Superpop: Feliciano volta a criticar ativistas por agressões a símbolos religiosos na Parada Gay; Assista

26

Na última segunda-feira, 15 de junho, o pastor e deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) compareceu ao programa Superpop, da RedeTV!, para responder às críticas feitas pelo transexual Viviany Beleboni de ele que seria o responsável pelas ameaças de morte que estaria recebendo.

Feliciano pontuou que sua indignação e protesto nas redes sociais não tinha como objetivo atingir especificamente o transexual, mas sim todas as agressões à fé cristã que são feitas de maneira recorrente.

“A minha manifestação não foi por ela, mas por tudo que é feito em todas as manifestações de Parada Gay, Marcha das Vadias, Marcha da Maconha e o que quer que aconteça”, destacou.

O pastor acrescentou que já se tornou rotina o ataque ao cristianismo durante protestos de ativistas que se identificam como minorias: “Todas as vezes que ativistas fazem suas manifestações, acabam vilipendiando símbolos religiosos […] Esse tipo de prática é crime segundo o Código Penal, artigo 208”.


O jornalista Felipeh Campos, homossexual, era um dos convidados do programa e afirmou que não se sentiu representado pela manifestação do transexual durante a Parada Gay, e disse que apoiava as críticas feitas pelo pastor.

A apresentadora do programa, Luciana Gimenez, falou sobre a questão do protesto feito pelos deputados das bancadas evangélica e católica na Câmara, na última semana, e perguntou se aquele gesto não era desrespeitoso à instituição: “Deixa eu entender, as pessoas do candomblé podem chegar lá e bater seu tambor?”, questionou.

Marco Feliciano afirmou que o regimento interno permite a livre expressão no plenário: “Claro, se quiserem, se tiverem número para isso. Não sei se vão chamar a atenção. Nós chamamos porque chegamos em 400 deputados”, observou.

Assista a entrevista de Marco Feliciano ao Superpop:

Assine o Canal

26 COMENTÁRIOS

  1. É preciso ficar o tempo todo na mídia, né, pastor Felicano? E como deve ser bom ficar na mídia sem pagar nada, tudo de graça bastando apenas tripudiar sobre os gays.

    Fazer o que se você não consegue, por seu mandato medíocre, se destacar de outra forma, como em apresentar PL’s – Projetos de Lei, que interessem à sociedade.

    A propósito, já que você anda tão preocupado com o respeito devido aos símbolos católicos, quando é que você vai defender os católicos dos evangélicos, inclusive aqueles que fazem ativismo em sua seita, e chamam católicos de idólatras?

    Acho que nunca, a julgar que você mesmo disse sobre a cruz como símbolo católico:

    “As pessoas que utilizam crucifixo no pescoço profanam o cristianismo”. (M. Feliciano)

    Pastor Marco Feliciano, a coerência não é e nunca foi o seu forte. Admita, por favor!

    • olha.

      vcs gays, deveriam seguir o exemplo do Felipe Campos, um gay educado, inteligente, que merece todo o respeito da população brasileira.
      veja o que ele disse a respeito dessa marcha fedorenta que foi a marcha gay, mesmo ele sendo gay, ele disse que há anos não participa dessa podridão dessa baixaria..

      • A bíblia é a verdade porque contem a palavra de Deus.
        O Felipe, gay assumido, é uma pessoa educada, o que é uma pena, mesmo ele sendo leal com sua preferencia sexual (efeminada), não deixará, com isso, de praticar uma abominação aos olhos de Deus.

        • sim MANOEL sem duvida, ele esta em pecado sim, porque homossexualismo é pecado.
          mais o que eu quero dizer, que o Felipe Campos, é um gay educado, diferente dessas aberração do diabo que entra aqui no site, pra xingar os evangélicos, diferente dessas aberração, que participa da marcha da podridão que é a marcha gay.

          como o Felipe Campos mesmo diz, esse bando de arruaceiros não me representa.

          • Que moral ele tem para falar?? constantemente demonifica Espiritas, Católicos etc

            As palavras tem poder, uma mentira repetida muitas vezes vira verdade,

            Pastores na maioria analfabetos funcionais pregam para pessoas de todos tipos e índoles, nem todos são centrados e de boa índole, prontamente só vão entender o que lhes é conveniente, ai mora o perigo, do fanatismo e intolerância.

            “… uma frase dita em um culto evangélico e que acabou vazando para a imprensa. Tentem adivinhar o autor.

            “Eu profetizo a falência do reino das trevas. Profetizo o sepultamento dos pais de santo. Profetizo o fechamento dos terreiros de macumba. Profetizo a glória do Senhor na Terra.”

            Nosso deputado federal Marco Feliciano

            Veja o que causa discursos como este em pessoas com cabeça fraca



            Assine o Canal
  2. feliciano caiu no meu conceito quando disse que
    que se tivesse uma folga na sua agenda nao
    haveria problema em comparecer ao casório
    de pêpê(da dupla pepê e neném)com outra
    mulher!felliciano foi infeliciano nesse debate.Deus
    nos ajude.

  3. Se eu fosse o Feliciano, não apareceria mas neste programa de quinta categoria, a Luciana Gimenez é muito debochada, e não respeita os convidados, ainda mais quando se trata de evangélicos.

  4. Nem todo pastor é bandido como o Malafaia e Feliciano, nem todo evangélico é idiota, nem todo gay é promiscuo.Mas essa guerra iniciada por esses pastores bandidos tem por objetivo enriquecê-los ainda mais, há uma indústria milionária da homofobia, que faz os fanáticos darem todo seu dinheiro para combater um inimigo imaginário (no caso, os gays), e milhares de idiotas enriquecem esses manipuladores com seus discursos de ódio, nem percebendo que a mensagem de Jesus foi de amor e humildade, sempre combatendo os líderes religiosos e defendendo as minorias abandonadas pela religião.Aquela travesti na parada representa todo sofrimento e perseguição que essa minoria sofre, assim como Jesus sofreu a mesma perseguição de líderes religiosos, Jesus estaria na Parada e não na Marcha para Jesus, pois andava com minorias, abandonadas pela sociedade.E o Jean falou da igreja do Malafaia, não falou que todo culto é podre, e concordo, tem igrejas que os gays nem devem pisar, para não se contaminar com tanto ódio e corrupção.

  5. O Feliciano disse que os católicos são adoradores de Satanás (vídeo na internet) e agora virou defensor deles ? Safado, quer voto dos fanáticos que o seguem e dos católicos que ele tanto ofendeu.CANALHA !

    • O discurso do pr. Feliciano é um discurso de conveniência, Frank. Amanhã ele pode atacar novamente as crenças dos católicos. Aliás, ele e o Malafaia atacaram o que chamam de idolatria católica e agora fazem papel do bons moços com a intenção de jogar os católicos contra os gays, mas a Igreja é prudente e não se deixa manobrar por heréticos vendilhões do Evangelho.

    • Tudo na vida tem limite. Evangélicos adoram distorcer os fatos. O que vocês classificam como “ditadura gay”, na verdade são manifestações geradas pela opressão cristã contra os homossexuais, fato que remonta séculos. Afinal, para os cristãos (e está registrado nesse tal “livro sagrado”), os gays não passam de abominações. Eu não sou ativista gay, mas não perco uma oportunidade de provar que abominações são vocês, ativistas evangélicos, que não suportam conviver com as diferenças. Afinal, o homem é um ser eminentemente social e vocês não conseguem viver em sociedade.
      .

  6. “clamando” Pedro Jorge, você não se cansa de falar besteira.

    Você escreve: “da mesma sorte respeitar a fé dos outros é democracia esta protegido por lei na constituição e mesmo assim.. quer dizer ditadura gay”.

    Eu respeito a fé dos outros, desde que essa fé não fira a minha dignidade como ser humano. Parem de atacar os homossexuais e terão todo o meu respeito. Em nenhuma passagem da bíblia Jesus condena a homossexualidade. Por que vocês são tão obcecados pela questão?
    .

    • Quanto à tal “ditadura gay”, é a primeira vez que vejo uma minoria impor uma ditadura. Vá fazer o que o Ricardo Boechat propôs ao Silas Malafaia, vá.

      .

DEIXE UMA RESPOSTA