Líderes religiosos da Libéria afirmam que surto do vírus Ebola é culpa dos gays

33

Vários líderes do Conselho de Igrejas da Libéria (LCC) participaram de uma reunião para discutir “uma resposta espiritual” para o surto de Ebola que já custou 932 vidas em toda a África Ocidental. Os religiosos afirmaram após a reunião que a culpa do surto da doença é dos gays, e que o vírus foi enviado por Deus como uma punição pelos “atos imorais” dos homossexuais.

O The Daily Observer relata que os líderes da igreja concordaram unanimemente na reunião que “Deus está zangado com a Libéria” e concluíram que o Ebola foi enviado “como uma praga” no país.

Um comunicado detalhando a resolução do grupo religioso resumiu que os “liberianos têm de orar e buscar o perdão de Deus sobre a corrupção e os atos imorais (como homossexualismo, etc.) que continuam a penetrar em nossa sociedade”.

– Como cristãos, devemos nos arrepender e buscar o perdão de Deus – ressalta o comunicado, que teria recomentado também que os liberianos ficassem dentro de casa por um período de três dias de jejum e oração, que começou na última quarta-feira.


A resolução dos líderes religiosos foi divulgada no mesmo momento em que a presidente liberiana Ellen Johnson Sirleaf anunciou um estado de 90 dias de emergência no país devido ao surto do Ebola. Ela advertiu ainda em seu comunicado sobe o estado de emergência que “a ignorância e a pobreza, bem como as práticas religiosas e culturais arraigadas”, continuam a agravar a propagação da doença no país.

33 COMENTÁRIOS

  1. Não só a Libéria, mas a Russia também não admite a promiscuidade gay, certo que devemos ajudar e incentivar aqueles que estão nesta pratica imoral e obscena, que deus tenha misericórdia de nós.

    • Enriquecer as custas dos outros também é imoral e quantos falam dos pastores do dízimo? Pq só a imoralidade em nome do dinheiro dos fiéis, é liberada enquanto uma questão pessoal é condenada das formas mais absurdas possíveis?

        • Jesus cobrava para pregar o evangelho? Ficou rico por pregar o evangelho? O cara entrou trinfalmente em Jerusalém, montado num jumento. Se fosse o Edir Macelo ou Silas Malafaia, entrariam num Bugatti Veyron Supersport, de U$ 2.6 milhões, no mínimo. Evangelização não é profissão – é vocação.

          .

          • JOSÉ CLAUDIO
            Sim Jesus tinha quem o mantinha e sua obra, ele não ficou rico ele é rico, é dono do ouro e da prata.
            Burro era o carro do ano, fica de boa, esta tua perseguição a igreja do senhor, não te leva a nada.

        • Dízimo é obediência a Deus, existe sim pastores corruptos, assim como existe padres corruptos, mas é muito fácil falar do evangélico quando vc não conhece a palavra correta e nem dízima nem mesmo na própria religião. Homossexualismo é uma vergonha diante dos olhos de Deus, isso destrói tudo o que ele criou, Jesus morreu por nós na cruz, pelos nossos pecados, com o sangue e a dor D’Ele fomos sarados e perdoados. Agora te pergunto, é correto dois homens ou mulheres criarem filhos? Gerarem filhos? (acho que isso não tem como)… Mas não adianta falarmos que isso é prostituição aos olhos do Pai, é infidelidade a Ele. Mas tudo o que fazemos na terra será pagada aqui e quando Ele descer de novo.
          Não acho que Deus enviou isso a terra por “vingança” porq primeiro que Ele não é vingança e sim justiça, segundo que temos o livre arbítrio de escolhermos o que queremos ser, mas todos sabem que sempre pagamos pela nossas escolhas. E Deus ama até mesmo os pecadores porq tb podem ser salvos se… eles se arrependerem de coração e aceitar o único salvador de nossas vidas.

    • E são justamente esses países que DEUS está castigando, no caso dos Africanos da região central com ebola, e da Rússia, usando os EUA e a Europa.
      Tire a trave de seu olho Jose Carvalho.

  2. Deus pediu para aqueles que estava escapando da destruição de sodoma não olhar para trás,a mulher de ló olhou e virou uma estátua de sal,todos aqueles que apoiam o ativismo gay seja pessoa ou seja nação vão sofrer as consequências.
    a maior parada gay do mundo acontece em São paulo e o estado passa por uma estiagem historica e sem precedentes,os governos tem que barrar o casamento homossexual ou pestes piores virão.

  3. Felipe, Jânio, e outras pessoas inteligentes que frequentam este site, vamos combinar uma coisa? Mantenhamo-nos calados. Afinal, a própria bíblia prevê: “Não respondas ao tolo segundo a sua estultícia, para que também não te faças semelhante a ele”. Provérbios 26:4-14

    Para quem não sabe, estultícia é sinônimo de: estupidez, imbecilidade, parpalhice, sandice, burrice, ignorancia, palermice, tolice, asnada, asneira, idiotice, patetice, besteira, bobagem.

    Antônimo: inteligência e prudência.

    Fechou?

  4. Se o título da matéria fosse “Cientistas da Libéria afirmam que surto do vírus Ebola é culpa dos gays” eu me mostraria preocupado. Mas “líderes religiosos” declaram o que quiserem, de acordo com seu nível de perturbação mental.

  5. Errado. O Senhor dos Exércitos é dono do ouro e da prata. Se Jesus herdou esta riqueza, em nenhuma passagem bíblica fica claro que ele era adepto do funk ostentação, pelo contrário, recomendou: “Não ajunteis tesouros na Terra…” e o resto vc sabe melhor do que eu.

    .

  6. Quando falamos contra o pecado sexual, adultério, homossexualismo muitos criticam. Mas foi dessa maneira quando noé anunciou o diluvio chamaram ele de todo nome, criticaram muito, mas depois eles viram com seus próprios olhos e pereceram; mesmo com este exemplo escrito na biblia muitos vão perecer. Porque os INCRÉDULOS não herdaram o REINO DE DEUS.

    • Que gente atrasada, ainda citam um livro velhinho de 2000 anos, cheio de metáforas e que está completamente utrapassado. Não têm vergonha de tanta ignorância e de serem homofóbicos?

    • Eu acredito que a condição sexual de alguém não deva irritar tanto o deus cristão quanto o ódio e perseguição a aqueles que estão nessa conduta, porque, senão, os países que punem essas práticas seriam os mais prósperos, não faz sentido o que você diz Ana, porque os países que “estão seguindo” as “leis” de deus estão perecendo e o seu próprio deus diz que o justo não perecerá. Então na sua visão o surto de ebola não seria um problema de incrédulos? e não de praticas sexuais, se formos pela ideia que são os incrédulos que estão promovendo o ebola pela ira de deus, também não faz sentido porque a cultura desses países como a libéria é ultra religiosa… Então ou deus está fazendo os justos perecerem ou as lideranças religiosas estão enganadas neste conceito.

  7. Estranho que em países desenvolvidos, onde os direitos dos homossexuais são respeitados, ” não existe surto de Ebola” e justamente naqueles onde os gays, são enforcados, mortos pela sua condição sexual não optativa, caso fosse duvido que alguém seria enforcado.
    Nestes países miseráveis sim existe o surto de Ebola, que claro sabemos é transmitido por um morcego Africano.
    E ainda esses fanáticos do Brasil querem copiar as leis africanas.
    DEUS tenha misericórdia dos fanáticos evangélicos do Brasil.

  8. Acho que trata-se de um “castigo” enviado por DEUS pelo assassinado de dezenas de homossexuais, por forca.
    No caso da Libéria, Argélia, todos os quais homossexuais são mortos e caçados.

  9. Jesus condenou aos 12 anos os que lucravam em seu nome. Não adianta, esses tipos como Malafaia e Edir Macedo são a concretização das profecias de Paulo sobre os falsos profetas.

  10. A tal Libéria, a qual está em situação crítica em relação a contaminação é o paizinho onde fundamentalistas evangélicos dos EUA influenciaram a Presidente do país, a punir homossexuais com forca e prisão perpétua recentemente…
    Hummm tal paizinho além de de receber represarias de Obama.
    Ainda recebe castigo de DEUS com o Ebola, por assassinar inocentes.

  11. Em todos os países que punem gays com pena de morte no caso dos Africanos, DEUS logo em seguida da ediçaõ das leis, os castiga com o Ebola
    E os Arabes e Islâmicos também homofóbicos, DEUS castiga com guerras.
    E ai crentes fundamentalistas, graças a DEUS vocês não puderam colocar nosso país neste rol de países homofóbicos, senão todos os brasileiros estariam pagando preço do pecado, maldade e hipocrisia evangélica fundamentalista.

    Estamos em 2014 e, em alguns lugares do mundo, a opção sexual de uma pessoa faz dela uma criminosa. Não são poucos os países que aprisionam — e até mesmo matam — seus gays, ancorados por leis que criminalizam os homossexuais e que mantêm os rótulos de doença, desvio sexual, distúrbio e perversão.

    Essas definições — todas bastante negativas — já foram derrubadas pela psiquiatria, pela psicologia e pela OMS (Organização Mundial de Saúde), e hoje a discriminação contra homossexuais é considerada uma violação contra os direitos humanos, de acordo com a Anistia Internacional. Ainda assim, não é o que pensam Rússia, Austrália, Índia, Nigéria, Uganda, Irã e outras nações.

    Em 2013, aumentou para 14 o número de países que permitem o casamento entre gays. No entanto, segundo o relatório da Ilga (Associação Internacional de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Trans e Intersexos), ainda há 76 países da ONU que criminalizam a homossexualidade, o que corresponde a 40% do total.

    Por outro lado, países como Burkina Faso, República Centro-Africana, Chade, Congo, Costa do Marfim, Gabão, Madagascar, Mali e Ruanda nunca tiveram leis que fizessem da homossexualidade um crime.

    Conheça, a seguir, os locais em que ser gay dá cadeia ou pena de morte:

    Na África, ser homossexual na Mauritânia, no Sudão e em algumas partes da Somália tem a mais severa punição de todas: a pena de morte.

    A penalização extrema é adotada também nos asiáticos Irã, Arábia Saudita e Iêmen.

  12. Onde estão: Malafaia, Edir Macedo, Valdemiro, RR soares, que não doam ao menos 10% do que eles arrecadaram em nome de Deus, em prol de ajudar esses nossos irmão africanos??? é ruim heim? se eles puderem irão lá, mas quando acabar o surto do vírus pra arrancar (roubar) o poco $$ que restar para essa gente. Bando de ladrões essa gente não lhes interessa por são pobres, ainda tem alienados que acreditam em vcs (ratos de igreja). são a verdadeira raça de víboras que tanto João nos alertou. Não enganarão a mim, mas conseguem enganar milhões de alienados que não conhecem as escrituras.

  13. Estava demorando! Eu fico me perguntando o que esses líderes “cristãos” na África têm na cabeça…pra mim não passam de um bando de crias do Nazismo, pra dizer o mínimo de gente que diante de uma crise, adora apontar bodes expiatórios, dando início a linchamentos em praça pública, como ocorreu em vários momentos da história. Pior de tudo: a grande maioria desses líderes é formada por negros, que deveriam se envergonhar por perpetuarem discursos de ódio. Essa gente parece que se esqueceu do passado colonial e do racismo do qual são vítimas em várias outras partes do mundo. Nada pior do que gente considerada inferior, inferiorizando outras pessoas. Eu tenho vergonha dessa gente, do atraso e da ignorância que elas representam para o mundo!!! Ainda bem que existem homens como Desmond Tutu, que fazem todo diferença diante de tanta insanidade e falta de bom senso.

  14. Me considero absolutamente normal em tudo, salvo alguns defeitos, pois ninguém é perfeito. Mas, porém, essa afirmação, para não dizer acusação de quem se diz ser de Deus, é profundamente lamentável. Não estou em defesa de ninguém, mas procurando apenas ter um mínimo de honestidade e justiça. Quando surgiu a Aids, também acusaram os gays pelo surgimento da doença e agora acusam também o Embola. Isso não é um comentário de quem se diz ser de Deus, mas sim, de um grande perseguidor com o coração cheio de ódio e profundo pecador. Deus tenha piedade!

  15. Quanto as cidades Sodoma e Gomorra, a intençao de Deus era exterminar o pecado naquelas cidades e vizinhança. Os recem nascidos nao viveram nem para contar historia. E voces pensam que Deus e injusto? Aniquilem o pecado e o castigo cessara. Jesus pagou pelos pecados, somente aqueles que o recebem e o aceitam tem a participaçao em seu sacrificio.

      • Voces sombam do meu comentario, quando disse que nem os bebes foram poupados. Imaginem se voce vivesse sabendo que o seu povo foi destruido pelo proprio Deus, nao se conheceria a si proprio, ficaria revoltado com Deus sabendo que hoje as pessoas pecam da mesma forma, nao e mesmo? A vontade de Deus foi aniquilar o pecado.Jesus mencionou a certa cidade, ai de vos porque se em sodoma e gomorra fosse pregado o que foi pregado em ti, eles teriam se arrependido. Ainda acham que Deus e injusto?

    • A destruição de Sodoma e Gomorra, de Gustave Doré
      Há muitos séculos se tem atribuído a destruição de Sodoma e Gomorra à homossexualidade. Porém, um estudo atento do texto bíblico tem muito a nos revelar sobre as reais transgressões dessas duas cidades antigas. Neste caso, a regra de ouro da hermenêutica (a Bíblia explica a própria Bíblia) será nossa principal ferramenta de análise e interpretação. O uso da palavra sodomia como referência a atos homogenitais data da Idade Média e foi um conceito cunhado pelo teólogo Tomás de Aquino.
      Vejamos o que nos diz o mais conhecido e utilizado relato sobre Sodoma e Gomorra. As partes em negrito merecem destaque:
      
      1) Ao anoitecer, vieram os dois anjos a Sodoma, a cuja entrada estava Ló assentado; este, quando os viu, levantou-se e, indo ao seu encontro, prostrou-se, rosto em terra. 20) E disse-lhes: Eis agora, meus senhores, vinde para a casa do vosso servo, pernoitai nela e lavai os pés; levantar-vos-eis de madrugada e seguireis o vosso caminho. Responderam eles: Não; passaremos a noite na praça. 3) Instou-lhes muito, e foram e entraram em casa dele; deu-lhes um banquete, fez assar uns pães asmos, e eles comeram. 4) Mas, antes que se deitassem, os homens daquela cidade cercaram a casa, os homens de Sodoma, tanto os moços como os velhos, sim, todo o povo de todos os lados; 5) e chamaram por Ló e lhe disseram: Onde estão os homens que, à noitinha, entraram em tua casa? Traze-os fora a nós para que abusemos deles. 6). Saiu-lhes, então, Ló à porta, fechou-a após si 7. e lhes disse: Rogo-vos, meus irmãos, que não façais mal; 8- tenho duas filhas, virgens, eu vo-las trarei; tratai-as como vos parecer, porém nada façais a estes homens, porquanto se acham sob a proteção de meu teto. 9) Eles, porém, disseram: Retira-te daí. E acrescentaram: Só ele é estrangeiro, veio morar entre nós e pretende ser juiz em tudo? A ti, pois, faremos pior do que a eles. E arremessaram-se contra o homem, contra Ló, e se chegaram para arrombar a porta. (ARA)
      Alguns pontos sobre esse texto devem ser considerados: 1)Todos os homens daquela cidade cercaram a casa de Ló (4); 2) Eles exigiam que os estrangeiros (anjos) que ali estavam fossem postos para fora a fim de que fossem abusados(5); 3)Os sodomitas nutriam sentimento de xenofobia (9).
      O texto revela claramente uma tentativa de violência sexual coletiva aos visitantes de Ló motivada pela xenofobia. Naquele sociedade patricarcal, dominada pelos homens, os habitantes de Sodoma desejaram submeter os estrangeiros à situação mais humilhante que um homem poderia experimentar: ser usado como uma mulher; transgrediram, assim, violentamente a lei da hospitalidade, sagrada para os povos semíticos (Êxodo 22.21). Na tentativa de humilhar os visitantes, mostraram-se maus, arrogantes e soberbos. Enxergar homoafetividade em tal gesto de violência demonstra uma completa ignorância ao que de fato a Bíblia diz. Se uma leitura atenta desse relato não bastar para se compreender o real pecado dessas cidades, examinemos outros textos bíblicos:
      Ezequiel 16.49 e 50:
      49)Eis que esta foi a iniqüidade de Sodoma, tua irmã: soberba, fartura de pão e próspera tranqüilidade teve ela e suas filhas; mas nunca amparou o pobre e o necessitado. 50) Foram arrogantes e fizeram abominações diante de mim; pelo que, em vendo isto, as removi dali.
      Lucas 10. 10-12:
      10) Quando, porém, entrardes numa cidade e não vos receberem, saí pelas ruas e clamai: 11) Até o pó da vossa cidade, que se nos pegou aos pés, sacudimos contra vós outros. Não obstante, sabei que está próximo o reino de Deus. 12) Digo-vos que, naquele dia, haverá menos rigor para Sodoma do que para aquela cidade.
      O profeta Ezequiel, em harmonia com o relato de Gênesis, aponta o orgulho e o egoísmo como pecados de Sodoma. O mesmo profeta também fala de “abominação”, que neste caso refere-se à idolatria, como indicam as 9 ocorrências dessa palavra no mesmo capítulo. No texto de Lucas, Jesus faz um alerta sobre a recusa das boas-novas pelas cidades às quais os discípulos seriam enviados e como exemplo dessa falta de hospitalidade ele utilizou a cidade de Sodoma. Nenhuma palavra sobre homoafetitivade consta em tais textos. Há, porém, uma clara indicação acerca da rejeição aos mensageiros de Deus. A correlação entre o Evangelho e Sodoma é a atitude daqueles que rejeitam o estrangeiro, desprezando os mensageiros divinos.
      Até mesmo os livros deuterocanônicos* (das edições católicas) expressam a mesma idéia sobre Sodoma e Gomorra:
      Eclesiástico 16.8
      “Não poupou os concidadãos de Ló, aos quais detestou por seu orgulho.”
      Sabedoria 19.13-17
      “13) Sobre os pecadores, porém, caíram os castigos de raios violentos, não sem as advertências que antes lhes tinham sido feitas; mas sofriam justamente por causa de suas próprias maldades, por terem praticado a mais detestável falta de hospitalidade. 14) Houve quem não acolhesse visitantes desconhecidos; outros reduziram à escravidão esses hóspedes que lhes faziam bem. 15) E não só isto: se ainda se aguarda julgamento contra aqueles que receberam com hostilidade a estrangeiros, 16) quanto mais contra os que atormentaram com cruéis sofrimentos aqueles a quem tinham recebido com alegria e que haviam participado dos mesmos direitos! 17) Por isso, foram feridos de cegueira como aqueles, à porta do justo, quando, envolvidos em densas trevas, cada qual procurava a direção da sua casa”. (CNBB)
      Há outros textos bíblicos que confirmam que os pecados de Sodoma e Gomorra nada tinham a ver com a homossexualidade.
      *Tais livros não constam da Bíblia protestante pois não se reconhece neles a inspiração divina, porém, constituem documentos valiosos no que diz respeito a fatos históricos.

DEIXE UMA RESPOSTA