Pastor John Piper diz que o dom de línguas tem sido usado de forma contrária ao que a Bíblia ensina; Assista

101

O dom de línguas é uma das expressões do Espírito Santo que causam mais controvérsias entre os cristãos por conta da complexidade que o envolve e também pelas doutrinas eclesiásticas existentes e que surgiram baseadas em interpretações do Evangelho.

O pastor batista John Piper, um dos líderes cristãos mundiais mais reconhecidos da contemporaneidade, afirmou que não existe embasamento no Novo Testamento para a ênfase e incentivo à busca desse dom e sua prática da forma como acontece hoje em muitas igrejas.

Piper disse que durante seu ministério pastoral, atravessou diversas “fases” no que se refere aos dons do Espírito Santo, em especial, o dom de línguas.

“Parece que se você não fala a respeito disso no púlpito e não ensina sobre isso, ao menos no nosso contexto, esses dons tendem a desvanecer […] Eu diria que na maior parte dessas ‘fases’ eles [os dons] não estão em evidência”, observou o pastor.


A precaução com o dom de línguas, segundo John Piper, deve existir pela preocupação expressada pelo apóstolo Paulo em sua carta aos Coríntios, quando ele sugere que os irmãos não se deixem levar pela emoção e que o dom seja usado em benefício da comunidade.

“Entendo que Paulo não desejava colocar esse dom em destaque. Na verdade, ele estava um pouco aborrecido pela ênfase que o dom havia ganhado”, disse John Piper, mencionando o capítulo 12 da primeira carta aos Coríntios. “Ele teve que colocar limites, ao invés de promover o dom”, acrescentou.

Para o pastor, existem doutrinas que distorcem o propósito dos dons, principalmente no caso do falar em línguas: “Não acredito na doutrina histórica dos pentecostais de que você tem que falar em línguas como sinal de que você está cheio do Espírito Santo, ou até mesmo de que você é um cristão”.

Piper resume seu ponto de vista dizendo que não há indícios de que alguma coisa tenha mudado na forma como o Espírito Santo distribui seus dons, mas sim, na forma como os cristãos tem olhado para essa questão: “Acho que a maneira como esse dom é normalmente usado em público, como uma espécie de êxtase coletivo, não tem base no Novo Testamento”.

“Não vejo nenhuma razão para afirmarmos que algo mudou na história da Redenção e que entre a era dos apóstolos e a nossa era esse dom tenha desaparecido. Se Deus quiser que ele desapareça, Ele o fará desaparecer. Mas não vejo nenhum mandamento para que não o busquemos. Na verdade, vejo versículos que nos encorajam a fazê-lo”, ponderou.

Há, segundo Piper, duas aplicações para o dom de línguas: a manifestação do Espírito Santo em um idioma conhecido pela humanidade, mas desconhecido pelo profeta – e que teria aplicação prática na entrega de uma mensagem a alguém que entende tal idioma; e a manifestação através da língua dos anjos, como expressão de um momento espiritual. Nesse segundo caso, o pastor diz que, para que toda a igreja seja beneficiada, é indispensável que haja um intérprete, pois em caso contrário, não há como captar o sentido do que foi dito.

Em muitos casos, segundo Piper, as manifestações são expressões de êxtase, emoção, e por isso o alerta do apóstolo Paulo para que “se não houver intérprete presente, não fale em línguas em público”.

Assista:

Assine o Canal

101 COMENTÁRIOS

  1. Esse cara, pela graça de Deus é muito respeitado ! Muito boa a explicação quanto aos dons que em alguns movimentos neo pentecostais, na maioria dos cultos só cultuam manifestações e mal leem a palavra de Deus.
    Façamos tudo com ordem e decência. Não passemos do que está escrito e que o Espirito Santo tenha a liberdade para usar a cada um nas reuniões do santos.

        • Pastor John Piper Sabias palavras

          Olho eu creio nos dons ! Sim
          Porem de nada vale esta discussão
          Tem pessoas morrendo sem cristo… O povo continua hipócrita e esse problema de divisões vem de muitos anos sem contar que na Época das 12 tribos de Israel já existia intriga (Jesus falando com a mulher samaritana E ela questionando o por que ele estava falando com ela por que os judeus não falavam com samaritanos).
          Problemas existem sim !!! toda a igreja tem
          Defeitos diversos e confesso que se meu alvo foce doutrinas ,teologias , eu ja estaria fora da igreja
          Assim como vi Teólogos Ateus .
          Quanto o pensamento da predestinação todos nos pelo pecado ja estamos predestinados a morte e foi por isso que Cristo veio ,ou seja a pessoa precisa viver cristo para receber a predestinação da salvação .
          Perca de tempo ficar aqui enquanto meus irmãos!! tem pessoas morrendo la fora.
          E o que blasfema o espirito por falta de maturidade , ele sabe onde terá que prestar sua explicações.

  2. Sei que a bíblia diz que havendo línguas o Espirito Santo está presente
    Sei que a bíblia diz que não falamos nas línguas dos himens mas na dos anjos.
    O resto é só resto estes interpretes de exegese medíocres se sobrepõe a verdade, mas estão mesmo é mentindo.

    • Eu sei que a Bíblia chama de de MENINOS os que fazem mal uso dos dons e que em I Co 14 Paulo disciplina a igreja quanto à meninice deles em relação ao dom de línguas.

      • MARCOS
        E ai já se converteu? pode até ser mas não amadureceu, porque sempre contrária a tua postagem, ora se a bíblia diz que as línguas são sinal da presença do Espirito santo, por que duvidar.
        Se diz que estas línguas estranhas são as línguas dos anjos, por que duvidar e ou querer relaciona-la aos homens.
        Pelo menos uma vez seja coerente e respeite o que está escrito, agora quanto ao apreender a lidar certo e não agir como meninos é outra coisa.

        • “as línguas são sinal da presença do Espirito santo” – Em qual contexto?
          “estas línguas estranhas são as línguas dos anjos” – A Bíblia não diz isso.

          “Têm todos o dom de curar? falam todos diversas línguas? interpretam todos?
          Portanto, procurai com zelo os melhores dons; e EU VOS MOSTRAREI UM CAMINHO MAIS EXCELENTE. Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine……..O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; HAVENDO LINGUAS, CESSARÃO; havendo ciência, desaparecerá; Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos; Mas, quando vier o que é perfeito, então O QUE É EM PARTE SERÁ ANIQUILADO…..Quando eu era MENINO, FALAVA COMO MENINO, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que CHEGUEI A SER HOMEM, ACABEI COM AS COISAS DE MENINO. Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido. Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.”

          I Co 12:31; 13:1; 8-13

    • leia a biblia e entenderá que nem todos falarão em linguas. você pode buscar o dom se não tiver mas não significa que você não é batizado se não falar em linguas.
      1 Coríntios 12
      1 Irmãos, quanto aos dons espirituais[23], não quero que vocês sejam ignorantes.

      1 Coríntios 14
      1 Sigam o caminho do amor e busquem com dedicação os dons espirituais, principalmente o dom de profecia.
      12 Assim acontece com vocês. Visto que estão ansiosos por terem dons espirituais[28], procurem crescer naqueles que trazem a edificação para a igreja.

  3. Concordo em parte como o Sr. da foto, o americano J. Piper. Sabe, vejo ao longo do tempo que há uma recusa ao Espírito Santo no meio das Igrejas. Ora pois, se o principal agente da Graça sai de cena com tudo o que Ele opera, o homem fica com a glória! Daqui a pouco vai ser os outros dons que receberão a dura críticas do “pensantes” modernos da Bíblia. Foi o Senhor Jesus quem disse: ‘Os sinais seguirão os que creem em meu nome…falarão novas línguas’. Se alguém atribuir isto a idiomas, como fica os irmãos iletrados ou mesmo a grande maioria que mesmo sabendo lê não é bilingüe? Todavia, para Piper bom seria generalizar na interpretação de que mais se há emoção e extase. Se alguém vai após isso, certamente experimentará derrocada, não dará frutos e logo o perceberão. Porquanto, bom mesmo é ficar na Palavra, dependendo de seus ensinos, sem ser extremamente teologizado a ponto de adotar fillosofias em vez de Bíblia.

    • Mendes,

      Sugiro que leia o artigo novamente, pois, acho que você não entendeu.
      Sugiro que leia também I Co 12, 13 e 14 – Na sequência, sem isolar versículos, acompanhando o raciocínio de Paulo.

      Após fazer estas duas coisas impossível não entender acerca do dom de línguas.

      • Prezado Marcos, entendi o texto sim e até concordo com você, acho que não consegui expor minhas idéias no que escrevi. Eu apenas dei ênfase a questão de se regular o que provém de Deus (o Espírito Santo), Ele não erra, não falha, mas sei que o espírito do profeta é sujeito ao mesmo, contudo o que destaquei foi a maneira de Piper abordar a ação do Espírito, como sei que este é de “corrente calvinista” (não que seja reprovável) observei que as posições – quanto a ação do Espírito – são sempre frias e até mesmo com denotações céticas, daí baseei minhas observações. Leia direitinho meu texto que verás isso….grato amigo.

  4. O APÓSTOLO SÃO PEDRO PREGOU NO DIA DO PENTECOSTE EM SEU PRÓPRIO IDIOMA E NÃO EM OUTRA LINGUA, O MILAGRE ESTAVA EM QUEM ESTAVA OUVINDO, POIS NAQUELE
    MOMENTO ESTAVA VÁRIAS NAÇÕES REUNIDO EM UM SÓ LUGAR E ESPÍRITO SANTO TRADUZIA A PREGAÇÃO DE PEDRO EM SEUS PRÓPRIO IDIOMA.

  5. Ora os crentes verdadeiros de sobre a face da terra dificilmente encontrar um que não seja Batizado no batismo do Espirito, todo aquele que reconheceu a Jesus Cristo como seu UNICO Salvador e desceu as aguas no Batismo por imersão deve sim ardentemente buscar o Batismo do Esprito Santo do Deus Vivo, O nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo desceu do céu, e porque se esvasiou da sua Santa Gloria e se fez homem, estava sujeito as enfermidades do homem [ Hebreus 5, 7-9,] no seu papel humano de filho do homem, ele precisou do Batismo do Espirito Santo, portanto antes de dar início ao seu primeiro ministério publico, recebeu o Espirito Santo ao ser batizado por João batista nas águas do rio Jordão [ Mateus 3. 16, os Apóstolos receberam, no cenáculo, o batismo do Espirito Santo, as mulheres que seguiram Jesus Cristo receberam o Espirito Santo [ Atos 1,14, Maria, a mãe de Jesus Cristo na carne e que pelo Espirito Santo concebeu o Salvador, recebeu o Espirito Santo, os Irmãos de Jesus Cristo na carne filhos de Maria receberam esse Glorioso Batismo, cada um dos 120 que estavam presentes no cenáculo, crentes receberam o Batismo do Espirito Santo, cada um das 3000 pessoas que ouviram Pedro pregar seu sermão do dia de Pentencoste recebeu a promessa do Dom do Espirito Santo [ Atos 2, 37-39, ora todo o crente verdadeiramente crente que buscou recebeu o Batismo do Espirito Santo e todo crente de sobre a face da terra de todos os tempos ao receber o Batismo do Espirito falaram e falam em linguas dos Anjos ou falam em misterios, ou linguas estranhas não importa qual destes tres nomes todos são o dom de linguas pois este e como sem duvidas o sinal de que um crente foi Batizado no Espirito, concordo com o Pastor o Dom de liguas tem sim que ser disciplinado, em um culto de oração que na igreja somente esta presente os seus fieis ai sim todos em oração pode sim falar com Deus em linguas pois o proposito e este, agora falarr em liguas de qualquer maneira e errado e não edifica a ninguem uma ves que os outros não entendem o que se esta falando, o Pastor correto e verdadeiro ensina e disciplina seus fieis sobre este assunto, BATISMO NO ESPIRITO SANTO E O MAIOR DOS MAIORES PRESENTE QUE UM CRENTE PODE TER NA TERRA, O REFRIGERIO SANTO, ALELUIAS GLORIAS A DEUS POR ISSO AMEM

  6. Estou postando um texto de Mário Persona, que esclarece muito bem a questão do falar em línguas. Assim respondeu ele, ao ser indagado por uma mulher sobre o assunto:

    Por que não consigo falar a língua dos anjos?

    Pelo que entendi você se converteu e aderiu a alguma igreja pentecostal, e agora vive aflita porque vê seus irmãos e irmãs falando a língua dos anjos e você não consegue. Por que você não consegue falar a língua dos anjos? Simplesmente porque você é sincera e não sabe fingir, além de não se deixar levar por ataques de histeria coletiva.

    A história da “língua dos anjos” é uma das histórias mais mal contadas da cristandade. Depois que Deus causou a confusão de línguas em Babel, para que o homem parasse de se gloriar de sua própria capacidade, o pentecostalismo acabou emprestando a glossolalia, um fenômeno também tratado pela psiquiatria. E acabaram se gloriando justamente daquilo que Deus fez para que não se gloriarem: falar em muitas línguas.

    Como consequência, em alguns grupos cristãos aqueles que “não conseguem” falar “línguas estranhas” ou a “língua dos anjos” são vistos como cristãos de segunda categoria, pessoas que não têm o Espírito Santo. Oras, “se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dEle”! Rm 8:9

    Para entender a questão de línguas, é preciso voltar ao Éden. Lá havia uma língua só, e com ela encontramos Adão e Eva se comunicando entre si, e falando com Deus e com Satanás na forma de serpente. Deus e Satanás também se comunicavam com Adão e Eva de um modo que eles se entendiam, portanto não havia ali necessidade de intérpretes.

    Depois de Babel as pessoas precisariam aprender diferentes línguas se quisessem se comunicar entre si. Mesmo assim o homem continuou se comunicando com Deus sem precisar de intérpretes. E Deus e os anjos continuaram falando aos homens em diversas ocasiões sem tradução simultânea. Ou seja, as diferentes línguas são um problema para quem vive no mundo material, não no espiritual. São um problema de comunicação entre homens, não entre o homem e Deus ou anjos.

    No dia de Pentecostes Deus inverteu o que fez em Babel para mostrar que agora queria novamente que Seu povo pudesse se entender. Os discípulos, cheios do Espírito Santo, falaram em diferentes línguas, e judeus de várias nações os ouviram falar cada um em sua própria língua. Apesar de ter sido algo miraculoso, obviamente não há ali qualquer menção de um idioma angelical, pois fica claro tratar-se de idiomas humanos e há até uma lista das regiões onde esses idiomas eram falados. At 2.

    De onde então o pentecostalismo tirou essa ideia, de que alguém poderia falar a língua dos anjos? De 1 Co 13:1 “Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine”. O problema é que Paulo não está dizendo ser capaz de falar a língua dos anjos. Ele está usando uma figura de linguagem e fica fácil entender isso se lermos os “ainda que” usados por ele no texto:

    “Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos…”
    “Ainda que tivesse o dom de profecia…”
    “Ainda que conhecesse todos os mistérios e toda a ciência…”
    “Ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse montes…”
    “Ainda que distribuísse toda a minha fortuna para o sustento dos pobres…”
    “Ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado…”

    O foco de Paulo não está nas coisas que ele supostamente seria capaz de fazer, mas no fato de que de nada adiantaria fazer tudo isso se não tivesse amor. Ao focar na “língua dos anjos” o pentecostalismo perde o foco totalmente, como a criança que ganha um brinquedo de aniversário e prefere brincar com a caixa.

    Se adotarmos o mesmo princípio usado pelo pentecostalismo para a interpretação do texto, seremos obrigados a admitir que Paulo fosse um super-herói digno dos gibis: Além de falar a língua dos anjos, ele era capaz de falar todas as línguas dos homens (6.912 idiomas já foram identificados até hoje), tinha o dom da profecia, conhecia todos os mistérios e toda a ciência, tinha fé capaz de transportar montes, era bilionário e filantropo e pretendia ser cremado, talvez ainda vivo.

    Absurdo, não é mesmo? Eu também acho. Mas alguém poderá correr apontar outra passagem: 1 Co 14:2 “Porque o que fala em língua desconhecida não fala aos homens, senão a Deus; porque ninguém o entende, e em espírito fala mistérios”. Bem, aqui não diz nada de língua dos anjos, mas de um idioma estrangeiro e desconhecido dos presentes.

    Parafraseando o versículo, o sentido seria: “Porque o que fala chinês entre brasileiros, não fala aos homens, senão a Deus; porque ninguém o entende, e em espírito fala mistérios”. É óbvio que eu não entenderia um irmão da China orando em chinês ao meu lado, e teria de admitir que aquilo tudo seja um mistério para mim e ele não está conversando comigo, mas com Deus.

    A passagem continua com Paulo explicando que “o que fala em língua desconhecida edifica-se a si mesmo, mas o que profetiza edifica a igreja”. O que Paulo quer dizer? Que falar em um idioma estrangeiro e desconhecido aos outros é algo maravilhoso? Não! Ele está dizendo exatamente o contrário. É algo que chega a ser egoísta quando é feito na congregação, pois não edifica a ninguém senão ao que fala. Ele segue mostrando que profetizar, isto é, falar das coisas de Deus e da Sua Palavra em uma língua inteligível, é algo muito melhor e superior ao balbuciar extático numa língua estrangeira.

    “A não ser que também interprete para que a igreja receba edificação”, continua Paulo, mostrando a inutilidade de se falar em uma língua desconhecida entre irmãos sem um intérprete. Se você já participou de uma palestra em uma língua estrangeira que você não entende, vai reconhecer que foi pura perda de tempo. É por isso que Paulo continua falando da falta de proveito de se falar numa língua estrangeira que ninguém entende, chamando a isso até de um colóquio entre bárbaros! (1 Co 14:11). Você não iria querer ser um deles, não é mesmo? “Se eu ignorar o sentido da voz, serei bárbaro para aquele a quem falo, e o que fala será bárbaro para mim” 1 Co 14:11. Bárbaro aí tem o sentido de estrangeiro, não de selvagem.

    Paulo termina com um golpe de misericórdia na questão, para deixar muito claro a bobagem daqueles que se gloriam em falar numa língua que ninguém entende: “Dou graças ao meu Deus, porque falo mais línguas do que vós todos [sim, Paulo era poliglota porque estudou muitas línguas]. Todavia eu antes quero falar na igreja cinco palavras na minha própria inteligência, para que possa também instruir os outros, do que dez mil palavras em língua desconhecida. Irmãos, não sejais meninos no entendimento” 1Co 14:18-20. Esta última expressão de Paulo em linguagem de hoje ficaria assim: “O, gente! Deixem de agir como crianças!”

    Mas veja que em nenhum momento o assunto ali é alguma língua angelical, mas idiomas humanos. É preciso distorcer muito o texto para acreditar em outra coisa. Neste momento alguém irá querer correr para 2 Co 12:4: “Foi arrebatado ao paraíso; e ouviu palavras inefáveis, que ao homem não é lícito falar”. Bem, se este versículo estivesse falando de alguma língua angelical, então fica muito claro que o homem está proibido de falar palavras nessa tal língua: “ao homem não é lícito falar”.

    Será que deixei passar alguma passagem de uma suposta língua angelical? Talvez esta: Rm. 8:26 . “E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis. E aquele que examina os corações sabe qual é a intenção do Espírito; e é ele que segundo Deus intercede pelos santos”. Bem, entendo que aqui não fala de uma língua, mas de intenções do Espírito em nós. E esses gemidos não são nossos, mas do Espírito.

    Diante de tudo isso, eu perguntaria: Que vantagem alguém teria por falar uma língua de anjos? Primeiro, em nenhum lugar somos encorajados a nos comunicarmos com anjos, mas diretamente ao Pai e ao Filho. Perceba que nem mesmo encontramos alguém na Bíblia falando ao Espírito Santo em oração, mas apenas a Deus, o Pai, e a Jesus, o Filho.

    Portanto, se já tenho acesso a Deus Pai e a Deus Filho para minhas petições, porque iria querer falar com anjos em um idioma que nem eu entenderia? Que utilidade isso teria para o anjo, encontrar um ser humano falando coisas que nem sabe o que significam? Se alguém pretende se comunicar dizendo coisas que não sabe o que significam, isso não seria comunicação coisa nenhuma. Qual a utilidade de falar uma língua que nem eu e nem ninguém entende, senão de querer me exibir? E se falasse a pretexto de falar com Deus ou com anjos, por que eu precisaria de tal idioma se nunca encontramos Deus ou os anjos falando com humanos em outra língua que não seja a da pessoa envolvida na conversa?

    Mesmo que se alegasse a possibilidade de se falar uma língua dos anjos nessas manifestações de histeria coletiva que vemos em algumas igrejas pentecostais, ainda assim essas pessoas não estariam cumprindo a ordem clara que é dada na Palavra de Deus:

    1 Co. 14:27-35 “E, se alguém falar em língua desconhecida, faça-se isso por DOIS, ou QUANDO MUITO TRÊS, e UM DEPOIS DO OUTRO, e HAJA INTÉRPRETE. Mas, SE NÃO HOUVER INTÉRPRETE, ESTEJA CALADO NA IGREJA, e fale consigo mesmo, e com Deus. … Porque Deus não é Deus de confusão, senão de paz, como em todas as igrejas dos santos. AS VOSSAS MULHERES ESTEJAM CALADAS NAS IGREJAS; PORQUE NÃO LHES É PERMITIDO FALAR; mas estejam sujeitas, como também ordena a lei. E, se querem aprender alguma coisa, interroguem em casa a seus próprios maridos; PORQUE É VERGONHOSO QUE AS MULHERES FALEM NA IGREJA”.

    Agora ninguém poderá dar a desculpa de que não viu estas instruções claras na Palavra de Deus. Mesmo assim, aposto um doce como na igreja onde você congrega todas estas regras são desrespeitadas quando começam a falar em línguas estranhas.

  7. O que se vê em certo meio religioso não é, absolutamente falando, o dom de línguas que, quando existiu, serviu a um propósito definido, a saber: pregar o Evangelho a diferentes povos e em línguas inteligíveis, e não em forma de gritaria, rodopios, balburdia, cretinice, desvario de gente que late e mia enquanto blasfema chamando isso de lingua de anjos.

    • Xenoglossia ou mediunidade poliglota é a faculdade pela qual o médium se expressa, oral ou graficamente, por meio de idioma que não conhece na atual encarnação.

      “Quando chegou o dia de Pentecostes, todos eles estavam reunidos no mesmo lugar. De repente, veio do céu um barulho como o sopro de um forte vendaval, e encheu a casa onde eles se encontravam. Apareceram então umas como línguas de fogo, que se espalharam e foram pousar sobre cada um deles. Todos ficaram repletos de UM Espírito Santo, e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito lhes concedia que falassem. Acontece que em Jerusalém moravam judeus devotos de todas as nações do mundo. Quando ouviram o barulho, todos se reuniram e ficaram confusos, pois cada um ouvia, na sua própria língua, os discípulos falarem”. (Atos 2, 1-6).

        • então em pentecostes foi um fenomeno espirita que ocorreu. pois os apóstolos falavam em linguas das pessoas estrangeiras que estavam no local observando o fenomeno.

          não se esqueça que o mesmo Deus daquele tempo é o de hoje. se for desejo Dele que as pessoas fale em linguas estrangeiras isto pode acontecer.

          o que ocorre hoje é diferente do pentecostes. mas não invalida o propósito segundo paulo fala em corintios sobre os dons.

          • Não confundam as coisas….
            Tudo está nas leis da natureza – comunicação entre os dois planos sempre ocorreram. Nada foi inventado pelo Espiritismo.. esse apenas estuda e explica o que em tempos antigos era visto como sobrenatural….e místico. Mediunidade não é exclusividade de espíritas ( aliás nem todos os espíritas possuem mediunidade) A mediunidade é atributo inerente ao ser., e isso não está relacionado a essa ou aquela denominação religiosa e/ou doutrinária.
            há vários tipos de mediunidade – a questão é simples: basta estudar.
            Mas temos uma diferença de cunho preconceitual: Nas igrejas toda manifestação seria do “espírito santo” já em uma casa de estudo espírita seria do “demônio.”

    • o Senhor Jesus está voltando, e muitos religiosos irão fiar na terra discutindo, e brigando um com o outro., vão se converter e ganhar almas pra Jesus, pois o Espírito é santo, então ore a Ele para que possa converter a sua vida,

  8. RESPOSTA AO SANDRO;…..NÃO FALE DO QUE VOCÊ NÃO CONHECE,AGORA EXPLIQUE OS VÍDEOS NA NET DE PADRES QUE ENSINAM A FALAR USANDO O DOM DE LÍNGUAS,QUER MAIS HERESIA DO QUE ISSO???

    • Paulo, desde quando você me conhece para afirmar que falo do que não conheço? Já fui evangélicos por vários anos e sei perfeitamente que o dom de línguas não se manifesta nessas igrejas, mas foi um fenômeno exclusivo da época dos discípulos. Quanto a vídeos de padres ensinando a falar usando o dom de línguas, você só pode estar brincando. Também há padres – milhares deles – que afirmam que Maria falou com três crianças em Fátima e que sol passou rasante em um ajuntamento de pessoas na Cova da Iria, no mesmo país. Imagine, se isso houvesse realmente acontecido, todo o mundo veria o fenômeno e a terra se desintegraria em poucos sengundo. mas Você acredita nisso? Então, não tente use de eviência anedóticas.

  9. Pastor suspeito de ser integrante do PCC é preso com veículo clonado em Monte Alegre de Sergipe

    A equipe de policiais civis da Delegacia Regional de Nossa Senhora da Glória, prendeu na tarde da última quinta-feira, 05, na cidade de Monte Alegre, o pastor Genival Ramos Silva, 49 anos, acusado de portar um veículo clonado.

    De acordo com a polícia, o Pastor Genival informou que era integrante do Primeiro Comando Capital (PCC) – a maior organização criminosa do Brasil – que atua principalmente em São Paulo.

    Genival tem passagens pela polícia por tráfico de drogas e estava em Monte Alegre liderando a congregação da ‘Igreja Evangélica Jesus Cristo é o Senhor’.

    Ao suspeitar de um veículo Saveiro com placa de São Paulo, a equipe do Delegado Jorge Eduardo, constatou o clone ao verificar a adulteração no chassi com a placa falsificada.

    O acusado foi encaminhado à Delegacia de Glória onde ficará à disposição da justiça e para posteriores investigações da Polícia Civil.

    Welder Ban/Reportagem Soudesergipe

  10. Pastor de igreja do Acre é preso com 5 kg de cocaína em Porto Velho

    Agentes do Núcleo de Operações Especiais da PRF em Porto Velho prenderam na noite de terça feira (10), Leonardo Sousa Araújo, de 28 anos, que transportava preso ao corpo, 5 kg de cocaína.

    O homem foi abordado pelo policiais na altura do km 760 da BR 364, no posto da PRF, a 48 km de Porto Velho.

    Ao ser abordado, Leonardo se apresentou como pastor evangélico de uma igreja evangélica da capital do Acre, e confessou que iria levar a droga para Belém, no Pará, mas não revelou quanto receberia pelo serviço.

    O acusado foi encaminhado para a delegacia central onde foi autuado por tráfico de drogas.

    Ac 24 horas

      • Olá Sandro, a questão de acreditar ou não depende de cada um. Entretanto, esta experiência temos em nossa denominação, tudo feito com ordem e racionalmente. O SENHOR fala conosco, em nosso meio. Todos são edificados. O SENHOR já falou comigo desta maneira coisas que somente eu sabia na minha intimidade de coisas que estava acontecendo. Como disse, é necessário um interprete e isto ocorre, caso não esteja alguém com este dom, a pessoa que está orando em língua estranha, ela pára. Você não acredita , pois deve seguir a linha tradicional.

      • OLÁ SANDRO, GOSTARIA DE SABER SE VOCÊ JÁ FOI BATIZADO COM O ESPÍRITO SANTO DE DEUS , POIS O SENHOR JESUS DISSE AOS SEUS DISCÍPULOS QUE FICASSEM REUNIDOS NO MESMO LUGAR, DE REPENTE, DE REPENTE, DE REPENTE,,,,VEIO DO CÉU., UM SOM,,, COMO DE UM VENTO IMPETUOSO,E ENCHEU TODA CASA ONDE ESTAVAM ASSENTADOS. E APARECERAM,DISTRIBUÍDAS ENTRE ELES,LÍNGUAS COMO DE FOGO,.,LÍNGUAS COMO DE FOGO.,E POUSOU UMA SOBRE CADA UM DELES .TODOS, TODOS , TODOS, FICARAM CHEIOS DO ESPÍRITO SANTO, E PASSARAM A FALAR EM OUTRA LÍNGUAS , SEGUNDO O ESPÍRITO LHES CONCEDIA QUE FALASSEM,,,,JESUS DISSE A NICODEMOS, QUEM É DO ESPÍRITO TENDE PARAS AS COISAS DO ESPÍRITO, QUEM É DA CARNE TENDE PARA AS COISAS DA CARNE ., E NECESSÁRIO NASCER DA ÁGUA E DO ESPÍRITO. AMEM.

  11. O Dom de linguas esta sendo buscado pelos que nao sao batizados com o Espirito Santo como se fosse a coisa mais importante a se ter. Na verdade as pessoas tem sido cauterizadas as suas mentes por doutrinas falsas por ai a fora e tem buscado os misterios de Deus sem ordem e aleatórea. Eh Como se elas quizessem comer a carne do hamburger sem morder primeiro o pão. Como posso falar em línguas se ainda nao abandonei os meus pecados?
    O Espirito Santo nao entra num corpo sujo…
    Passo 1: Arrepender de todos os nossos pecados reconhecendo que não somos nada. (Humildade)
    Passo 2: crer que Jesus Cristo morreu e ressucitou para nos salvar e reconhece lo como o nosso único Senhor e Salvador.
    Passo 3: Buscar o batismo com o Espirito Santo para que Ele nos possa guiar até o Deus Pai, e Deus Filho.

    Erro humano: Buscar o dom antes da Salvação.
    Eh como se comesse a casca da banana e jogásse a banana fora.
    Pensando que a casca é mais importante do que a banana. Eis a resposta para as pessoas que de uma forma errõnea buscam o Espirito de Deus e recebem o espirito enganador.

    Há um interesse das pessoas no poder do Espirito Santo e nao no próprio. Por isso que os demõnios enganam.
    Devemos buscá lo para a nossa salvação e nunca para beneficio egoísta.
    A verdade é que alguns querem o selo de Deus para dizer que o tem, e outros querem por ver que seu irmão de igreja tambem tem. (inveja)

    Cuidado quando estiver buscando o Espirito Santo, Pois o diabo te observa para tentar te enganar. Mas ele so engana aqueles que não tem o cuidado de guardar os mandamentos do Pai que Jesus nos ensinou. E o Primeiro é esse:
    Amar a Deus sobre Tudo de todo o coração e de todo o conhecimento com todas as forças, w amar ao próximo como a nós mesmos.

    Deus Abençoe!

  12. Xenoglossia ou mediunidade poliglota é a faculdade pela qual o médium se expressa, oral ou graficamente, por meio de idioma que não conhece na atual encarnação.

    “Quando chegou o dia de Pentecostes, todos eles estavam reunidos no mesmo lugar. De repente, veio do céu um barulho como o sopro de um forte vendaval, e encheu a casa onde eles se encontravam. Apareceram então umas como línguas de fogo, que se espalharam e foram pousar sobre cada um deles. Todos ficaram repletos de UM Espírito Santo, e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito lhes concedia que falassem. Acontece que em Jerusalém moravam judeus devotos de todas as nações do mundo. Quando ouviram o barulho, todos se reuniram e ficaram confusos, pois cada um ouvia, na sua própria língua, os discípulos falarem”. (Atos 2, 1-6).

  13. “Não vejo nenhuma razão para afirmarmos que algo mudou na história da Redenção e que entre a era dos apóstolos e a nossa era esse dom tenha desaparecido. Se Deus quiser que ele desapareça, ele o fará desaparecer. Mas não vejo nenhum mandamento para que não o busquemos. Na verdade, vejo versículos que nos encorajam a fazê-lo” Precisa de peito para fazer uma afirmação como esta sendo ele batista reformado. Admiro mais ainda este servo de Deus.

  14. MARCOS SEI QUE SEMPRE TEVE DIFICULDADES DE ENTENDER, MAS CREIO QUE DESTA VEZ VAI, EXAMINE COM CUIDADO E VERÁS QUE PARA FALAR LÍNGUAS ESTRANHAS É NOTÓRIA A PRESENÇA DO ESPIRITO SANTO

    “Acerca dos dons espirituais, não quero, irmãos, que sejais ignorantes. Vós bem sabeis que éreis gentios, levados aos ídolos mudos, conforme éreis guiados. Portanto, vos quero fazer compreender que ninguém que fala pelo Espírito de Deus diz: Jesus é anátema, e ninguém pode dizer que Jesus é o SENHOR, senão pelo Espírito Santo. Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo. E há diversidade de ministérios, mas o Senhor é o mesmo. E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos. Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um, para o que for útil. Porque a um pelo Espírito é dada a palavra da sabedoria; e a outro, pelo mesmo Espírito, a palavra da ciência; E a outro, pelo mesmo Espírito, a fé; e a outro, pelo mesmo Espírito, os dons de curar; E a outro a operação de maravilhas; e a outro a profecia; e a outro o dom de discernir os espíritos; E A OUTROA VARIEDADE DE LÍNGUA; e a outro a interpretação das línguas. Mas um só e o mesmo Espírito opera todas estas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer.” (1 Coríntios 12:1-11)

    • Eu não disse o contrário disto, eu questionei o contexto, o qual não foi respondido.

      Que é o Espirito que concede os Dons não há o que discutir, a discussão é a temporalidade e propósito.

          • MARCOS
            COMO NÃO DEFENDER A GRANDE OBRA DE EVANGELIZAÇÃO, OBRA ESTA QUE VCS STARDUSTMARCOS. SÓ CONHECEM PORQUE IRMÃOS FIÉIS MANDARAM MISSIONÁRIOS PARA O BRASIL, E SAÍMOS DAS TREVAS DA SEITA CATÓLICA GRAÇAS A ISTO, ENTÃO POR FAVOR NÃO FECHE AS PORTAS DA SALVAÇÃO PARAA OS OUTROS, SIM POIS TODOS NO BRASIL RECEBERAM O EVANGELHO GRAÇAS AOS DÍZIMISTAS E OFERTANTES DA OBRA DO SENHOR

          • “COMO NÃO DEFENDER A GRANDE OBRA DE EVANGELIZAÇÃO”
            Onde eu não defendi o evangelismo?

            “POR FAVOR NÃO FECHE AS PORTAS DA SALVAÇÃO PARAA OS OUTROS”
            Só na sua cabeça o homem teria esse poder. Quem salva não é o homem e sim Deus por meio de Seu Filho, o homem não é capaz de salvar nem a sí mesmo.

            “SIM POIS TODOS NO BRASIL RECEBERAM O EVANGELHO GRAÇAS AOS DÍZIMISTAS E OFERTANTES DA OBRA DO SENHOR”

            MENTIRA – O evangelho chegou ao Brasil beeeeeeem antes desta pratica de dizimar nas igrejas Cristãs, essa pratica surgiu no meio pentecostal e é recente, só você e os outros bobões acham que a igreja dizimava desde os tempos dos Apóstolos.

          • Marcos Oliveira.

            E o que você entende sobre isso?
            Alias você entendeu uma coisa e quer que todos aceitem o seu entendimento.
            “Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração.” (Hebreus 4 : 12)

            A palavra de Deus em um mesmo versículo podemos entender de varias formas.
            Se é que você me entende.

          • “Se é que você me entende.”

            Não, não entendi! Seu comentário é pra lá de confuso, porém, se o que você quis dizer é que as escrituras possuem livre interpretação está equivocado novamente:

            “Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação.” – 2 Pedro 1:20

          • MARCOS SEMPRE FUGINDO DA RESPOSTA, A PERGUNTA É ESTA SE NÃO FOSSEM OS DIZIMISTAS E OFERTANTES DO PASSADO, O EVANGELHO TERIA CHEGADO AO BRASIL? E VOCE TERIA SIDO EVANGELIZADO? OU CONTINUARIA NAS TREVAS CATÓLICA? CONFORME A TUA RESPOSTA SABEREMOS SE VOCE QUER OU NÃO FECHAR AS PORTAS DO EVANGELHO, É O TIPICO EGOISTA EU TENHO NÃO ESTOU NEM AI PARA OS OUTROS, QUE ME IMPORTA OS ATEUS OS GAYS OS DROGADOS E BEBADOS QUE ME IMPORTA BANDIDOS MENORES ABANDONADOS, MACUMBEIROS, EU SOU SALVO O RESTO QUE SE DANE, É ASSIM QUE VOCE PENSA?

          • O que o evangelismo tem a ver com dízimo? A Nova Aliança não exige a prática do dízimo mas RECOMENDA as ofertas VOLUNTÁRIAS. Com as ofertas voluntárias a igreja é suprida sem necessidade de um ritual da lei.

          • MARCOS
            MAIS UMA VEZ FUGIU OU DEVO DIZER STARDUST MAIS UMA VEZ FUGIU DA RESPOSTA
            OQUE TEM O DÍZIMO HAVER COM O NT. TUA PERGUNTA HERETICA SÓ MOSTRA QUE APOLOGIA ATEIA QUE FAZES AQUI NÃO TE PERMITA AO MENOS CONJECTURAR SOBRE O ASSUNTO, SE ATENDO A TEXTOS COLADO DE ATUES GAYS E DESVIADOS, COLANDO-OS NA PRERROGATIVA SEMPRE DE DESVIAR O ASSUNTO. RESPONDA
            SE NÃO FORA OS DÍZIMISTAS E OFERTANTES QUE MANDARAM MISSIONÁRIOS PARA O BRASIL, ONDE TERIA CONHECIDO O EVANGELHO E SE LIBERTADO DAS TREVAS DA SEITA CATÓLICA\\\\\\\\\/SIMPLES SÓ RESPONDA

          • clamando,

            Como você não conhece a história da igreja no Brasil, eu vou lhe explicar. Sabia que os primeiros missionários a pisarem em solo Brasileiro foram enviados por Calvino? Pois é, pesquise e irá descobrir. Sabe o que Calvino achava acerca do dízimo? Obviamente não, então segue o que ele diz.

            “Verdade é que, por toda parte, ordena Deus que acorramos a ajudar os irmãos em suas necessidades; mas, verdade é também que NENHUMA PASSAGEM HÁ QUE NOS DEFINA a SOMA, quanto lhes devemos dar, a fim de que, feita estimativa de nossos bens, repartamo-los entre nós e os pobres; nem, de maneira semelhante, onde nos obriga a certas circunstâncias, nem de tempo, nem de pessoa, nem de lugar, mas à regrada caridade nos conduz.”

            Não me venha com esta falácia de que o evangelho chegou até nós por dizimistas, porque isto é MENTIRA.

          • NÃO SERIA O SUFICIENTE PARA QUE ESTIVESSE REGISTRADO, NA TUA CONTA BANCÁRIA QUANTAS VEZES PRECISAS DEBITAR 100 REAIS PARA QUE O BANCO DIGA QUE TEM ELE NO TEU SALDO.

          • imagina se estou gritando e não entendes então como vais entender qualquer coisa que precisa de conhecimento, analfabeto funcional só repete o que star fala, nunca vai pensar por ti mesmo este nick fake nunca vai engolir o chefão, muitos tentaram bereano nobre mauro sandro felipe afonso marcos, mas o líder sempre mantém a posição, foi dada pelo pai de voces satã

          • Ele dizimou uma única vez! E mesmo nesta única vez, ele dizimou somente os despojos da guerra. A Bíblia não faz nenhuma referência a não ser esta à um costume. O dízimo só aparecerá posteriormente na lei.

      • Abraão deu dizimo dos despojos de guerra não tem nada a ver com os ensinamentos errados nos dias atuais e se você realmente for um cristão, meça suas palavras antes de afirmar que estou em trevas, pois você comete uma blasfêmia contra o Espirito Santo. cuidado com a lingua!!!!

        • voce está nas trevas dias ainda não foi liberto é avarento e dominado pelo deus deste século o dinheiro, recebeu de graça ], nunca alguém pagou para o evangelho chegar a voce, agora que tens de fazer tua parte, surge um anátema gritando em nome do sr. para não seja feita a obra, vai para o inferno com teu dinheiro.

    • Sambaraquizurianda., ruzembialacanda., hoouuulanquisebia., astangalaquituanda., um monte de baboseira do dicionário evanjegue nada mais., neurose religiosa., é só o que vemos ., eta lutero que bagunça eh meu chapa.,

  15. Li os comentários e meu dia ficou um pouco mais triste… Quanto ódio… será que Jesus lendo estas discussões acerca do que nos deixou, estaria satisfeito com isso. Será que ele não viraria para todos e diria… “Eu sou a palavra…” . Será que com estes debates onde cada ser humano se acha mais digno que o outro não nos revela apenas o quanto queremos ser deuses e impor nossos pontos de vista.
    Uma coisa é certo, Jesus não veio para aplaudir o que estava acontecendo, veio para reconciliar, religar enfim para nos permitir uma nova chance de fazer melhor nos justificando diante de Deus.

    Amem uns aos outros… fomos feitos diferentes para que possamos nos somar e não nos dividir.

    Voltemo-nos cada um ao evangelho, peçamos a Deus que fale conosco, pois se existe o Espirito Santo, e cremos nisso saibamos que ele esta tb em cada um de nós e não somente em nosso vizinho. Busquemos sem preguiça e sem ficar esperando recados de Deus por mensageiros Quando esta mensagem vier a cada um através de algum irmão, saberemos, mas provavelmente ele não saberá que esta nos entregando, para que não se glorie. (Busque primeiro as coisas do reino…)

    Pensem… Jesus não deixaria uma pegadinha gospel. As coisas do Reino são claras, estão sob a luz. O que esta em trevas é outra coisa.

    Deus abençoe a todos… e que cada um alimente o amor dentro de si. Quando comentarem pontos de vista, falem em tom de seminário construtivo, e não de imposição de ponto de vista.

  16. ESPÍRITO SANTO.

    ESPÍRITO= RUACH (HEBRAICO)
    ESPÍRITO= PNEUMA ( GREGO) = VENTO, AR, FÔLEGO.

    O ESPÍRITO COMO PARTE INTEGRANTE DE UM SER:
    ” Porque qual dos homens sabe as cousas do homem, senão o seu próprio espírito que nele está? Assim também as coisas de Deus, ninguém as conhece, senão o Espírito de Deus.” 1Co2:11.
    ” Porque, assim como o corpo sem espírito é morto, assim também a fé sem obras é morta.” Tg2:26
    “Então, formou o Senhor Deus ao homem do pó da terra e lhe soprou nas narinas o fôlego da vida, e o homem passou a ser alma vivente.” Gn2:7.

    ASSIM SENDO, O QUE ESTÁ SENDO TRATADO EM Jo20:22? SERIA UMA ENTIDADE INDEPENDENTE, OU UMA PARTE INTEGRANTE DE CRISTO, COMO O SEU FÔLEGO?
    ” E, havendo disto isto, soprou sobre eles e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo.”

    EM At16:6-7, MOSTRA A SIMILIARIDADE DE ESPÍRITO SANTO E ESPÍRITO DE CRISTO.
    ” E, percorrendo a região frígio-gálata, tendo sido impedidos pelo Espírito Santo de pregar a palavra na Ásia, defrontando Mísia, tentavam ir para Bitinia, mas o Espírito de Jesus não o permitiu.”
    SERIAM DUAS PESSOAS EXECUTANDO A MESMA AÇÃO?
    PAULO PARECE RESPONDER EM 2Co3:17,18:
    ” Ora, o Senhor é o Espírito; e, onde está o Espírito do Senhor, aí há liberdade. E todos nós, com o rosto desvendado, contemplando, como por espelho, a glória do Senhor, somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito.”

    OUTRAS EVIDÊNCIAS PODEM SER OBSERVADAS EM Jo14:16-17, QUANDO JESUS DIZ:
    “…e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco…”. PORÉM EM Mt28:20, É ELE, CRISTO, QUE DECLARA QUE ESTARÁ CONOSCO ATÉ A CONSUMAÇÃO DO SÉCULO.
    AINDA EM Jo14:17: ” O Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não no vê, nem o conhece; vós o conheceis, porque ele habita convosco e estará em vós.” . AGORA, FAÇAMOS UMA ANÁLISE DESSE VERSÍCULO COM QUE FOI DITO PELO SENHOR NOS VERSÍCULOS 6 E 20: “Eu, sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.” ; ” Naquele dia, vós conhecereis que eu estou em meu Pai, e vós, em mim, e eu, em vós.”
    É FATO QUE Jo14, COMEÇA E TERMINA COM O SENHOR FALANDO DELE, O CRISTO.

    MAS E O CONSOLADOR? E A PALAVRA “OUTRO”?
    NO EVANGELHO TEMOS OUTRAS PASSAGENS EM QUE CRISTO SE REFERE À SI NA 3ª PESSOA: “…eu sou a porta das ovelhas.” Jo10:7; ” Porque o pão de Deus é o que desce do céu e dá vida ao mundo. Então lhe disseram: Senhor, dá-nos sempre desse pão. Declarou-lhes, pois, Jesus: Eu sou o pão da vida…” Jo6:33-35.
    HÁ DE SE TER EM MENTE QUE A PROMESSA DE OUTRO CONSOLADOR É PORQUE JESUS HAVERIA DE NÃO MAIS ESTAR EM CARNE COM OS SEUS DISCÍPULOS, MAS EM ESPÍRITO: “Filhinhos, ainda por um pouco estou convosco; buscar-me-eis, e o que eu disse aos judeus também vos digo a vós outros: para onde vou, vós não podeis ir” Jo13:33; “Mas, agora, vou para junto daquele que me enviou, e nenhum de vós me pergunta: Para onde vais? Pelo contrário, porque tenho vos tenho dito estas cousas, a tristeza encheu vossos corações.” Jo16:5-6.

    QUANTO A PALAVRA “OUTRO”, TEMOS UM EXEMPLO DE USO SEMELHANTE EM 1Sm10:6-9, ONDE SAUL SERIA A MESMA PESSOA, PORÉM COM O AGIR DIFERENTE.

    É SABIDO QUE A IGREJA CATÓLICA POSSUI UM HISTÓRICO DE DIVIDIR A GLÓRIA DE DEUS E DE CRISTO COM OUTRAS FONTES DE ADORAÇÃO, SOMA -SE A ISTO O QUE FOI DITO NO LIVRO DE BENTO XVI SOBRE OS ACRÉSCIMOS FEITO NO EVANGELHO.

    CADA UM TIRE SUA CONCLUSÃO SOBRE O ASSUNTO.

  17. Quanto ao que o Pr.Piper fala sobre o falar em línguas faço a ponderação:

    Paulo fala em Corintios 12 sobre o dom de VARIEDADE DE LÍNGUAS.
    A Bíblia mostra 4 manifestações DISTINTAS desse dom sendo eles –
    1º – Atos 2 onde o dom de línguas ultrapassa seu intelecto natural e te capacita a falar em um idioma da terra que você não entende, porém serve como sinal ao incrédulo. Foi exatamente que aconteceu em Atos 2, onde existiam dezenas de povos diferentes alí e CADA um os ouvia a falar na sua lingua materna.
    2º – 1 Corintios 14:2 onde Paulo diz que o que fala em outra língua se edifica e ninguém o entende. Paulo diz que ninguém o entende, mostrando claramente que essa lingua é só entre Deus e a pessoa que está falando. O propósito dessa linguagem é a edificação pessoal, não tendo utilidade nenhuma falar em voz alta num culto.
    3º – Romanos 8:26 Paulo ensina que o Espírito Santo nos ajuda em nossa fraqueza porque não sabemos orar como convém, mais Ele intercede por nós com GEMIDOS INEXPREMÍVEIS que é uma manifestação da variedade de línguas para INTERCESSÃO.
    4º Paulo fala também em Corintios 14 que aquele fala em outras linguas deve orar para que também interprete. Se analisarmos os versículos anteriores que falam que quando oramos em outras línguas NINGUEM o entende, fica claro que as LINGUAS PARA INTERPRETAÇÃO são uma manifestação especifica para que a Igreja receba edificação (essa manifestação se equivale a profecia).

    É importante também frisar que Paulo em corintios 14:39 diz que devemos procurar o dom de profetizar mais NÃO proibir o falar em línguas, e porque isso?. Simples quando Paulo fala sobre o falar em línguas não ser proibido é porque esse tipo de manifestação para edificação, o cristão está falando direto com Deus e sendo assistido nas suas fraquezas. Quando o capítulo 14 fala sobre as linguas terem necessidade de haver interpretação, Paulo está falando especificamente em um culto público – para que todos recebam edificação, porém vale lembrar que em atos 2 TODOS falaram em línguas ao mesmo tempo e TODOS que estavam lá ouviram falar em sua lingua materna como sinal. Portanto temos que ter muita orientação do Espírito ate se é para falar alto ou se é para falar conforme o versículo 28 diz; falar consigo mesmo e com Deus.

    É importante frisar que no capítulo 12 de corintios no versículo 30 Paulo faz uma pergunta interessante: ” Tem todos dons de curar? falam todos em línguas? interpretam todos?.
    Muitas pessoas usam esse versículo para dizer que o falar em línguas não são para todos, mais não é isso que diz esse versículo. Nesse texto Paulo fala especificamente sobre uma das manifestações que é a língua para interpretação. Veja a pergunta que ele faz depois. Interpretam todos?.

    Dessas quatro manifestações, três dependem do Espírito Santo operar visando um fim proveitoso que é edificação do corpo reunido (interpretação, gemidos,sinal ao incrédulo). Mais uma que é a linguagem para edificação pessoal, essa o cristão pode falar (em voz baixa de preferência) a quantidade de tempo que ele puder para que ele seja edificado. As três manifestações de edificação o corpo é beneficiado, porém na edificação pessoal somente quem fala é beneficiado, por isso que o cristão que nasceu de novo e foi cheio do Espírito Santo já está habilitado a falar em outras línguas para edificação.

    • “GEMIDOS INEXPREMÍVEIS que é uma manifestação da variedade de línguas para INTERCESSÃO.”

      Oi? De onde você tirou isso?

      O mais engraçado é que os pentecostais se fiam nos dons espirituais que só encontram lugar nas Escrituras de forma ampla na carta aos Corinthios, que justamente era a igreja mais problematica que havia justamente por não entenderem a questão dos dons, colocando-os acima do que realmente importava, Paulo é enfático em dizer que alguns dons eram meninices e que eram importantes para o inicio da igreja, porém, deveriam avançar e não ficarem presos a eles.

      O cristão maduro tem FÉ, ESPERANÇA e AMOR, sendo o maior de todos os dons o AMOR.

      • “GEMIDOS INEXPREMÍVEIS que é uma manifestação da variedade de línguas para INTERCESSÃO.”

        Oi? De onde você tirou isso?

        R: – Romanos 8:26 – “Do mesmo modo também o Espírito NOS AJUDA nas nossas fraquezas; porque não sabemos pedir como convém, mais o mesmo Espírito INTERCEDE POR NÓS COM GEMIDOS INEXPRIMÍVEIS.
        Romanos 8: 27 – E aquele que sonda os nossos corações sabe qual é a intenção do Espírito: que ele segundo a vontade de Deus, INTERCEDE pelos santos.”.

        Eu encontrei isso baseado no relato de atos 2 no pentecostes, onde Lucas disse que os discípulos falavam em línguas CONFORME o Espirito Santo lhes concedia que falassem – Atos 2:4 . O falar em línguas é uma linguagem que o próprio Espírito Santo gera em nossa nova natureza, onde Ele inspira e NÓS FALAMOS. Em Romanos 8:26-27 diz que Ele nos ajuda em nossas fraquezas e intercede por nós com gemidos inexprimíveis que é uma linguagem que não existe palavras, apenas gemidos intercessórios.
        Você fala de de cristão maduro com FÉ, ESPERANÇA E AMOR e o que vemos hoje nas igrejas cristãos (e eu faço parte de uma delas) é totalmente o inverso. Um monte de doutrinas e teologias, cada uma com a sua “BASE NO HEBRAICO E ARAMAICO” para defender. Um bando de meninos. Uns que acham que são PREDESTINADOS, outros que acham que os dons e os ministérios não são mai para hoje.
        Olhe para a igreja primitiva. Compare com os irmãos daquele tempo e me responda que a igreja de hoje é mais madura e fiel do que aquela igreja que deu a sua vida por Jesus, que foram mortos em espetáculos, foram queimados vivos, que evangelizaram o mundo todo, que mortos ressuscitaram, que doentes eram curados. Saia da ilusão amigo, a igreja que vemos hoje é quase apóstata. Cada um vivendo no seu “mundinho” e achando que estão certos.

        • Irmão Jean,

          O que vemos na igreja hoje não é meninice, é apostasia mesmo. o que não faltam são vídeos na internet de cultos pentecostais, onde as pessoas, pulam, rodam, caem, estrebucham, imitam animais, etc…isso é maturidade? Com certeza não.

          Quanto ao olhar para a igreja primitiva eu sinto muito mas basta ler o livro de Atos e verá que era uma igreja em transição, passando da lei para a graça e enfrentaram inumero problemas, inclusive entre os Apóstolos, Pedro e Paulo por exemplo que divergiram seriamente acerca de algumas questões.

          Todas as cartas foram escritas para exortar as igrejas. Se tomar as cartas de Apocalipse por exemplo somente duas não receberam criticas de Jesus. Ou seja, a igreja sempre apresentou problemas e a mais problemática era justamente a igreja dos dons, Corinthios.

          Aí você diz:

          “um monte de doutrinas e teologias, cada uma com a sua “BASE NO HEBRAICO E ARAMAICO” para defender.”

          Esta é a forma correta de se ler as escrituras, buscando nos originais, e se há algum problema de divisão e interpretações diversas elas são causadas justamente entre os pentecostais que dormem de barriga cheia e acordam com revelações, o outro sai falando em línguas e diz que Deus revelou algo, o outro tem visões e daí se estabelecem inúmeras doutrinas baseadas em supostas intervenções do Espírito. Isto é evidente na história, vejam as igrejas tradicionais e faça um comparativo com as pentecostais e neopentecostais e veja onde há mais divisão. Acho que a única que ainda permanece em pé e a Assembleia de Deus, porém, totalmente ramificada.

          Aí você continua:

          “Uns que acham que são PREDESTINADOS, outros que acham que os dons e os ministérios não são mai para hoje.”

          Quem trata acerca da predestinação e eleição são as escrituras e não teólogos. Já que você citou a igreja primitiva, procure ver o que pensavam os pais da igreja acerca deste tema se não quiser recorrer as escrituras. A não crença na predestinação é nova, começou com Pelagio no século IV que foi combatido por Agostinho, após esta heresia ter sido combatida, os únicos que criam na salvação por obras eram os Católicos. Somente em 1604 apareceu Armínio que trouxe o assunto à baila novamente e hoje praticamente 90% das igrejas creem na salvação por obras e que o homem é responsável por se salvar ou não.

          Ou seja, isto é coisa nova e não encontra amparo nas escrituras, basta ler Romanos 9, Efésios 1 e tantos outros textos, o problema é que os pentecostais se fiam na Antiga Aliança como se fosse algo a ser seguido pela igreja, por isso vemos cultos com arca da aliança, 7 voltas, atos proféticos, etc.

          Na Paz,

          • ‘O que vemos na igreja hoje não é meninice, é apostasia mesmo. o que não faltam são vídeos na internet de cultos pentecostais, onde as pessoas, pulam, rodam, caem, estrebucham, imitam animais, etc…isso é maturidade? Com certeza não.”

            – E você pega uns vídeos do youtube de algumas igrejas especificas e generaliza como se fosse 100% dos pentecostais!. Muito bom essa tua técnica!. Você não sabe de nada. Não sabe que quando uma pessoa está fazendo qualquer ato como pular, marchar, estrebuchar, são EXPRESSÕES QUE A PESSOA QUER FAZER para EXPRESSAR seu amor e devoção à Deus. Mais para você não faz sentido isso. Você pensa igual aqueles de atos 2 que falaram que os discípulos estavam cheios de mosto. Porque será que eles aparentavam estar bêbados?????? Será que era só porque estavam falando enrolados, ou porque havia alguma EXPRESSÃO fisica daquele agir?????. Mais maturidade para você é ir no domingo ao culto, ficar 1 hora contadinho lá.
            Quanto ao olhar para a igreja primitiva eu sinto muito mas basta ler o livro de Atos e verá que era uma igreja em transição, passando da lei para a graça e enfrentaram inumero problemas, inclusive entre os Apóstolos, Pedro e Paulo por exemplo que divergiram seriamente acerca de algumas questões.

            Esta é a forma correta de se ler as escrituras, buscando nos originais, e se há algum problema de divisão e interpretações diversas elas são causadas justamente entre os pentecostais que dormem de barriga cheia e acordam com revelações, o outro sai falando em línguas e diz que Deus revelou algo, o outro tem visões e daí se estabelecem inúmeras doutrinas baseadas em supostas intervenções do Espírito. Isto é evidente na história, vejam as igrejas tradicionais e faça um comparativo com as pentecostais e neopentecostais e veja onde há mais divisão

            – E você acha que ficou sem resolver essas questões de divergência entre eles??????. Mais hoje na IGREJA SUPER MADURA TRADICIONAL não existe isso. Ta bom……..
            – Igreja Presbiteriana do Brasil, Igreja Presbiteriana Indepente do Brasil, Igreja Presbiteriana Conservadora do Brasil, Igreja Presbiteriana Renovada do Brasil, Igreja Presbiteriana Unida do Brasil, Igreja Presbiteriana Fundamentalista do Brasil, Igreja Cristã Presbiteriana Pentecostal, Igreja Evangélica Cristã Presbiteriana, Igreja Presbiteriana Viva, Igreja Presbiteriana da Graça, Igreja Presbiteriana Livre, Igreja Presbiteriana Contemporânea, Igreja Presbiteriana Chinesa, Igreja Presbiteriana Avivada, todas elas com presidentes estabelecidos.

            A não crença na predestinação é nova, começou com Pelagio no século IV que foi combatido por Agostinho.

            – Santo Agostinho escreveu contra os pelagianos e maniqueus defendendo o livre arbítrio (“Da graça e do livre arbítrio”).
            Também o defendeu nas Confissões, mostrando como o homem é livre para escolher entre o bem e o mal.Mas como este santo viveu ainda nos primórdios do cristianismo, onde a influência filosófica de Platão era ainda grande, pois Aristóteles era desconhecido, sua linguagem não é tão precisa quanto a de São Tomás, que se encontra no apogeu da doutrina cristã. O que agostinho combateu nos pelagianos era que Pelágio defendia que o homem podia ser santo naturalmente, na força da sua carne, e isso não é possivel. O que é possivel ao homem é a santificação através do novo nascimento. Só quem nasce de novo pode se santificar dia a dia.
            Desculpe amigo, mais como você falou da Igreja Primitiva que estava em transição da Lei para a Graça, a Igreja Presbiteriana cumpriu o seu papel no tempo em que Deus levantou ela na reforma protestante do sec. XVI, mais hoje Deus tem muito mais para o seu povo.

            Quanto à predestinação eu acredito piamente nela, só que com uma diferença…. TODOS OS SERES HUMANOS SÃO PREDESTINADOS, basta apenas que aceitem Jesus e nasçam de novo. Não existe um especial e outro condenado.

          • Jean,

            E você pega uns vídeos do youtube de algumas igrejas especificas e generaliza como se fosse 100% dos pentecostais!.

            – Até hoje não conheci nenhuma que não tivesse essas coisas.

            Não sabe que quando uma pessoa está fazendo qualquer ato como pular, marchar, estrebuchar, são EXPRESSÕES QUE A PESSOA QUER FAZER para EXPRESSAR seu amor e devoção à Deus.

            – Sério mesmo que você acredita que este tipo de manifestação agrada a Deus? Ou será que Deus prefere um culto racional? Rm 12:1

            Mais para você não faz sentido isso.

            – Não, não faz, nem pra mim e nem para as escrituras.

            Você pensa igual aqueles de atos 2 que falaram que os discípulos estavam cheios de mosto. Porque será que eles aparentavam estar bêbados?????? Será que era só porque estavam falando enrolados, ou porque havia alguma EXPRESSÃO física daquele agir?????.

            – Sim, somente pelo fato de estarem falando em outras línguas, é só ler o texto, ele é claro e não deixa duvida, o que foge disso é suposição e hipótese. Não creio que devemos calcar a nossa fé em coisas hipotéticas.

            Mais maturidade para você é ir no domingo ao culto, ficar 1 hora contadinho lá.

            – Eu prefiro 1 hora contadinha de ministração bíblica do que gritos escandalosos, rodopios, unção disso e daquilo que não edificam em NADA à igreja. Que me desculpe mas os mais analfabetos biblicamente são os pentecostais, pois, acham que a Biblia é uma caixa de promessa, não se prega a palavra, 90% do culto é recolhendo dizimos e ofertas e fazendo um monte de coisas menos a ministração da palavra, e quando ela ocorre é o famos “Eis que te digo”.

            “E você acha que ficou sem resolver essas questões de divergência entre eles??????. Mais hoje na IGREJA SUPER MADURA TRADICIONAL não existe isso. Ta bom……..
            – Igreja Presbiteriana do Brasil, Igreja Presbiteriana Indepente do Brasil, Igreja Presbiteriana Conservadora do Brasil, Igreja Presbiteriana Renovada do Brasil, Igreja Presbiteriana Unida do Brasil, Igreja Presbiteriana Fundamentalista do Brasil, Igreja Cristã Presbiteriana Pentecostal, Igreja Evangélica Cristã Presbiteriana, Igreja Presbiteriana Viva, Igreja Presbiteriana da Graça, Igreja Presbiteriana Livre, Igreja Presbiteriana Contemporânea, Igreja Presbiteriana Chinesa, Igreja Presbiteriana Avivada, todas elas com presidentes estabelecidos.”

            – Como eu citei a Assembleia que é a unica pentecostal que apesar das divisões continua sendo a Assemleia de Deus assim são as tradicionais, você citou várias Presbiterianas mas elas continuam sendo Presbiterianas, assim como tem várias Batistas mas continuam sendo Batistas. Agora me responda. Quando você anda pelas ruas e vê aquelas igrejinhas em cada esquina cada uma com uma visão diferente, são reformadas históricas ou pentecostais? TODAS pentecostais, pois, como havia dito, um membro come demais e sonha aí acorda com uma revelação, a profetiza vem com o “eis que te digo”, o outro vem com as linguas, o outro tem uma visão, biblia que é bom NADA, só para jogar a sorte, abrir uma página e ver o que “Deus tem pra falar”.

            Santo Agostinho escreveu contra os pelagianos e maniqueus defendendo o livre arbítrio (“Da graça e do livre arbítrio”).
            Também o defendeu nas Confissões, mostrando como o homem é livre para escolher entre o bem e o mal.Mas como este santo viveu ainda nos primórdios do cristianismo, onde a influência filosófica de Platão era ainda grande, pois Aristóteles era desconhecido, sua linguagem não é tão precisa quanto a de São Tomás, que se encontra no apogeu da doutrina cristã. O que agostinho combateu nos pelagianos era que Pelágio defendia que o homem podia ser santo naturalmente, na força da sua carne, e isso não é possivel. O que é possivel ao homem é a santificação através do novo nascimento. Só quem nasce de novo pode se santificar dia a dia.

            – Quanto a isso estou de acordo com o relato histórico, não com Agostinho.

            Desculpe amigo, mais como você falou da Igreja Primitiva que estava em transição da Lei para a Graça, a Igreja Presbiteriana cumpriu o seu papel no tempo em que Deus levantou ela na reforma protestante do sec. XVI, mais hoje Deus tem muito mais para o seu povo.

            – O que é esse mais? O abandonar totalmente a Exegese biblica para buscar manifestações que não levam nada a lugar algum? Novamente, falo do que conheço, os pentecostais são os mais ignorantes biblicamente e PIOR, se orgulham disso, pois, alegam a velha desculpa, “a letra mata” o que importa são as revelações. Isso pra mim é mais que retrocesso.

            Quanto à predestinação eu acredito piamente nela, só que com uma diferença…. TODOS OS SERES HUMANOS SÃO PREDESTINADOS, basta apenas que aceitem Jesus e nasçam de novo. Não existe um especial e outro condenado.

            – Então pegue um estilete, vá até o livro de Romanos, se não quiser arrancar ele inteiro de sua Bíblia, para não ficar tão chato vá até o Capitulo 9, corte-o e jogue fora.

            “Como está escrito: Amei a Jacó, e odiei a Esaú. Que diremos pois? que há injustiça da parte de Deus? De maneira nenhuma. Pois diz a Moisés: Compadecer-me-ei de quem me compadecer, e terei misericórdia de quem eu tiver misericórdia. Assim, pois, isto não depende do que quer, nem do que corre, mas de Deus, que se compadece. Porque diz a Escritura a Faraó: Para isto mesmo te levantei; para em ti mostrar o meu poder, e para que o meu nome seja anunciado em toda a terra. Logo, pois, compadece-se de quem quer, e endurece a quem quer. Dir-me-ás então: Por que se queixa ele ainda? Porquanto, quem tem resistido à sua vontade? Mas, ó homem, quem és tu, que a Deus replicas? Porventura a coisa formada dirá ao que a formou: Por que me fizeste assim? Ou não tem o oleiro poder sobre o barro, para da mesma massa fazer um vaso para honra e outro para desonra? E que direis se Deus, querendo mostrar a sua ira, e dar a conhecer o seu poder, suportou com muita paciência os vasos da ira, preparados para a perdição; Para que também desse a conhecer as riquezas da sua glória nos vasos de misericórdia, que para glória já dantes preparou, Os quais somos nós, a quem também CHAMOU, não só DENTRE os judeus, mas também DENTRE os gentios?” – Romanos 9:13-24

  18. Pois você deve sair da cadeira de juiz e parar de ficar julgando o que não conhece. Eu apresentei diversas divisões na presbiteriana como exemplo, para te mostrar que essa conversa de divisão não está em pentecostal como você afirmou. Agora você falar que elas continuam sendo presbiterianas????. Então porque dividiu??????? Telhadinho de vidro??.
    Quanto a romanos leia completo o capítulo 9, 10 e 11 que você entenderá que Paulo fala do povo de Israel para explicar a descendência de Jesus e que o próprio povo rejeitou o messias. Leia no inicio do capítulo 9 onde Paulo diz de quem ele está falando. Vá ate o capitulo 11.

    Quanto aos exageros que existem sobre dinheiro , concordo com você e digo que é fruto de enganos que se introduziram nas igrejas hoje como outros enganos que entraram na primitiva, sendo que Paulo tratou em todas as cartas os desvios de fé que houveram.

    • O comentário anterior , assinado como marcelo foi meu Marcos para responder seu questionamento.
      Somente não te respondi duas coisas:
      1 – você afirmou que ficou claro que em atos 2 se referiu especificamente ao falar em línguas, dizendo que não podemos fazer hipóteses ou suposições. Só que eu não estou fazendo hipóteses, porque no trecho anterior afirmou que as pessoas que estavam lá OUVIRAM cada um na sua lingua materna. Eles não podiam ter dito que era por causa das línguas. Não é hipótese.
      2 – Você me perguntou sobre a questão das expressões agradarem a Deus. Somente leia apocalipse 19 e veja como é a expressão no céu. Procure nos originais que você gosta tanto que vai entender.

      Mais sobre o assunto em questão que é o falar em línguas, mantenho a primeira fala explicando as manifestações do dom que Paulo chama em 1 coríntios 12 de variedade de línguas. Mantenho que das 4 manifestações somente a língua para edificação pessoal que está disponivel para qualquer crente, e as demais 3 depende da vontade do Espirito Santo.
      Deus te abençoe irmão. A paz!

      • Jean,

        Vamos lá:

        1 – você afirmou que ficou claro que em atos 2 se referiu especificamente ao falar em línguas, dizendo que não podemos fazer hipóteses ou suposições. Só que eu não estou fazendo hipóteses, porque no trecho anterior afirmou que as pessoas que estavam lá OUVIRAM cada um na sua língua materna. Eles não podiam ter dito que era por causa das línguas. Não é hipótese.

        R: Mantenho minha posição, o texto é claro: “Como, pois, os ouvimos, cada um, na nossa própria língua em que somos nascidos? Partos e medos, elamitas e os que habitam na Mesopotâmia, Judéia, Capadócia, Ponto e Asia, E Frígia e Panfília, Egito e partes da Líbia, junto a Cirene, e forasteiros romanos, tanto judeus como prosélitos, Cretenses e árabes, todos nós temos ouvido em nossas próprias línguas falar das grandezas de Deus. E todos se maravilhavam e estavam suspensos, dizendo uns para os outros: Que quer isto dizer? E outros, zombando, diziam: Estão cheios de mosto.” – Atos 2:8-13.
        Não há nenhuma outra referencia a qualquer manifestação que não seja as línguas (idiomas).

        2 – 2 – Você me perguntou sobre a questão das expressões agradarem a Deus. Somente leia apocalipse 19 e veja como é a expressão no céu. Procure nos originais que você gosta tanto que vai entender.

        R: No texto só há declarações de louvor a Deus ao qual todos estaremos (futuro) prostrados. Não há no texto nenhuma referência a pular, dançar, subir na parede, rodar, imitar animais, etc.

        Sobre o dom de línguas, nunca disse que não existia, a questão é outra, e tem a ver com a sua temporalidade e propósito e a meu ver a ideia pentecostal acerca do tema é totalmente equivocada.

        • Não vou estender meus comentários aqui Marcos sobre predestinação, pois não é o assunto da pauta.

          Quanto à temporalidade dos dons onde está escrito na Bíblia que os dons não atuam hoje?????????.

          • Não existe essa afirmação de forma categórica e nem sou cessionista. Na minha visão é uma questão de maturidade Cristã, o que é fácil de se entender lendo I Co 12 e 13. Em resumo, conforme vamos amadurecendo na fé alguns dons tornam-se desnecesários. Porém, é nítido que alguns dons, como por exemplo o de curar, teve uma abrangência muito maior no início da igreja pois serviam como sinais necessários para confirmar a Palavra pregada. Hoje a Palavra está disponível a todos sem a necessidade de tais sinais para sua confirmação.

          • Pois bem Marcos, como você se baseia em 1 Corintios 12 e 13 para tal afirmação, vou considerar algumas coisas;
            1 – O vv.7 de 1 corintios 12 Paulo fala que a manifestação dos dons é para um fim proveitoso, sendo essa a base da manifestação.
            O problema da igreja de corinto era o de usar o falar em línguas para edificação pessoal ( aquela manifestação da variedades de linguas que nínguem entende cfe. 1 cor 14:2) quando em lugar de utilizar outros dons para edificação na igreja. Quando Paulo aborda esse tema no contexto do capítulo 14 no vv.. 19 Paulo mesmo fala sobre isso (na Igreja). No vv. 23 ele continua ” Se, pois, toda a igreja reunir num mesmo lugar, e todos falarem em línguas, e entrarem indoutos ou incrédulos, não dirão porventura que estais loucos?”, e assim sucessivamente no vv. 26,27,28 onde claramente Paulo aborda a questão do falar em línguas para edificação de se falar consigo mesmo (sem altura de voz) e com Deus.
            No caso de todos os dons especificamente, Paulo mostra 3 níveis de operação: Os dons que o Espírito Santo opera (vv.8-11). No vv. 5 paulo fala de diversidade de ministérios e quem opera os ministérios é o próprio Jesus conforme Efésios 4:11-13, e no vv. 6 Paulo fala de diversidade de operações sendo que é o mesmo Deus (pai) que opera. Então o Espírito Santo opera (distribui) os dons, Jesus opera os ministérios (distribui), e Deus opera as realizações (chegar ao propósito da edificação), cada um da trindade envolvido na edificação do corpo.
            Então o que capacita e qualifica o funcionamento do chamado ministerial (apóstolo, profeta, mestre, evangelista,pastor) são os dons que o Espírito opera visando um fim proveitoso. Um pastor por exemplo pode muito bem operar no discernimento de espíritos, palavra de conhecimento ou mesmo palavra de sabedoria (capacitado pelo Espirito Santo) durante um aconselhamento ou mesmo um acompanhamento pois são dons que o capacitam a ver exatamente o contexto que ele esta tratando com suas ovelhas. Um exemplo de palavra de conhecimento e palavra de sabedoria bem simples ocorreu com Ananias quando Deus disse à ele onde Saulo estava (endereço = palavra de conhecimento ) e depois disse o que ele deveria fazer e o que aconteceria com paulo (palavra de sabedoria). Esses dons amigo são para edificação do corpo de Cristo, e conforme 1 Corintios 12:1-3 servimos um Deus que fala conosco e que podemos ter a plena certeza (fé) e conhecimento da obra de Jesus em nós. Até quando vai essa operação dos dons? Segundo Corintios 13:8-10 será até aquele que é perfeito vier.
            Até quando os 5 ministérios vão estar em ação no Corpo.. Segundo Efésios 4 até que cheguemos à perfeita varonilidade e conhecimento de Cristo.

          • Jean,

            Tudo o que você colocou está perfeito, talvez, o problema esteja no entendimento que você tem do que colocou no final do seu comentário.

            “Segundo Corintios 13:8-10 será até aquele que é perfeito vier. Até quando os 5 ministérios vão estar em ação no Corpo.. Segundo Efésios 4 até que cheguemos à perfeita varonilidade e conhecimento de Cristo.”

            A maioria dos evangélicos acredita que “aquele que é perfeito” no texto é Jesus, não, não é, basta ver o texto quando ele diz “quando eu era menino, pensava como menino…”.”aquele que é perfeito” é exatamente o que Paulo escreveu em Efésisos e que você citou muito bem, a perfeita varonilidade, que é exatamente a maturidade que eu mencionei em outros comentários. O problema é que o meio evangélico crê que a perfeita varonilidade só se dá na eternidade.

            Em resumo, se você corrigir esses dois pensamentos, um sobre o “aquele que é perfeito” e de que a perfeita varonilidade é a maturidade Cristã entenderá muito mais acerca dos dons espirituais.

          • na concepção do texto o que é perfeito se refere à Jesus. Veja a versão NTLH:
            vv9-12 ” Porque agora sabemos muito pouco, mesmo com os nossos dons; e a profecia dos mais dotados é imperfeita. Entretanto, quando tivemos sido aperfeiçoados então o que é imperfeito desaparecerá. Quando eu era criança, falava, pensava e raciocinava como criança. Mas quando me tornei homem, meus pensamentos se desenvolveram muito além dos pensamentos da minha infância, e deixei para trás as coisas de criança. De igual modo, agora só podemos ver e compreender em parte a respeito de Deus, como se estivéssemos observando o reflexo num espelho embaçado, mas o dia chegará que O VEREMOS INTEGRALMENTE FACE A FACE. Tudo quanto sei agora é obscuro e confuso mas depois conhecerei perfeitamente, assim como sou conhecido.”

            O processo do vv.10 só será completo no arrebatamento, onde nossos corpos serão incorruptíveis após a transformação. Aí sim tudo que é imperfeito desaparecerá.

          • e você continua no capítulo 14 (porque não existe divisões de capitulos) sem parar no verso 13 do capítulo 13.

            Siga o amor e procure os dons espirituais.

        • em relação à Apocalipse 19, você disse que eles não estão o futuro.

          R: Estão na eternidade. Você há de concordar que o que é errado aqui na terra para mortais como nós, lá no céu então…..

          Se você ler Salmos 150 ( louvai-o ) , verá que o louvor é EXPRESSÃO do que você reconhece que Deus é em sua vida. A questão de imitar bichos, isso é mais texto tirado fora do contexto para virar pretexto. Existem EXPRESSÕES que alguns usam como rugir como leão, para se referir à Jesus o leão da tribo de Judá ( engraçado que Jesus é chamado de Leão?????), mais você tem que concordar comigo que não é 100% das igrejas que falam em línguas que estão por aí rugindo, estrebuchando, né???. Aí por alguns que se expressam assim, generaliza-se.

          Mais quem é mais “contido” e não sai da caixinha e é um direito e na minha opinião não está errado, porque cada um ESCOLHE a maneira que se expressa à Deus.
          Adoração é o reconhecimento que damos à Deus para nós quanto aos seus atributos, e reconhecimento é algo que se dá no nosso interior. Agora louvor é o que se gera em nós pelo reconhecimento que damos à Deus.

          • Jean,

            Temos os modelos a serem seguidos, Jesus e os Apóstolos, não me consta tais práticas vindo deles. A não ser em Atos como um SINAL do derramamento dos Espírito Santo e mesmo assim só o que houve foram as línguas e nada mais. O que foge disto com todo respeito é manifestação carnal que nada tem a ver com o Espirito Santo.

          • Já que você quer os apóstolos como modelo, considere Lucas 24:50-53, principalmente no vv.52 onde diz que depois de o adorarem voltaram com grande júbilo (expressão de alegria) para jerusalém. Vale falar que a questão da adoração e louvor eram corriqueiros para os apóstolos pois herdaram essa cultura por serem israelitas.

            Se você quiser considerar Apocalipse 7: 9-12 que fala sobre o louvor em grande voz também, é válido.

            Quanto ao modelo de louvor ser Jesus, na verdade fica meio fora, agora os apóstolos sim podemos levar como exemplo. Aproveita também e leva os apóstolos como exemplo na manifestação dos dons.

          • Jean,

            O que você entende por Jubilo? o que você entende por louvor em grande voz?

            Não vejo problemas nem em um e nem no outro.

            Agora se o que você entende por jubilo, que nada mais é do que alegria, entusiasmo, for o que vemos nas igrejas pentecostais não é o sentido da palavra. Assim como louvar em grande voz, nada mais é que entoar um cântico com convicção.

            “E clamavam com grande voz, dizendo: Salvação ao nosso Deus, que está assentado no trono, e ao Cordeiro.” – Apocalipse 7:10

            Ou seja, SERÁ um coro unânime e não a balbúrdia que vemos de gritaria e cada um falando uma coisa enquanto rodam feito os piões da casa própria.

          • Você questiona a forma, e eu estou te respondendo em relação à manifestação do júbilo. Não é aquela oração de louvor que vemos em igrejas históricas que todo mundo no final fala : Amém! A Bíblia fala VOLTARAM (todos) com GRANDE JÚBILO. Era a maneira que eles adoravam. Olha para a cultura judaica como eram as expressões de adoração e louvor. Quando citei apocalipse foi somente para quebrar argumento que tem que ser somente um que louva e o resto concorda.

            Se você ver Davi quando retornava com a arca, dançava tanto que até suas vergonhas apareceram.

          • Em quantos textos das escrituras temos o relato de dança? Só encontramos isto no Velho Testamento, pois, era costume judaico.

            No Novo Testamento não há nenhuma referência a isto, ora, não estou dizendo com isto que não havia, mas que é um fato, que caso houvesse, não tinha a menor importância.

            Nas igrejas pentecostais é praticamente a centralidade do culto junto às línguas.

            Não estou combatendo os dons e nem a dança mas sim o uso carnal destas práticas sob a alegação de que estão no Espírito, como se o Espírito Santo estivesse mais preocupado em deixar o seu povo em transe ao invés de cumprir o real propósito dele que é de Glorificar o Filho ensinando todas as coisas.

          • No que você disse realmente o interesse maior de Deus é conduzir o homem a verdade! Quanto o mais são dois momentos distintos que se usam liturgicamente sendo um de louvor e adoração e outro de palavra ( acredito que usado esse modo quase na totalidade das igrejas indivíduos independente de qual segmento). Mais especificamente no caso do que você se refere sobre as igrejas pentecostais (da qual não faço parte) continuo falando sobre expressão que quem louva ou adora ESCOLHE fazer. É uma maneira de se expressar. Exageros!!!! Existem em todos lugares, até nas históricas.

    • Irmão Marcelo,

      Desculpe a demora na resposta, estava descansando neste feriado e não acessei a internet.

      Enfim, vejo que está aficcionado com a a Presbiteriana, talvez por ser ela a mais convicta da visão Calvinista, mas só para deixar claro, mesmo entendendo que as escrituras são claras no que diz respeito à eleição e predestinação, fazendo de mim uma pessoa com sinergia pela teologia calvinista, não sou Presbiteriano.

      Quanto à ideia de que a eleição é coletiva e não individual, também é algo novo, visto que os Arminianos, ou os que comungam do mesmo pensamento sem nunca ter ouvido a respeito de Arminio, não conseguindo negar o fato explicito nas escrituras quanto à eleição e predestinação e não tendo como refutá-las passaram a se utilizar deste subterfúgio de dizer que a eleição é coletiva.

      Segue abaixo um artigo muito bom a esse respeito:

      Arminianos tendem a interpretar a eleição de Jacó e Esaú como a escolha do povo de Israel e Edom. De acordo com eles isso significa que a eleição é coletiva e não de indivíduos. Então, eles diriam que Romanos 9 não lida com a salvação de indivíduos, mas com a eleição de Israel como nação.[21]

      A interpretação arminiana é impossível, a resposta nos desafia diretamente do texto:
      Não que a palavra de Deus haja faltado, porque nem todos os que são de Israel são israelitas; Nem por serem descendência de Abraão são todos filhos; mas: Em Isaque será chamada a tua descendência. Isto é, não são os filhos da carne que são filhos de Deus, mas os filhos da promessa são contados como descendência. Porque a palavra da promessa é esta: Por este tempo virei, e Sara terá um filho. E não somente esta, mas também Rebeca, quando concebeu de um, de Isaque, nosso pai; Porque, não tendo eles ainda nascido, nem tendo feito bem ou mal (para que o propósito de Deus, segundo a eleição, ficasse firme, não por causa das obras, mas por aquele que chama), Foi-lhe dito a ela: O maior servirá o menor. Como está escrito: Amei a Jacó, e odiei a Esaú. Romanos 9:6-13
      O ponto da passagem é mostrar que a palavra de Deus a Israel não falhou (v. 6). O motivo que traz esta questão à tona é que Deus prometeu a salvação a Israel, mas a salvação está disponível apenas através da fé em Jesus Cristo, mas Israel ao todo (maioria indivíduos!) rejeitou a Cristo e, portanto, parece que Israel como um todo não é salvo.

      Paulo responde de imediato. A palavra de Deus não falhou, “porque nem todos os que são de Israel são israelitas; nem por serem descendência de Abraão são todos filhos…” (v. 6b-7). Agora surpreendam-se como o argumento Arminiano é estúpido. Paulo considera Israel como um todo, quando ele levanta a questão, e, em seguida, explicitamente chama a atenção para os indivíduos dentro de Israel, a fim de responder à pergunta. Na verdade, sua resposta depende da fé individual e eleição individual. Isto é, a palavra de Deus para Israel não falhou, porque não é cada indivíduo dentro de Israel um verdadeiro Israelita, e não é cada descendente em Israel um filho de Abraão.

      Em seguida, ele acrescenta duas ilustrações para enfatizar a eleição individual: Do versículo. 7b ao 9, Paulo diz que verdadeiros filhos de Abraão viriam através de Isaque. Por isso, ele quer dizer que eles viriam através do poder sobrenatural de Deus para cumprir sua promessa em vez de por geração natural. “São os filhos da promessa, aqueles que são considerados como descendência de Abraão” (8b). Deus fez a promessa a Abraão, mas ele distinguiu o indivíduo de Isaac contra o indivíduo de Ismael. Assim, a sua graça não se aplica a “filhos de Abraão” em um sentido abrangente e corporativo, mas de maneira seletiva e de sentido individual.

      Mas aqueles que pensam que a partir de Isaac a graça divina é dada em um sentido corporativo sem consideração das pessoas, Paul faz o mesmo ponto novamente, desta vez com Filhos de Isaque (v. 10). Duas crianças, até mesmo gêmeos, vieram do mesmo pai, mas Deus escolheu para amar um e odiar o outro. Como se para sublinhar a eleição individual ainda mais, ele escolhesse o mais jovem em vez do mais velho. Voltando à razão de Paulo para escrever tudo isso em primeiro lugar, seu argumento é inteligível e atraente só porque ele afirma eleição individual, e em certo sentido, até mesmo contra eleição corporativa. A promessa de Deus para Israel (corporativo) não falhou porque a promessa aplica-se apenas a indivíduos escolhidos dentro deste Israel, o que poderíamos chamar de verdadeiro Israel.

      Com isto em mente, leia o resto de Romanos 9 e você vai ver que ele consistentemente insiste sobre o controle de Deus sobre os indivíduos. Novamente, o argumento de Paulo não faria sentido e falharia se não fosse isso o que ele pretendia falar. O argumento arminiano é quase um sinal de rendição. Se os arminianos tentarem fazer com que este texto ensine a eleição corporativa, eles admitirão que ele fala sobre a soberania de Deus na escolha de uma nação, de modo que as nações não escolhem a si mesmas. O arminiano percebe o ensino da soberania de Deus nisso, mas redirecionam para uma aplicação corporativa. Portanto, se este redirecionamento é impedido, e é mostrado que o texto refere-se obviamente a indivíduos, mantemos a admissão arminiana de que é ensinado a eleição neste texto, e uma vez que se refere aos indivíduos, o texto ensina a eleição individual.

      Vincent Cheung

      • Com relação à Esaú e Jacó, você precisa ler em Hebreus 11:20 ” Pela fé IGUALMENTE Isaque abençoou a Jacó e Esau, acerca dos coisas que ainda estavam para vir”. Depois continue lendo o que estava para vir.

        Primeiro é importante você lembrar quem trouxe a primogenitura na Bíblia com Adão. Se você quer abordar qual era o propósito de Deus para todos os seres humanos com o primogênito Adão é só ler em Gênesis. Quem jogou fora tudo foi Adão de forma deliberada e pensada. A questão da escolha aparece na Bíblia mesmo antes da própria criação na história de Lúcifer e a terça parte caída do céu (na eternidade).

        Quando você lê em Romanos 9,10 e 11 que fala sobre vaso de honra e desonra não fala a respeito de salvação, mais sim o propósito que Deus estabeleceu para cada um no que se refere à cumprir seu “chamado ministerial” na terra. Nesse caso Israel (a nação primogênita que viria o Messias) contexto se você observar a história de Gênesis lerá que Esaú DESPREZOU seu direito de filho mais velho. Mesmo assim em Hebreus 11 (chamada galeria da fé) Esaú aparece recebendo a benção de Isaque IGUALMENTE com Jacó. Quando a Bíblia fala em romanos que nem todos que são de Israel são de fato israelitas, se referindo CLARAMENTE à questão do povo de Israel ser o povo que na linhagem de Abraão foi ESCOLHIDO para que viesse o salvador. Isso é uma questão de cumprir um propósito, mais não tem nada a ver com SALVAÇÃO, pois a salvação foi dada à TODOS sem DISTINÇÃO. Agora quando se fala á propósito na vida do cristão tenho absoluta convicção de que Deus tem um propósito definido na vida de cada pessoa.

        • Jean,

          “Com relação à Esaú e Jacó, você precisa ler em Hebreus 11:20 ” Pela fé IGUALMENTE Isaque abençoou a Jacó e Esau, acerca dos coisas que ainda estavam para vir”. Depois continue lendo o que estava para vir.”

          R: Jean, questão básica de leitura, o versículo fala de Isaque e não de Jacó e Esaú. Isaque é que pela fé os abençoou. Logo no versículo seguinte fala, aí sim, de Jacó, Esaú não é mencionado como um herói da fé. É uma conclusão extremamente simples e de leitura básica.

          “Primeiro é importante você lembrar quem trouxe a primogenitura na Bíblia com Adão. Se você quer abordar qual era o propósito de Deus para todos os seres humanos com o primogênito Adão é só ler em Gênesis. Quem jogou fora tudo foi Adão de forma deliberada e pensada. A questão da escolha aparece na Bíblia mesmo antes da própria criação na história de Lúcifer e a terça parte caída do céu (na eternidade).”

          R: Eu concordo que Adão tinha Livre Arbítrio, mas foi o único homem com tal prerrogativa. Porém, achar que o plano original de Deus era de que Adão não caísse e depois de ele ter caído Deus veio com um plano B é não crer na Soberania de Deus e contestar o fato de que O Cordeiro foi morto antes da fundação do mundo. Ou seja, tudo o que ocorreu estava no projeto inicial de Deus, que NUNCA foi Adão, mas sim, Cristo (Ef 1:10), pois, Adão pré-figurava-o (Rm 5:14). Assim também é equivoco achar que a queda de Lúcifer também foi obra do acaso sem que isto não estivesse dentro do propósito de Deus.

          “Quando você lê em Romanos 9,10 e 11 que fala sobre vaso de honra e desonra não fala a respeito de salvação, mais sim o propósito que Deus estabeleceu para cada um no que se refere à cumprir seu “chamado ministerial” na terra.”

          R: Desculpe, mas aí você já está apelando, tenho certeza que você é inteligente o suficiente para saber que o texto trata de salvação. Veja o texto:

          “Ou não tem o oleiro poder sobre o barro, para da mesma massa fazer um vaso para honra e outro para DESONRA? E que direis se Deus, querendo mostrar a sua ira, e dar a conhecer o seu poder, suportou com muita paciência os vasos da ira, preparados para a PERDIÇÃO;
          Para que também desse a conhecer as riquezas da sua glória nos vasos de misericórdia, que para glória já dantes preparou, Os quais somos nós, a quem também chamou, não só dentre os judeus, mas também dentre os gentios? Como também diz em Oséias: Chamarei meu povo ao que não era meu povo;E amada à que não era amada. E sucederá que no lugar em que lhes foi dito:Vós não sois meu povo;Aí serão chamados FILHOS DO DEUS VIVO. Também Isaías clama acerca de Israel: Ainda que o número dos filhos de Israel seja como a areia do mar, o remanescente é que será SALVO.” – Romanos 9:21-27. Ainda vai sustentar a ideia de que o texto não fala de salvação?

          “Nesse caso Israel (a nação primogênita que viria o Messias) contexto se você observar a história de Gênesis lerá que Esaú DESPREZOU seu direito de filho mais velho.”

          R: Nunca ouvi tal interpretação, nem vejo amparo Bíblico para supor que a primogenitura seja uma alusão à Israel em relação à Igreja.

          “Mesmo assim em Hebreus 11 (chamada galeria da fé) Esaú aparece recebendo a benção de Isaque IGUALMENTE com Jacó.”

          R: Já expliquei acima, o fato de Esaú receber uma benção não faz dele um herói da fé nem é um anuncio de que foi ele salvo. Há muitos ímpios abençoados, ou não?

          “Quando a Bíblia fala em romanos que nem todos que são de Israel são de fato israelitas, se referindo CLARAMENTE à questão do povo de Israel ser o povo que na linhagem de Abraão foi ESCOLHIDO para que viesse o salvador.”

          R: É mesmo? Porque seré então que Paulo preferiria ser um maldito a ter de aceitar esta questão? Só pelo fato de que talvez ele não fosse da linhagem do Messias? “Porque eu mesmo poderia desejar ser anátema de Cristo, por amor de meus irmãos, que são meus parentes segundo a carne;” – Romanos 9:3. Justifica esta declaração de Paulo no inicio do Capítulo só em função de alguns não serem da linhagem do Messias? é óbvio que não, me desculpe.

          “Isso é uma questão de cumprir um propósito, mais não tem nada a ver com SALVAÇÃO, pois a salvação foi dada à TODOS sem DISTINÇÃO.”

          R: A salvação foi dada a todos? Onde está escrito isto? Talvez haja um lugar que supõe tal coisa, veja: “O Senhor não demora em cumprir a sua promessa, como julgam alguns. Pelo contrário, ele é paciente com vocês, não querendo que ninguém pereça, mas que todos cheguem ao arrependimento.” 2 Pedro 3:9, aí eu quero que me explique uma coisa, se Deus quer que TODOS cheguem ao arrependimento essa é a sua vontade, correto? Então me explique o texto de Isaias que diz “Que anuncio o fim desde o princípio, e desde a antiguidade as coisas que ainda não sucederam; que digo: O meu conselho será firme, e farei toda a minha vontade.” Isaías 46:10. Ora se Deus faz com que se cumpra TODA a sua vontade e ele deseja que TODOS se arrependam temos um problema. Ou o homem limita a vontade Deus (isso contraria o texto de Isaías), ou Deus se contradisse (óbvio que não), Pedro estaria mentindo (óbvio que não), ou a palavra TODOS utilizada por Pedro não se refere à toda humanidade (BINGO), certamente a última alternativa é a correta e o contexto deixa isso claro.

          ” Agora quando se fala á propósito na vida do cristão tenho absoluta convicção de que Deus tem um propósito definido na vida de cada pessoa.”

          R: Quanto a isso não há duvida, somos membros de um corpo e cada membro tem sua função, a questão é qual o entendimento temos da palavra “propósito”, as pessoas confundem isto com “o que eu devo fazer” e se enveredam em um ativismo religioso extremo que muitas vezes não promove em nada o propósito de Deus.

          • Questão 1 – Benção Esaú/Jacó – Leia por favor Hebreus 11:20. ” Pela fé, IGUALMENTE Isaque abençoou a JACÓ E A ESAÚ, acerca de coisas que ainda estavam por vir”. Jacó foi citado como continuidade da linhagem (“ministério”) para Jesus pois Esaú DELIBERADAMENTE desprezou a primogenitura (é só ler em Gênesis).

            Questão 2 – Vaso de Honra e desonra – Vaso de desonra é todo ser humano que nasceu do primeiro Adão. Daí vem a pergunta quem são os vasos de desonra, pois fala em Romanos 9 que Deus suportou esses vasos preparados para perdição.

            “Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus. Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de Deus; Para demonstração da sua justiça neste tempo presente, para que ele seja justo e justificador DAQUELE QUE TEM FÉ EM JESUS” ( Rm 3:23 -26).” (Nota minha: Não de quem é predestinado que é vaso de honra).
            No texto de romanos 9,10 e 11 fala da linhagem que traria o salvador e TODO aquele que nele crê (não quem é predestinado) terá vida eterna.

            Questão 3 – Plano B de Deus – Realmente não existe plano B de Deus, mais em Efésios que você citou que nos escolheu nele antes da fundação do mundo para SERMOS SANTOS E IRREPREENSÍVEIS. Adão foi criado para ser SANTO e IRREPREENSÍVEL, pecou e caiu. Não houve plano B de Deus, o segundo Adão – Jesus – tornou SANTO e IRREPREENSÍVEL, TODO aquele que creu na sua obra redentora.

            QUESTÃO 4 – Paulo anátema – Por uma simples questão de que o povo Judeu não recebeu o Messias ( Jesus).

            QUESTÃO 5 – Isaías 46 – Porque você não citou até o versículo 13 e parou no 10????. O que Deus continua dizendo… Veja os versículos ” que chamo a ave de rapina desde o oriente e de uma terra longinqua , o homem do meu conselho. Eu o disse , eu também cumprirei ; tomei este propósito, também o executarei. Ouvi-me vós, os que sois de obstinado coração, que estais longe da justiça. FAÇO CHEGAR A MINHA JUSTIÇA E NÃO ESTÁ LONGE; A MINHA SALVAÇÃO NÃO TARDARÁ; mas ESTABELECEREI em Sião o livramento e em Israel, a minha glória.”.
            O que Deus disse que estabeleceria????? : A justiça.
            O que você considera Justiça?????. Em romanos diz que “aquele que não conheceu pecado, se fez pecado por nós, para que fossemos feitos JUSTIÇA de Deus”.
            Esse texto que você citou de Isaías 46, somente reafirma o que Deus disse a Adão : ” virá aquele que pisará a cabeça da serpente e tú lhe ferirás o seu calcanhar”.

            J U S T I Ç A!!!!

            Quanto ao propósito de Deus é só você ler Efésios 1:10 ” de fazer convergir nele … , ou mesmo o vv. 9 – ” E os revelou o mistério da sua vontade, de acordo com seu bom propósito que Ele estabeleceu em Cristo.
            O propósito de Deus se cumpriu plenamente em Jesus, não em salvar os predestinados, mais sim de TODO AQUELE QUE NELE CRÊ NÃO PEREÇA MAIS TENHA A VIDA ETERNA. É claro que como Adão, o homem hoje continua tendo a capacidade de escolha (mais você não pensa assim).

          • Questão 1 – Benção Esaú/Jacó – Leia por favor Hebreus 11:20. ” Pela fé, IGUALMENTE Isaque abençoou a JACÓ E A ESAÚ, acerca de coisas que ainda estavam por vir”. Jacó foi citado como continuidade da linhagem (“ministério”) para Jesus pois Esaú DELIBERADAMENTE desprezou a primogenitura (é só ler em Gênesis).

            R: Segundo sua interpretação Esaú poderia então não ter desprezado a primogenitura, afinal ele tinha livre arbítrio. Engraçado que não é o que diz o texto de Romanos 9 “Como está escrito: Amei a Jacó, e odiei a Esaú. Que diremos pois? que há injustiça da parte de Deus? De maneira nenhuma. Pois diz a Moisés: Compadecer-me-ei de quem me compadecer, e terei misericórdia de quem eu tiver misericórdia. Assim, pois, isto não depende do que quer, nem do que corre, mas de Deus, que se compadece.” Romanos 9:13-16. O texto é claro em afirmar que a escolha de Jacó e não a de Esaú partiu de Deus e não pela rejeição de Esaú. O texto é enfático em dizer que NÃO DEPENDE DO QUE CORRE, MAS DE DEUS. Logo, essa ideia de Livre arbítrio neste caso não se sustenta.

            Questão 2 – Vaso de Honra e desonra – Vaso de desonra é todo ser humano que nasceu do primeiro Adão. Daí vem a pergunta quem são os vasos de desonra, pois fala em Romanos 9 que Deus suportou esses vasos preparados para perdição.

            R: Basta ler o versículo que inicia a explicação quanto aos vasos de desonra que é o que segue: “Dir-me-ás então: Por que se queixa ele ainda? Porquanto, quem tem resistido à sua vontade?” – Romanos 9:19. Paulo já antecipa um questionamento, ou seja, se NINGUÉM PODE RESISTIR À VONTADE DE DEUS, DO QUE ELE SE QUEIXA? Então em resumo Paulo diz que isto é problema de Deus, pois ELE FEZ (é o que o texto diz) vaso para honra e para a desonra, ainda diz mais, que ELE PREPAROU vasos para a perdição. Novamente o livre arbítrio não se sustenta no texto.

            ““Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus. Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de Deus; Para demonstração da sua justiça neste tempo presente, para que ele seja justo e justificador DAQUELE QUE TEM FÉ EM JESUS” ( Rm 3:23 -26).” (Nota minha: Não de quem é predestinado que é vaso de honra). No texto de romanos 9,10 e 11 fala da linhagem que traria o salvador e TODO aquele que nele crê (não quem é predestinado) terá vida eterna.”

            R: Quanto à Romanos 3 Paulo está tratando em relação à Judeus e Gentios, Lei e Graça e neste contexto ele estabelece que Deus não faz acepção entre um povo e outro, ou seja, há eleitos de todos os povos, tribos e línguas. Em relação ao fato de Jesus ser o justificador de quem tem fé, isso em nada anula a eleição e perdestinação, ou seja, somente quem tiver fé em Jesus será justificado, a pergunta que fica é: Quem terá essa fé? Os que optarem em crer ou os que forem iluminados pelo Espirito Santo que recebem o poder de serem feitos Filhos de Deus? Os que optam em “aceitar Jesus” ou àqueles que foram chamados?

            Enfim, os justificados são os que creem, correto? Sim, correto, porém, onde se encontra o processo de justificação dentro da Obra de Deus? Veja que texto maravilhoso em Efésisos:

            “E aos que predestinou a estes também chamou; e aos que chamou a estes também justificou; e aos que justificou a estes também glorificou.” Romanos 8:30

            Veja que a justificação é o terceiro passo, antes vem a predestinação, depois o chamado e só então a justificação. Me mostre neste texto alguma participação do homem em qualquer etapa deste processo. Não há.

            “Questão 3 – Plano B de Deus – Realmente não existe plano B de Deus, mais em Efésios que você citou que nos escolheu nele antes da fundação do mundo para SERMOS SANTOS E IRREPREENSÍVEIS. Adão foi criado para ser SANTO e IRREPREENSÍVEL, pecou e caiu. Não houve plano B de Deus, o segundo Adão – Jesus – tornou SANTO e IRREPREENSÍVEL, TODO aquele que creu na sua obra redentora.”

            R: Você acabou de descrever o que você entende por plano B, ou seja, primeiro você diz que Deus criou Adão para ser Santo e Irrepreensível, porém, Adão falhou e então veio Jesus e cumpriu o propósito original, até aí tudo correto, a questão é: A queda de Adão fazia parte do propósito de Deus ou não? Eu digo que sim, me parece que para você não me corrija se eu estiver errado.

            QUESTÃO 4 – Paulo anátema – Por uma simples questão de que o povo Judeu não recebeu o Messias ( Jesus).

            R: Correto, porém, não é o que você vinha dizendo em outros comentários. A questão é: Por que não creram em Jesus? Paulo responde nos dois últimos versículos de Romanos 9:
            “Por quê? Porque não foi pela fé, mas como que pelas obras da lei; pois tropeçaram na pedra de tropeço; Como está escrito:Eis que eu ponho em Sião uma pedra de tropeço, e uma rocha de escândalo;E todo aquele que crer nela não será confundido.” – Romanos 9:32-33

            Eu te pergunto: Segundo o texto, eles não creram por colocarem em prática seu livre arbítrio em rejeitar o Messias ou porque o próprio Deus colocou uma pedra de tropeço? Veja o que Paulo diz mais à frente também em Romanos “Pois quê? O que Israel buscava não o alcançou; mas os eleitos o alcançaram, e os outros foram endurecidos.” – Romanos 11:7.

            Pergunta: O texto diz “se endureceram” ou FORAM ENDURECIDOS? Ou seja, com o livre arbítrio endureceram seus corações e rejeitaram o Messias ou o próprio Deus os endureceu? Paulo responde no próximo versículo:

            “Como está escrito: Deus lhes deu espírito de profundo sono, olhos para não verem, e ouvidos para não ouvirem, até ao dia de hoje.” – Romanos 11:8

            Bang – Morte ao Livre Arbítrio novamente.

            QUESTÃO 5 – Isaías 46 – Porque você não citou até o versículo 13 e parou no 10????. O que Deus continua dizendo… Veja os versículos ” que chamo a ave de rapina desde o oriente e de uma terra longinqua , o homem do meu conselho. Eu o disse , eu também cumprirei ; tomei este propósito, também o executarei. Ouvi-me vós, os que sois de obstinado coração, que estais longe da justiça. FAÇO CHEGAR A MINHA JUSTIÇA E NÃO ESTÁ LONGE; A MINHA SALVAÇÃO NÃO TARDARÁ; mas ESTABELECEREI em Sião o livramento e em Israel, a minha glória.”. O que Deus disse que estabeleceria????? : A justiça. O que você considera Justiça?????. Em romanos diz que “aquele que não conheceu pecado, se fez pecado por nós, para que fossemos feitos JUSTIÇA de Deus”. Esse texto que você citou de Isaías 46, somente reafirma o que Deus disse a Adão : ” virá aquele que pisará a cabeça da serpente e tú lhe ferirás o seu calcanhar”.

            R: Desculpe, mas neste caso é um erro de leitura primário. Isaías 46 a partir do Versículo 3 Deus começa a fazer uma descrição de sí mesmo e esta descrição termina no versículo 11. Após esta descrição de quem Ele é ele diz no versículo 12 “Ouvi-me, ó duros de coração, os que estais longe da justiça.” – Isaías 46:12 e então ele proclama “Faço chegar a minha justiça, e não estará ao longe, e a minha salvação não tardará; mas estabelecerei em Sião a salvação, e em Israel a minha glória.” – Isaías 46:13

            Resumindo é como se Ele dissesse Eu sou Deus por tais razões (3-11) e sendo Deus me ouçam (12), Farei isto (13). Logo o versículo acerca da justiça no versículo 13 não tem nenhuma relação com o 11 que demonstra a sua Soberania.

            “Quanto ao propósito de Deus é só você ler Efésios 1:10 ” de fazer convergir nele … , ou mesmo o vv. 9 – ” E os revelou o mistério da sua vontade, de acordo com seu bom propósito que Ele estabeleceu em Cristo. O propósito de Deus se cumpriu plenamente em Jesus, não em salvar os predestinados, mais sim de TODO AQUELE QUE NELE CRÊ NÃO PEREÇA MAIS TENHA A VIDA ETERNA. É claro que como Adão, o homem hoje continua tendo a capacidade de escolha (mais você não pensa assim).

            R: Ora, que o propósito de Deus é Cristo é um fato e nunca neguei isto, a pergunta que fica é: Quem é o Cristo, Novo homem? Não é Jesus Homem o cabeça e o corpo composto por vários membros? Quam são estes membros? Quem decide em fazer parte ou os predestinados conforme todo o Capitulo 1 de Efésisos nos informa? “Nele, digo, em quem também fomos feitos herança, havendo sido predestinados, conforme o propósito daquele que faz todas as coisas, segundo o conselho da sua vontade;” – Efésios 1:11. Em relação ao fato de quem crê terá a vida eterna e quem não crê será condenado, é obvio, e novamente repete-se a pergunta: Quem pode crer se não há NENHUM SEQUER que busque a Deus? Somente os predestinados.

  19. Uns falam em línguas, eu escrevo em línguas: nmkasdbfdjfbdh asdjcbfadkfbdf uiodv jldhvjsdk duioçhqiop vidvm u dcvdmd iodhv diovi iadjfadihjefn dpij! klçadnfadj adlvnejn?? dvmlsdnv? e sem nenhum erro gramatical! Espero que todos entendam!

    • Opa, com prazer.

      Veja o que diz o vs 19 do Capitulo 14 por exemplo:

      “Todavia eu antes quero falar na igreja cinco palavras na minha própria inteligência, para que possa também instruir os outros, do que dez mil palavras em língua desconhecida. Irmãos, não sejais meninos no entendimento, mas sede meninos na malícia, e adultos no entendimento.”

      1 Coríntios 14:19-20

      Novamente a questão da maturidade.

      • Mais você tinha falado sobre questão de maturidade antes o CESSAR dos dons. Agora melhorou porque o problema é falar em línguas DENTRO da igreja. Nisso que você falou vale o que Paulo instrui… ” haja quem interprete… se não houver FALE CONSIGO MESMO E COM DEUS ( dentro da igreja).

  20. Marcos,

    eu já falei em outras postagens que o tema ELEIÇÃO/PREDESTINAÇÃO não é o que trata a reportagem e também já respondi seu argumento em relação à Esaú e Jacó e o fato de ser em relação à primogenitura e não em relação à salvação, se tratando especificamente da história do povo de Israel na descendência de Isaque viria o salvador. Eu não vou ficar mais argumentando porque não pararíamos nunca essa conversa.
    O importante de tudo é a FÉ EM JESUS COMO SALVADOR, onde quem pensa que é predestinado e quem pensa que não é predestinado, nasce de novo e tem Deus como Pai e herda a salvação através da fé.

    um abraço.

    • Jean,

      Este tema é discutido não é de hoje e não será aqui que chegaremos à solução dele, mas, creio que todo o debate é bem vindo, pois, foi devido ao fato de eu um dia ter sido confrontado no que eu acreditava com os textos bíblicos que eu abandonei esta ideia de Livre Arbítrio.

      No mais concordo com você em relação ao fato de que o que é mais importante é que somos irmãos em Cristo e servimos ao mesmo Deus. Deixo claro que acompanho seus comentários e apesar de não comungar dos mesmos conceitos em alguns temas o tenho em mais alto respeito, pois, nitidamente é um cristão autêntico e um excelente argumentador, foi um bom debate de ideias.

      Grande abraço,

DEIXE UMA RESPOSTA