, esse negócio de os outros se incomadam, "vai ofender o bichinho" é conversa mole pra destruir a tradição. precisamos de mais leis assim.

    2. Desculpa Duglan Pontes, mas o Brasil já não é oficialmente católico a muitos anos e não é pelo fato de ser maioria católica que isso faz o país ser católico, até mesmo porque o nível de espiritualidade dos católicos brasileiros está muito longe daquilo que realmente é pregado oficialmente pela igreja. Ademais democracia não é feita impondo a vontade da maioria sobre a maioria, posto que as minorias também possuem direito, caso contrário não estaríamos diante de uma democracia, mas sim de uma ditadura da maioria. Logo, ainda que a maioria sejam cristãos (Lato sensu), ainda sim as minorias religiosas e até as não religiosas possuem iguais direitos. Eu sou cristão e não pretendo impor os valores cristãos sobre os outros por força de lei, tal como o catolicismo fez quando chegou na América. Isso é absurdo, ainda que eu mesmo seja cristão e almeje ver essa nação cada vez mais sendo cristianizada.

    3. Duglan Pontes disse:

      Mariel M. Marra , Eu não disse que o Brasil era um estado confessional católico, disse que é um país católico, ou seja, de maioria católica, e se algumas pessoas estão distantes da ortodoxia nem por isso elas deixam de ser católicas. Não é questão de impor vontades, pois ninguém está sendo obrigado a nada, como te disse, não há punições, apenas uma garantia que se possa fazer a leitura, e não existe esse negócio que fulano ou cicrano se incomoda com a leitura da bíblia, ora, eu me incomodo com muitas porcarias que certos políticos falam, fazem e defendem, e nem por isso tais coisas pdeixam de estar presente no cenário. Também não se trata de uma ditadura da maioria, pois se trata apenas de uma lei que visa promover o cristianismo, como há leis que promovem outras religiões, não há problema nenhum em promover o cristianismo, tal como ele sempre foi, tradicionalmente. Absurdo é você chegar em um país muçulmano e dizer que se sente ofendido com a leitura do corão, igualmente absurdo é se dizer ofendido ou com o direito violado por causa de uma simples leitura das escrituras em um país católico, isto é, de maioria católica. Em tempo, o ESTADO confessional católico teve várias excêntricidades, e não a IGREJA, foram poderes distintos, que entravam bastante em conflito, o que não quer dizer também que um estado confessional, via de regra, é excêntrico, defendo o estado confessional!

    4. Kaus Wilian Laurindo disse:

      Se todos pensasem como vc!!!

  16. Mariel Marra disse:

    Leitura da bíblia obrigatória por lei, eu NÃO apoio! Sou teólogo, sou a 4ª geração de Batistas na família e sou ministro do Evangelho em Belo Horizonte/MG, contudo mesmo assim considero ABSURDA essa lei, visto que eu me sentiria muito desconfortável se uma lei fosse aprovada obrigando a leitura de outro livro sagrado que não fosse a Bíblia, tal como o Corão dentre outros. Coloco-me no lugar daqueles que não consideram a bíblia um livro sagrado e seguindo um princípio do próprio cristianismo, não devemos fazer com os outros aquilo que não queremos que façam conosco.

  17. MÁRCIO JOSÉ disse:

    M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O !!!!!….E TOMARA QUE A MODA PEGUE EM TODO PAÍS!!!!….. Já até estou vendo alguns dizerem:”….isso fere o princípio constitucional de liberdade de expressão religiosa, etc, etc, etc, etc, etc…….. “…… Ué, é muito simples: coloquem um artigo não obrigando a participar se ateus ou outros deputados de religiões não cristãs quiserem…… pronto !!!”….. Podem escolher em permanecer em silêncio, ou podem sair neste momento e retornar em seguida, se assim quiserem. A decisão é deles, pois com certeza “O PARTIDO DE JESUS DEVE SER MAIORIA ABSOLUTA E ESMAGADORA NAQUELA CÂMARA”…..

  18. Cello Inguane disse:

    louvado seja Deus por isso

  19. Shirley Prado disse:

    FIQUEI MARAVILHADA! A SEMENTE VAI SER LANÇADA EM CADA REUNIÃO, TODOS TERÃO O LIVRE ARBÍTRIO DE ABRIR O CORAÇÃO PARA A PALAVRA OU NÃO.

    1. Kaus Wilian Laurindo disse:

      Que comentario mais tolo!!

    2. Shirley Prado disse:

      Will Laurindo Kaus SE TIVER UM COMENTÁRIO MELHOR, ESTAMOS AQUI PARA ISSO.

    3. Kaus Wilian Laurindo disse:

      Shirley Prado Eu tenho um sera que posso pregar o evangelho do Espiritismo ja que vivemos em um pais laico… sera que eu poderia ler uma das cartas de Chico Xavier… ou então uma das mensagens de Alan Kardec .. ou então a espiritualidade de acordo com o Candomblé?? Não pago meus impostos para os deputados perderem o tempo lendo a Bíblia… ler a Bíblia não vai acabar com as filas dos postos de saúde, trazer o asfalto para a minha rua, nem dar uma educação de qualidade para a minha irmã ou então fazer com que a fila do SINE diminua … perca de tempo e uma imensa vontade de conseguir votos dos Evangelicos e catolicos que se Iludem com qualquer atitude mereamente eleitoreira dos politicos… acordo POVO EVANGELICO

  20. Pitagoras disse:

    Deviam também ler Nieztsche e/ou Dawkins, e algo sobre respeito e intolerância antes dos cultos

  21. Esse deputado trapalhão, Daniel Messac, é que deveria ler a Bíblia (em casa) e aprender o que está escrito nela, não só aprender, colocar em prática. Aqui vai algumas dicas: (Mat. 10:8 – 1Pedro 5:2-4 – TIAGO 4:4 – João 15:18,19; 17:14; 18:36 – Mat. 18:21,22 – 1João 2:4) Poderia citar dezenas de textos que ese deputado demagogo talvez não conheça, e se conhece, não pratica. Hipócrita! (Mat. 23:27,28).

  22. Walter lucas disse:

    Ler a palavra de Deus, no inicio de um trabalho é maravilhoso, com certeza, mas ser obrigatório, não é confortável. Precisamos amar a Deus , mas de coração. Fiquem todos com a Paz de Jesus Cristo o Nosso Único Salvador.

  23. Emilio Reno disse:

    obrigar a ler a biblia, isso e' o maior absurdo que existe.jesus nao obrigou ninguem a seguir ele, a conversao tem que vir do coraçao e nao da obrigaçao.

  24. Maria de Sena disse:

    parabéns, deputado por esta lei a palavra de Deus deve ser lida em todo tempo e em todos
    os lugares, mais para isto precisa de homens corajosos assim como você.

  25. o brasil caminha a passos largos para a cretinização total, não, não quero dizer que os evangélicos são idiotas, mas com tanta coisa importante a resolver, aprovam uma lei inutil e inconstitucional, pois onde fica o direito dos não cristãos? mas acho que isso é um pouco demais para gente como vocês que querem a todo custo impor seu modo de vida aos outros

    1. e eu também, estamos lidando com o tipo mais perigoso de pessoa que existe, gente fanática e inculta guiando pessoas igualmente desprovidas de instrução e senso crítico , não gosto de richard dawkins mas ele está certo ao dizer que uma multidão delirando junta é um grande perigo.

  26. Bruno Cella disse:

    Tem um povo aqui que se deslumbra por qualquer bobagem, certamente criar esse tipo de lei só serve para agradar evangélicos que não sabem qual é a real importância de um deputado estadual dentro de um estado. Um deputado que propõe propostas tão supérfluas denota a pouca importância que dá a função, aparentemente deixando de lado assuntos que são delegados a sua obrigação. E pior, quando faltar médicos hospitais, quando faltar dinheiro para merenda na escola, lembrem-se que quem deveria estar fiscalizando essas atividades, estava preocupado em criar leis inúteis.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

As principais notícias gospel do Brasil e do mundo no portal pioneiro; Saiba tudo aqui sobre música gospel, evangélicos na política, ações missionárias e evangelísticas, projetos sociais, programas de TV, divulgação de eventos e muito mais.

No ar desde 2006, o canal de notícias gospel do portal Gospel+ é pioneiro no Brasil, sempre prezando pela qualidade da informação, com responsabilidade e respeito pelo leitor.

ANÚNCIO
ANÚNCIO
ANÚNCIO