Brasil

Técnico Silas fala sobre o preconceito que sofre no meio do futebol por ser evangélico

Comments (19)
  1. Paulo disse:

    Puro exagero. Nao existe mais hoje esse negocio de preconceito por ser evangelico no Brasil.. A nao ser que ele fique la’ no vestuario de joelhos com as maos pra cima gritando em linguas e chamando a atencao de todo mundo, ai claro, ate’ eu faria piadas.. mas se o cara for uma pessoa de comportamento normal ninguem vai falar nada. Eles falam isso pra chamar atencao pra si mesmo e mais uma vez destacar a sua religiao, que deveria ser algo de foro intimo e nao propalado aos quatro ventos.

    1. clamando disse:

      paulo se fosse este preconceito contra tua turma gay estavas atirando rosas para todo lado, que trouxa não existe preconceito contra evangelicos rsrsrsr ta de brincadeira e o bullying que fazes aqui o que é

      1. Paulo disse:

        clamando que turma gay e’ essa minha? so’ se for os ex-gays tipo vc com que eu me enturmo aqui, e esse negocio de preconceito contra evangelicos nao existe mais como existia nos anos 70 e 80 quando eu me converti, mas hoje em dia a religiao evangelica inchou de tal maneira que esta’ quase virando a religiao oficial do Brasil, Quer sentir mesmo o que e’ preconceito, basta dizer que frequenta a umbanda ou que e’ espirita ou que e’ um catolico devoto de sao jorge ou sao sebastiao, ai sim vc vai ver o que e’ preconceito.. a bem da verdade, os evangelicos hoje formam a camada da sociedade que mais destila preconceito contra as pessoas que nao dançam conforme a sua musica.

        1. JEANN disse:

          Paulo, discordo, veja aqui no site mesmo.

          Se alguém dizer que é dizimista por exemplo, com certeza terá pessoas criticando, chamando de “evanjegue” ou burro. Entre muitos outros comentários arrogantes.

          Preconceito há sim, seja em qual religião for, ou mesmo em nenhuma.

          1. Paulo disse:

            Pq dizimista e’ ser otario, merece e’ ser sacaneado mesmo, enchendo o bolso desses vagabundos de dinheiro..

          2. JEANN disse:

            Rsrsrs, viu Paulo, não precisa falar muita coisa pra ser vítima de preconceito. Vc já provou isso.

          3. Paulo disse:

            O meu conceito (nao pre) a esse respeito e’ formado a partir de um engodo criado para explorar financeiramente as pessoas de boa fe’ que vao as igrejas em busca de Deus, isso nao tem a ver com a religiao escolhida por essas pessoas.

          4. clamando disse:

            ta vendo agora se te chamar de bixa a i é ofensa pois é pods agredir mas não queres o troco que feio , paulo a tua turma gay paulo diogo felipe

          5. Paulo disse:

            Clamando pq todo “ex-bixa” como vc sao os mais intolerantes contra os homossexuais? nao e’ culpado se vc nao conseguiu um bofe, quem manda ser feio kkkkkk

          6. JEANN disse:

            Paulo,

            Querendo ou não ou seu “conceito” (preconceito), apenas mostra intolerância com a opção religiosa de um indivíduo. Chegando ao ponto de chamar de “otário” estes tais e muitos outros “elogios” se acompanhares o G+.

            De igual modo há “conceitos” formados contra homossexuais por exemplo, de “engodo criado” seja pela mídia ou militantes gays. Querendo ou não há “conceitos” intolerantes de ambos os lados.

            É como o José colocou acima, é generalizado…

          7. Paulo disse:

            JEANN, me faz um favor, vai ver se eu estou na esquina..

          8. JEANN disse:

            Hehehe, Deus te abençoe Paulo.

          9. Paulo disse:

            Obrigado, que Deus te abençoe igualmente.

  2. luciano disse:

    Ajoelhou tem que orar.vc silas não se acostumou ainda?

  3. José disse:

    No Brasil existe preconceito contra gays, negros, evangelicos, idosos, nordestinos, etc………E preconceito generalizado ?

  4. José disse:

    No Brasil existe preconceito contra gays, negros, evangelicos, idosos, nordestinos, etc………E preconceito generalizado.

  5. Daniel Vinhas disse:

    – qual meio onde a homofobia mais cresce? entre neo–nazistas e neo-pentys?
    – onde o machismo corre solto? neo-pentys?
    – quem é contra o direito de mulheres, gays, a favor da violência contra criançãs, defende castigos físicos dos filhos? neo-pentys?

    SEGUIR A JESUS NÃO PRECISA SER RACISTA, NEM MACHISTA, NEM HOMOFÓBICO NEM APOIAR A CORRUPÇÃO DA BANCADA DITA EVANGÉLICA.
    MAS QUEM É RACISTA, HOMOFÓBICO, CORRUPTO SEJA NEO-PENTY, MAS NÃO SE ESCONDA ATRÁS DE JESUS CRISTO.

    CADA OVELHA TEM O RAIO DE PASTOR QUE ELA MERECE!

  6. valerio disse:

    Muitos temas discutidos são equivocos e maus entendidos, quando o treinador disse , misturar religião com profissão, ja mostra essa posição, porque realmente não se deve misturar, em seu trabalho voce é um profissional e não um religioso, externamente falando, deve ser um evangelista com seu comportamento, suas ação, seus exemplos e seu testemunho, e falar em Deus com sabedoria e dicernimento e conhecimento de situação. de local , momento, e de como e a quem se dirigir, a Fifa foi muito criticada quando proibiu a exposiçao de camisas com dizeres religiosos, e nós sabemos que ela estava proibindo a propaganda religiosa que feria seus interesses , pois alguns atletas fazia propaganda e não evengelização, o também tecnico Vanderlei Luxenburgo também foi criticado , e na oportunidade ele explicou que não queria pregação religiosa no momento ou após a sua preleção, e que os jogadores que desejassem fazer orações em grupos deveriam chegar mais cedos e se reunir antes dos horarios pre-determinados para assuntos referentes as partidas de futebol, então percebemos que muitos casos não são discriminatorios e sim deixar as coisa bem definidas, e ai surge esses maus entendidos.

  7. EU disse:

    Tu não é crente paulo…

  8. Gaudino Albuquerque disse:

    A palavra da moda é “Preconceito” ninguém pode mais ter opinião própria, ninguém mais pode pensar, ninguém mais pode exteriorizar sua insatisfação, ninguém mais pode sair do padrão daqui a pouco vão fazer cota de concurso público e de universidade para evangélicos, se for falar de preconceito religioso há mais preconceito contra espírita e ateu do que qualquer outra opção de religiosidade. Só para relembrar, hoje estou liberto do domínio psicológico das religiões (todas instituídas pelo homem) , pois, durante 30 anos frequentei o protestantismo. Não tenho nada contra ou a favor de qualquer religião, mas fico indignado com incoerências e mediocridades.

    1. Paulo disse:

      Foi o que eu disse aqui antes, eles so faltam queimar os espiritas e umbandistas em fogueiras nas praças publicas, conduzem uma perseguiçao insana contra os homossexuais, e depois vem aqui chorar as pitangas, dizer que sao perseguidos.. Ah va’ lamber sabao, isso mimimi nao cola mais..

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *