Pastor desaparecido é encontrado morto com marcas de agressão

0

Um pastor em viagem de férias à cidade de Umuarama (PR) foi encontrado morto em um bosque da cidade, com marcas de agressão no corpo.

Augusto Riss, 60 anos, era pastor da Igreja Luterana e atualmente vivia em São Paulo. Sua viagem a Umuarama, onde já morou, tinha sido feita para visitar parentes, de acordo com informações do G1.

O corpo do pastor Augusto Riss foi encontrado no último sábado, 18 de fevereiro, no Bosque do Índio e os sinais de violência levam os familiares a acreditar que ele foi vítima de uma tentativa de roubo.

Essa linha de investigação será usada pela Polícia, já que o pastor estava desaparecido desde a quinta-feira, 16 de fevereiro, e seu carro foi encontrado próximo ao local do corpo, horas antes.


Quando o carro foi encontrado na entrada do bosque, a Polícia procurou por pistas sobre o paradeiro do pastor, mas não encontrou nada que ajudasse a localiza-lo. Posteriormente, uma equipe de buscas foi enviada para fazer um trabalho mais amplo e minucioso, o que resultou na localização do corpo.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA