Fernanda Brum participará do Domingo Legal: “Oportunidade de levar a palavra de Deus”

3

Fernanda Brum participará do programa Domingo Legal, do SBT, no próximo domingo, 09 de agosto, a partir das 11h00.

No Facebook, a cantora e pastora comemorou o convite para participar do programa apresentado por Celso Portiolli: “Glória Deus por mais essa oportunidade de levar a palavra de Deus em rede nacional. Cremos que muitas vidas serão alcançadas através do amor de Jesus”, escreveu Brum.

Tida como uma das principais intérpretes da música gospel nacional, Fernanda Brum é pastora auxiliar na Igreja Batista Central da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

Recentemente, Fernanda anunciou o lançamento de um livro falando sobre a cura de uma doença capilar que teve em 2012, quando sofreu uma perda considerável de cabelo devido à doença chamada alopecia areata.


Nas redes sociais, a cantora desabafou sobre as críticas que recebeu em abril deste ano por ter cortado seu cabelo, que era considerado uma espécie de “patrimônio público” gospel: “Mulheres são dignas porque decidiram ser, não porque tem um cabelão grande. Tem gente que tem a língua ainda maior que o cabelo”, disparou.

Na visão de Brum, havia uma “idolatria” ao seu cabelo, e as críticas que as pessoas faziam eram infundadas e invasivas.

“Em algumas culturas as mulheres raspam a cabeça e colocam perucas, outras usam burcas, outras um véu, outras um hábito. Dessa maneira cada um se segura em suas religiosidades. Meu cabelo não é patrimônio público, muito menos religioso. Lembro-me de uma ministra amiga minha, que foi chamada a atenção em uma igreja porque estava de cabelo curto ministrando. O responsável pela igreja não tinha a menor ideia da enfermidade que ela estava atravessando. Ficou muito sem graça quando o marido da cantora o confidenciou a real história da ministra pentecostal”, afirmou. O desabafo da cantora repercutiu e ela recebeu inúmeras manifestações de apoio.

fernanda brum - domingo legal


3 COMENTÁRIOS

  1. Nossa até selfie essa cantora está fazendo? Essa geração de hoje está contaminada com o pecado da vaidade exacerbada. Se quer pregar vá para as praças públicas, e não para programas mundanos.

DEIXE UMA RESPOSTA