Pastor diz que igrejas devem se negar a celebrar casamentos de pessoas que vivem em pecado

33

As cerimônias de casamento em igrejas evangélicas são precedidas de aconselhamentos e uma celebração baseada na fé cristã, mas para o pastor Russell Moore, é preciso filtrar quem tem direito a ter sua união celebrada por um pastor, em um templo cristão.

Durante um evento que reuniu centenas de líderes evangélicos, Russell Moore, presidente da Comissão de Ética e Liberdade Religiosa da Convenção Batista do Sul, nos Estados Unidos, afirmou na última segunda-feira, 29 de fevereiro, que os pastores não devem celebrar a união de incrédulos e de casais que estejam vivendo em pecado.

“Você não pode casar ninguém, exceto os crentes e pessoas sob a autoridade de Jesus Cristo”, explicou Moore. “Você não pode se responsabilizar pelos votos dos incrédulos”, acrescentou à plateia que compareceu ao evento, realizado na Primeira Igreja Batista em Montgomery, Alabama.

Segundo Moore, os pastores precisam suportar a pressão da congregação para que essas cerimônias de casamento sejam realizadas na igreja: “É preciso coragem para não fazer casamentos, para dizer ‘eu não vou fazer isso’”.

Como ilustração, Moore falou sobre a hipótese de um diácono querer que o pastor celebre a união de sua filha com um homem que se sabe que tem uma vida de pecado. Segundo Moore, o pastor tem obrigação de recusar, mesmo que isso cause desconforto: “Você tem uma crise. Pense sobre o que está em jogo. Você tem que ter coragem para fazer isso [recusar]”.

Para o pastor, a “ética sexual cristã” implica que se um cristão escolhe ignorar a moralidade sexual estabelecida na Bíblia, ele também está negando a fé como um todo: “Se nós somos um povo do Evangelho, isso significa que a nossa interpretação de uma ética sexual cristã não é uma questão de nossa escolha. É um mandamento que Ele nos deu”, afirmou, de acordo com informações do Christian Post.

“Os textos da Escritura cristã são muito claros. O casamento é projetado para ser uma porção do Evangelho. Ele é projetado para apontar para além de si, para a união de Deus e Sua Igreja […] Permitir uniões adúlteras é pregar um evangelho diferente. É dizer que Cristo não é fiel à sua noiva. A união permanente ao longo da vida no casamento, todas essas relações são destinadas para apontar para o Evangelho de Jesus Cristo”, concluiu.

33 COMENTÁRIOS

  1. Meu irmão Sergio, primeiro concordo contigo quando você diz que é o estado que oficializa o casamento. Entenda que o cristão é busca tanto na esfera civil como também na espiritual, o estado na abençoa o casamento, e é nesse ponto que o casamento religioso entra, o ministro roga a Deus as bênção sobre essa união. Você diz: ” Por isso quem resiste à autoridade resiste à ordenança de Deus ; e os que resistem trarão sobre si mesmos a condenação. Qualquer pastor que disser que um casamento no civil não vale nada. Estar pecando contra o próprio Deus”. E quando estado oficializa a união entre pessoas do mesmo sexo? A igreja tem que concordar só porque foi o estado que realizou? Claro que não. E por ultimo o casamento na igreja falo da evangélica é gratuito os noivos não pagam um centavo para a igreja ou pastor, você deveria conhecer esse ponto antes de criticar.

  2. É importante quando não temos conhecimento bíblico,perguntar alguém que tenha conhecimento porque por tendência humana,temos sempre que puxar a brasa para nossa sardinha,e com a palavra de DEUS não é assim é: sim sim,não não,quanto ao casamento diante de DEUS é o casamento religiosos,celebrado entre um homem e uma mulher,quanto ao casamento civil,é um contrato do estado com duas pessoas com clausulas contratuais,com direitos e deveres,que os quais se comprometem a cumprir,anteriormente era para toda vida,hoje enquanto interessar, (diferente do religioso que a dissolução só acontece com a morte de um dos dois), foi instaurado pelo homem,inicialmente para dar proteção a família,
    Basta verificar que o casamento civil surgiu no final do seculo XVII, na Europa após a revolução francesa,já no BRASIL,no dia 24 janeiro de 1890 ,e foi promulgado pelo então Marechal Deodoro da Fonseca,e que tem havido modificações,alterações,do seu principio básico, e que ( sendo a vontade dos homens,também poderá deixar de existir),que não correspondem com as Escrituras Sagradas,relativo a união de um homem e uma mulher.
    A palavra dita em Romanos 13:1-4 – fala da obediência do homem ao homem mas esta autoridade tem que esta submissa a autoridade de DEUS,porque se o meu governante,errar,eu tenho conhecimento,eu não serei tido como inocente,e sim como culpado,pois a obediência cega somente a DEUS,e a nenhum homem,porque todos nos ,somos passiveis de mentir,enganar e tantos outros pecados,como um cego guiara outro cego,ambos cairão no buraco,então é muito importante saber o que diz a bíblia e como diz que é para não errar achando que esta fazendo certo,porque nenhum homem tem autoridade sobre as Sagradas Escrituras ,as quais nos temos escritas na bíblia sagrada.

    NENHUMA AUTORIDADE SOBREPÕE A AUTORIDADE DE DEUS.

    OBS: O não conhecimento das escrituras,fazem com que as pessoas peguem versículos isolados,sem se dar o trabalho,de ler ao menos dois acima dois abaixo,e toma como certo,o outro que já esta no erro,mas também não conhece apoia,é o que vemos constantemente aqui um cego arratando outro cego para a vala da perdição,porque ele leu na bíblia aquilo,esta parte mim convém,mas não lê a parte,do que ele tem que fazer para obter o seu querer.

  3. se formos levar ao peh da letra, as igrejas nao poderiam casar mais ninguem.
    quanto aos incredulos, a critica eh a eles e nao a igreja.
    pq diabos um incredulo iria querer casar em uma igreja?
    obviamente, por pressao familiar.
    mas e ai?
    nesse caso o que fazer?
    e no caso de casais de religioes ou igrejas distintas?

    • Torreal,quando você diz:Porque um incrédulo iria se casar em uma igreja.? Porque mesmo dizendo e praticando contrário a vontade de DEUS, ele sabe que tem alguém superior a ele mesmo ele não vendo,mas quer fazer algo que tenha ouvido dizer que,aquela pratica é abençoada por DEUS,e ele não que ser amaldiçoado.
      No sentido normal da coisas o casamento entre um homem e uma mulher,pode ser por amor, que é o certo,mas também por vários tipos de interesses,satisfação social,acobertamento da sexualidade,que são meios errados,mas na mente das pessoas,imaginam,ter a aceitação e o perdão de DEUS,pelo fato de haver casado na igreja,então DEUS vai abençoar,mas se esquecem que este mesmo DEUS,só abençoa se estiver de acordo com a sua vontade,caso contrário e um trabalho em vão.
      Um exemplo dos dias atuais,a demanda da comunidade gay,para se casarem na igreja,sabem que estão contrários a vontade de DEUS,é certo que DEUS não cai abençoar mas insistem,chegando ao ponto de querer obrigar,pastores e padres a realizarem seus casamentos, por querer mostrar suas vaidades, independência , rebeldia e superioridade insistem,como se pela pressão deles DEUS,fosse obrigado a aceita-los.
      Hoje temos muitas igrejas que aceitam,gays e até mesmo,celebrar casamento entre eles,como igrejas que são dirigidas por lésbicas,outras por gays,mas estas eles não querem porque eles sabem que não tem a aceitação de DEUS,querem onde sabe que DEUS,abençoa,a obediência e a diferença da porta larga e a porta estreita.aquele que não fizer conforme o que lhe é mandado,é certo que a porta estreita,estará fechada para ele

      2 Pedro 2:4 – Pois Deus não poupou os anjos que pecaram, mas os lançou no inferno, prendendo-os em abismos tenebrosos a fim de serem reservados para o juízo.

      Que diferença faz,Ele mandar os desobedientes que não se arrependem,para o mesmo caminho que anjos que também desobedeceram foi!
      Ele não prometeu a ninguém,que aceitaria ao menos um com um único pecado! então Ele da a oportunidade,pegue quem tem interesse em ser salvo,pois Ele não obriga a ninguém a aceita-lo.

      • nao escreva bobagens.
        incredulos sao incredulos.
        os que acreditam nao sao incredulos.
        eu nao me casaria em nenhum ritual religioso simplesmente pq acho patetico.
        e apenas para que saiba, casamento por amor eh algo bastante moderno.
        ateh por volta do seculo 19, a maior parte dos casamentos se dava por convencao.
        o amor romantico eh algo novo na historia humana.

        • Torreal,você é um critico desinformado,que acredita que todos aceitem as suas opiniões,sem que você apresente um respaldo daquilo que você diz: nos cristãos,temos respaldo, do que falamos,tantos bíblico como histórico milenares que comprovam o amor de um homem por uma mulher e vice versa.

          Por ventura você tem algum respaldo,que possa comprovar a sua afirmação?
          Se tiver por favor poste,para que possamos ter conhecimento das suas verdades.

          • estude historia.
            os casamentos ateh a idade media eram arranjados pelas familias.
            o amor era um bonus, mas era raro.
            os noivos mal se conheciam antes de se casarem.
            nao existia liberdade para namoros ou flertes.
            tanto eh que a tradicao de pedir a mao da noiva ao pai vem disso.
            antigamente quem tinha o poder de decisao era o pai, que nao levava em consideracao as vontades da moca.
            ela poderia estar apaixonada por outro, mas acabava casando com quem seu pai, ou familia queriam.
            se quiser pesquisar, pesquise.
            ou entao se mantenha ignorante.
            minhas aulas custam 45 reais hora aula (um absurdo de barato, reflexo de nossa cultura)

          • Torreal,você disse estude historia,eu porem lhe digo leia a bíblia mesmo que seja só por curiosidade,comece por Gênesis,leia a respeito de Abraão,seu filho Isaque,o seu neto Jaco,verifique o que dizem de suas esposas,como se casaram,se era da vontade delas,e como foi a vida dos casais,se lhe agradar,vai em frente,mas não fale daquilo que você não sabe,porque como você cobra R$ 45,00,hora aula,creio que suas aulas são dirigidas a um publico infantil,certamente você é um contador de estorias,e muito diverte as crianças,mas lhe falta o conhecimento da historia da vida,que por 2(duas) horas de aula da para você comprar uma bíblia ( OBS: Evite comprar traduções corrompidas, fajutas porque lhe fará muito mal) de aproximadamente R$ 90,00(noventa reais) e se instruir espiritualmente mesmo não sendo do seu interesse o crescimento espiritual,mas terá conhecimento das verdades bíblicas,e não citara assuntos como verdadeiros que os quais você não tem conhecimento e muito menos domínio do que diz. Este conhecimento bíblico eu lhe garanto que se lhe fizer bem,mal então não lhe fará de jeito nenhum.

          • ja li bastante a biblia, Antonio.
            ateh gosto, tem historias legais, cheias de sexo, traicao, amores proibidos.
            mas eh um livro apenas, nao sou cristao, a biblia eh para mim nada mais que um livro.
            e nao eh um livro de historias reais, mas um livro de mitos.
            quando se fala das sociedades, sabemos que o real eh bem diferente das historias romanticas.
            na idade antiga as mocoilas so se casavam com permissao dos pais.
            como eu disse, raro acontecia um casamento depois de um namoro.
            namorar nao era permitido.
            os noivos se conheciam jah com o casamento marcado.
            dai sim, surgia algo mais, pois era como funcionava na epoca.
            as pessoas nao se importavam em sair para conhecer outras pessoas e se apaixonarem.
            isso nao existia.
            os casamentos eram combinados entre os pais, e depois era contado aos filhos.
            e mesmo na biblia, estah cheio de historias desses casamentos arranjados.
            se vc estudar um pouco sobre o tema, vai aprender muito.
            e sair do mito.

    • haaa sim, e foi o código civil que inventou o casamento por acaso? Vai raciocinar sujeito, a ideia de casamento vem do judaismo/cristianismo, não dos teóricos iluministas, que naba, gente burra.

    • A partir do momento que o Estado assumiu o casamento, só tem validade no civil. Quando eu era criança, a certidão de casamento na igreja era válida. Depois que as autoridades se cansaram daquela palhaçada do “casa-separa”, agora só celebram casamento no religioso se os nubentes apresentarem a certidão de casamento no civil.

  4. Complicado um pastor se negar a realizar um casamento, salvo em casos de pecado publicamente conhecido, por exemplo, sabe-se e todos sabem mesmo que o camarada tem duas mulheres.

  5. por partes
    primeiro ninguém é responsável por votos de quem os faz, é como diz paulo na santa ceia examine-se o homem a si mesmo,
    segundo realmente se estão em adultério, e o pr. sabe e casa peca com eles
    terceiro seja quem for e se não estiver em pecado de adultério e pedir para casar, mesmo que não professe a mesma fé, o pr. não pode se negar, salvo se os nubentes não sejam homem e mulher
    é como se negar a apresentar uma criança e ou fazer um enterro de ímpio.
    então não sendo por adultério deve casar sim
    e por ultimo a pessoa que está no mundo e pesa contra ela as transgressões de adultério e divórcio, ao aceitar a o salvador e se batizar é nova criatura e todas as coisas velhas passaram,
    tudo se fez novo.

  6. O Pastor Russell Moore, tem toda razão de não celebrar casamento na casa do Senhor e nem em lugar nenhum de pessoas que estão juntas fora da comunhão e vão continuar fora dela; porém, sou pastor evangelico; e tenho feito muitos casamentos religiosos com efeito civil; em alguns casos pessoas que moravam juntas, porém decidiram mudar de vida para entrar em comunhão com a Igreja do Senhor; quem está em Cristo nova criatura é as coisas velhas já passaram e eis que tudo se fez novo; neste caso podemos e devemos fazer na Igreja do Senhor

  7. A igreja evangélica, não deve negar de celebrar um casamento só porque os noivos são são evangélicos, o que o pastor tem que fazer, e acolher na sua igreja pessoas que vivem ao contrário da palavra de DEUS, e dizer , que as praticas que elas estão praticando, não agrada a DEUS, por exemplo, mesmo que as pessoas estejam em pecado e quer casar que se case, cabe ao pastor disser, se casem e a partir de hoje, vivam uma vida digna, correta na presença de DEUS.

    Olha, se esses pregadores se preocupassem menos com doutrina de igreja e seguissem os ensinamentos de JESUS, tudo seria muito simples, é o povo seria abençoado.

    JESUS, não se negou em atender a mulher adultera porque ela estava em pecado, ao contrário , JESUS a acolheu, fez ela compreender que a vida que ela estava vivendo, era uma vida contrária a sua palavra, vai-te e não pequeis mais.

    O pastor tem que fazer o mesmo, não pode deixar de casar um casal só porque estes não são evangélicos, se esse pastor for sábio, ele vai casar e ainda , vai ganhar essas almas para JESUS.

  8. O Pastor, tem razão até certo ponto. Nos dias de hoje, dificilmente um casal de noivos, mesmo nas igrejas evangélicas, têm se casado virgens. ninguém é tão bobo para crer que depois de vários meses de namoro, os pombinhos, fiquem só no beijo. Sendo assim, devem ser aconselhados, independentemente de saber se há fornicação ou não, melhor que se casem, para que a relação não sejas mais pecaminosa.

    • A “princesa”, que certa vez você declarou que é uma “mulher de deus”, vive amancebada com um cara e não era mais virgem quando se juntou com ele. Segundo os princípios bíblicos, ela não estaria em pecado? Pergunto isso porque você só vê o pecado dos gays e ainda tem coragem de declarar “mulher de deus” uma mulher que vive em pecado.

      • CLAUDIOta

        “A “princesa”, que certa vez você declarou que é uma “mulher de deus”, vive amancebada com um cara e não era mais virgem quando se juntou com ele. Segundo os princípios bíblicos, ela não estaria em pecado? Pergunto isso porque você só vê o pecado dos gays e ainda tem coragem de declarar “mulher de deus” uma mulher que vive em pecado.”

        1) O nome de “Deus” se escreve com inicial maiúscula.
        2) Amancebada o teu rab0, eu casei na igreja.
        3) Não era virgem e que tem isso?
        Favor não confundir virgindade com santidade.
        Meu “namorado” também não era virgem e nós dois expusemos os fatos um para o outro, o que eu acho feio é casar enganando o(a) parceiro(a), dizendo que ainda é.
        Até há poucos anos o homem podia por lei pedir a anulação do casamento se descobrisse que a mulher já não era virgem, mas a mulher não tinha esse direito.
        E o adultério era crime, o da mulher, pois o do homem era “normal”.
        Quem faz sexo antes do casamento está em pecado?
        Desde quando o amor é pecado?
        Deus com certeza não é aquele velho de barbas brancas sentado num trono nas alturas, vigiando 24/7 o que faço com minha vagina.
        A qual, registre-se o detalhe, é exclusividade da mulher, restando a você um prêmio de consolação, que é o imundo contato com o esgoto, aproveite para gritar “Ô, Glóóóriaaaaa”
        E eu estou em pecado segundo quem, a Briba?
        Olha, tem tanta coisa lá que se fôssemos seguir tudo, voltaríamos todos nós à idade do bronze.
        Já degolou um carneiro hoje?
        Já espalhou ao redor do altar o sangue?
        Já queimou a carne em fedor suavíssimo para o Senhor?
        Para querer isso, só o Senhor dos Anéis…
        Já apedrejou uma adúltera?
        Já invadiu uma cidade e matou todo mundo lá dentro, só porque não são cristãos?
        E outra: perdi a virgindade antes do casamento e daí?
        Vou pro inferno, que nem sequer existe?
        Deus, além disso, é infinitamente justo e castigar alguém por tão pouco é injusto, veja o descompasso entre a falta e o castigo…
        NÃO HÁ JUSTIÇA!!!!!!

        Bem se vê que não sabe nada de Deus…
        Infeliz é quem deixa um livro fazer o trabalho que cabe ao seu cérebro, presumindo que ainda tenha um.

        • Agora sim, você deixou claro quem é. Mesmo assim, por que não respondeu as perguntas que o Antônio Henrique dirigiu a você? A propósito, tudo isso que que você questionou deve redirecionar ao Manoel, Clamando, Lopes, sua amicíssima Vanessa, Antônio Henrique e outros fanáticos viciados em bíblia, não a mim.
          A propósito, eu conheço a regra gramatical, mas uso “deus” com letra minúscula porque, para mim, é substantivo abstrato.

  9. Antônio Henrique, você é um débil mental ou se faz? Pede ao Torreal que apresente respaldo para as suas declarações, ele apresenta com fatos históricos irrefutáveis e você manda ele ler a bíblia. Que parte? aquela que diz que a esposa deve ser apedrejada se for pega em adultério? Ou aquela que permite ao homem engravidar a escrava se a esposa for estéril? Ou ainda aquela que dá liberdade à esposa de tirar alguma dúvida com o marido em casa, já que não pode falar na igreja? Bíblia realmente é uma piada.

    • Cláudio, DESEQUILIBRADO MENTAL,quando falo que tem pessoas,ou não entende das coisas ou são agradáveis com vocês gays dizendo vocês serem inteligentes,realmente não representa a realidade,porque certamente querem falar o contrário mas para não magos-los,ou criar caso dizem que vocês são inteligentes e acaba o assunto,porque vocês fazem vergonha,á aquele animal muito útil que serve para montaria,puxa carroça,que tem as orelhas grandes,que é o resultado do cruzamento do jumento com a égua,isto tudo é para não ofender o animal de quatro patas; em primeiro lugar se fosse inteligente não seria gay,seria aquilo que nasceu para ser.

      Leitura, o Torreal tem dificuldades em leitura bíblica, você muito mais porque:

      2 Timóteo 3:1-17 – Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos.
      Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos,
      Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons,
      Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus,
      Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.
      Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências;
      Que aprendem sempre, e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade.
      E, como Janes e Jambres resistiram a Moisés, assim também estes resistem à verdade, sendo homens corruptos de entendimento e réprobos quanto à fé.
      Não irão, porém, avante; porque a todos será manifesto o seu desvario, como também o foi o daqueles.
      Tu, porém, tens seguido a minha doutrina, modo de viver, intenção, fé, longanimidade, amor, paciência,
      Perseguições e aflições tais quais me aconteceram em Antioquia, em Icônio, e em Listra; quantas perseguições sofri, e o Senhor de todas me livrou;
      E também todos os que piamente querem viver em Cristo Jesus padecerão perseguições.
      Mas os homens maus e enganadores irão de mal para pior, enganando e sendo enganados.
      Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido,
      E que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus.
      TODA ESCRITURA É DIVINAMENTE INSPIRADA E PROVEITOSA PARA ENSINAR,PARA REDARGUIR,PARA CORRIGIR,PARA A INSTRUÇÃO EM JUSTIÇA
      PARA QUE O HOMEM DE DEUS SEJA PERFEITO,E PERFEITAMENTE INSTRUÍDO PARA TODA A BOA OBRA.
      2 TIMÓTEO 3:1-17
      OBS: RESPONDE A SUA PERGUNTA,ENTÃO LEIA A BÍBLIA E NÃO TERÁ QUE FICAR FAZENDO PERGUNTAS TOLAS.

      • Cara, mas ele já não te disse que não é cristão. Se ele não é cristão, de que adianta uma mula que fala e escreve ficar falando em Timóteo? Depois o resultado di cruzamento do jumento com a égua sou eu. Vá ler a bíblia para um muçulmano radical pra você ver o que acontece, vá. Por que vocês fazem questão de ser tão insuportáveis? Já disse e repito: bíblia pra mim não serve nem pra forrar caixinha de gato.

        • Cláudio,desequilibrado mental,o fato do Torreal não ser cristão não impede que ele tenha conhecimento do conteúdo da bíblia,é para no caso de discutir o assunto bíblico, ele ter uma opinião formada do assunto, e não falar aquilo que lhe vem a boca.
          E quanto a você vejo que já progrediu bastante,deixando de ser o último,e passando a ser o penúltimo,grande progresso,viu aos poucos você vai apreendendo,e que sabe,passando a tomar conhecimento da verdade e deixa de ser gay; é tanto que você conseguiu identificar,que o produto do jumento com a égua é você,ótimo continue assim,que certamente terá um futuro promissor.

          • Deixe de ser ridículo. Dessa farsa chamada cristianismo eu já saí e posso te garantir que não tenho a mínima vontade de retornar. O mal dos evangélicos é tentar ganhar pelo grito. Literalmente.

DEIXE UMA RESPOSTA