Autoflagelo: fiéis da seita do reverendo Moon ateiam fogo em si mesmos

9

Membros da Igreja da Unificação, fundada pelo falecido reverendo Moon, atearam fogo em si mesmos na Coreia do Sul.

O ato de autoflagelo foi realizado por três integrantes da seita na última quinta-feira, 22 de agosto, dias antes do aniversário de morte do reverendo Sun Myung Moon.

De acordo com a agência de notícias Yonhap, as duas mulheres e um homem estavam num centro da seita localizado em Gapyeong, a leste da capital Seul, quando atearam fogo nos próprios corpos.

Os três fiéis da Igreja da Unificação sofreram queimaduras graves, e dois deles permanecem com estado de saúde considerado delicado. O motivo da tentativa de suicídio não foi explicado.


Os três sofreram queimaduras graves e dois deles estão em estado grave, acrescentou.

O reverendo Moon morreu aos 92 anos no dia 3 de setembro de 2012, e sua seita é seguida por fiéis em diversos países, incluindo Estados Unidos e Brasil.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

9 COMENTÁRIOS

  1. SUN MYUNG MOOM, A nasceu na coreia do sul em 06 de janeiro de 1920 filho de pais presbiterianos e educado nessa fe onde permaneceu ate a idade de 28 anos ainda na igreja presbiteriana, tornou-se um evangelista e se dizia missionário, pouco antes de ser excluído da igreja presbiteriana moon entrou para a igreja pentecostal em Pyongyang capital da coreia do norte, onde começou a pregar suas doutrinas e onde saiu para fundar a sua própria seita a historia do miliante e cheia de contradição Biblica foi através de visões que ele afirmava que foi chamado para uma obra, chegou o absurdo de afirmar que Jesus veio ate ele em uma visão pedindo-lhe que cumprisse sua missão terrena e que continuasse sua obra inacabada entre os homens ao mesmo tempo que pregava trabalhava como eletricista e vivia uma vida muito simples, esta igreja e daquelas que podemos afirmar categoricamente ser uma baita seita totalmente satânica pois seus erros doutrinários vai totalmente contra os ensinamentos Bíblicos da Santa e Gloriosa Palavra de DEUS

    • Não só nos credos Pitágoras, isso é do ser humano. Na Noruega há um alto índice de suicídio, mesmo sendo um país tão próspero, e a grande maioria que faz isso são ateus, pois a maioria dos crentes morrem de medo de se matar e ir direto para o inferno.

  2. O clamando já é de idade avançada, se continuar pensando que é suiço, pensando que é da IURD, vendo anjos alienígenas e demônios comedores de alface, e cantando travestido nos púlpitos da assembléia dele, vai acabar pifando o teco e fazendo isso.

  3. Por isso eu digo, o conhecimento vem do Espírito Santo e das Escrituras, e não de testemunhos de homens, como vai arrebentar e seus anjos alienígenas, e clamando e seus demônios vegetarianos.

    Se esses seguidores do Reverendo Moon conhecessem as Escrituras, não deixariam se enganar. Mas como clamando e vai arrebentar, não estudam por si mesmos, não buscam o Espírito Santo, e acreditam em tudo que seus líderes dizem. Eu pensei que o clamando tinha feito por vontade própria, mas não duvido nada que o Macedo tenha mandado o clamando fazer aquele vídeo cantando de travesti, para causar polêmicas e sujar a concorrência.

  4. São curiosos os comentário feitos aqui, inclusive por aqueles que se dizem evangélicos mas, pelo visto, conhecem muito pouco o evangélio, se conhecessem, não fariam julgamentos precipitados e também não usariam determinados nomes para fazer valer sua opnião. Não temos o direito de julgar ninguém, mesmo que pensamos conhê-lo. Sou evangélico, mas tive a curiosidade de ler a biografia do Reverendo e realmente ele não era evangélico, nem católico lutava justamente contra as denominações que separam e criam atritos entre as igrejas. Ele era simplesmente um cristão que não gostava de “religião”. Conhecido entre seus seguidores como “Meste” e não como Deus. Francamente, em alguns trechos da obra, o julguei como louco, mas que fez grandes coisas pela humanidade e pela paz mundial. Conheçam antes de julgar e, se possível, guarde seu julgamento para sí, não venham aqui se intitulando de cristão proferindo ofenças aos seus irmãos, tampouco julgando-se o dono da sabedoria e da verdade.

    • Não sou evangélico, nem católico, nem protestante, mas seguidor do Papa judeu e do Filho Emanuel.
      Se Moon fosse tão seguidor de Cristo, ele proibiria que fossem ensinadas os rituais em adoração a Baal nos seus principados, não obrigasse aos 33 níveis para aceder ao conhecimento.
      Além de todo seguidor de Jehovah, estrangeiro (cristão para alguns), cumpre o que foi ensinado pelos Papas Moisés e João Batista.
      É o mesmo que ocorrerá a Miguel a abandonar Jehovah e seguir a tudo quanto este homem quer. Jehovah também o abandonará, para que ele reconheça o que é certo e possa retornar para Jehovah como cordeiro selvagem perdido.

  5. Ele deixou sempre claro a união de todas religiões, eu sou Moon e minha igreja não é melhor que a sua e nem a sua é melhor do que a minha.. evangélicos “maioria” não entendem realmente a verdadeira doutrina aplicada pelo seu pastor, desvia pensamento e criam preconceitos.. para evangélicos, todo o resto do mundo é demônios, é muita ignorância e cabeça pequena pensar isso. É fácil entrar em um site qualquer e comentar né. mais você nunca vai chegar assim uma mente brilhante como Rev. Moon teve. Você nem sabe qual pessoa postou a matéria.. Olhe para ti antes de julgar .. Já fui em dezenas de religiões e realmente não tenho preconceito não foi isso que aprendi no evangelho.

DEIXE UMA RESPOSTA