Empresário que obrigava funcionários a frequentarem cultos para “tirar o diabo do corpo” se torna alvo de ação do Ministério Público

57

A Justiça proibiu um empresário de supostamente obrigar seus funcionários a participarem de cultos evangélicos semanais para “tirar o diabo do corpo”, segundo consta no processo.

O empresário Renan Lemos Vilella (foto), 42 anos, advogado, foi acusado de fazer “pressão psicológica” para que os colaboradores de suas empresas participassem dos cultos, mesmo que estes não fossem evangélicos.

Denúncias feitas ao Ministério Público do Trabalho do Rio Grande do Sul levaram a Procuradoria Regional do Trabalho da 4ª Região a realizar diligências e confirmar as acusações.

As testemunhas afirmaram ao procurador Philippe Gomes Jardim, segundo o jornalista Paulopes, que o empresário dizia que “quem não acreditasse em Jesus Cristo estava ‘endemoninhado’”.


A juíza Luísa Rumi Steinbruch, da 15ª Vara do Trabalho de Porto Alegre, emitiu uma medida liminar determinando que o empresário não volte a praticar o que foi entendido como discriminação religiosa contra seus funcionários. Sessões de leitura da Bíblia no ambiente de trabalho também foram proibidas pela juíza, segundo informações do MP-RS.

Caso o empresário descumpra as ordens da Justiça, serão impostas multas diárias no valor de R$ 10 mil. Renan Lemos Vilella não se manifestou a respeito da ação da Justiça do Trabalho.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


57 COMENTÁRIOS

  1. manda todo mundo embora procurar emprego em empresas ateias, simples e contrate cristãos como eu faço, pesquiso primeiro depois contrato, não trago nenhum constrangimento ao candidato, nem interfiro com sua fé, faço eu mesmo as contratações

    • Deus não faz acepção de pessoas… e pq vc faz? só cristão trabalha com vc? Péssimo testemunho, deixar de contratar alguém pq não é da sua fé…

      Meu Deus… e ainda diz que é pastor… e presidente!!!

      • Stardust Jussara.

        Deus ñ faz acepção de pessoas.
        Mais o clamando faz ele tem direito de escolher.

        “Então, enquanto temos tempo, façamos bem a todos, mas principalmente aos domésticos da fé.” (Gálatas 6 : 10)

        • Clamando não tem direito a nada. Isso vai contra a lei, é discriminação com base religiosa. É crime. Vocês são TODOS imprestáveis, criminosos. Quando não cometem um, cometem outro, tudo a mando do criminoso-mor, seu Deus estuprador de infiéis, que disse que vender meninas como escravas sexuais era normal, que incesto era normal, que surrar escravos desde que demorassem um ou dois dias para morrer (lentamente) era normal, que apedrejar meninas VIRGENS que não tivessem o hímen rompido nas núpcias, ou tivessem nascido sem ele era normal.

          Covardes, obedecem até traficante, se ele tiver um inferno para mandar. Não tem a menor moral e vem falar de “bons costumes”.

          Se eu fizesse o mesmo que vocês – não contratasse EVANGÉLICOS – seria presa por “intolerância”, “perseguição” e ainda ficariam de mimimi por não terem seus “direitos” (privilégios) “respeitados”.

          “Clamando” e “Ex”, vocês são tão covardes que sequer colocam seus nomes verdadeiros. É muito fácil atacar no anonimato. Quero ver dar a cara a tapa!

          • qual lei e de qual país que obriga patrão a copntratar quem ele não quer, eu contrato quem eu quero, assim como direitos tem os trabalhadores eu tenho os meus, o engraçado que tirando um no maximo dois comentários o resto é só ateu, porque querem que de emprego para ateu? heheheh não tem competencia da nisso

    • Ridiculo vc Clamando ,se todos pensassem como vc como estaria ,ateu não come,não tem quedar de comer para os filhos?Ridiculo,sem contar mais uma vez contando papo,de que adinta ser cristão ,pastor e ser papudo,sem humildade,babaca desse jeito

      • estaria de boa lembre que tem seis bilhões de ateus e estes se protegem, estão até pagando para ex. pastores estes que abandonam a fé , para ficarem de boa até achar oque fazer, como ve tem mais ateu do que cristão

        • Clamando, fica aqui um desafio para você provar sua sinceridade:

          Declare aqui seu nome, rg, cpf, endereços, inclusive o de sua empresa, e reafirme o que você escreveu, ou seja, que admite apenas cristãos.

          SEJA HOMEM E FAÇA ISSO!

          • Sandro, o clamando, empresario, pastor-presidente nao existe, isso que vemos aqui e’ um alter-ego de um nerd de 17 anos que entre uma masturbaçao e outra.fica aqui jogando conversa fora.

          • sandro porque faria isto, para satisfazer uns idotas como tu, que não fazem nada por ninguém…faça a tua parte que a minha eu faço, só contrato cristãos e pronto me obriguem a contratar ateus como voce

      • mas é o que eu digo, não contrato pessoas que sejam da minha igreja, contrato pessoas que são de varias denominações, meu testemunho é este, quem trabalha comigo serve a DEUS a empresa anda bem, não tem acidentes, nunca foi a justiça, brigam para trabalhar nela, é a que melhor paga e melhor distribui os lucros,l não tenho do que me envergonha, quanto ao testemunho para ateus e impios é este procurem empresas atéias para trabalhar, não teram o que reclamar, outra coisa stardust Jesus não faz acepção de pessoas, mas todas que vem a ele se convertem, já não são mais ateus, logo..entenda fazer acepção é fechar as portas da igreja, esta pertence a DEUS, elas são de portas abertas, já a minha empresa é privada e meu sócio não quer que contrate impios,m e eu fecho com ele, meu dinheiro é santo e dedicado aos santos

    • Clamando, agora tenho que discordar de você. A vida pessoal de uma pessoal nada tem a ver com a vida profissional. O que importa é capacidade do candidato, a aptidão para determinada função, a formação e a experiência, ou seja o que importa é o trabalho, a tarefa. Desculpe mas achei ridículo esse comentário, pesquisar a religião da pessoa para contrata-la!

      • clamando

        sabia que ao fazer isso vc age contra a lei ? alem disso vc impede que Deus use sua empresa para alcançar ateus e pessoas de outras religiões…

        vc esta tão cego que está cometendo esse erro e ainda fala com orgulho…

        • onde estou a lei me da o direito de escolher só com curriculum, e ali pode-se pesquisar qualquer coisa, informação aqui é coisa séria, e não me constranjo pois os cristãos são os melhores profissionais da area, não tenho remorso algum de empregar só crentes, não temos faltas não temos causas na justiça, não temos acidentes, não bebem não fumam não usam droga, não faltam por doença, não faltam por problemas em casa, voces não imaginam como os crentes são bons

          • Nossa Clamando vc deve estar em outro planeta,pq a maioria dos crentes não tem diferença nenhum dos que estão no mundo,só se fazem de santos,vamos tirar vc de exemplo,olha a maioria dos seus comentários ,nada de cristão,na verdade isso é preconceito disfarçado,vc automaticamente não emprega quem fuma ,gay ,isso é uma vergonha.

        • outra coisa para alcançar almas uso as missões e a igreja cada coisa a seu tempo e lugar , minha empresa é fonte de benção para cristãos e ensino a eles a gastarem seu dinheiro onde os donos são cristãos

          • clamando

            Isso que vc faz é uma discriminação velada. Se houver uma denuncia ao ministério do trabalho de que vc só está contratando evangélicos, uma fiscalização pode ir até a sua empresa verificar isso. Da mesma forma, por exemplo de uma empresa que não contrata negros, e após uma denuncia há uma fiscalização e é verificado que só há brancos na empresa. Portanto, a denuncia se comprova. Isso que vc faz é contra a lei. Os critérios para contratação devem ser técnicos, e não pessoais.

            A constituição diz o seguinte em seu artigo 5:

            “VIII – ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;”

            E o trabalho é reconhecido como um direito, conforme a Declaração Universal dos Direitos Humanos, artigo 23º:

            “Artigo XXIII. 1.Toda pessoa tem direito ao trabalho, à livre escolha de emprego, a condições justas e favoráveis de trabalho e à proteção contra o desemprego.”

            A constituição federal também reconhece o trabalho como um direito:

            “Art. 6o São direitos sociais a educação, a saúde, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição.”

            Vc sabe que isso que vc faz é errado, tanto que vc mesmo confessou que “pesquiso primeiro depois contrato não trago nenhum constrangimento ao candidato “, ou seja, investiga a religião sem o mesmo saber. Se o que vc faz fosse correto, não teria problemas em perguntar pessoalmente ao candidato a religião dele e em caso de não ser evangélico diria ao mesmo que tal condição não o permite ingressar na empresa. Mas como sabe que o que faz é errado, “pesquisa” sem conhecimento do mesmo. E vc sabe o pq:

            “O advogado Geraldo Baraldi, do Demarest & Almeida Advogados, também concorda que compete ao empregador avaliar a viabilidade da contratação. “A empresa pode deixar de contratar um funcionário porque ele não seria a melhor opção para o cargo, mas não por motivos religiosos”, afirma. Segundo ele, toda forma de discriminação é proibida por lei, incluindo as crenças religiosas, e se o empregado não for contratado por conta de sua religião pode requerer indenização por danos morais na Justiça.

            Foi o que ocorreu em um caso julgado recentemente na Justiça do Trabalho de Mato Grosso. Uma ótica de Cuiabá foi condenada a indenizar em R$ 5 mil uma auxiliar administrativa que alegou ter perdido uma vaga de emprego por causa da religião. Ela argumentou que uma funcionária teria comentado com a diretora da empresa que a candidata foi testemunha de jeová, mas que não frequentava mais a religião. A diretora, então, teria mudado de opinião por frequentar a igreja e não ter aceitado o fato de a candidata ter desistido da religião ”

            Fonte: Valor Econômico – São Paulo/SP

            Além de ser ilegal, sua conduta impede um bom testemunho perante os que não são evangélicos… afinal, ateus, católicos, testemunhas de jeová, umbandistas também precisam se manter, e sua atitude gera dificuldade na contratação dos mesmos… vc acha que ninguém vai perceber que foi excluido de ser contratado por ser de uma religião diferente de todos que trabalham lá? Acha que isso é bom testemunho entre os “gentios” ?

            em lucas 10 existe a história do homem que foi vitima de salteadores e espancado… passou um sacerdote e vendo o mesmo, passou longe, depois passou um levita, e também passou longe… até um samaritano passou, viu a situação aflitiva do homem espancado e cuidou de suas feridas e o levou a uma estalagem.

            Afinal, quem foi o próximo dele?

            o sacerdote ( pastor evangélico)?
            o levita (cantor evangélico)?
            o samaritano (de outra religião)?

            Pense nisso.

          • quem foi o próximo, daquela pessoa que aceitou a JESUS como salvador, vindo do mundo destruido
            1 stardust não da nada para ninguém
            2 ateu desgraçado comungando com o stardust não da nada para ninguém
            3 pastor clamando aprewsenta o salvador e lhe da uma oportunidade de sair do fundo do poço
            quem foi o próximo deste ex. drogado
            deste ex bandido
            deste ex bebedo
            quem foi seu próximo

          • outra coisa meu unico compromisso com estas pessoas é feito e este trabalho com louvor, mantemos missionários e com todo tipo de assistencia
            mantemos igrejas de portas abertas 24 horas com pastores para atender suas necessidades
            quer dizer conciencia tranquila é a minha
            por falar nisto quais são teus frutos mesmo
            da emprego para alguém
            da ou manda missionários ou mantem eles em qualquer lugar
            abriu um trabalho para acolher estas pessoa
            investe no reino de DEUS para atingir estas pessoa para apresentar o CRISTO
            para tirar o cisco de meu olho é porque já tirou a trave do teu, pois não

        • outra coisa meu unico compromisso com estas pessoas é feito e este trabalho com louvor, mantemos missionários e com todo tipo de assistencia
          mantemos igrejas de portas abertas 24 horas com pastores para atender suas necessidades
          quer dizer conciencia tranquila é a minha
          por falar nisto quais são teus frutos mesmo
          da emprego para alguém
          da ou manda missionários ou mantem eles em qualquer lugar
          abriu um trabalho para acolher estas pessoa
          investe no reino de DEUS para atingir estas pessoa para apresentar o CRISTO
          para tirar o cisco de meu olho é porque já tirou a trave do teu, pois não

          • clamando

            Vejo que meus questionamentos incomodaram muito vc… A sua hipocrisia ficou mais uma vez exposta e por isso esses ataques enlouquecidos a minha pessoa… vamos ver mais uma mostra de sua conduta farisaíca?

            pois bem… vc não contrata quem não for evangélico… mas e se essas mesmas pessoas forem na sua igreja, vc aceita os dízimos e ofertas delas? sim ou não?

            claro que sim não é? pra quem vive chamando a xuxa de satânica, mas já disse que não poderia recusar o dinheiro dela caso ela desse em sua denominação, já prova que não tem compromisso com o evangelho e sim com a arrecadação.

          • Clamando a cada comentário seu fica mais claro o tipo de pessoa que vc é,é obvio que o templo fica aberto 24h,templo aberto significa $$$$$$ ,engraçado que quando passam de banco em banco colhendo ofertas vcs não perguntam se a pessoa é cristã ou não,se esta la pela primeira vez,usufruem do dinheiro independente da crença de quem deu e de onde tirou o dinheiro,hipocrisia,

          • Clamando quando passam de banco em banco colhendo ofertas engraçado que não perguntam se a pessoa é cristã ou esta la por algum outro motivo hipocrita,quanto de dinheiro vcs de igreja não usufruem de traficante,prostituta,homossexual ..mas quando se trata de dinheiro facil em igreja não importa quem deu nem como conseguiram né

    • Vou te denunciar, Clamando. Isso é crime, sabia?

      Se eu fizesse o mesmo que você – não contratar evangélicos – seria presa por “persegução” e “intolerância”.

      • POIS ENTÃO DENUNCIE O SPAM ESTA AI PARA ISTO, VEJO TAMBÉM STARDUST E STOUDANDOT QUE ACERTEI EM CHEIO VOCES NÃO SÃO O PRÓXIMO DE NINGUÉM A NÃO SER DAS PRÓPRIAS BARRIGAS HEHEHE É SER DE DEUS NÃO ´=E PARA QUALQUER UM, VEJAM SÓ SÓ AMEALHAM ATEUS

      • MAIS UMA COISA ATEU NÃO TEM RELIGIÃO ENTENDEU, ENTÃO NÃO ESTOU ERRADO, E MAIS QUANDO FUNDEI MINHA EMPRESA ONDE EESTAVA VOCE E OS OUTROS QUE ME CONDENAM , QUANDO TRABALHEI DIA E NOITE PARA PROSPERAR, ONDE VOCES ESTAVAM? NO INFERNO PLANEJANDO OLHA QUANDO ELE FICAR RICO VAMOS ROUBAR DELE PARA DAR AO DIABO…ORA VA PARA O INFERNO

    • Clamando… eu faço o mesmo que você só que ao contrario rs. Quando percebo que é evangélico, já está eliminado do processo seletivo. Crentes me causaram problemas com horários de culto, vigília e afins. Nada contra a religião, mas para trabalhar na minha empresa não serve.

  2. Não discriminai as pessoas por crença, raça, classe social, etc… . Assim sendo, não estará no meu agrado e nem no meu caminho. Quando usar sua empresa para vender, prestar serviço ou fazer qualquer negócio, você não levará em conta a crença de ninguém e nem o valor do dinheiro. Todos passarão a ser iguais para você. Não seja hipócrita e não desvie do caminho. Amai uns aos outros como a ti mesmo!

  3. Isso é apenas um pequeno exemplo do que advirá caso esses ditadores tomem o poder político. Detestam liberdade, imparcialidade, mas almejam a dominação total das pessoas, a escravidão e o servilismo. E quem vota neles têm os mesmos desejos (mas acabam se ferrando) – Fora com todos eles.

  4. essa historia de acepcao de pessoas tem sido mal compreendida, o pecado sera sempre pecado(prostituicao, roubo, homicidio, homossexualismo, inveja etc), o que acontece eh que Jesus veio para os doentes e nao para os saos, logo, os que tem o direito de entrar na igreja ou em alguma confraternizacao Crista e afins nao sao so os cristaos mas tambem os nao cristaos para que aceitando a paavra se convertam. Nao usem o lema da Lanna Holder para defender os vossos pecados, quem nao se santifica nao entrara nos ceus. (heb 12:14).

  5. Clamando quando passam de banco em banco colhendo ofertas engraçado que não perguntam se a pessoa é cristã ou esta la por algum outro motivo hipocrita,quanto de dinheiro vcs de igreja não usufruem de traficante,prostituta,homossexual ..mas quando se trata de dinheiro facil em igreja não importa quem deu nem como conseguiram né

    • P GAZOFILACFIO É NA ENTRADA DA IGREJA AQUI NÃO SE RETIRA OFERTAS QUEM QUER DAR DA DIRETO SEM ENVELOPE SEM NOME SÓ DEUS SABE QUEM COLOCOU E QUANTO COLOCOU, NÃO FIZEMOS ACEPÇÃO DE PESSOAS ASSIM COMO JESUS

  6. Com um cabedal tão alto este jovem demonstra este tipo de atitude sinistra, e depois falam que não há lavagem cerebral nestas denominações, desarrazoado. O ponto em comum que ele tem com estas organizações e que não é visível é sua metodologia mercantil, “tirar o diabo para que o cidadão lhe torne produtivo e lhe traga lucros, dinheiro” esta é a tônica, está indelével o mercantilismo. É a essência das rodoviárias evangélicas onde abaixam as turbas convidadas e buscadas em casa a toque de megafone, veem fazer descarrego e sair zerado, pensam, seguir Jesus prá que se a universal “passa a régua” , vem de roldão e saem felizes do centro espírita quimbandeiro judaica da universal, saravá. A graninha ficou de paga.

    • “passa a régua” kkkkk

      Na verdade essa gente nunca foi fiel a nada, nem a catolica, nem ao espiritismo nem e’ fiel a Universal. Eles estao atras do ganho facil e do lucro, de levar vantagem com a ajuda do sobrenatural e quem melhor marquetear essa ideia e isolar a competicao, ganha o jogo. A grande bolada da Universal foi ter investido em redes de comunicacao, a propaganda sempre foi a alma do negocio.

  7. minha opinião eu acho errado essa atitude desse empresario ,bem si fosse minha empresa por ex eu gostaria de trabalhar cm pessoas do mesmo ministerio q eu para q possamos falar a mesma lingua si é q me entendem,qnt o pastor ser proibido de ler alguns versiculos biblicos antes de começarem a trabalharem é um direito dele pois a empresa é dele e acho mt errado a justiça proibir isso.antes do funcionario ser admitido deve falar sobre isso si ele n concorda então n serve p trabalhar ex si a firma exige fazer hora extra e trabalhar n sabado si a pessoa n concorda então n pode trabalhar n empresa correto.o problema q as noticias de tv e internet a gente nunca sabe qual é a verdade mesmo sobre o assunto.só sei q todo o mal um dia tera fim si DEUS quiser ,em o nome de JESUS um dia nós teremos paz .p sempre.AMÉM.

  8. Olá pessoal

    Falo aqui em defesa do Rennan, pois quando eu era estagiário naquele lugar nunca fui obrigado a frequentar nenhum culto, ou seja lá o que for.

    Ele convidava para os eventos e ia quem queria…

    Hoje sou advogado e digo que há muitas pessoas de má-fé que estão contra ele na justiça somente para ganhar alguns trocados.
    Reforço que QUASE todos que colocaram ele na justiça são ex estagiários que agora são advogados e querem ganhar “algum”.

DEIXE UMA RESPOSTA