Pastor critica “afronta ao povo brasileiro” na organização da Copa do Mundo: “Nossa democracia sofreu um golpe”

34

O pastor Antonio Carlos Costa, presidente da ONG Rio de Paz, publicou uma crítica à organização da Copa do Mundo e ao não cumprimento das metas que previam um legado à população.

Costa, que foi ordenado pastor pela Igreja Presbiteriana e em há dez anos fundou o ministério Palavra Plena, afirmou que o povo está “falando mais sobre o fracasso da seleção do que sobre o Governo Federal ter mentido para o povo brasileiro, ao declarar que a Copa seria bancada com recursos da iniciativa privada”.

A publicação no Facebook ainda faz críticas às obras que “saíram mais caras do que havia sido anunciado”: “Gastaram mais do que era necessário, investindo dinheiro na construção de quatro sofisticados estádios em regiões nas quais não há demanda de público”, escreveu o pastor.

“O retorno social da Copa é pífio. Nas favelas nas quais trabalhamos [com a ONG Rio de Paz] a realidade continua a mesma”, disparou. “Nossas autoridades públicas – União, Estados e Municípios- investiram quantidade brutal de tempo no que era secundário. Melhor do que distrair o povo com futebol é lhe dar condições dignas de vida. Perdão pela obviedade. Nunca é demais ressaltar essa crueldade”, acrescentou Costa.


Para Antonio Carlos Costa, a Lei Geral da Copa aprovada pelos parlamentares brasileiros e sancionada pela presidente Dilma Rousseff (PT), permitiu que altos lucros fossem produzidos na Copa e nenhum centavo de imposto fosse pago: “A isenção completa de pagamento de impostos concedida à Fifa, às empresas patrocinadoras da Copa e às empreiteiras que construíram os estádios de futebol é afronta ao povo brasileiro”, frisou.

Costa diz ainda que “o poder público brasileiro decidiu realizar evento esportivo caríssimo sem consultar o povo”, e que como resultado disso, “nossa democracia sofreu um golpe, uma vez que é importante para ela estar associada à promoção da igualdade e da justiça social”, pois os “brasileiros que viram uma fortuna de dinheiro público investida na Copa e muita vontade política para a sua realização, passaram a pensar que numa democracia o poder serve apenas ao sistema”, lamentou.

“Os governantes brasileiros, até agora, não pediram perdão ao povo pelos erros grosseiros que cometeram na organização da Copa. Em suma, os governantes brasileiros ignoraram o clamor popular das imensas, justas e democráticas manifestações do ano passado”, concluiu.


34 COMENTÁRIOS

  1. Estadios financiados e que nós (Povo Brasileiro) teremos que pagar.
    O Brasil esta indo para o buraco, ” crise” ( veremos nos proximos anos)
    os proximos governantes estarão enrrolados.

        • Democracia é o governo aceitar que ativistas pro milico digam toda sorte de impropérios contra os governantes e afrontem a Lei de segurança Nacional, incitando um novo golpe militar. É um monte de pessoas virem se manifestar aqui num site cristão, sem um mínimo de responsabilidade cristão ou cidadã e tentar manipular a ingenuidade e a fé das pessoas.

  2. O Pior foi ver um monte de crente torcendo e até chorando por causa da seleção, aliás muitos teve a oportunidade de comer sua pipoca e tomar seu refrigerante ao decorrer das partidas dentro de suas própria igrejas….

    • Por favor pastor mantenha o tópico, se não fica parecendo o stardust, a vergonha de qual fala e com muita propriedade o pr, Antonio, realmente deveria ser alvo de cobrança não só de cristãos bem como de toda a sociedade, o rombo aos cofres públicos é inominável, e a não comprimento das obras prometidas é digna de um pedido de impeachment, desta presidenta, uma vergonha , saúde , segurança educação obras viarias é uma vergonha.

      • José Carvalho, procure se informar sobre os gastos da Copa nos site da Controladoria Geral da União e no TCU e deixe de dizer asneiras. Não teve nenhum rombo nas contas do governo.

          • HA! sem falar nmas obras que deveriam ter sido entregues e ou estão paradas inconcluídas interminaveis ou simplesmente cairam, não fale asneiras, sem falar na inflação e no superavit dos produtos e serviços. que certamente custam ou nunca mais voltam ao normal.

  3. Concordo com o José Carvalho,e ainda acrecento indiguinada como ha pessoas tao sedentas em acusar pastores evangelicos neste site,que nao se dão conta do que estao falando.Meu Deus que vergonha alguem que se diz pastor ir,contra as verdades ditas por um homem de Deus de visão.Aqueles que sao contra a participação dos evangelicos na sociedade,comece a entender que temos diretos como brasileiros ,a criticar,discorcordar,concordar,confrontar quando necessário,pois somos cidadãos deste Brasil e graças as nossas orações que este pais nao afundou com as roubalheiras.Por isso o que pastor escreveu e a mais pura verdade.Acorda Brasil!!!

  4. O Marco Antonio do face fez um detalhamento crítico que condiz com a realidade.
    Eu vi e ouvi o senador Agripino Maia, líder do DEM, no senado, falando que o mérito da copa ter sido um sucesso foi do povo brasileiro, das empresas privadas que construiram os estádios e reformaram os aeroportos e que o governo fez muito pouco, ou quase nada!
    Agora, eles estão falando isso… Políticos, gente… políticos!

    • Se o governo fez muito pouco ou quase nada pq então estão dizendo que o governo gastou dinheiro público? Se o dinheiro foi das empresas privadas que construiram os estádios e reformaram os aeroportos e que o governo fez muito pouco, ou quase nada, do que estão acusando o governo? Ora, antes da Copa diziam que os aeroportos não funcionariam, que os estádios não ficariam prontos, agora que a copa foi um sucesso estão dizendo que o governo não fez nada. Não estou entendendo esse pastor querer que a copa resolvesse problemas de séculos que nenhum governo conseguiu sequer amenizar até hoje. Ele acha que a copa resolveria alguma coisa?

  5. A VERDADE QUE STARDUST NÃO QUER QUE VC. CONHEÇA.
    Um estudo realizado nos Estados Unidos pelo State of the Plate, apontou que as pessoas que os dizimistas têm um maior controle de sua vida financeira do que as pessoas que não adotam a prática. O objetivo do estudo foi lançar um olhar mais atento sobre as práticas financeiras, espirituais e práticas de doação de pessoas que dão 10 por cento ou mais do seu rendimento para igrejas e instituições de caridade a cada ano.

    Os resultados foram classificados como ‘sem precedentes’ por seus organizadores, que compararam dizimistas com não-dizimistas através de nove indicadores de saúde financeira, descobrindo que os dizimistas apresentavam resultados melhores em cada uma das categorias.

    Entre os indicadores medidos pelo estudo, foi constatado que entre os dizimistas 80 por cento não têm contas de cartão de crédito não pagos, 74 por cento não devem nada em seus carros, 48 por cento possuem sua casa própria e 28 por cento estão livre da dívida.

    – O estranho é, um dizimista olha para aquilo e diz para si mesmo: ‘Bem, eu estou melhor porque eu dou.’ O não-dizimista olha para aquilo e diz, ‘Oh, eles dão porque estão melhores”, disse Brian Kluth, responsável pelo estudo.

    – Nunca antes este grupo foi estudado, e acho que para cada pastor e líder da igreja e líder eclesiásticos seria útil se eles entendem isso – afirmou Kluth ao The Christian Post.

    – Estamos no meio de um declínio de 40 anos no percentual que os cristãos dão, e precisamos ver um movimento de generosidade nos Estados Unidos, que os cristãos abracem novamente a generosidade como um valor espiritual, mas não por causa do orçamento igreja, mas por causa da Bíblia. As igrejas tornaram o dar em torno do orçamento, e não se trata de orçamento, se trata da Bíblia. – completou.

    A pesquisa, que foi conduzida pela “Generosidade Máxima”, entidade fundada por Kluth, e co-patrocinada por ECFA, Christianity Today and Evangelical Christian Credit Union, gerou um relatório completo de 27 páginas, intitulado “20 Verdades sobre dizimistas”, que mostrou também que entre os cristãos que não dizimam e têm dificuldade em dar, 38 por cento dizem que é porque eles não podem pagar, 33 por cento dizem que tem muita dívida e 18 por cento dizem que o seu cônjuge não concorda com o dízimo.

    Outro dado levantado pelo estudo foi que 70 por cento fazem suas doações com base em sua renda bruta ao invés de seus rendimentos líquidos, e 77 por cento dão mais do que os 10 por cento tradicional.

  6. TEM UM BANDO DE PASTORES USANDO SEU APRISCO PRA FAZER CAMPANHA ELEITORAL PRA CANDIDATOS DA OPOSIÇÃO. POVO DE DEUS, NÃO SE DEIXE USAR POR SEUS PASTORES. ACORDEM. AÉCIO NEVES É NETO DAQUELE QUE DISSE QUE NEM DEUS O IMPEDIRIA DE SUBIR A RAMPA DO PLANALTO. TANCREDO NEVES MORREU POR TER AFRONTADO O DEUS TODO PODEROSO. AGORA ESTÃO QUERENDO ELEGER SEU NETO

        • “O pluripartidarismo político existe no Brasil. Não é só PT e PSDB”

          Concordo plenamente, o que não há pluralidade quanto posição política, afinal o monopólio é da esquerda.

          O que sugere então, PSTU, PCdoB, PSOL…manda aí a sugestão.

        • Eu não voto na esquerda e se você me disser que PSDB é direita é porque é analfabeta politica ou acreditou nas mentirinhas da esquerda.

          Como eu não voto na esquerda eu praticamente não tenho em quem votar em todas as eleições, tenho que ficar pinsando um menos esquerdista possível.

          • Mais uma vez o senhor demonstra que não sabe debater. Xingamento não é debate. Analfabetismo político é pensar diferente do senhor. Pra mim, já deu.

          • Você que me chama de analfabeta política me diga o que é ser direita e esquerda no Brasil? Aliás me diga se os partidos de esquerda no Brasil são exatamente de esquerda os de direita são estritamente de direita? Ou você acha que no Brasil só existe esquerda e não existe direita? Qual a importância dessa definição pra você e que diferença isso faz na sua vida e de toda a sociedade? Eu poderia elencar uma série de coisas aqui que sou a favor e contra e você poderia continuar me definindo como esquerdista? Ora meu senhor, as pessoas simpatizam com algumas situações e antipatizam com outras e eu não sou diferente. Não sigo agendas de partidos, sigo minha consciência. Quer um exemplo? Eu concordo com uso de preservativo mesmo dentro do casamento, pois tem muita mulher cristã, casada com homens infiéis (então sou de esquerda?), mas sou contra o aborto em qualquer situação (então sou de direita?); concordo com uma escola integral como em Cuba pra tirar crianças e adolescentes de situação de risco (então sou de esquerda?); sou contra o casamento gay (sou de direita?); sou contra a redução da maioridade penal e contra a pena de morte (esquerda?); sou contra o uso de drogas e a legalização da maconha (então sou de direita?); mas sou a favor de tratamento digno para usuários de drogas (sou de esquerda?); sou contra o ensino religioso nas escolas, pois acho que isso mais confunde a cabeça das crianças e acho também que ensino religioso se aprende nas igrejas e que a família é que tem que decidir o que a criança deve aprender quanto a este tema (direita?); sou favorável a uma medicina preventiva e mais humanizada e contrária ao uso indiscriminado de medicamentos receitados por médicos (Esquerda?); sou contra interesses capitalistas extremistas e contra as privatizações, uma vez que muitos governos privatistas sucateiam instituições públicas, deliberadamente, para vendê-las posteriormente sob alegação de que não dão lucro (sou de esquerda?), enfim… Que coisa mais antiquada essa de rotular as pessoas que não conhecemos. Tá na hora de acabar com essa lenga, lenga de esquerda e direita. Obervar a política atual com o pensamento voltado para a revolução russa, cubana, para a Venezuela não dá mais. A política é movida pura e simplesmente por interesses, na maioria das vezes, econômicos e raramente sociais ou ideológicos. O que eu desejo pro meu país – e oro por meus governantes nas três esferas e pelas minhas autoridades nos três poderes – são: menos desigualdade social; uma imprensa menos tendenciosa e mais imparcial, porque livre ela é; que todos e principalmente o pobre tenha acesso a condições básicas e mais humanas de vida; mais investimentos em infraestrutura, saúde e educação, em ciência e tecnologia; mais investimentos nos jovens e mais postos de trabalho, ampliação dos programas PROUNI, SISUTEC e melhoramento do FIES, mas acima de tudo, maior fiscalização do dinheiro público; que as pessoas aprendam a votar com consciência. Agora me diga, tem algum partido político de esquerda ou de direita, que consiga encaixar todas as minhas expectativas? Eu creio que não existe, portanto, não tente você, que nem me conhece, encaixar a minha ideologia em esquerdismo, pois eu não limitada a agendas partidárias, meu pensar é livre.

          • Você que me chama de analfabeta política me diga o que é ser direita e esquerda no Brasil?
            R: Não há direita no Brasil. Ao menos não constituída, apenas vozes aqui e acolá.

            Aliás me diga se os partidos de esquerda no Brasil são exatamente de esquerda os de direita são estritamente de direita?
            R: Como disse não há direita, quanto aos de esquerda, sim, são exatamente de esquerda, porém, ainda vivemos uma democracia, por enquanto, logo eles ainda não conseguiram implementar o que desejam na sua totalidade mas caminham a passos largos para isto.

            Qual a importância dessa definição pra você e que diferença isso faz na sua vida e de toda a sociedade?
            R: Em relação às nomenclaturas nenhuma, em relação à ideologia embutida na esquerda faz toda a diferença em conhecê-la e principalmente combatê-la. Se é que queremos um país melhor.

            Eu poderia elencar uma série de coisas aqui que sou a favor e contra e você poderia continuar me definindo como esquerdista?
            R: Vamos lá.

            Ora meu senhor, as pessoas simpatizam com algumas situações e antipatizam com outras e eu não sou diferente. Não sigo agendas de partidos, sigo minha consciência.
            R: Ok, exponha sua consciência.

            Eu concordo com uso de preservativo mesmo dentro do casamento, pois tem muita mulher cristã, casada com homens infiéis (então sou de esquerda?)
            R: Se você acha de fato que isso é algo relevante para um esquerdista, acho que a questão é bem mais ampla que um ponto bobo como este, ah, eu não sou de direita, sou antiesquerda. Em relação ao ponto citado eu também não vejo nada demais, não pelo motivo apresentado mas como contracepção, sem problema algum.

            Mas sou contra o aborto em qualquer situação (então sou de direita?)
            R: Se não fosse o fato de você ser cristã será que sua opinião seria a mesma?

            Concordo com uma escola integral como em Cuba pra tirar crianças e adolescentes de situação de risco (então sou de esquerda?)
            R: Situação de risco? Achei que o governo Cubano fosse maravilhoso. Por lá elas correm riscos? hummmmm

            Sou contra o casamento gay (sou de direita?)
            R: Se não fosse o fato de você ser cristã será que sua opinião seria a mesma?

            Sou contra a redução da maioridade penal e contra a pena de morte (esquerda?)
            R: Sim

            Sou contra o uso de drogas e a legalização da maconha (então sou de direita?)
            R: Se não fosse o fato de você ser cristã será que sua opinião seria a mesma?

            Mas sou a favor de tratamento digno para usuários de drogas (sou de esquerda?)
            R: Por acaso a direita apregoa a chacina dos usuários? Não que eu saiba.

            Sou contra o ensino religioso nas escolas, pois acho que isso mais confunde a cabeça das crianças e acho também que ensino religioso se aprende nas igrejas e que a família é que tem que decidir o que a criança deve aprender quanto a este tema (direita?)
            R: Se não fosse o fato de você ser cristã será que sua opinião seria a mesma?

            Sou favorável a uma medicina preventiva e mais humanizada e contrária ao uso indiscriminado de medicamentos receitados por médicos (Esquerda?)
            R: Sim

            Sou contra interesses capitalistas extremistas e contra as privatizações, uma vez que muitos governos privatistas sucateiam instituições públicas, deliberadamente, para vendê-las posteriormente sob alegação de que não dão lucro (sou de esquerda?)
            R: BINGOOOOOOO DEMOROU MAS SE REVELOU.

            “Obervar a política atual com o pensamento voltado para a revolução russa, cubana, para a Venezuela não dá mais.”

            Típico, enquanto isto nos aproximamos cada vez mais dos regimes destes países.

            “A política é movida pura e simplesmente por interesses, na maioria das vezes, econômicos e raramente sociais ou ideológicos.”

            Para a maioria sim, para os esquerdistas jamais. Se fosse assim não seria mais fácil a união com os capitalistas? Porque insistir em associações com países socialistas de desempenhos medíocres? Conversa pra boi dormir.

            “O que eu desejo pro meu país – e oro por meus governantes nas três esferas e pelas minhas autoridades nos três poderes – são: menos desigualdade social; uma imprensa menos tendenciosa e mais imparcial, porque livre ela é; que todos e principalmente o pobre tenha acesso a condições básicas e mais humanas de vida; mais investimentos em infraestrutura, saúde e educação, em ciência e tecnologia; mais investimentos nos jovens e mais postos de trabalho, ampliação dos programas PROUNI, SISUTEC e melhoramento do FIES, mas acima de tudo, maior fiscalização do dinheiro público; que as pessoas aprendam a votar com consciência.”

            R: Tudo isto eu também quero a questão não é o alvo propagado, falar até papagaio fala, a questão é como chegar no objetivo. Assistencialismo? Não. Geração de emprego? Sim. Centralização estatal? Não. Liberdades individuais respeitadas. Sim.

            Agora me diga, tem algum partido político de esquerda ou de direita, que consiga encaixar todas as minhas expectativas?
            R: Não querida, só no reino milenar de Jesus Cristo, por isto mesmo sem utopias.

            Eu creio que não existe, portanto, não tente você, que nem me conhece, encaixar a minha ideologia em esquerdismo, pois eu não limitada a agendas partidárias, meu pensar é livre.

            R: Você é de esquerda, você só se opõe à ideologia de esquerda nas questões onde o Cristianismo vai de encontro, no mais e nas questões centrais, Marx e Gramsci exalam.

  7. Mais uma vez aconteceu como no descobrimento do Brasil
    Os gringo aportaram aqui por essas terras com bijuterias…espelhinhos…fotinhas e levaram nosso
    Ouro…
    A Fifa chegou aqui oferecendo esse circo que chamaram de Copa e levaram somente 4 BILHOES
    Vergonha…tsc tsc tsc

      • Senhor Oliveira o Senhor é cristão? Me respeite! O senhor tem direito de ser o ignorante que é, mas não tem direito de determinar suas vontades sobre a vida das pessoas. Não sou burra, nem mal caráter e não vivo por conveniência. Sou funcionária pública concursada e não vivo de apoio a partido político, não preciso disso e nunca precisei. Sou cidadã, cristã e tenho direito de exercer minha cidadania de forma livre,. Não adianta ficar incitando ninguém contra mim com frases do tipo: esquerdista detectada, pois não tenho receio de expor meu pensamento. Mais uma vez respeite quem pensa diferente do Senhor. Aprenda a debater qualquer assunto com inteligência, pois o que senhor faz aqui é extremismo. Parece membro das milícias talibãs. E repito, o mundo não possui apenas dois lados, não é bilateral.

DEIXE UMA RESPOSTA