Neto de Billy Graham diz que casos de abusos sexuais entre evangélicos são piores que católicos

8

Os casos de abusos sexuais em igrejas evangélicas são piores do que os registrados na Igreja Católica. Essa é a opinião de Boz Tchividjian, neto do evangelista Billy Graham e professor de direito na Liberty University.

Boz tem desenvolvido uma investigação sobre abusos sexuais juntamente com a universidade onde leciona, e afirmou que, numa comparação direta com os católicos, o quadro é alarmante: “Eu acho que estamos piores”.

Segundo ele, muitos líderes evangélicos “sacrificaram almas” de jovens vítimas de abusos sexuais, em escândalos que seriam ocultados deliberadamente.

“Protestantes podem ser muito arrogante quando apontam para os católicos”, disse na entrevista coletiva.


O neto de Billy Graham tem atuado à frente da Godly Response to Abuse in the Christian Environment (GRACE), entidade que combate a prática e presta assistência às vítimas de abusos sexuais no meio cristão.

Segundo relatório da GRACE, muitos casos de abusos acontecem em agências missionárias, que ocultam os casos trazendo os responsáveis de volta para seus países a fim de silenciar as críticas.

A cultura evangélica de independência em relação às demais denominações, e a ameaça de punição a fiéis por prática de fofoca é o que impede as denúncias contra os abusadores, constatou Boz.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


8 COMENTÁRIOS

  1. A quantidade é muito maior e por isso o termo grave foi usado. Pois não existem abusos sexuais mais nem menos graves. Abuso sexual é crime e pronto! Mas acho que a estrutura de proteção aos abusadores é muito grande nos dois alienados segmentos!

  2. Abuso provocado por um ungido de deus é pecado? Malafaia alertou para não denunciar, isso é coisa para deus resolver. Disse, também, que conhece gente que morreu por tocar num “ungido do Senhor”.

  3. Qualquer evangélico sério e honesto é contra o abuso sexual. A Igreja sempre pregou contra. Se alguém comete esse desvio não pode ser considerado crente ou evangélico. A Bíblia é a nossa bússola. Fernando de Sá Nogueira

    • A Igreja é Contra, mas quando aparece uma vítima se queixando de ter sido abusada vcs enlouquecem pedindo provas, como no caso do estuprador Marco Pereira, que mesmo com várias vítimas, várias testemunhas indicando a crueldade do bandido, apareceu uma bando de defensor do estuprador querendo fotos, videos e exames das vítimas, como se em caso de estupro sempre tivesse um camara man para fazer as imagens.

  4. Pedofilia é crime, se vc sabe E NÃO DENUNCIA, É CO -AUTOR.
    USEM SEUS CÉREBRO, SEU DISCERNIMENTO, NÃO VÁ ATRÁS DO Q MANDAM.
    ANÁLISE PENSE, COM OS MARAVILHOSOS CÉREBROS Q DEUS NOS DEU.
    FALAM Q SE VC DIVULGA O Q SABE É FOFOQUEIRO, é para não serem descobertos seus crimes e falcatruas

    A PESSOA ABUSADA SEXUALMENTE, JAMAIS ESQUECERÁ, PARTINDO DE RELIGIOSOS, PIOR AINDA!

    Saber de crime e não denunciar é crime, vc pode fazer denuncia até em anonimato.
    Ora vem Senhor Jesus, logo! Para tirar-nos do meio das bêstas feras humanas.

DEIXE UMA RESPOSTA