O Livro de Eli – Denzel Washington, em entrevista, fala sobre fanatismo, religião e afirma: “a Bíblia é como uma arma”

16

Depois de interpretar um policial corrupto em “Dia de treinamento” e um traficante de drogas em “O gângster”, Denzel Washington volta a caminhar entre o bem e o mal em “O livro de Eli“, novo filme dos irmãos Hughes, que estreia nesta sexta (19) no Brasil.

Na história, Washington interpreta um tipo solitário que está disposto a tudo para proteger um livro sagrado que guarda segredos supostamente capazes de salvar a humanidade em um cenário pós-apocalíptico.

Cristão adepto da Church of God in Christ, popular igreja pentecostal afro-americana, o ator conversou com jornalistas em Los Angeles sobre o filme, e o G1 participou da entrevista. Leia a seguir os principais trechos.

Pergunta – O que te atraiu em “O livro de Eli”?
Denzel Washington – Meu filho gostava muito da história e acabou me convencendo a fazer o filme. Era um bom roteiro. Não apenas mais um filme de ação, “O livro de Eli” tem conteúdo, tem uma mensagem. É o bem contra o mal. São vários fatores do mundo espiritual. ,E pensando bem, ele me convenceu a fazer “Dia de treinamento” e “O gangster”, então acho que acertamos 3 de 3 (risos).


Pergunta – No filme, a Bíblia é tratada ora como uma ferramenta de ajuda à humanidade ora como uma ferramenta para se ter mais poder. Como analisa esta mensagem?
Washington – Sabe, sei que isso vai soar estranho, mas a Bíblia é como uma arma. Se ficar aí, em cima de uma mesa, nunca vai machucar ninguém. É uma questão de como você vai usá-la. E isso não se aplica apenas à Bíblia, mas também às palavras. Mas neste caso é interessante porque Eli escuta essa voz que lhe diz para levar a mensagem da Bíblia pelo país, por uma boa causa. Mas ele é o homem mais violento do filme. Quando ele chega numa encruzilhada que o leva a esta cidade onde tem que lidar com um homem cruel, ele precisa também lidar com sua própria humanidade.

Pergunta – Já o personagem de Gary Oldman, Carnegie, tem uma outra visão da Bíblia.
Washington – Carnegie obviamente só está procurando uma maneira de manipular a verdade. E nós conhecemos bem essa história, nem sequer precisamos da Bíblia para isso, basta assistir à televisao. Cada lado tentando convencer que tem razão e para isso vivem enchendo a sua cabeça com informação o dia todo. Por isso, que para mim, Deus e estes ótimos livros são espiritualidade. Religião é quando o homem se apodera de um deles e diz o meu está certo e o seu errado. Mas assim é o ser humano. É a nossa falha, uma falha fatal.

Pergunta – Você sabe citar a Bíblia?
Washington – Não sou tão bom assim para citar a Bíblia como sou para parafraseá-la (risos). Mas estou aprendendo mais e mais. É a terceira vez que faço a leitura da Bíblia, mas só leio um capítulo por dia, então demora um tempão. Tenho também um livro de estudos que antes de cada capítulo ajuda a entender o contexto, a época na qual a história se passou. Por exemplo, no caso do Novo Testamento, o livro explica o que estava acontecendo em Roma, ou com Cesar etc. É muito bom.

Pergunta – O que aprendeu com essas leituras?
Washington – Antes das refeições a gente sempre abençoa e agracede pela comida, fala uma prece e encerra com amém. ‘Deus é amor’. Eu achava que ‘Deus é amor’ era uma só palavra, por ser algo que você recita a toda hora, rapidamente, de maneira quase automática. Aos poucos, durante estes anos, fui aprendendo a recitá-las mais lentamente e percebi que são três palavras. Deus. É. Amor. Independente de qual a sua religião ou livro que esteja lendo, acho que esta é uma lição que ainda estamos aprendendo como pessoas, como raça. Não significa que meu Deus é amor, e o seu não. E aqui vou parafraseando de novo (risos): ‘Faça aos outros o que gostaria que fizessem a você’. Essa é a mensagem fundamental de todas as religiões, mas, de alguma maneira, nós distorcemos isso.

Pergunta – O que motiva Eli é a sua fé. No seu caso, o que mais te motiva?
Washington – Também a minha fé. E a minha familia. Tenho muito prazer em ver meus filhos crescerem. E também o meu trabalho. Estou começando a ensaiar para esta excelente peça americana, ‘Fences’, na Broadway, com a atriz Viola Davis, e nem sequer durmo à noite só pensando e trabalhando nisso. É de um vencedor do prêmio Pulitzer, escrita por August Wilson, e foi encenada em 1987, rendendo um prêmio Tony ao James Earl Jones. Como ator, gosto de desafios como esse e como o do filme ‘O livro de Eli’.

Trailer de O Livros de Eli

Fonte: G1 / Gospel+

16 COMENTÁRIOS

  1. É bem verdade que a Biblia é uma arma; Nas mãos de quem não sabe usa-la. Pois ela nunca foi criada para este objetivo.Mais sim, para curar, trazer vida e saude para toda humanidade.

  2. Muito boa explanacao do ator, e ai esta o sentido da palavra (biblia),
    ela e usada como arma contra nosso inimigo.Pode ter certeza que o fato
    deste ator estar lendo a biblia sua vida vai ser transformada.
    ESTE FILME NAO E UM MERO ACASO.-DEUS TEM SEUS PLANOS.

  3. Nossa como tem gente …………. ” este filme não é um mero acaso”. Claro que não, ele é para ganhar dinheiro, só não vai para a mão de nenhum dono de igreja.

  4. Vai chover de evangelico falando merda por causa desse filme ridiculo como já s eve um ali em cima…
    realemnte a vida do ator vai mudar pois é mais R$$ na mão dele…..

    antes que alguns venham falar que sou do lado obscuro acredito e tenho fé no Senhor vivo mais não me prendo aos erros humanos ou pelo menos tento me afstar da nossa “raça imunda” e deste corpo perecivel que nós faz pecar….

  5. Hoje para confundir os Cristões estão fazendo muitos agreditarem em muitos futuros que estão longe da Palavra Verdadeira de Jesus Cristo, pois sem o Espirito Santo e sem Jesus Cristo a Biblia não passa de um monte de papel sem valor! Muitas religiões tem a biblia e seguem idolatrias abominaveis, se dejam possuir por espiritos de demonios, isso tudo em nome da palavra de Deus. A minha fé é so…so…JESUS CRISTO PELA UNÇÃO DE SUA PALAVRA PODE NOS SALVAR. Isto tudo é o sinal da vinda de Cristo!!!!Nunca agredite nos homens e sim em Deus e seu Filho Jesus Cristo!!!

  6. A Biblia é uma arma contra o inimigo.

    Mais ela so e poderosa nas maos de quem sabe usar!
    eu comecei a ler a biblia sem a estrução do ESPIRITO SANTO sabia q eu estava errado com relação dos meus pecados, com tempo DEUS foi me mostrando as coisas,eu descordo com o marroque pq na Biblia ali esta a palavra de vida que ela tem valor sim eu sei q com as instrução do ESPIRITO SANTO e muito melhor vc intede claramente mais a palavra da Biblia que e a palavra de DEUS, a Biblia “que e a palavra viva de DEUS” ela cura salva e liberta. Não estou te confrontando mais eu tinha q falar .

    Fica na Paz do SENHOR JESUS CRITO

  7. Vc está pensando bem? Biblia sem Jesus é um monte de papel sem valor? Então Daniel, Isaias, Jeremias, Salomão e Davi que nos trouxeram ótimos ensinamentos de vida de misericórdia de Deus poderiam deixar de existir pra você? Quer dizer que Jó, Moisés, José e Jacó poderiam nem ter suas histórias contadas que para vc não teria a mínima diferença? ACORDA, o próprio Jesus disse que veio apenas para confirmar a palavra já dada! Ele mesmo já disse que o fim só chegaria depois que toda essa palavra chegasse a todo o mundo! Se Ele mesmo atribuiu enorme valor a palavra, como vc diz ao contrário?

  8. Vc está pensando bem? Biblia sem Jesus é um monte de papel sem valor? Então Daniel, Isaias, Jeremias, Salomão e Davi que nos trouxeram ótimos ensinamentos de vida de misericórdia de Deus poderiam deixar de existir pra você? Quer dizer que Jó, Moisés, José e Jacó poderiam nem ter suas histórias contadas que para vc não teria a mínima diferença? Se o próprio Jesus disse que veio apenas para confirmar a palavra já dada! Ele mesmo já disse que o fim só chegaria depois que toda essa palavra chegasse a todo o mundo! Se Ele mesmo atribuiu enorme valor a palavra, como vc diz ao contrário?

DEIXE UMA RESPOSTA