Vaticano critica o filme “Noé” afirmando que a produção estrelada por Russel Crowe foi uma “oportunidade perdida”

11

Desde sua estreia o filme Noé, de Darren Aronofsky, estrelado por Russell Crowe, Emma Watson e Jennifer Connely, tem sido alvo de uma série de críticas. Além dos que se manifestaram contra o filme por afirmar se tratar de uma produção ruim, uma multidão se levantou, sobretudo nas redes sociais, para criticar o fato de que o filme não é fiel ao relato bíblico.

Além das críticas dos evangélicos, o filme foi alvo também de uma crítica por parte do Vaticano, que em seu jornal oficial “Avvenire” criticou a produção afirmando ter se tratado de uma “oportunidade perdida” e destacou que o filme mostra um “Noé sem Deus”.

O texto publicado pelo jornal do Vaticano foi assinado pelo crítico Mimmo Muolo, que classificou a produção como “estranha” e “desconcertante”. Além disso, o crítico afirmou que, no filme, a história de Noé foi mostrada “de forma ecológica e vagamente ‘new age’, transformando o conto bíblico em uma chance desperdiçada”.

O filme, que chegou a ser proibido em países como Malásia, Emirados Árabes Unidos, Qatar, Bahrein, Kuait e Indonésia, foi também classificado pela publicação do Vaticano como uma mistura do filme “Gladiador”, com as franquias “Harry Potter” e “Senhor dos Anéis”.


De acordo com a Folha de S.Paulo, o ator Russel Crowe, o diretor Darren Aronofsky, o produtor Scott Franklin e o vice-presidente da Paramount, Rob Moore, chegaram a viajar para o Vaticano no início de Março para promover o filme. As informações são de que a comitiva representando o filme tenha tentado promover uma exibição particular como papa Francisco. Porém, o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi, informou não ter conhecimento do pedido.

Por Dan Martins, para o Gospel+


11 COMENTÁRIOS

  1. Bom Dia Caros, assiti ao filme, achei interessante, como pode alguém criar algo tão fora do contexto bíblico… ai então resovi pesquisar e encontrei, talvez, parte do que os autores do filme tentaram expor. No livro apócrifo de Enoque, você encontra um relato bem parecido com o fileme, principalmente os gigantes da terra… seres, talvez anjos, que a Palavra afirma estarem trancados, fizeram uma mistura e tentaram na visão do autor de mostrar algo além do canom bílico. Esse livro não foi colocado na biblia por não ter sido compravad sua autoria e a época que foi escrita… mas vale o estudo…

  2. A bíblia é a bíblia, as versões é que cada filme tem o direito de fazer, inclusive o ser humano também.

    Tudo depende do ângulo que se vê as coisas, e do que sei, ninguém pode impedir.

    O que eu acho estranho é a discussão sobre essas versões.

    Aliás, o vaticano encontra-se equivocado, pois em verdade, o homem perdeu mesmo uma oportunidade.

    • Perfeita colocação.
      A sétima arte tem a prerrogativa da licença poética, podendo se expressar livremente.
      Se quiser algo fiel atenha-se à leitura das escrituras, o filme não é um documentário, é um entretenimento, diversão e desculpa para fugir da realidade chata em que vivemos.

    • ISTO A I LEVI REALMENTE QUALQUER SER HUMANO PODE INTERPRETAR SEU ENTENDIMENTO SOBRE AS COISAS, COM CERTEZA, TEUS FILHOS NÃO VÃO A ESCOLA, NÃO É VERDADE? SIM DE OS LIVROS PARA ELES E DIGA INTERPRETE COMO VIER A TEU ENTENDIMENTO, FAÇA COMO BEM ENTENDER, TEM LIVRE EXPRESSÃO PARA FAZER JUÍZO, MESMO QUE DIGA QUE 2+2= A 5 CARA GOSTEI MEMO DESTE TEU PENSAMENTO

  3. … aliás, é de surpreender o porque do vaticano não prodzir filmes como Noé. Ouvi vários relatos de pessoas que foram ver o filmes e as mesmas não sabiam nada sobre Noé. Acredito que o Vaticano e todas as igrejas que se dizem Cristãs, é que perdem oportunidade de doutrinar assim como Hollywood o faz, o que é uma lástima porque é a industria que se manifesta para doutrinar ao consumismo. Essa de ficar só na critica, como as igrejas o fazem é coisa mesma de falta de visão e amor ao próximo. Usem a arte para moldar e lançar luzes às trevas.

  4. assisti o filme e entendi que quase todo o filme e baseado nos apocrifos de enoque, no apocrifo de adao e eva e mais outros adicionais. o restante foi a visao do autor e o velho dedo holioodiano… moral da historia antes de criticar busquem mais conhecimento, pois nos comentarios do filme catolicos e evangelicos nao sabem nem o que e apocrifo so de inicio, nunca entenderiam o filme…. ja era de se esperar pois ate a paixao de cristo de mel gibson foi criticada imaginem esse…

    • Verdade, sou um estudante dos livros apócrifos e vi muitas coisas envolvidas a esses citados, eh um filme fiel… pessoas alienadas vão criticar sem saber das verdades, e ficaram citando apenas a bíblia, que foi escolhida pela mão de um homem para a humanidade ler.

  5. Pra começar, o nome do filme deveria ser “A viagem de um lunático” e não “Noé”.
    O filme que foi lançado recentemente com o título “Noé” é uma verdadeira afronta aos relatos bíblicos e à Palavra de Deus.
    A história se inicia já mostrando que você acabou de rasgar R$30 reais (o valor que paguei para assistir em 3D) e pra dizer a verdade você só não levanta da cadeira do cinema, pois afinal, você já pagou o ingresso.
    Na lunática imaginação do autor, “seres de luz” caem do céu e viram pedras gigantes e desengonçadas que falam e se movem feito criaturas.
    Estes seres se dizem prejudicados pelo homem devido ao pecado no Éden. No desenrolar da fantasia do autor, Matusalém (avô de Noé) ainda vive nos tempos em que “Noé” constroe a Arca (diga-se de passagem com a ajuda das criaturas feitas de pedra) e é como um “Guru” ou “Guia”. O filme passa a ideia de um “Deus” vingativo, destruidor e que aparentemente só quer salvar os animais, mas que no final da história decide poupar a vida dos homens que estão na arca. Nesta viagem lunática do autor Darren Aronofsky, todo o filme é mera ficção, que a cada minuto você se surpreende com as fantasias criadas por ele. NADA deste filme se compara à realidade do fato ocorrido, apenas uma inundação com uma embarcação com alguns seres vivos, se faz lembrar a história descrita no Gênesis 5:27 à Gênesis 10:32, pois no resto o que se faz é apenas uma heresia e desrespeito com os relatos bíblicos. Se você ainda está curioso para assistir a esta “viagem lunática” espere que esteja disponível para Download na Internet e baixe gratuitamente para apenas perder o seu tempo e não o seu tempo e seu dinheiro, como foi o meu caso!
    Lamentável!!!!

  6. Adilson, estou vendo que vc não é leitor assiduo da bíblia e que o que lê não interpreta bem, mas enfim, vou lhe fazer uma revelação que vc deveria saber como cristão! Só sobrou Noé e sua familia, não sobrou os animais pois em Gênesis cap. 8 vers. 20 simplesmente diz que Noé ofereceu-os em HOLOCUASTO A DEUS! Deveriam colocar isso no filme né? Só assim confundiria ainda mais a cabeça dos incredulos, atéus e os que não acostumam falar sobre essa parte da história da arca.

  7. Antropologistas afirmam que há mais de 270 narrativas do dilúvio em povos antigos e culturas diferentes do mundo, e todas elas, coincidentemente, são no início destas civilizações…

    O filme é uma ridicularização da narrativa bíblica que vem de acordo com a visão que os grupos poderosos querem gerar nas grandes massas.

  8. Gostei muito do filme e simplesmente a história contada por outro angulo uma outra visão, o que mais gostei foi tentar monstra o quanto o homem e destruidor da natureza e dos animais.
    Devem entender que em momento algum vem um frase dizendo BASEADOS EM FATOS BÍBLICOS então não sejamos ignorantes em achar que a historia deve ser conforme a relatava na bíblia até porque a mesma já sofreu contesto e também tem diferença da católica para protestante.

  9. Divirtam-se com o filme. Se vocês conhecem a história de Noé, pra que se estressar se o ele é ou não um filme fiel aos relatos bíblicos? Querem se estressar? Se estressem com esse calor, vale mais a pena.
    Povinho chato esse.

  10. Eu adorei a visão do diretor, vamos deixar de ver as coisas como um conto de fadas, deixando que os lideres religiosos ditem as regras. o filme é bom mostra um Noé humano com suas duvidas e erros, como Deus nos fez. Se paramos pra pensar Deus também se arrependeu de ter mandado o diluvio e ai?

  11. Assisti ao filme e o que mais me chamou a atenção é que de qualquer forma, atento ou não a Bíblia, demonstra que o homem volta a repetir todos os erros… Egoísmo… Maldade… Ganância… enfim… Estamos acabando com o planeta e td o que existe nele… E quando chegarmos só limite… O que acontecerá? A raça humana mesmo tendo tantas religiões não tem praticado o básico… Respeito… Fraternidade… Solidariedade… Amor ao próximo … Na verdade acho que estamos merecendo um novo dilúvio… E desta vez para o bem do planeta Terra será que os homens devem ser extintos?

  12. Eu assisti ao filme ontem e achei muito bom ! Em nenhum momento foi dito que seguiriam a risca a história de Noé como está escrita na Bíblia, simplesmente pegaram o teor da história e fizeram um filme baseada nisso , assim como as minisséries evangélicas da record sempre acrescentam coisas que não existem para (encher linguiça), no filme nem é citado o nome de Deus sempre se referem a Deus como (Criador) está na cara que o filme não foi feito com intuito de agradar aos evangélicos, se for comparar a Bíblia realmente tem coisas que não condizem, mais tbm queriam o que ? Quer ler a história de Noé do jeito real e verdadeiro sem eresias pegue a Bíblia faça bom proveito !

    • O anta, se é uma história que foi modificada, logo não dever receber o nome da original, o cabeça oca, se eu cortar um pão inteiro pela metade, eu posso dizer que um pão inteiro? não né, pessoas alienadas o tristeza, filme horrível, sem atuação, efeitos ridículos, sonoplastia lixo, levou só no nome e no ator principal, quem gostou desse filme, percebo que são pessoas toscas, nunca viram um filme de verdade, como, o discurso do rei, coração valente, o solista, coração de cavaleiro, o patriota, seven….

  13. Sabrina. Vc fala em seu comentário que NADA no filme se compara ” a realidade do fato ocorrido”… daí pergunto, mas que realidade é esta ?? Mesmo sendo cristão, como você, posso dizer que de realidade COMPROVADA, NADA existe. Tudo é apenas especulação, não existem provas concretas de nada, apenas a fé do homem….Portanto nem o Vaticano e ninguem pode dizer, NÃO !! Foi exatamente assim que aconteceu….apenas acreditamos e pronto!!!! (ou não).

  14. Foi dinheiro jogado fora e tempo também tanto, uma ótima oportunidade de contar a história do diluvio, o motivo de Deus ter tomado essa decisão,mas acham melhor sacratina, zombar, e contar aos olhos do diretor ao invés do Criador para nossas crianças aprenderem, pra mim é um filme satanico dizendo que a biblia é apenas um livro com histórinha e cada um interpreta do jeito que quer.

DEIXE UMA RESPOSTA