Pastor Mark Driscoll vai a culto em carro funerário para ilustrar que “a igreja está morrendo”

1

Conhecido por seus excêntricos sermões e opiniões polêmicas, o pastor Mark Driscoll voltou a atrair holofotes para si ao chegar ao culto num carro funerário. Segundo ele, a ideia era ilustrar a morte da igreja.

Há tempos Driscoll alerta em seus sermões para a crise de valores que estaria matando a igreja evangélica nos Estados Unidos, e como forma de ressaltar seu ponto de vista, o pastor resolveu apelar.

Veículos de imprensa afirmaram que a intenção de Driscoll ia além de alertar para a suposta morte da igreja, e acusaram o pastor de usar o episódio como promoção de seu novo livro, A Call to Resurgence: Will Christianity Have a Funeral or a Future? (que pode ser traduzido como “Um chamado ao ressurgimento: o cristianismo terá um funeral ou um futuro?”).

Recentemente, numa carta aberta dirigida aos cristãos, Driscoll escreveu que os seguidores de Jesus “estão sendo marginalizados, o casamento gay está legalizado, deixamos de conduzir e passamos a ser conduzidos. A igreja está morrendo, e ninguém está percebendo, porque estamos perdendo tempo criticando ao invés de evangelizar”, afirmou.


No evento em que chegou de carro fúnebre, Driscoll pregou para cerca de 500 alunos universitários num templo de uma filial da Mars Hill Church, denominação liderada por ele.

O pastor auxiliar Drew Hensley falou com empolgação sobre a presença de Driscoll no evento: “Eu estava realmente animado para que os alunos ouvissem a verdade do Evangelho e compararem com o que vão ouvir no dia a dia no campus. As pessoas estão dizendo isso é o que você deve acreditar, que é para isso que você foi feito, e é absolutamente contrário a tudo o que vemos nas Escrituras”, comentou, segundo informações do Charisma News.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA