Ativistas criam “Movimento Voluntário de Extinção Humana”

17

Um movimento inusitado criado por ecologistas ativistas está pregando pelo fim da raça humana. Por mais caricato e irreal que a ideia possa parecer, o movimento é levado a sério pelos seus seguidores, e prega que “o lento desaparecimento da raça humana mediante a interrupção voluntária da procriação permitirá que a biosfera terrestre recupere a saúde”.

– A superpopulação e a escassez de recursos serão aliviadas na medida em que reduzirmos nossa densidade – ressalta as diretrizes do movimento.

A ideia recebeu seu nome oficial do ativista Les U. Knight, que a intitulou “Movimento Voluntário de Extinção Humana” (VHEMT, na sigla em inglês). Apesar de ter dado nome ao movimento, Knight afirma não ser seu fundador, e defende que a filosofia por trás do grupo “esteve presente desde que o homem começou a existir como um ser racional”.

Segundo o ativista, ao longo da história muitos pensadores se conscientizaram deste ideal, mas viram esta mentalidade sucumbir diante do pró-natalismo da sociedade. Ele explica ainda que para fazer parte do movimento, basta a pessoa se comprometer a não acrescentar outro ser humano “a este mundo superpovoado”.


Segundo o Aleteia, o movimento aceita que pessoas que já tiveram filhos se juntem às suas fileiras, pois entendem a “fragilidade” das pessoas e podem perdoar seu passado. A mentalidade do movimento gira em torno da ideia de que uma atitude realmente altruísta seria parar de ter filhos completamente.

17 COMENTÁRIOS

  1. Chegaram tarde. O movimento de eugenia já existe a pelo menos 200 anos.
    Basta ver as “pedras da Georgia”, os projetos de extinção dos negros da África.
    As doenças de laboratórios, e a esterilização massiva das jovens meninas, a pretexto de controle de natalidade. A elite global, controladora dos recursos e das religiões, tem engendrado este ardil e trabalhado pela aplicabilidade do mesmo. Disto fazem parte personalidades internacionais como Bill Gates, Clintons, Bush, entre outros. A NOM não chegará, já está aqui. No Brasil, na primeira metade do século 20, criaram em São Paulo a Sociedade de Eugenia para o Brasil, tinham por objetivo eliminar os negros recém libertos e os mestiços. Seu planos não foram levados adiante pois encontraram forte resistência de Homens como Darci Ribeiro, Manoel Bomfim entre outros. Enfim, mais um bando de plagiadores que se notabilizarão pela falta de originalidade.

  2. Não se precisa desse movimento vez que em breja haverá o cumprimento de um das profecia Bíblica em que apos a subida da Igreja e recolhimento do espirito Santos haverá apenas 7 anos de grande tribulação e depois 1000 anos de paz e depois haverá a recuperação total não só da Terra como também dos Céus e o Juízo Final.

  3. Essa é a vontade do Movimento Ateísta,ñ a perfeita vontade do Criador-Deus.
    Já ouviram palestas ministradas onde estatisticamente comprovam q é o desejo do satánas-diabo,extinguir a Raça Humana.Por meio dessa mentalidade citada acima na Matéria a família vai regressando e tem a decisão de ter apenas um filho no máximo,qd ñ nenhum.

  4. Isso os cristãos sábios-da mesma maneira q a Daniel(Bíblia)-,c/os seus princípios,estamos c/os sentidos aguçados e alertas as artimanhas do maligno.
    Se ñ houver a procriação/o dar a luz,como os homossexuais vão adotar filhos…
    Obs.Sou contra a essa união,pois eu sou a favor da Bíblia-no q diz respeito a essa prática abominável-assim diz:Unirá o homem a mulher,deixando os seus Pais para serem uma só carne.

  5. hó Regis bitemcur antão faiz um farvorsinho e da um tirinho na sua pinhonhenta, se oce quiser te empresto minha 36 cano duplo garanto qui num sobra nada de tu seras barrido do globo terraquio de uma tar manera qui e perrigozo acharem a poeira do teu isqueleto la no planeta da donde o vento fais a curva so, vai nessa juju

  6. A grande e incontestável verdade é que os seres humanos se comportam com parasitas que destroem o próprio meio em que vive. Com certeza, a Terra muito melhor sem a presença humana.

    • Sem a humanidade não haveria necessidade da criação dos céus e da terra.
      Todas as coisas o Eterno as criou em função do e para o homem.
      O ser humano esta´ nessa situação porque alguns tem escolhido por pai a satanás.
      Tem escolhido a morte e não a vida.
      As trevas em lugar da luz.
      A devassidão em lugar moralidade sexual.
      O salário do pecado é a morte.

      • Alexandre Machado,

        o seu texto não invalida o que escrevi, pois mesmo nesta visão mítica da terra sendo criada para abrigar o homem – e os animais, não se esqueça – é certo que os homens estão destruindo a terra, razão pela qual em Apocalipse 11:18 é dito que serão destruídos os que destroem a terra. Em relação a conceitos como moralidade e pecado, lembre-se que são conceitos relativos.

  7. Gospel+ como vs permitem em um canal de Gnotícias Gospel e ñ barram/impedem comentários obscenos e malíciosos,nd a ver c/o assunto e sim piadas q o levarão a fazer companhia direto c/o diabo,a Besta e o falso profeta….

DEIXE UMA RESPOSTA