Bono fala sobre fé, trabalho de combate à AIDS e diz: “Jesus é o Filho de Deus. E parece um punk”

13

O vocalista do U2 e ativista social Bono Vox falou sobre a importância da atuação da Igreja na sociedade e parafraseando o escritor cristão C. S. Lewis, disse que ou “Jesus era louco e mentiroso, ou era o Senhor”.

Irlandês, filho de mãe protestante e pai católico, Bono concedeu entrevista a Jim Daily, na rádio Focus On The Family e falou sobre Bíblia e teologia, e suas crenças: “Quando as pessoas tentam definir Jesus como ‘bom mestre’, ‘profeta’, ‘um cara realmente legal’… Isto não é o que Jesus pensou sobre si próprio. Então, você se vê num desafio: ou Jesus era quem Ele disse que era ou um total e absoluto maluco. E eu acredito que Jesus era, você sabe, o Filho de Deus”, disse Bono.

O cantor afirmou ainda que compreende que algumas pessoas pensem o contrário, mas isso não o faz mudar de ideia: “Eu entendo que para algumas pessoas isso soa ridículo, e nós precisamos… Precisa ser muito, muito respeitoso com pessoas que acham que isso é ridículo”, ponderou.

Na entrevista, Bono afirmou ainda que tem grande admiração por Davi, o rei israelita e salmista: “Primeiro de tudo, gosto de Davi por ele ser um músico. Os Salmos são poderosos, e mesmos endo hinos de louvor, são também blues. É muito importante para os cristãos serem honestos com Deus, pois muitas vezes Ele está muito mais interessado em quem você é do que quem você quer ser”, afirmou o cantor, usando o estilo musical norte-americano para se referir aos Salmos em que Davi falava sobre as angústias da alma.


Bono ressaltou a importância da boa educação para tratar de assuntos diversos, e sobre religião, mas também lembrou o episódio dos vendilhões do Templo para ressaltar que nem sempre é possível se manter calmo: “Você tem que ter muito cuidado para que a graça e a polidez não se transformem numa banalidade de comportamento, onde nós somos apenas agradáveis, sem postura. A polidez é, você sabe, é uma coisa maravilhosa. Boas maneiras são, na verdade, uma coisa muito importante. Mas lembre-se: Jesus não tinha muitas maneiras, como sabemos agora”.

Numa comparação prática, Bono afirmou que Jesus “parece um punk rock”, pois ele sabia distinguir sinceridade e fingimento: “Ele podia olhar pro lado e ver o coração do companheiro. Ele sabia quando não havia sinceridade, quando era dissimulação. Temos que ser um pouco mais vanguardistas, não olhar para os sinais de justiça, e sim, olhar para as ações”.

Comentando suas demonstrações explícitas de fé em suas músicas e seu trabalho solidário com a campanha ONE (organização humanitária fundada para combater a pobreza e doenças, como a AIDS), Bono afirmou que ser cristão é simples se houver uma conversão verdadeira. “Você não precisa se formar na universidade e fazer um Ph.D. para entender essas coisas. Você acabou de se converter na pessoa de Cristo”, afirmou.

Segundo Bono, a grande dificuldade dos cristãos é descobrir como se portar perante os desafios: “Eu tenho um pastor que me disse: ‘Pare de pedir a Deus que abençoe o que está fazendo, Bono’. Que por sinal, eu sempre faço. Ele disse: ‘Descubra o que Deus está fazendo, porque isso já estará abençoado. E quando você se alinhar com o propósito de Deus, como descrito nas Escrituras, algo especial acontece com a sua vida’. Você está alinhado com a vontade d’Ele”.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

13 COMENTÁRIOS

      • Eu não concordo, mas entendo o seu jeito de pensar. Nós brasileiros somos sem cultura, principalmente os evangélicos. “Somos homens vazios sem rumo, mente empalhada, um nos outros apoiados, mentes cheias de palha, somos formas sem feitio, sombras sem ter cor, força paralisada, gestos sem ação”. está letra é de uma das maiores banda que o meio gospel já teve e é verdadeira. Cara! eu fiquei feliz demais com está entrevista do Bono bendizendo o nome do Senhor. Quantos não são os que não são 0,00001% do que o Bono é, e se acham tão importantes e independentes, principalmente de Deus. Uma entrevista dessas converte pessoas, porque ele falou claramente que é seguidor de Jesus. E provavelmente ele é protestante.

    • Parem de falar asneira! Porque ele tá numa banda secular não quer dizer que cante para o capiroto! Leiam as letras do U2 e verão. Já ouvi dizer de gente que se converteu por causa do U2.

  1. o voltar para DEUS depende unicamente a vontade do ser humano –foi por isto que DEUS deu o livre arbítrio –mas muitos amam mais a fama o dinheiro e as coisas terrenas as quais são passageiras –do que reconhecer a JESUS como o verdadeiro caminho para a salvação eterna e por isso que temos que seguir em frente -obedecendo o mandado do SENHOR pregar o evangelho a todos sem distinção quem crer e for batizado sera salvo quem não crer –fazer o que deus deu o livre arbítrio -sera condenado-

    • E você conhece o coração do Bono para dizer que ele não está voltado para Deus? Se não fosse o evangelho de Lucas, e só tivéssemos os outros três evangelhos, o que pensariam do ladrão que morreu ao lado de Jesus? Pois só sabemos que ele foi salvo porque tinha alguém próximo, e ouviu o diálogo dos dois. Você está próximo do Bono, e conhece o coração dele? Você sabe se quando ele está ajudando crianças carentes, ele não prega o evangelho para elas? Você sabe se as crianças que ele ajuda, vêem nele um homem voltado para fama e dinheiro? Cuidado para não tomar o lugar de Deus, porque você só pode julgar pelas aparências, só Deus conhece o coração desse homem que você diz não estar voltado para Deus. OBS: não sou fã do Bono, e não conheço nem uma música do U2, mas crente julgando os outros pq não pertencem ao meio evangélico é igual aumento de R$ 0,20, já tá tirando a gente do sério.

  2. A COISA deu pane aqui –continuando em qual parte deste comentário que fiz você não entendeu –pois em momento algum ofende esta pessoa não o defamei nen o nome dele eu mencionei –o que estou a falar e sobre o livre arbítrio –se ele vier a se converter EM CRISTO JESUS VERDADEIRAMENTE GLORIAS A DEUS POR ISSO –em momento algum eu disse –que isto e impossível para ele –mas de uma coisa essa eu tenho plena certeza que muitos –não querem renunciar ao istato a fama o dinheiro –para se converter a JESUS –se isto cabe a ele eu não sei –ate porque não o conheço –o meu desejo e sim que ele venha a para JESUS de corpo alma e espirito –assim como desejo a todos que ainda não se decidiram -a reconhecer JESUS CRISTO COMO UNICO E SUFICIENTE SALVADOR — que DEUS te abençoe

    • Eu entendi sim RIcarte, você é que não me entendeu. Você disse: “se ele vier a se converter EM CRISTO JESUS VERDADEIRAMENTE GLORIAS A DEUS POR ISSO”. E eu te pergunto, quem disse que ele não é convertido a Jesus Cristo. Você é Deus para conhecer o coração dele. Você conhece a relação dele com Deus. Ah, esqueci, ele só vai ser convertido se passar a cantar músicas evangélicas né. Aí ele pode ter fama e fortuna como Aline Barros.

  3. Senhor Eduardo Nobre então se você interpretou meu comentário assim –fico deveras surpreendido por que minha intenção não e esta se e assim TE PEÇO PERDAO -ME DESCULPE –talvez não tenho expressado minha intenção corretamente –agora com toda sinceridade -eu vejo falar desta senhora ou senhorita eu não sei –chamada Aline Barros mas não tenho cd da mesma e não ouço musica dela –porque em minha igreja nos louvamos AO SENHOR -COM HINOS da harpa crista — para se ouvir musicas de cantores sem ser hinos da harpa –fazemos um rigoroso peneirado –POIS PELOS FRUTOS CONHECEMOS OS ESPIRITOS–mais uma vez reitero –minhas sinceras desculpas –QUE DEUS TE ABENÇOE

    • Também te peço perdão irmão, se te entendi errado, e se julguei mal o seu comentário. A postura da sua igreja é bem interessante, que Deus a abençoe cada dia mais.

DEIXE UMA RESPOSTA