Em vídeo confuso, Thalles Roberto sugere que “há tempo” de sonegar impostos; Entenda

16

O cantor Thalles Roberto atraiu para si uma nova onda de questionamentos e críticas ao publicar um vídeo em que versava sobre “o tempo certo” das coisas, usando como base, uma passagem do livro de Eclesiastes.

“Às vezes, nós queremos fazer uma coisa que não está no tempo dela, e aí dá errado. Não era tempo de casar, casou, deu errado. Não era tempo de agradar, agradou, deu errado. Não era tempo de admitir, admitiu, contratou alguém, tá errado. Não era tempo de mandar embora, mandou, errou. Não era tempo de viajar, viajou, aconteceu um acidente, alguma coisa… Não era tempo de namorar, namorou, deu errado, engravidou, foi problema para a família… Não era tempo de tantas coisas! Não era tempo de sonegar imposto, sonegou, e hoje está sofrendo dificuldade… Às vezes, nós erramos o tempo”, afirma o cantor no vídeo.

Imediatamente, as redes sociais ferveram com a declaração confusa do cantor: “Existe ‘tempo de sonegar imposto?’ […] Muitos não conhecem a Bíblia e ao ouvirem isto de uma pessoa de destaque podem absorver as palavras. Lamentável!”, comentou o colunista do Gospel+, Paulo Teixeira, em sua página no Facebook.

O vídeo, que recebeu milhares de visualizações e compartilhamentos, deu origem a memes com críticas à fala de Thalles:


meme thalles

Assista ao vídeo:

Assine o Canal

Polêmicas

O cantor vem se envolvendo em polêmicas ao longo dos últimos meses. Mais recentemente classificou como “fariseus” aqueles que o criticam pela forma como conduz sua carreira.

No lançamento do álbum “As Canções Que Eu Canto Pra Ela” – um disco romântico que gravou em homenagem à sua esposa – Thalles foi criticado porque teria se afastado do modelo tradicional do gospel.

Antes, o artista já havia entrado na mira dos formadores de opinião por lançar uma Bíblia com seu nome na capa, em parceria com a Sociedade Bíblica do Brasil e vendendo-a por um valor considerado alto para o alegado público-alvo, os jovens.


16 COMENTÁRIOS

  1. Bem não intendi nada da msg que ele quer passar mais sei que ha tempo para todas as coisas.
    Esta meio confuso “”cantor “”pregar huuu não cai bem Taleco canta que e mioooo para seus fãaaaãã~s.

  2. A TEMPO PARA TODAS AS COISAS REALMENTE E CONCORDO COM QUE ELE FALO, SE VC ESTÁ PASSANDO POR DIFICULDADE E VC SÓ TEM O DINHEIRO DE HONRA SEUS COMPROMISSOS, VC VAI PAGAR IMPOSTO ?

  3. esse aí representa as aberrações gays com certeza porque só pode ter esperma na cabeça kkkkkkkkkkkkkkkkkk até rimou kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. Este esta morto espiritualmente a décadas,respira e anda para que os outros vejam.o que o maligno faz com o ser humano que sai dos seus caminhos,se torna um espantalho,vivendo de criticas negativas dando péssimos exemplos e dizendo ser de DEUS,só sabem o que é mentir, enganar, fingir,procurar aparecer de alguma forma,chamando atenção para si,para aumentar assim o rebanho do seu pai,este é o único objetivo,mais quem conhece a palavra verdadeira de DEUS,não se deixa enganar,Atos 17:11

  5. Caramba quando as pessoas querem criticar entende o que quer só citou uma passagem bíblica e os deuses da teologia emendaram dissenso que o cara mandou sonegar po vai ora carnudos tira esse espirito de critica e pede sabedoria a Deus para entender o que ele falou em nome de Jesus

  6. O que a Bíblia diz sobre isso?

               Em um cenário evangélico marcado por aberrações e modismos é importante nos balizarmos pela palavra de Deus, não se juntando a incautos na fé, para que não haja em nós nenhuma impureza diante de Deus. Tem se tornado popular no meio evangélico a santificação de festas pagãs, a fim de atrair e motivar a juventude para um “movimento diferente”, inclusive oposto a própria palavra de Deus. Opior de tudo é que os pseudo-renovadores acham que estão trabalhando a favor de Deus, no entanto, acabam trabalhando contra o próprio Deus. Deus deseja que a sua igreja conserve o modelo doutrinário dos apóstolos, e permaneça firme no fiel propósito de anunciar o evangelho as nações.

    “Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o Senhor é Deus, segui-o, e se Baal, segui-o” (I Reis 18:21). 

          Tenho certeza de que alguns leitores ao final desse artigo, poderão pensar que o posicionamento apresentado aqui é radical, mas ao menos quero que compreendam a visão que é centrada nas escrituras sagradas, pois assim está escrito: 

     

    “Toda Escritura É Inspirada Por Deus e Útil Para O Ensino, Para a Repreenção, Para a Correção, Para a Educação Na Justiça, A Fim De Que O Homem De Deus Seja Perfeito e Perfeitamente Habilitado Para Toda Boa Obra.” (2 Timóteo 3 – 16,17)

    Quando analisamos a fundo os processos históricos ligados a essas conhecidas festas, observamos uma relação cultural ligada fortemente aos ritos religiosos, principalmente o catolicismo e o espiritismo. A exemplo da festa junina, que é uma festa destinada a homenagear a santos católicos: “São” João, “São Pedro” e “Santo” Antônio. Não basta apenas rotularmos festas como “gospel” para que elas sejam santificadas e aprovadas por Deus. Até onde podemos pegar coisas sacrificadas a ídolos e denomina-las de coisas santas. O santo e o profano não andam juntos. Não existe relação entre elas, não pode haver ligação, pois diz as escrituras: 

     “Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça?” (2 Coríntios 6:14-18) 

    O apóstolo Paulo nos ensina que não devemos ser partícipes nessas práticas. Leia:

    “Portanto, meus amados, fugi da idolatria. Falo como a criteriosos; julgai vós mesmos o que digo. Porventura, o cálice da bênção que abençoamos não é a comunhão do corpo de Cristo? Porque nós, embora muitos, somos unicamente um pão, um só corpo. Considerai o Israel segundo a carne; não é certo que aqueles que se alimentam dos sacrifícios são participantes do altar? Que digo, pois? Que o sacrificado ao ídolo é alguma coisa? Ou que o próprio ídolo tem algum valor? Antes, digo que as coisas que eles sacrificam, é a demônios que as sacrificam e não a Deus; e eu não quero que vos torneis associados aos demônios. Não podeis beber o cálice do Senhor e o cálice dos demônios; não podeis ser participantes da mesa do Senhor e da mesa dos demônios. Ou provocaremos zelos no Senhor? Somos, acaso, mais fortes do que ele?” (I Coríntios 10:14-22).

    Recentemente os chamados evangélicos góspeis fizeram até uma festa rave gospel na cidade do Rio de Janeiro. Infelizmente estão negociando o que não pode ser negociado. A igreja deve ser o modelo para o mundo, e não ao contrário. Assim diz a Bíblia:

    Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar?

  7. Pois bem, a mais valiosa e eficaz Igreja somos nós, certo ? Muitos se dizem evangélicos, crentes, cristãos, católicos, etc, mas não importa a denominação ou a Religião, o que realmente importa é ser Igreja, é ser fiel a palavra. Como alguém pode se ofender tanto com os atos do seu semelhante se cometem um dos maiores pecados, erros, desagrados para Deus ? Será que Deus se agrada com aquele que fica criticando seu semelhante ? Em primeiro lugar o Pastor Thalles Roberto é respeitado e admirado pela forma como leva a palavra às pessoas e não por cantar bem ou não, aliás ele não canta somente, ele louva. Em segundo lugar, sobre os produtos que levam seu nome serem “caros”, isso não é privilégio dele. Tudo que leva o nome do Pastor fulano ou do Pastor cicrano é mais “caro”. Ou não é assim ? Além do mais, o que se arrecada com a venda é convertido para ações de caridade. E por fim, todos os que perdem tempo com críticas infundadas deveriam dobrar seus joelhos e orar, que seja pelo Thalles, mas principalmente por si mesmo e pelo ato de difamar, mal dizer, desrespeitar, inventar, repassar e condenar um irmão, como se fossem verdadeiros donos da verdade ou como se fossem Deus. Isso sim é heresia e desrespeito a Deus … Vamos prestar mais atenção povo de Deus … Biblia na mão e oração, atitude de povo de Deus …

DEIXE UMA RESPOSTA