Pastor assembleiano e seu filho são investigados por arrastar cão em uma moto até a morte

27

Um pastor assembleiano está sendo investigado por amarrar um cachorro a uma moto e arrastá-lo pelas ruas de São Mateus (MA) até sua morte.

O caso está sendo conduzido pelo delegado Marcos Amorim e já está em fase final, e os dois envolvidos no caso já foram identificados.

O crime foi filmado por um morador da cidade, que publicou o vídeo nas redes sociais. A repercussão da cena lamentável foi instantânea e gerou reações de repúdio.

Segundo o delegado, os suspeitos são um pastor da Assembleia de Deus na cidade, de primeiro nome Petrucio, e seu filho, que já é maior de idade.


“Eles já foram ouvidos e disseram que o cachorro estaria agonizando, com raiva e poderia morder as pessoas. A ideia era tirar de perto da casa dele. Só que, se ele quisesse fazer isso, teria de usar outros meios, não aquele”, afirmou o delegado Amorim, de acordo com informações do portal Uol.

O delegado chegou à conclusão de que o cachorro foi arrastado por aproximadamente 300 metros e abandonado já morto próximo à rodovia BR-135.

Amorim disse ainda que espera concluir o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) logo após a audição de outras duas testemunhas. “Esse crime está previsto como de menor potencial ofensivo, não há inquérito. É feito esse TCO, que é remetido à Justiça. Os responsáveis foram liberados e assinaram um termo garantindo que vão comparecer aos atos processuais”, explicou.

Se condenados, o pastor e o filho podem pegar pena de três meses a um ano de prisão, como prevê a lei 9.605/98, que no artigo 32 estipula pena para quem “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais”. A lei ainda estabelece que, em caso de morte, o criminoso poderá ter a adição de até um terço da pena estipulada na sentença.


27 COMENTÁRIOS

  1. “O justo olha pela vida dos seus animais; porém as entranhas dos ímpios são cruéis.” (Provérbios 12:10)

    “Aquele que maltrata os animais porque os tem em seu poder, é tão covarde quanto tirano. A disposição para causar dor, quer seja ao nosso semelhante quer aos seres irracionais, é satânica. Muitos não compreendem que sua crueldade haja de ser conhecida, porque os pobres animais mudos não a podem revelar. Mas, se os olhos desses homens pudessem abrir-se como os de Balaão, veriam um anjo de Deus, em pé, como testemunha, para atestar contra eles no tribunal celestial. Um relatório sobe ao Céu, e aproxima-se o dia em que se pronunciará juízo contra os que maltratam as criaturas de Deus.” Ellen White, em Patriarcas e Profetas, página 324.

    • Sandro

      Parabéns, seu comentário foi o mais sensato dentre os pseudo cristãos acima.

      Mas, uma crueldade dessas tem que ter uma punição exemplar, e esse cara, que de pastor não tem nada, tem que ser imediatamente afastado de suas funções, e claro, preso!

  2. Olha, ao deparar-me com uma crueldade sem tamanho, lembro-me dos políticos cruéis, que colocam suas mãos sujas no dinheiro da viúva, do órfão e dos pobres e porque não dizer da nação brasileira. O crime desse pastor não é pior de que desses “políticos” que usam-na para se apoderarem do erário público ilicitamente. Cadeia neles. Já o Pr. deveria ser mais vigilante e agir com sabedoria, isto é lá ato para um representante do evangelho de Jesus aqui na terra fazer? Se o cão está apresentando indícios de doidura chame a Vigilância do município ou a Zoonoses. Mas não vamos jogar pedras.

  3. Gente Deus não tem nada haver com isso , ele se nomeou pastor mas as pessoas tem q saber q e do diabo , não tem nada haver com cristianismo, mesmo por q ele é um mal caráter perverso, maligno e nada justifica dele pega uma vida e maltratar desse geito tenho nojo dele

    • Igreja não já disse seita mundana universal., vindo destes pestes tudo é possível., herege malditos., o cachorro vale mil vezes mais que estas lacraias peçonhentas desta seita imunda

  4. Realmente uma vergonha, esperemos que sejam condenados e paguem pelo crime que cometeram, da mesma forma a lei civil também puna e coloque na cadeia, os bandidos que estão soltos.
    Ontem mais um dos líderes ladrões do pt tiveram extinta sua pena, lei para uns e para os outros que roubam a nação perdão.

  5. Se isto for de fato comprovado, sem nenhuma sombra de dúvidas, este homem jamais foi um pastor, e deve ser expulso da igreja e perder o cargo de pastor para sempre!
    Isto é uma monstruosidade inadmissível, a uma pessoa que diz amar ao Senhor Deus e é ministro da sua palavra!

  6. Lamentavelmente, crimes dessa natureza não terminam em prisão. Os criminosos se safam após serem ouvidos e dados suas desculpas mentirosas. Como um sujeito desse pode dizer que é seguidor de Jesus Cristo. “Este POVO honra-me com os lábios, mas seus corações estão muuuuuuuito longe de mim” Falou o filho de Deus em Mateus 15:8 -.

  7. Essas pessoas têm que tomar cuidado, porque vão deixando o coração endurecer, já nem sentem mais medo de serem vistos: o pastor que já tinha sido filmado maltratando o cachorro, outros arrastando um cachorro pelas ruas, à vista da cidade… De degrau em degrau a frieza vai só aumentando. Acho que isso deve acontecer porque muitos ainda não praticam o que leem na Bíblia, e a alma vai secando… Quando acontece uma coisa qualquer, o cachorro late alto, ou faz xixi no chão, toda a ira aflora e se expande. E aí são cometidos os tais crimes.

DEIXE UMA RESPOSTA