Ricardo Oliveira conta que é difícil ser pastor e jogador de futebol: “Já tive conflitos”

0

O pastor Ricardo Oliveira, atacante do Santos e artilheiro do Campeonato Brasileiro, contou que não é fácil conciliar o chamado espiritual com a profissão, mas que se prepara para que uma coisa não atrapalhe a outra.

Em entrevista ao diário Lance!, Oliveira contou que muitas vezes a vida de jogador de futebol traz conflitos morais, como a necessidade de desestabilizar os adversários e trocar provocações durante as partidas, mas que fora delas, cumpre sua obrigação de evangelizar os colegas.

Integrante da Assembleia de Deus no Brás – Ministério Madureira, Ricardo Oliveira já batizou colegas de clube em sua casa até orou por um morador de rua, a quem recebeu no Centro de Treinamento do Santos e deu uma palavra de motivação.

“Já me vi [em conflito moral]. O futebol te proporciona muito isso, todo dia, em todos os jogos. Tem que ter um domínio. Já perdi a cabeça, sim, mas tive hombridade para pedir perdão, pois nunca tive intuito de prejudicar. Sempre quis dar meu melhor, porque se vou disputar a bola, vou no corpo o mais forte que puder. Isso é competição, acontece, mas existe um preparo para dominar esses conflitos, para não chocar e extrapolar. Futebol é assim. No futebol você não pode pedir por favor, é outra linguagem, mas acabo me adaptando a isso”, disse.


Para ser bem-sucedido na profissão, tem que ter comprometimento, e isso significa agir no limite da regra e da força física: “Quando estou jogando, minha cabeça está voltada para o futebol. Algumas vezes já fui provocado, falaram que eu era pastor, que não poderia fazer tal coisa. Aí não! Sou atleta, defendo um escudo, só não vou ser desleal, mas não vou deixar de competir 100%. Vou correr, marcar, puxar, sair com marca no braço, mancando, mas acabou ali. De fato, não é fácil lidar com isso, mas consegui me preparar há muito tempo para lidar com isso e ser exemplo”, ponderou.

SEM COMENTÁRIOS

  1. disse Jesus; ninguem pode agradar a 2 senhores ao mesmo tempo ou vai agradar a um e a borrecer ao outro.Tambem disse ;todo aquele q quiser me seguir negue-se a si mesmo e me siga ; Bem pelo discernimento esse homem foi ungido a pastor por homens sem a revelação de Deus ,pois existe uma grande diferença entre o Pastor chamado ê o chamado pastor.é por isso q à muitos escandalos no nosso meio pessoas sendo ungidas sem revelação divina, onde a palavra diz;Não te apreces a impor as mãos sobre alguem para q tu não participes do pecado a lheio!!.

  2. Nada demais ser pastor e jogador de Futebol, ou melhor, é muita coisa ser pastor e jogador de futebol!

    Os bêbados as vezes tentam pregar a palavra nas mesas de bares, as meninas dos prostibulos tiram um minutinho para falar sobre as coisas de Deus.

    As mães falam para os filhos e os amigos para os amigos.
    Sabemos que ele é pastor porque é famoso, se não fosse famoso estaria na peleja de um dia subir a rampa.

    Estão valorizando demais a função do pastor como se esse papo de chamado fosse verdade.

    É obrigação nossa falar sobre as coisas de Deus antes ou depois do futebol, não importa.

    Mas como existe muitos que só acreditam na palvra se for uma celebridade falando, então ele pode pregar nas horas vagas sem nenhum problema, pois vai ter sempre um bom público.

    Isso é como velório!

    Velório de pobre só vai os parentes mais próximos se morar próximo.
    Velorio de rico aparece parentes e amigos vindos ate do inferno. Ficam uns atropelando os outros.

  3. Em Mateus 16:22, Pedro pensava que estava agradando a Jesus, quando tentava convencê-lo a não permitir que viesse a sofrer e ser morto nas mãos dos seus algozes. No entanto, com aquelas palavras de aspecto tão nobre, sem perceber, aquele bom Discípulo estava apenas cometendo um enorme pecado.
    Cuidado! É quase certo que cada um de nós também, tal como Pedro, estejamos cometendo grandes pecados, sem percebermos. Não corra este risco! Leia o Livro “AS 7 CHAVES DA VITÓRIA” e descubra as enormes maravilhas do Evangelho, que até agora nunca ninguém tinha explicado tão bem.
    Link GRÁTIS do Livro: http://goo.gl/SN0UW6
    Link do Programa também GRÁTIS para a leitura do Livro: http://goo.gl/oPAfyZ

  4. Em Mateus 16:22, Pedro pensava que estava agradando a Jesus, quando tentava convencê-lo a não permitir que viesse a sofrer e ser morto nas mãos dos seus algozes. No entanto, com aquelas palavras de aspecto tão nobre, sem perceber, aquele bom Discípulo estava apenas cometendo um enorme pecado.
    Cuidado! É quase certo que cada um de nós também, tal como Pedro, estejamos cometendo grandes pecados, sem percebermos. Não corra este risco! Leia o Livro “AS 7 CHAVES DA VITÓRIA” e descubra as enormes maravilhas do Evangelho, que até agora nunca ninguém tinha explicado tão bem.
    Link GRÁTIS do Livro: http://goo.gl/SN0UW6
    Link do Programa também GRÁTIS para a leitura do Livro: http://goo.gl/oPAfyZ

  5. Em Mateus 16:22, Pedro pensava que estava agradando a Jesus, quando tentava convencê-lo a não permitir que viesse a sofrer e ser morto nas mãos dos seus algozes. No entanto, com aquelas palavras de aspecto tão nobre, sem perceber, aquele bom Discípulo estava apenas cometendo um enorme pecado.
    Cuidado! É quase certo que cada um de nós também, tal como Pedro, estejamos cometendo grandes pecados, sem percebermos. Não corra este risco! Leia o Livro “AS 7 CHAVES DA VITÓRIA” e descubra as enormes maravilhas do Evangelho, que até agora nunca ninguém tinha explicado tão bem.
    Link GRÁTIS do Livro: http://goo.gl/SN0UW6
    Link do Programa também GRÁTIS para a leitura do Livro: http://goo.gl/oPAfyZ

  6. ora,ora ,ora Sonildo reapareceu,mas ainda não se converteu,continua nescio,incredulo,idolatra, hipocrita de um coração duro como a rocha mas ate quando Sonildo ou não sabes tu q ja tens pouco tempo sobre a terra,conheça a Deus Sonildo antes q as janelas se escureçam e os moedores se dobrem e o cantaro se quebre diante da fonte e o pó volte a terra de onde veio então será tarde de mais.

  7. Francisco Ribamar Savino Junior É difíicl se converter ao mundo fantasioso de adoração a pastores. Os mercadantes da palavra fazem sucesso porque os trouxas os seguem. Eu sigo a Jesus e tenho nojo desse shopping da fé cristã. Facil demais qualquer idiota abrir a boca e dizer que foi chamado.

    Não vejo ninguém ser chamado para fazer a obra e sim para explorarem em nome da obra. Fácil demais orar para um mendigo, dificil é meter a mão no bolso e puxar 500 para aliviar as necessidade do moço.

    Se convertam vocês evangélcios fanáticos, pois enquanto estão adorando pastores, ou sendo um deles o mundo está ai escancarado precisando de pessoas de Deus na ativa de verdade.

    Eu Não faço parte desse seu mundo fantasioso rapaz, eu faço parte dos que fazem a obra de Cristo, eu não vou falar o que faço pelo próximo, porque é obrigação minha e não medalha a ser exposta.

    Só cito um exemplo, pego o que seria dízimo e mato a fome de alguns.

    E você pega o que seria dízimo e entrega a um fanfarrão da fé, ou é um deles que recebe.

  8. se fosse jesus oque vcs acha que ele faria? faria como vcs julgaria o rapaz ? eu vi varios julgamento de diversas forma e u vejo mais uma pessoa levando a palavra aonde nem um de vcs iria levar serto entao deixe ele faser o que tem de faser e vcs fasao o que tem de faser mas nao julguem que nao o temos o direito de julgar ninguem . procure verdadeira mente DEUS amem

DEIXE UMA RESPOSTA