Brasil

Marina Silva tem projeto de governo para trabalhar com líderes de igrejas evangélicas

Comments (23)
  1. leide disse:

    da licenca neh????????? nao da para crer nisto,kkkkkkkkkkkkk

  2. carlos antonio da silva moreira disse:

    Sei não em,so acho que Politica e Religião jamais andarão de mãos dadas.
    Essa e a minha umilde e simplis opnião.

    Carlos antonio-Tag-Sul-DF.

  3. José Aparecido disse:

    O caminho é este
    Quando veradeiros homens e mulheres de Deus assumir o comando, os resultados serão outros.
    Se for da vontade de Deus a ex-seringueira do Acre irá mudar a história deste País.
    Abraço Forte

  4. JOELINE disse:

    A única pessoa que eu coheço capaz de mudar a história desde país é a Pessoa Bendita De Jesus. Eu conheço alguns argumntos e proposta da senadora.Temo muito que o evangelho se torne mais desacreditado do que já tem sido. Maranata vem Senhor Jesus!!!!

  5. Deus não assedia políticos ou reis nessa terra, aliás sabemos muito bem “quem” faz isto, pois lhe foi dada esta permissão.

    Um país não pode confiar seu destino a uma pessoa, e sim em instituições sólidas, capazes de fazer cumprir um planejamento estratégido de longo prazo, e previamente debatido pelos setores da sociedade. Mas isto não tem nada a haver com a Igreja de Jesus, isto tem a ver com a nossa vida secular, e está dentro da nossa autodeterminação, concedida por Deus.

    Mais importante que o “candidato(a)’ é a IDEOLOGIA do partido a qual pertence.

    Como ser evangélico(a) se pertencemos a um partido que defende o aborto e a sodomia como “direitos humanos”, que combate igrejas que não permitem o sacerdócio de mulheres e de homossexuais por razões estritamente doutrinárias, que defende o casamento religioso de pessoas do mesmo sexo, e que acredita nesta terra, ser possível criar um paraíso de “igualdade social”, controlado pelo Estado-todo poderoso? Vemos muitas pessoas que, embora membros de partidos defensores destas causas, dizem que não são defensores delas. Mas porque então não se manifestam contra tais práticas? É nesta hora que a política usa a religião como pura conveniência eleitoral, e fica claro quem é realmente comprometido com a Verdade Bíblica.

    Saudações,

    Wellington Leal

  6. Aluizio Araujo disse:

    Muito bem, vamos ao assunto.A princípio, parabenizo a participação do Wellington Leal que abordou algumas questões com muita sabedoria, principalmente sobre o partido. Realmente, seria importante conhecermos o estatuto desses, antes de votarmos no candidato. Ainda mais pelo fato de ser o partido o dono do mandato. ‘O cidadão com maior número de informações corretas, desenvolve melhor seu senso crítico e formulam opiniões mais sensatas’. Sem dúvida o Evangélho através do Espírito Santo, abre o entendimento do cristão para com discernimento,sabedoria e ‘senso crítico forte’, não se deixar levar por sofisma e outras formas persuasivas enganosas, não se deixa ser manipulado comfacilidade.Um chefe do executivo federal não pode mudar muita coisa,agora na minha opinião a única forma lógica para que nossos legisladores e representantes do executivo governar realmente para a maioria é se essa maioria pressionar, participar mais cobrando nossos direitos sempre de forma pacífica, mais com a autoridade de quem paga a conta.Parabéns ao ‘Estadista Global’Luiz Inácio, e a ex-ministra Marina da Silva. Um abraço Aluizio Araujo

  7. Olá!

    As pessoas devem saber escolher o melhor projeto para o Brasil entre os que serão apresentados pelos postulantes ao Palácio do Planalto. Eu espero que sejam apresentadas coisas que sejam boas para todos e que o povo realmente saiba escolher o melhor.

    Abraços

    Francisco Castro

  8. petrafan disse:

    marina silva se calou por 30 anos, diante das iniciativas do seu então partido, o PT, no sentido de promover toda a sorte de padrões antibíblicos.
    não merece nenhuma admiração especial dos evangélicos. ao contrário, como evangélica, deveria rejeitar o socialismo.
    trata-se de uma política como os demais, preocupada em obter votos e em conseguir cargos.

  9. ITALO disse:

    VAMO VOTÁ NELA GEEEEEEENTE… PARECE QUE A MULHER É CRENTE MEEEESMO E NÃO COM UNS AI QUE DIZEM SER SÓ PRA SE PEGAR VOTOS…

    E PRA QUEM ACHA QUE CRENTE NAO TEM Q ENTRAR NA POLITICA… SINCERAMENTE, REVEJA SEUS CONCEITOS…

    OU EH MELHOR DEIXAR OS QUE TÃO AI??? REPETINDO… CREEEEEEENTE NA POLITICA E NÃO… crentes…

  10. renato disse:

    Para o sr.Wellington Leal, pois a srªMarina Silva não é mais do PT, mas foi para o PV.
    E também p/o sr.Petrafan, que a srªMarina Silva, não é uma socilaistas, mas uma liberal. Pois o capitalismo é só nos países centrias imperialistas.
    Pois os páises do Terceiro Mundo, segue o socilaismo para se libertar das amarras imperialistas.
    A senadora Marina Silva, não tem apoio de todos os minstérios, pois alguns tem seus candidatos prórpios para a presidÊncia, pois vai ser difícil de ganhar.
    Pois o povo evangélico não são obrigado a votarem no candidato só porque vai beneficiar os evangélicos. Votem pelo bem estar comum popular.
    Já pregaram até ela ser chapa de vice do Serra, como foi publicado na Veja.

  11. Celso disse:

    Temos que ter verdadeiros “Josés do Egito” na nossa política.

  12. Tiago disse:

    Religião e política podem e devem andar juntas.

  13. Wericky disse:

    Acredito na possibilidade de que política e religião podem andar juntas, mas é preciso que muuuuita coisa mude para que isso aconteça. Oro para que Deus abençoe os eleitores brasileiros para que votem conscientemente, principalmente os evangélicos que devem dar o exemplo. Acho que o passado da ex-ministra (citado em comentários anteiores) não tem relevância alguma. O que importa são suas propostas atuais, seu partido atual (seja qual for) e sua capacidade atual, mas concordo que um candidato evangélico não pode atuar em um partido que defende idéias contrárias à palavra de Deus (aborto, homossexualismo, etc). Não voto em candidatos evangélicos pelo simples fato de serem evangélicos. Sempre procuro analisar as propostas e principalmente a possibilidade e viabilidade de seus projetos de governo. Acho que devemos ser críticos!!

    Deus abençoe a todos!!!

  14. Ricardo disse:

    Política e Religião ñ só devem como tem q andar juntas, mais a maioria das vezes os políticos vão a eventos cristões só para ganhar votos… Por isso nós temos que conhecer bem o carater dos políticos q vamos eleger, e de todas as areas porque (ex.) quem aprova as leis na camara sao os deputados, aqueles que muitas vezes nós chegamos nas urnas e pegamos um panfletinho e votamos nele sem nem saber quem eles são…

    Antes de votar temos que pesquisar seriamente, por isso que o país ñ anda pra frente (ich até rimo, rsrsrsrsrrs)… Ñ acredito nem na Marina nem na Dilma (que tbm vai ir em um congresso cristão).

    Essa ñ é minha simples opinião e sim a mais sincera verdade.

  15. Ricardo disse:

    Eu tenho só 16 anos…

  16. JOELINE disse:

    e o que tem a ver ter só 16? É uma vergonha, isso sim, a pessoa só começar a ter consciência política a partir desta idade. Isto prova o quanto somos subdesenvolvidos. Não há nada de bonito nisto.

  17. Amados, a política secular sempre trouxe o mal para os eleitos de Deus para os corromper. quando a Igreja andava pelos sepúclos, Cosntantino usou de tática para clar a Igreja tornando-a instituição pública… como se houvesse boa intenção.
    Segundo o presidente Lula, somos um país “laico”,isso quer dizer que não temos religião oficial, mas temos as mais poderosas que determinam o destino das menos poderosas.
    Ano político e mais corrupção com líderes religiosos envolvidos, o que é uma vergonha para os fiéis.
    Lembro-me como hoje, quando da transição do Poder Militar para a pseudo “democracia”, vários pastores passaram nãosomente a apoiar candidatos à política secular, como também a concorrer a um mandato. Daí para cá é só escândalos, e mais escândalos. Pensem bem: Deus não escolheu ninguém para ser político partidário, “porque a nossa luta não é contra a carne, nem o sangue, mas contra as postestades que operam nos lugares celestiais” (Lucas 12:11) – E, quando vos conduzirem às sinagogas, aos magistrados e potestades, não estejais solícitos de como ou do que haveis de responder, nem do que haveis de dizer. – (Efésios 6:12) – Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais). Então, nenhum político ou autoridade secular poderá combater esse combate, mas somente aqueles que servem a Deus em espírito e em verdade. Aqueles que vestem a Armadura de Deus. Aqueles que não se vendem por migalhas ou se redem a favores de políticos, que depois cobrarão caro pelos favores prestados. Fiquem alerta! Não se deixem ser assediado por plíticos que não tem compromisso nenhum com Deus, mas apenas com seus interesses.
    O partido PV também defende o homossexualismo, o casamento entre pessoas do mesmo sexo e a liberação da maconha. Não importa que a senadora seja crente, evangélica ou qualquer outra coisa, o importante é saber que o seu partido tem essa ideologia. então, claramente se vê que o eleitor será engando outra vez, assim como os que se filiam aos partidos devem obediência a ideologia do partido. O pai da mentira é o diabo, sabemos ou não sabemos disso?
    Sou pastor e jornalista. Que Deus abra os olhos daqueles que estão cegos pelo poder secular. Só Deus, só Jesus poderá dar jeito em nossa nação e no mundo. Todos os que o rejeitam, sofrem as consequências.

  18. petrafan disse:

    Renato, tá difícil entender o que você escreve e o que você pensa.
    mas o fato é que Marina SIlva é sim socialista.
    e sabemos não somente as origens, o objetivo e as práticas do socialismo, como podemos ver muito bem como estão os países onde o socialismo foi implantado.

  19. Torquato da Silva disse:

    A politica na igreja é tudo que pode haver de anti-ético, atrasado, aproveitador, pois já sabemos que a politica é troca de favores. Como se explica gastar em uma campanha prá qualquer cargo eletivo mais do que se ganhará como salários? Só quem esta vivendo no país do faz de conta que acredita nessas promessas. Alguns dizem: Davi foi rei, Isaias viveu em palácio, Daniel, José no Egito. Porém me digam como foi a eleição deles?

    Diga não para o politicagem dentro de sua igreja.

  20. SAN disse:

    QUEM É SUJO SUJE-SE MAIS.
    QUEM É LIMPO VIGIE.

    OS PONTOS DE VISTA EXPRESSADOS AQUI SÃO APENAS PERDA DE TEMPO. QUANDO ESTAMOS OCIOSOS FAZEMOS ISSO: COLOCAMOS “NOSSAS CONVICÇÕES” QUE PRÁ NADA SERVIRÁ.

  21. levi varela disse:

    Caros,

    Se um dia esse Pais se tornar o inverso, ou seja, maioria evangélica, como são os Estados Unidos, não pode os evangélicos continuar a ter essa postura de quem não tem nada a vê com isso.

    Deus não vai enviar dos céus anjos para governar esta nação, com todo respeito.

    Importa que se faça um metodo correto de escolha de candidatos dentro das igrejas, ou melhor, que se busque pessoas realmente retas como candidatas a candidatas.

    Exigir isso dos líderes religiosos deve ser uma obrigação, bem como apelar que se de de forma igual o direito a todos os candidatos de expor sua plataforma, seja em um dia de culto seja em data só com essa finalidade.

    A melhor coisa que existe à sociedade é se tornar madura, não fugir das suas obrigações, todavia com regras claras que garanta o direito de falar e de se expressar de modo universal, coerente, sem escãndalos, sem manifestação de preferências, sem pedidos pessoais e sem pedidos próprios para a igreja, sim em prol da sociedade como um todo.

    Mais importante que política é o evangelho, todavia Cristo deixou que nós, falhos e errantes, fôssemos o condutor, não mandou que viessem os anjos dos céus.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *