Em novo vídeo, Porta dos Fundos volta a ironizar cristianismo com piada sobre Jesus e causa polêmica

30

Após a polêmica em torno do vídeo “Oh, Meu Deus”, o Porta dos Fundos voltou a usar o cristianismo como ingrediente para seu novo vídeo, publicado hoje, 09 de setembro.

O roteiro escrito pelo ator Fábio Porchat em parceria com Afonso Padilha mostra Jesus realizando milagres, como a ressurreição de Lázaro por exemplo, e sendo procurado por homem chamado Sandrinho com trejeitos homossexuais em busca de cura.

No diálogo entre os personagens, Jesus questiona qual seria o motivo de ele ter ido ao seu encontro, e o homem responde: “Eu tenho um fogo, incontrolável. To me queimando por dentro, não aguento mais”.

O personagem Jesus diz não ter entendido a necessidade, e o rapaz responde, de forma dúbia: “Preciso que o Senhor me livre desse mal, que me corrói”. Após algumas tentativas de esclarecer a real necessidade, Jesus pede que o homem fique em silêncio para ele se concentrar e poder realizar o milagre.


Alguns momentos depois, Jesus diz a Sandrinho que seu problema foi curado, e o homem sai agradecendo com trejeitos e vocabulário comuns aos homossexuais. As pessoas que assistiam à conversa olham espantadas, como se houvesse algo errado, e Jesus comenta: “Gente, [era] gastrite”.

Assista ao vídeo “Cura” (o conteúdo pode ser considerado ofensivo):

Assine o Canal

Oh, Meu Deus

O vídeo “Oh, Meu Deus” causou enorme repercussão entre cristãos nas redes sociais após uma crítica de Marco Feliciano em seu Twitter.

O esquete mostrava uma mulher se consultando ao ginecologista e o médico enxergando traços da imagem de Jesus na vagina da paciente. Na ocasião, o pastor classificou o vídeo como “podre”.

Posteriormente, o pastor voltou ao assunto, dizendo que considerava o episódio “puro vandalismo” da parte do Porta dos Fundos em relação à religião cristã.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


30 COMENTÁRIOS

  1. Puta video sábio!!!
    Só que mentes religiosas realmente não entenderão, pelo contrário, se ofenderão porque citou o “profeta”…..
    O Video faz uma clara manifestação contra essas igrejas infelicianas que tratam o gay como endemoniado…
    Além disso, mostra gravemente o que religioso nao consegue enxergar…que Jesus JAMAIS trataria o individuo homossexual, com ou sem trejeitos, como um doente, ou coisa do tipo, e que pelo contrário, apenas o curou do mal que ele apresentou….
    Mentes ignorantes jamais poderão aceitar isso, precisam defender Jesus, acreditam nisso, que Jesus precisa de advogado. Acha que Jesus é homem pra se ofender com piadinhas….

  2. O nome deste grupo de comédia já diz tudo, porta dos fundos é de onde ele vão ser lançados no inferno por brincarem com as coisas santas e com o Leão da Tribo de Judá o meu Senhor e Salvador Jesus que vai devorar todos os seus inimigos assim como um Leão devora a sua presa, coitadinhos destes ignorantes que não conhecem as escrituras sagradas e nem o poder de DEUS.

  3. Não entendo por que vocês colocam o vídeo em questão para que as pessoas vejam. O intuito de fazer o vídeo já é esse, para fazer outros assistirem e se escandalizarem, para quê vocês colocam aí ??

  4. Dizem que estão batendo mais nessa tecla porque o portal nem está sendo visto como antes.Se depender de mim não assisto.

    Agora o suposto projeto de “cura gay” quem o analisou sabe que não existe nada de cura como a mídia publica.
    Por favor antes de falarem bobagens se atentem ao que fala o referido projeto.Leiam-no e vejam se diz isso.E outra, o projeto nem é de autoria do Marcos Feliciano.
    As vezes tenho preguiça de debater com pessoas que são facilmente manipuladas pela mídia.

    • Não foi a mídia que publicou, foram pastores “psicólogos” chamados Silas Malafaia e Marisa Lobo que propuseram a cura do sofrimento psíquico pelo qual passam os gays. Você só está repetindo as palavras do Marco Feliciano, em uma entrevista recente em Boston. Pesquise, analise os fatos e tire suas próprias conclusões. Pare de se comportar como um papagaio e demonstre que você tem uma mente pensante. Eu acho incrível essa capacidade que os evangélicos tem de inverter os papeis de vilão para vítima. Vá representar bem assim lá no teatro do inferno.

      • Roque

        Então me faz um favor: Mostre o “suposto projeto” e onde este afirma que a homossexualidade seria uma doença.
        Estou repetindo nada, eu conheço o projeto e o li.Você por caso o leu?
        Ora se eu conheço o projeto e peço que você me mostre qual seria o artigo,inciso ou alínea que afirma que a homossexualidade é dita e relatada como doença e já você ao me responder não conseguiu demonstrar ou provar isso.Quem de nós dois seria o ignorante?

        Com todo respeito Roque.Você fala muito para uma pessoa que não consegue provar nada.O seu argumento é tão fraco, que só é usado por pessoas sem instrução que é o seguinte: Ao invés de mostrar qual seria o erro, mais fácil seria eu criticar o autor dele.

        Como o senhor demonstra ser uma pessoa preguiçosa, já deixo de uma forma mastigada o projeto e o referido autor, ai então depois de lê-lo eu aguardo e espero que consiga me mostrar onde no projeto se refere como doença a homossexualidade:

        camara.gov.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra;jsessionid=CF29AFC3A8432B845A8A210DE4434D2A.node2?codteor=881210&filename=PDC+234/2011

        PS: É fácil me criticar, difícil seria mostrar qual seria os erros do que escrevo. Seu argumento é muito batido.

  5. Fazer humor com os cristãos é fácil, porque somos pacíficos e não estamos preocupados com isso, eles estão debochando de Deus e é com Ele que devem prestar contas.
    Agora, eu queria ver esse grupo fazer humor com os mulçumanos. Por que vocês não tentam, ou tem medo de mexer com vespeiro!?

  6. Deus não se deixa escarnecer,hoje eles brincam e riem,mas depois irão sofrer as consequências de seus pecados.Que Deus tenha misericórdia deles e que eles encontrem a Jesus enquanto ainda há tempo
    ALERTA!Jesus está voltando

DEIXE UMA RESPOSTA