Projeto de Chico Alencar quer obrigar igrejas a registrarem doações de fiéis para impedir crimes

17

A não-tributação de igrejas evangélicas e outras religiões é um tema que se torna recorrente na sociedade de tempos em tempos, oriundo de um pensamento distorcido do conceito de laicidade do Estado, que intenta cobrar impostos sobre as doações. Agora, um novo projeto, assinado pelo deputado federal Chico Alencar (PSOL-RJ), pretende estabelecer uma fiscalização sobre ofertas e dízimos entregues pelos fiéis às congregações.

Na justificativa, Alencar afirma que a proposta quer impedir que igrejas sejam usadas como meios de lavagem de dinheiro e sonegação de impostos.

“O projeto visa a possibilitar a correção de uma lacuna do Código Civil, especialmente no que tange às organizações religiosas. Embora haja a norma do Art. 44 do Código Civil que garanta, corretamente, que a forma de organização das entidades religiosas não sofrerá interferência do Estado, se tem percebido nos últimos anos que algumas igrejas têm sido utilizadas, por pessoas inescrupulosas, como pontos de lavagem de dinheiro ilícito e evasão de divisas”, afirma o deputado no texto de justificativa disponível no site da Câmara.

Caso seja aprovado, o PL 725/15 estabelecerá uma obrigação às igrejas de registrarem todas as operações financeiras, desde a arrecadação até o destino final dos valores, sejam eles usados para pagar aluguéis, comprar material de limpeza, pagar serviços ou sustentar projetos sociais.

Alencar – alinhado ao pensamento de esquerda, que historicamente sempre criou obstáculos ao livre exercício da fé – argumentou em defesa de sua proposta reproduzindo uma declaração do desembargador federal Fausto Martin de Sanctis, especializado em crimes financeiros, ao jornal Valor Econômico.

“É impossível auditar as doações dos fiéis. E isso é ideal para quem precisa camuflar o aumento de sua renda, escapar da tributação e lavar dinheiro do crime organizado”, disse o desembargador à época.

Atualmente, o projeto está aguardando parecer do relator, deputado Jorge Côrte Real (PTB-PE), na Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio (CDEIC). Depois de avaliado por esse colegiado, se aprovado, o projeto será encaminhado para análise da Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

17 COMENTÁRIOS

  1. Tinha que ser um projeto do partido da anta do Jean Wyllys.
    A oferta é um ato de livre e espontânea vontade de quem doa, e quem doa já contribui bastante para os cofres desse governo miserável, será que isso não basta?
    O que as igrejas fazem com o dinheiro, é um problema delas, porque esses deputados não falam nada sobre a Igreja católica, que usa o dinheiro público para reformar seus templos? Mas não, na verdade não tem como negar que eles tem uma grande implicância com os evangélicos, porque será hein? !

    • Tinha que ser um projeto do partido da anta do Wyllys, .
      A oferta é um ato de livre e espontânea vontade de quem doa, e quem doa já contribui bastante para os cofres desse governo corrupto, será que eles querem mais?
      O que as igrejas fazem com o dinheiro, é um problema delas e da consciência dos mesmos.
      Por que não falam sobre o fato de que a igreja católica, usa do dinheiro público para reformar seus templos? ! Porque tanta implicância com a igreja evangélica?

  2. Há muito corre o comentário, aqui e ali, que as igrejas – não todas, obviamente – têm sido usadas para o crime de lavagem de dinheiro, entre outros tão ou mais graves. Como exemplo da lavagem de dinheiro, essas vozes citam o caso do parlamentar Eduardo Cunha, denunciado por Janot no STF.

  3. bom seria que a igreja não precisar fazer o serviço do estado, estes mesmos senhores que querem tributar ou bitributar a igreja, sim pois o dinheiro ali depositado em forma de dízimo ou ofertas , ja foi tributado pelo estado uma vez, são os mesmos que se lucupletam do erário publico aqueles do mensalão e do petrobrás, sou a favor das igreja apresentarem também seus livros, desde que o país pare de ser roubado por políticos, é só ver quem são os alíados deles ai na foto esta jean willys aqui esta stardust be seus nick fakes. ateus gayjegues que querem o fim da igreja, trabalham para satanás

    • Apareceu o primeiro a ser contra essa lei que pode impedir abusos e desvios como tem se visto por aí. Claro que quem não deve, não teme. A igreja não será bitributada, pois como será tributada duas vezes, se esta é a primeira tributação (e ainda somente nos casos onde não comprovar a destinação justa do que foi recebido).

      Pastores com mansões em boca ratón – flórida (EUA)… pode isso? e chorando miséria na tv!

      • star
        vc. votou na dilma e no lula e eles fizeram muito pior, então não tem carater para julgar, e aqui se trata de instituições que produzem serviços sociais que o estado nunca prestou, então ateu gayjegue do diabo cale a boca

  4. Pastor processa ganhadora de loteria por negar oferta
    Pastor alega que está sofrendo e deprimido.
    Marie Holmes, da Carolina do Norte, EUA, foi uma das ganhadoras da loteria Powerball em fevereiro de 2015. A mãe solteira, que tem quatro filhos, ganhou 127 milhões de dólares. Ela conta que deu 15 dólares para sua mãe, que estava saindo para a igreja, comprar os bilhetes. Após ganhar, agradeceu a Deus.

    Ela acabou ficando conhecida nos meses seguintes por ter gastado 21 milhões para livrar o namorado traficante da cadeia e também ter sido presa por porte de drogas. Dessa vez, ela está chamando atenção da mídia por causa do processo movido contra ela pelo pastor Kevin Matthews.

    Marie já havia doado 700 mil dólares para uma igreja, mas o pastor Kevin, que é de outro ministério, a processou pedindo 10 milhões de dólares. Alega que ela “rompeu um contrato verbal”.

    Ele explica que está passando por “grande estresse emocional e mental” após ter feito as negociações para comprar um terreno onde construiria um local para retiros. Kevin diz ainda que tem perdido o sono e vive em depressão por causa desta situação.

    A advogada de acusada, Ruth Sheehan, explica que não está ciente dos detalhes da acusação, mas o pastor divulgou a gravação de uma conversa telefônica onde Marie se compromete a fazer uma doação de um milhão e meio de dólares.

    O pastor Kevin explica que acompanhou Marie em momentos difíceis, orou com ela várias vezes em sua nova casa. Considerando que eles tinham uma relação de confiança, explicou que havia anos ele desejava construir um local para retiros. A milionária disse que iria fazer o depósito, mas que seu dinheiro estava investido, então precisava negociar com seu contador a melhor data para isso.

    Feliz com a eminente oferta, Kevin negociou com corretores de imóveis um local e anunciou publicamente a “bênção” que ele estava recebendo de Holmes. Chegou a fazer um contrato verbal para comprar um local e se comprometeu a dar 200 mil dólares de ofertas para outros ministérios.

    O tempo passou a oferta não veio e Kevin procurou Marie. Ouviu que ela mudara de ideia e que vai abrir uma fundação para “ajudar as pessoas”. Depois disso, nunca mais aceitou conversar com o pastor. A opção do pastor foi ir para a frente da casa da ex-amiga e orar por ela e pela família dela.

    À imprensa, Kevin Matthews afirma que só deseja que Marie Holmes “cumpra o que prometeu”. “Eu quero estar em paz e fazer o que Deus me disse para fazer… Realmente sinto que sou um guerreiro de Cristo e ensino que as pessoas precisam prestar contas.”
    Fonte:mtagora

    • Emanuelle

      desculpe minha grosseria,
      mas não tem outra resposta para esse pa$$tor safado.
      o pa$$tor quer é pei/dar com o c/u dos outros(isso é o que mais acontece com esses “unxidos com óleo de péroba”

  5. Mensalão, petrolão, roubo de ambulâncias, roubo de merenda escolar, hospitais sem esparadrapo, escolas públicas desabando em cima dos alunos, professores com 4 meses de salários atrasados, economia minada pelos ladrões do planalto, tudo orquestrado e executado pelos políticos e o deputado Chico Alencar preocupado com o dinheiro dos fiéis e suas Igrejas!!!
    Vá trabalhar deputado.

  6. porque o chico de alencar nao pede uma averiguação nas contas do lula e dinheiro que vai pro carnaval movimento lgbt e show de cantores que ja ganham com venda de seus cds e shows brasil a fora ,pimenta no olhos do outros e refresco,na hora do voto queri pedir os evangelicos o voto,hiprocrita……….. pede as religioes afro,islamismo,catolica só tem hipocrisia e mesma coisa que crusificar só jesus e o resto nada.

  7. A CATOLICA, OS TERREIROS, OS MUCULMANOS, OS ESPIRITAS, A ZONA QUE ESSE SAFADO NASCEU ONDE HA TANTA PROSTITUTA DIMENO QUE ELE LUCRA TANBEM VAO SER CONFISCADOS???

    OU SO AS IGJS CRISTAS EVANGELICAS MESMO???

  8. Tem q começar a fiscalizar as contribuições nos centros de umbanda e Candomblé tbm. E os centros Espíritas? Afinal,criticar os dízimos dos fiéis e fácil,mas ninguém fala sobre a fortuna que custa bancar uma festa de exu ou comprar as roupas pra receber guia de frente!

  9. Seguinte, eu sou membro da Igreja Assembleia de Deus de Missão, e concordo com a tributação desses valores, Pois só assim poderá pelo menos diminuir a quantidade de roubo que á nos bastidores das igrejas

  10. Essa informação não me preocupa. Os Batistas quando recebem doações de membros da igreja realizam assembleia trantando do assunto e quando aceita pela maioria dos membros presentes registram em livro Ata da assembleia realizada e seguindo aos trâmites se for o caso para transferencia de propriedade em nome da igreja.

    • Legal. Não sou cristão mas posso respeitar isso. Alias, isso sim merece respeito.

      Parabéns a Igreja Batista.

      A igreja pentecostal criou certas MÁFIAS dentro da sua religião Por isso que eles não querem que esse projeto de transparência com as ofertas dos fiéis, vá adiante. O buraco é muito mais embaixo do que se pensa e deve ter grandes corporações gospel, envolvidas nisso.

      Já ouvi cada história escabrosa de teologia da prosperidade. E dito por cristãos hein. Antes que pensem em falar que é difamação ateísta.

DEIXE UMA RESPOSTA