Pastor faz greve de fome em protesto contra salários abusivos de vereadores de Boa Vista

10

Um pastor evangélico resolveu protestar contra os salários considerados abusivos dos vereadores de Boa Vista, capital de Roraima, e iniciou uma greve de fome.

Miquéias da Costa ficou sabendo através do noticiário que o professor Pierre Pinto, que dá aulas de história na rede pública, havia iniciado um protesto com greve de fome em frente à Câmara Municipal da cidade, e resolveu se juntar ao professor em solidariedade.

De acordo com o Fantástico, da TV Globo, os 21 vereadores de Boa Vista recebem um salário de R$ 12 mil, com bônus de R$ 9 mil para aqueles que participam de comissões especiais. Juntando a verba indenizatória de R$ 35 mil para cada parlamentar e os R$ 30 mil destinados ao custo do gabinete, o valor pode chegar a R$ 85 mil.

“Quando cheguei aqui, naquele momento decidi fazer greve de fome juntamente com ele […] A atitude do professor Pierre me comoveu. Assim como o povo roraimense, também estou indignado e cansado de tanta balela”, disse o pastor Miquéias da Costa


Costa destacou que acha importante que o professor saiba que não está sozinho na luta contra o salário abusivo dos vereadores de Boa Vista.

O pastor disse acreditar que o progresso não acontece de uma hora para outra, mas é preciso lutar: “As mudanças demoram, mas demos um passo e estamos aqui em prol do povo, por uma causa justa. A sociedade percebeu, está nos apoiando e teremos um resultado positivo com esse protesto”, disse ao G1.

O professor Pierre Pinto afirmou que já não sente mais fome, e que a vontade de comer aparece apenas nos dois primeiros dias: “Quando terminar a greve vou precisar ir ao hospital. Tomar papinha e soro”, admitiu, em entrevista ao Portal Amazônia. Pinto revelou que tem se hidratado com água potável, água de coco e suco natural.


10 COMENTÁRIOS

  1. Sinto muito mas este Pastor esta perdendo tempo, melhor soltar uma bomba dentro deste antro ou melhor dentro desta camara e botar estes vereadores ladrões para correr, eo que o brasil esta precisando, e botar estes policos ladrões pra correr, pra bem longe quando eles ver a coisa preta ai sim se concertarão na marra, ficar sem comer por causa destes ladões realmente e uma bobagem sem tamanho

  2. Aproveite e anuncie que a greve de fome é também contra a industrialização e mercantilização da fé no sórdido e vil balcão gospel da venda do Evangelho.

  3. COMO A MENTE DOS GAYS É DISTORCIDA E MALÉFICA, SÓP PENSAM EM PINTO, SIM POIS FALAM TANTAS M… QUE NÃO DA PARA ACREDITAR, SAIR EM DEFESA DOS VEREADORES LADRÕES DOS COFRES PÚBLICOS E IR CONTRA O PR. VEJAM COMO SÃO IDIOTAS É S´PO VER QUE QUEM SE ALIOU A ELE UM PROFESSOR TENDO ESTUDO LOGO CONCLUIU, ESTES SAFADOS NADA FAZEM E GANHAM MAIS DO QUE EU QUE TRABALHO…POBRES MISERAVEIS SÓ PENSAM EM PECAR , SÃO COMO UMA FOLHA SECA

    • “COMO A MENTE DOS GAYS É DISTORCIDA E MALÉFICA, SÓP PENSAM EM PINTO”

      Como a mente dos evangélicos é distorcida, pois só pensam em fiscalizar cu de gay.

      • SANDRO
        MAIS UMA VEZ MOSTRA QUE É ALÉM DE GAY É BURRO, FALAR EM COERENCIA NEM PENSAR, SE OS LADRÕES FOSSEM EVANGÉLICOS ESTARIA AQUI APOIANDO O PR.MAS AO CONTRÁRIO PREFERE SER BURRO, ENTÃO COMO CAPIM

  4. GOSTARIA DE DIZER AO RESTANTE DO BRASIL, QUE A GREVE DE FOME DO PROFESSOR PIERRE PINTO E DEPOIS ACOMPANHADA PELO PASTOR E O PROFESSOR VALDINAR, DEU RESULTADO, POIS O MPE DETERMINOU QUE OS VEREADORES DE BOA VISTA DEVERÃO RECEBER SOMENTE O SEU ´SALÁRIO DE 12.000, REAIS O QUE JÁ É MUITO. QUE ESTE EXEMPLO POSSA SERVIR DE EXEMPLO PARA QUE ACONTEÇA A VERDADEIRA REFORMA POLÍTICA QUE O BRASIL TANTO PRECISA, PORTANTO A LARGADA FOI DADA AQUÍ DE BOA VISTA.

  5. “Pastor” sim, Pastor não!

    Os verdadeiros pastores lutam pelo Reino de Deus. Os “pastores” deste mundo lutam pelas coisas deste mundo.

    Isso está muito claro nas Palavras do Senhor Jesus.

    Lutam por coisas deste mundo sobre o pretexto de lutarem pelo Reino, mas aos versos abaixo dizem que eles estão enganando e sendo enganados.

    Disse Jesus: “O meu Reino não é deste mundo. Se fosse, os meus servos lutariam para impedir que os judeus me prendessem. Mas agora o meu Reino não é daqui”. João 18:36

    Aquele que ama a sua vida a perderá; ao passo que aquele que odeia a sua vida neste mundo a conservará para a vida eterna. João 12:25

    Se vocês pertencessem ao mundo, ele os amaria como se fossem dele. Todavia, vocês não são do mundo, mas eu os escolhi, tirando-os do mundo; por isso o mundo os odeia. João 15:19

    Eu rogo por eles. Não estou rogando pelo mundo, mas por aqueles que me deste, pois são teus. João 17:9

    Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os odiou, pois eles não são do mundo, como eu também não sou. João 17:14

    Eles não são do mundo, como eu também não sou. João 17:16

    Eu vim do Pai e entrei no mundo; agora deixo o mundo e volto para o Pai”. João 16:28

    Quem é de Deus não usa um chamado tão sagrado como é o de um Pastor para misturar com as imundícias deste mundo. Pois, para Deus, até a justiça deste mundo, ou seja, as causas políticas e sociais, “são trapos de imundícia”.

    Meus irmãos não se deixem enganar.
    a) Se Deus dirigisse um homem para ser político, JAMAIS o chamaria para o Ministério. Antes prepararia esse homem para lutar por causas políticas. Guiaria, esse homem, desde cedo a engar em causas sociais, seria um advogado, um sindicalista, um sociólogo, um militante político desde cedo. O Profeta Daniel, já pertencia à classe política desde seu nascimento.

    b) Quando Deus chama um homem para ser Pastor, ele prepara esse homem no percurso da vida. Muitos Pastores, percebem, admirados, que mesmo antes de serem crentes, de alguma forma, as experiências que tiveram na vida corroboraram muito no seu pastorado. Veem nisso como algo providencial. Considere a) Cristo é o maior projeto de Deus. Cristo, para Deus é o centro de todas as coisas. O amor de Deus por Cristo é a maior manifestação do amor de Deus e, esse mesmo amor que Ele tem por Cristo, através do seu Filho, se manifesta em nós: “Eu os fiz conhecer o teu nome e continuarei a fazê-lo, a fim de que o amor que tens por mim esteja neles, e eu neles esteja”. João 17: 22. Portanto, quando Deus chama e prepara um Pastor, Ele visa a Glória de Cristo e o amor às pessoas que fizeram profissão de seguir a Jesus. Deus tem uma visão eterna neste projeto. b) Agora, você acha que Deus chamaria, prepararia uma pessoa para ser Pastor, e, ao mesmo tempo, ser um Político? JAMAIS! Deus leva muito a sério o Sangue vertido por Jesus, Deus leva muito a sério a Aliança da Cruz. E Deus diz que a justiça humana, para Ele, é “trapo de imundícia”. Ou seja, por mais justa que seja uma demanda política ou social, ainda assim, para Deus, é “trapo de imundícia”. Então, você acha que Deus misturaria o sagrado ofício de Falar de Jesus com o “trapo de imundícia” das questões políticas e sociais? DEUS JAMAIS FARIA ISSO. Deus jamais profanará o Sangue de Jesus!

    c) Quando um Pastor político se envolve com questões políticas e sociais, ele faz pelo seu próprio interesse mesquinho. Ele faz por que está atrás ou de poder ou dinheiro, ou de fama, ou pelos benesses que o poder dá. Leia! “Porque tudo o que há no mundo – a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida – não procede do Pai, mas do mundo”. Note: a concupiscência da carne = desejo = SENTIR; a concupiscência dos olhos = riqueza e poder = TER; a soberba da vida = fama, orgulho = SER. Portanto, um PASTOR-POLÍTICO ele está preso ou ao SENTIR, ou ao TER, ou ao SER. Em outras palavras, os espíritos do diabo usam esses sentimentos para os enjangarem em políticas ou questões sociais. Muitos destes PASTORES-POLÍTICOS ainda são de Cristo. Contudo, são, simultaneamente, guiados pelo Espírito de Cristo e por um espírito de demônio. Assim como Judas Iscariotes que seguia a Jesus e as sugestões de Satanás ao mesmo tempo. Muitos outros PASTORES-POLÍTICOS não são mais de Cristo, mas neles repousa o Espírito de Satanás.

    Amados, não participem de pecados alheios, FUJAM de PASTORES-POLÍTICOS, pois eles são os piores políticos que poderíamos ter, por mais honesto e bem intencionados que forem. Pois, ainda que fossem honestos e bem-intencionados, JÁ SÃO TRAIDORES DA CRUZ DE CRISTO. Estão propensos à Satanás e aos seus espíritos enganadores e sutis. SÃO TRAIDORES DA CRUZ DE CRISTO, pois, foram chamados para falar de Jesus, algo extremamente santo para os olhos de Deus, agora, misturam a missão pastoral com a justiça deste mundo, que para o mesmo Deus é “trapo de imundícia”. Esses pastores são NOJENTOS, MISERÁVEIS E INFAMES! Você, NUNCA VOTE em um Pastor Político, não faça parte desta imundícia, não seja coadjuvante desta traição da Cruz de Cristo.

    d) Se um Pastor quer ser político, ou mesmo lutar pelas questões sociais deste mundo, que RENUNCIE ao Ministério Pastoral. Mas, o que se vê, é que esses infames, amigos do inferno, além de continuarem com o título sagrado de Pastor, ainda usam os membros da Igreja para os seus projetos políticos.

    Quando Deus chama alguém para ser Pastor, chama-o para falar de Jesus, para tratar das coisas de Jesus, para manifestar nele a vida de Jesus.

    Portanto, você que ama a Cristo, não aceite essa associação do sagrado com o profano.

    Deus, fez isso claramente, no antigo Testamento.

    Para cuidar das coisas políticas e sociais do Reino de Israel, tinha o Rei

    Para cuidar das coisas sagradas, tinham os Sacerdotes,

    Para cuidar do avivamento do seu povo, tinha os Profetas.

    É verdade que há reis profetas, sacerdotes profetas, mas tem que se considerar duas coisas:
    a) NUNCA houve um Profeta, rei e sacerdote ao mesmo tempo
    b) No Novo Testamento não há NENHUM PASTOR-POLÍTICO*.

    Agora, se isso não bastasse, veja o exemplo dos índios, dos muçulmanos e dos católicos!
    ÍNDIOS
    a) O poder político é dirigido por um Cacique.
    b) O poder religioso é dirigido por um Pajé.

    Por que os índios separam o poder religioso do secular? Por causa das experiências trágicas que tiverem com o religioso político.

    MUÇULMANOS
    Os muçulmanos por não separem o poder político do religioso, veja o resultado
    a) Muçulmanos religiosos no Iraque matando muçulmanos no Iraque
    b) Muçulmanos religiosos
    (os mais fanáticos são os mais impiedosos, mais cruéis, mais insanos, mais endemoninhados. O observe que os que vão a Síria são os muçulmanos mais religiosos. Sempre têm uma desculpa, mas o fato é que, acabam matando o próprio muçulmano aos quais lhes prometem um Califado paradisíaco!)

    CATÓLICOS MEDIEVEIAS
    – Quando a Igreja Católica Medieval tinha o poder secular, mataram, destruíram, impedirem o desenvolvimento cientifico, criou atrasos.

    Ou seja, ente o que isso nos mostra é que a mente religiosa não pode ter o poder secular.

    Os Pastores-Políticos estão atrás do poder secular. Isso é de inspiração diabólica.

    Bem, fique na sua consciência.

    É que o amor aniquilável de Jesus Cristo esteja sempre com você!

    Que o amor de Deus por Cristo Jesus atinja fortemente a sua vida!

    Que o Evangelho de Jesus continue puro em seu coração!

    Que a sua profissão de fé em Jesus seja sem mácula alguma!

    Paulo Tarso

    * Não confunda PASTOR-POLÍTICO com CRENTE-POLÍTICO. Um é aceitável, outro, não.
    * Na verdade, não só pastores, mas TODOS os crentes que são chamados por Deus para uma missão espiritual, JAMAIS deveriam se envolver em outra missão.
    * O argumento de que há pastores médicos, pastores juízes, pastores advogados é insustentável. Primeiro, para Deus, não há pastores médicos, pastores advogados, pastores comerciantes. Há Pastores com a divina missão de falar de Jesus. Isso é ponto final. São pastores médicos, pastores professores por pura conveniência. Não são, para Deus, de fato, pastores.

DEIXE UMA RESPOSTA