Pastor Marco Feliciano diz que bancada evangélica é formada por “covardes” e queda de popularidade de Dilma Rousseff é ação divina

106

O pastor Marco Feliciano teceu críticas severas aos colegas de bancada evangélica, à presidente Dilma Rousseff (PT) e à cantora e pastora Ana Paula Valadão, durante um evento na cidade de Canoas, região metropolitana de Porto Alegre – RS.

A crítica à líder do Ministério Diante do Trono (DT) foi em relação às declarações feitas por ela sobre uma aproximação da comunidade homossexual com as igrejas evangélicas. “Acho que a intenção de aproximar as pessoas é boa, mas dizer que temos que aprender com eles? Quer dizer que dois mil anos de igreja não serviram para nada? Sabe o que é isso? É a desculpa pra não terem as igrejas deles apedrejadas”, afirmou.

Sobre a bancada evangélica, disse que sua eleição para o cargo de presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) trouxe à tona uma postura covarde de seus colegas parlamentares: “Daqui a alguns dias, meninos e meninas serão adotados por dois homens ou duas mulheres… são 73 deputados [da bancada evangélica], mas eu sou o único maluco que fica lutando contra tudo isso, e na hora de aparecer, correm todos… crentes eleitos pelos seus votos, são covardes”, afirmou, de acordo com informações do portal Terra.

Sobre a presidente Dilma Rousseff, Feliciano afirmou que a queda de popularidade registrada pelos institutos de pesquisa é fruto de uma interferência divina: “A presidente do nosso País, que é do partido que mais me perseguiu, que é o PT, que há cinco meses estava com 75% de aprovação, caiu pra 30%, e ninguém consegue entender”, observou.


Segundo o repórter que acompanhou o sermão de quase duas horas, antes de se despedir do público, Feliciano anunciou a venda de dois DVDs, um livro, um CD e uma camiseta com os dizeres “Marco Feliciano me representa”, vendidos por R$ 10,00 cada: “Fiquei três meses sem poder pregar [devido aos protestos de ativistas gays], por isso peço que me ajudem”, disse.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

106 COMENTÁRIOS

  1. EXATAMENTE O QUE PENSO DELE, E ESTAS PALAVRAS QUE ELE USOU SÃO AS MINHAS PALAVRAS DIARIAMENTE AQUI,,,ELE NÃO VIU NÃO OUVIU E NÃO FALOU NADA DEIXOU TUDO PASSAR E DEPOIS SE FEZ DE BRABINHO ASSIM COMO AGORA, PORQUE NÃO BOTOU A BOCA NO TROMBONE ANTES DELES TEREM APROVADO..AGORA PERTO DE CAMPANHA VIRA SANTO

    • O CLAMANDO O STARDUST QUE ANTES ERA jgmix, que é jussara, e foi anacrara, e depois simas, e a poucos dias afonso agora se transformou em bereiano radical kkkkkkkk

      ELA ESTA PRECISANDO DE SEUS CUIDADOS.
      SÓ VC ENTENDE ELA…
      ELA ESTA PRECISANDO DE VC…

      • vai arrebentar o que está acontecendo com voce..de uma hora para outra virou uma benção…viu assim como andar com o stardust..é virar membro do parlamento dos infernos andar com o clamando é virar sacerdote dos céus heheh e viva o clamando hahahah..brincadeifa cara voce anda se superando parábens

        • a maior prova que arrebentar e clamando estão em PAPAS DE ARANHA com o stardust, é que os dois que eram grandes inimigos, se uniram pois estou sendo usado por Deus para falar a verdade sobre a mentira da obrigação de dízimos e outras invencionices…

          a que ponto chegou o desespero de clamando e arrebentar… antes inimigos, hj, unidos pelo desejo de continuarem arrancando dízimos…

          Na hora que são acuados pela verdade bíblica, os lobos devoradores entram em acordo!

          • O doida eu nunca em momento algum fui inimigo do clamando, ou de quem quer que seja…
            tenho minhas divergências por termos opiniões diferentes.
            mas concordamos em coisas que são princípios.
            Por exemplo TEMOS JESUS COMO ÚNICO SALVADOR.
            2º Não roubamos de DEUS.
            SABEMOS QUE OS DÍZIMOS SÃO DE DEUS…

            O evangelho foi escrito por 4 pessoas diferentes, e cada um olhou de uma maneira e descreveu de maneira diferente os acontecimentos.
            porém nenhum deles fugiram dos princípios…

            E ROUBAR A DEUS FERE UM PRINCIPIO BÍBLICO.
            Pois foi esse o motivo que seu irmão satanás foi expulso do céu..

            HA E Respondendo um comentário seu que vi acima salomão disse:
            HONRA AO SENHOR COM SEUS BENS, E COM AS PRIMÍCIAS DE TODA A SUA RENDA, E SE ENXERAM FARTAMENTE OS TEUS CELEIROS E TRANSBORDARAM DE VINHO OS TEUS LAGARES…

            LEIA DE NOVO: COM SEUS BENS, E PRIMÍCIAS DE TODA SUA RENDA SEJA ELA, Alimentos, gados,terras,dinheiro,moedas ouro prata . ENFIM TUDO QUE SE RECEBIA COMO RENDA DEVERIA,
            SER RETIRADO AS PRIMÍCIAS E HONRAR A DEUS COM ELAS..
            JA era assim na época de salomão, primícias ja eram devolvidas em dinheiro…

            E MEU UNICO INIMIGO AQUI É O DEMONIO STARDUST..

            Mas não dou inimigo da jussara o qual o demonio stardust esta montado nas costas dela…

          • dízimo é um princípio “tão cristão” que vc é incapaz de mostrar um seguidor de Cristo que tenha dizimado…

            Dízimo era mandamento para os JUDEUS!!! Isso explica o pq vc sempre mencionar malaquias ou abraão, ou jacó ou salomão…

            Todos judeus…

            Mas mostrar um único cristão, seguidor de CRISTO mesmo vc não consegue… Vc enrola enrola enrola e não mostra um cristão na bíblia dizimando.

            A doutrina de dízimos está caindo… Por isso vcs lobos devoradores estão desesperados… Acabou a vida mansa á custas dos incautos!

            Dá seu grito de derrota:

            “recoooooooooord…”

          • Você criou uma coisa, a obrigatoriedade do dízimo no velho testamento, aí disse que era algo não no novo testamento.

            A primeira vez que o dízimo foi dado bilbicamente foram Caim e Abel, e disso gerou uma morte. Não havia na época registro algum de se dar o dízimo, muito menos da obrigatoriedade, mas ambos deram.

            Você afronta Deus com esta história de há obrigatoriedade do Velho Testamento, portanto haverás um dia de prestar contas pela inserção na sua palavra de um til.

            Diga em qual dos dez mandamentos há previsibilidade legal de dízimos? Ora, se até os dez mandamentos em si não são obrigatórios, cumpre-os quem queira, pois possuímos o livre arbítrio, aí você vem pintando o Deus do universo sucessivamente de ditador, de arbitrário e de indolente, tudo em desfavor dos seus filhos, afinal a norma criticada nos penaliza.

            Sabe-se e muito bem que Deus não quer nada nosso, pois nada possuímos, exceto o coração.

            Brincadeira, Deus esmolando de evangélicos, de judeus, de gentios e de fascínoras, justo o dono do ouro, da prata, ora, de tudo que os olhos enxergam.

  2. feliciano pode vender as camisas dele escrito “feliciano me representa”, pois o nome que ele quer glorificar é o dele mesmo!

    No tempo de Deus, se ele não se arrepender sofrerá as consequencias…

  3. Eu só gostaria que todos os anti-evangelicos, fossem como alguns que vejo por aqui, fossem diretos. Deixassem a hipocrisia de lado. O Feliciano não criou esse conceito do nada, ou de uma mente doentia, como a de Hitler. Ele está respaldado na Bíblia, agora tudo bem, façam e falem como quiser, digam que estão contra bíblia e contra Deus, que os servos de Deus são loucos, fanáticos e doentes. Mas parem com esse meio termo, esse falso moralismo bizarro.
    Eu sou cristão evangélico, não quero ter direito de profanar templos de outras religioes, nem de cometer atos bizarros de mazoquismo com simbolos religiosos populares.
    Só quero ter o direito de dizer o que a palavra de Deus, o Deus dos cristãos, Deus dos judeus, diz a respeito dessa escolha pecaminosa, desse desvio de conduta.
    Quem não suporta essa verdade, deixe cair a mascara e pare de agir como se o Feliciano fosse um louco, defendendo um bando de radicais, uma minoria extremista. Pois sabemos que não é assim. Ele me representa porque a verdade biblica é imutavel, por mais que os pregadores sejam falíveis e passivos de equivocos.

  4. Feliciano agora vai dar uma de vítima, de único deputado crente que defende os bons costumes, mas pela reportagem vemos que feliciano é só mais um produto oriundo das distorções das denominações evangélicas.

    feliciano vende camisetas: ” feliciano me representa” … aonde o nome de Jesus é glorificado? Feliciano é comprovadamente um falso profeta, pois é vaidoso (ele próprio assume isso, e é só acessar o site pessoal dele, que se comprova), quer o nome dele, lá no alto… o verdadeiro profeta, joão batista disse:

    ” É necessário que ele cresça e que eu diminua.” (joão 3:30)

    Mas feliciano fala mais de si mesmo, visto vender camisas com seu próprio nome!

    E mais… veja o ônibus personalizado de feliciano, veja o tamanho da foto dele e do nome… cadê o nome de Jesus?

    http://youtu.be/opKdCFrf1Ak

    • Essa imagem do ônibus de feliciano é pra vc pensar onde tem sido investidos os dízimos que são arrancados dos incautos, vítimas desses pastores que apascentam a si mesmos…

      • ” E estes cães são gulosos, nunca se podem fartar; e eles são pastores que nada compreendem; todos eles se tornam para o seu caminho, cada um para a sua ganância, todos sem exceção.” (isaías 56:11)

          • samuel josé

            Deus está provendo ou vcs que idolatram feliciano e outros lideres evangélicos os estão provendo?

            Agora me responda uma coisa… Se Deus é justo, pq ele dá um ônibus personalizado para feliciano, enquanto milhões de crianças inocentes morrem de fome na áfrica?

            Esse seu Deus é tão justo e bom assim? prove feliciano, porém esquece de pobres crianças famintas na áfrica?

            É logico que é o povo crente que sustenta os luxos desses lideres e ídolos gospel…

        • Stardurt,

          Esses lobos são iguais a Cristo que recebia dízimos de mulheres, que vivia pra cima e pra baixo, tendo as despesas pagas pelos incautos do Estado de Israel, ou seja, custo com traslados em barcos, em jumentos, em camelos, todos verdadeiros lobos.

          Bom mesmo que esse pastor aí transforme esse ônibus dele e vá fazer shows em casas noturnas que começam às duas da manhã após muitas rodadas de bebidas e de drogas nefastas, sendo a maioria de menores em que as autoridades não dão a mínima, com música em volume último prejudicando os tímpanos de quem estar na festa e o sono dos que moram próximo.

          Cara, você é sem noção, totalmente sem noção. Tenho em mim que você, com todo o respeito, é idiota na concepção gramatical da palavra, não a forma usada pejorativamente.

          O mundo hoje vive de marketing, aliás o próprio Cristo o fez quando adentrou em Jerusalém montando num jumento que nunca tinha sido montado, ou seja, solenidade usada pelos reis para dizer que vinha para servir de forma humilde os seus vassalos.

          Os milagres que Cristo fez também foram marketing, pois juntava multidões, daí adqueiriu credibilidade.

          Será possível, às vezes acho que você não concluiu o ensino fundamental, que é uma criança como dez anos de idade que vem usar este espaço de gente adulta, ou então que teu pai é o dono do site aí permite você fazer uso, uma forma de mimar, um pai que deixa o filho falar o que quiser.

          Tenho como certo que deva ser a última hipótese, pois muitos dos meus comentários rebatendo o filhinho do papai não foram publicados, senão você quebraria tudo dentro de casa por ter sido contrariado. Tome os remédios, que passa o furor.

      • samuel jose disse: 17 de agosto de 2013 ás 8:47 am
        Hahaha voce agora falou igual Judas Iscariotes quando Maria lavou os pes Do Senhor Jesus com o azeite carissimo, …..podiamos vende-lo mestre e comprar coisas para os pobres…Jesus porem disse deixe-a os pobres sempre teram convosco….

        Agora sabemos que a intencao de Judas era roubae o dinheiro…. E voce Stardust em que roubais ao Senhor?
        Responder Comentar

        • samuel josé

          Vc fala de judas, mas omite que ele recebia ofertas em nome de Jesus…

          Eu não sou pastor, nem vivo de recolher dízimos ou ofertas…

          Simples assim!

  5. ATENÇÃO: DEVIDO A REPERCUSSÃO DO ESTUDO QUE DESMASCARA A FARSA DOS DÍZIMOS TER CAUSADO POLÊMICA E ATAQUES FEROZES DOS QUE SE RECUSAM A ACEITAR A VERDADE BÍBLICA SOBRE ESSA DOUTRINA MERCANTILISTA, VAMOS FAZER UM DESAFIO AOS “PRÓ-DÍZIMOS”…

    A falsa doutrina dos dízimos nos dias de hoje, ensina basicamente isso: Que todo cristão tem o mandamento bíblico de separar 10% de sua renda ( salários e ganhos diversos ) e entregar numa denominação evangélica aos cuidados de um suposto homem de Deus (notadamente, um pastor ou similar). A não entrega desse valor, chamado por eles de dízimo, pode acarretar, segundo essa doutrina, a sujeição do cristão aos ataques de um demônio chamado “devorador”, ser espiritual este, segundo ainda esta doutrina o mesmo mencionado em malaquias 3:11. O que não se sujeita a entregar os dízimos conforme especificado acima, também estaria pondo sua própria salvação em risco, pois ainda segundo essa doutrina, quem não dá dízimo é ladrão.

    Agora, porém, em confronto com essa doutrina de dízimos ainda perdurar e segundo eles ser obrigatória aos cristãos, estaremos fazendo 10 perguntas que os pastores que insistem em receber dizimos não conseguem responder:

    1 – Dízimo na bíblia sempre foi alimento (Levíticos 27:30,32 ; Deuteronômio 12:17)… aonde na bíblia ele se tornou dinheiro?

    2 – Dízimo era mandamento do velho testamento somente para os israelitas ( Levíticos 27:30-34) … aonde no novo testamento da bíblia, foi confirmado esse mesmo mandamento aos cristãos?

    3 – Dízimo deveria ser entregue somente aos sacerdotes levitas (Números 18:26, hebreus 7:5)… aonde na bíblia, os pastores de hoje substituiram esses sacerdotes levitas para poderem tomar dízimos?

    4 – Dízimo era destinado ao sustento dos levitas, dos órfãos, estrangeiros e viúvas (Deuteronômio 26:12)… aonde na bíblia ele se tornou exclusivo dos pastores e bispos das denominações evangélicas?

    5 – Se o mandamento do dízimo é anterior a lei de moisés, e abraão é exemplo de “dizimista fiel” antes da lei, então porque Abraão entregou dízimo somente dos despojos da guerra que ele venceu ( genesis 14:20; hebreus 7:4 ), e não de toda a sua riqueza já acumulada? (genesis 13:2 )

    6 – Se ” a césar o que é de césar e a Deus o que é de Deus “, é uma citação de Jesus sendo favorável ao pagamento de impostos desse mundo e da mesma forma pagamento de dízimos à Deus, então porque Jesus mencionou o pagamento do imposto de césar antes do “imposto de Deus”, visto que o dízimo deveria ser a primeira coisa a ser separada? Jesus disse ” a césar o que é de césar” e Jesus deu exemplo disso, ao pagar o imposto de césar (Mateus 17:24-27), para dar o exemplo que se deve pagar o imposto de césar ( impostos desse mundo ) mas se “a Deus o que é de Deus” se refere à dízimo, aonde Jesus devolveu dízimo, para nos esse exemplo, da mesma forma que fez ao pagar o imposto de césar?

    7 – Se devemos dizimar porque Jesus não falou nada contra o dízimo, então devemos nos circuncidar também? visto que Jesus também não falou contra a circuncisão aos israelitas e a circuncisão também é mencionada antes da lei de moisés (genesis 17:10).

    8 – Se quem é dizimista será salvo, então porque o Senhor Jesus precisou vir aqui na terra, cumprir a lei de moisés e morrer pelos nossos pecados? os israelitas já tinham o mandamento de dizimar (levíticos 27:30-32)… não bastava eles somente continuarem dizimando para serem salvos? quem nos dá a salvação? Quem salva é Jesus ou o dízimo ?

    9 – Aonde vemos Jesus e/ou os apóstolos, recebendo dízimos dos cristãos para que a obra de Deus fosse feita? aonde vemos no novo testamento que o dízimo é obrigatório para manutenção de um templo físico ?

    10 – No velho testamento vemos claramente os israelitas recebendo o mandamento de dizimarem e entregando o dízimo ( Levítico 27:30-32; II Crônicas 31:6; Neemias 13:12 ), Mas aonde no novo testamento vemos os cristãos recebendo a ordem de dizimar e um seguidor de Jesus, ou seja, um cristão dizimando?

    CONCLUSÃO: Eu já fiz estas 10 perguntas à vários pastores que insistem no erro de ensinar que dízimos são obrigatórios para os cristãos, mas nunca obtive uma resposta. O que comprova que realmente, essa doutrina mercantilista dos dízimos não passa de doutrina criada por homens, sem embasamento bíblico.

    O Senhor Jesus já advertiu sobre esse tipo de erro: “E em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos de homens” (Marcos 7:7)

    Mas graças a Deus, cada vez mais as pessoas estão conhecendo a verdade sobre a mentira que é a doutrina do dízimo, e deixando de dizimar por obrigação conforme malaquias 3:10, que era uma advertência que dizia a respeito somente ao povo de israel e passando a ofertar por amor e liberalidade conforme 2 corintios 9:7.

      • Caro Pastor,
        Creio que enquanto o Sr está aí fazendo este vídeo, prestando este desserviço ao evangelho, muitas almas estão se perdendo, sendo levadas para o inferno. Logo, o Sr na qualidade de Pastor, deveria estar se preocupando mais em pregar o evangelho, pois o próprio Jesus falou, que se em seu nome curam e espulsam demônios, mal dEle não falariam, que era para deixa-los(Jesus, porém, disse: Não lho proibais; porque ninguém há que faça milagre em meu nome e possa logo falar mal de mim. Marcos 9:39). Ao invés disso, Pr vai até o congresso e diga que na Bíblia está escrito de afeminado não entrará no céu, ou na sua Bíblia não está escrito isto.

        • edmar simões

          Esse pastor só está divulgando a verdade dos bastidores que muitos pastores e lideres evangélicos sabem… que dízimo nada tem a ver com mandamento cristão.

          Agora, sobre homossexualismo ser pecado, isso todo mundo sabe.

    • A CASA DO TESOURO, E A CASA DE DEUS.

      Muitos, mesmo se dizendo evangélicos, se posicionam contra a devolução dos dízimos, Mas e neles que vemos o cuidado, e o zelo que DEUS tem para com o seu povo. No texto relacionado aos dízimos mais conhecido, encontramos a seguinte orientação divina: Trazei todos os dízimos a casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto se Eu não voz abrir as janelas do céu e não derramar sobre voz benção sem medida. (Ml: 3-10) . Existe algo maravilhoso nesse texto, ele nos revela o quanto DEUS deseja cuidar de nos. Notamos que Deus nos manda levar os dízimos a casa to tesouro. E a onde é essa casa do tesouro? Ora o maior tesouro de DEUS, aqui na terra são as almas que se entregam ao Senhor JESUS, e a casa do tesouro, ou seja, o lugar onde se reúne esse tesouro é a igreja, então devemos devolver nossos dízimos na igreja. E a casa de DEUS onde fica? Muitos dizem ser a igreja também, mas DEUS faz uma distinção clara entre os dois lugares, A CASA DO TESOURO, E A MINHA CASA. Deus deixa claro em atos 7:48 Entretanto não habita o altíssimo em casas feitas por mãos humanas; como diz o profeta. O apostolo Paulo usado pelo Espírito Santo deixou claro; Não sabeis vós que sois santuário de DEUS, e que o Espírito de DEUS habita em voz. ( 1cor: 3-16). Assim fica mais fácil entender o quanto DEUS quer o nosso bem através da devolução dos dízimos, pois quando devolvemos os nossos dízimos na igreja (casa do tesouro) DEUS vai fazer com que haja mantimentos em sua casa (nosso corpo é a verdadeira casa de DEUS), esses mantimentos são paz, alegria, saúde, felicidade, amor,prosperidade etc, esses são alguns dos mantimentos que DEUS traz para sua casa, ou seja, nosso corpo. Pois habitaria DEUS, em um lugar cheio de tristezas, angustias frustrações, depressão, magoas e odio? Quando tomamos a atitude de sermos dizimistas fieis, devolvendo os dízimos na casa do tesouro, DEUS começa imediatamente um trabalho de limpeza em nosso corpo que será então sua morada. Respondeu JESUS: se alguém me ama, guardará a minha palavra; e meu Pai o amará, e viremos para ele e faremos nele morada. (Jo; 14-23). Quando nos tornamos dizimistas fieis, DEUS faz de nós seu tesouro particular, (ML:3-17) e morada santuário do seu Espírito.

      O convite de DEUS ainda esta de pé: TORNAI VOS PARA MIM, E EU ME TORNAREI PARA VOS OUTROS, DIZ O SENHOR DOS EXÉRCITOS. (ML: 3-7 b)

      • um texto tão grande, porém incapaz de responder a uma pequena pergunta…

        Se dízimos para cristãos é doutrina do evangelho, aonde vemos um cristão dizimando?

        Essa pergunta, bem simples, até agora continua sem resposta…

        E os pró-dizimos só sabem usar textos soltos do velho testamento, onde o dízimo era obrigatório para os ISRAELITAS…

        e DÍZIMO NUNCA FOI DINHEIRO… mesmo no velho testamento…

        Agora, os verdadeiros ladrões de Deus estão sendo desmascarados… quem toma dízimos rouba não só a Deus, mas ao povo, usando de mentiras!

        O desafio continua de pé… aonde vemos um cristão dizimando ou recebendo orientações para que dizime?

        Esse truque de usar textos do VT já tá manjado, ok?

        • Deixo de responder essa sua perguntinha pueril, afinal eu já disse que Cristo ensinou doar cem porcento, aí você fica falando apenas de dez porcento.

          O problema é que você fala em obrigação quanto a dar um, dois, dez, quando o homem, o criado por Deus, face o livre arbítrio não se obriga a nada, faz o que quer, quando quer e como quer.

          Obrigação para cristão? Deus teria um filho agindo arbitrariamente? Você não consegue refletir além do nariz, aliás nunca demonstrou o desligamento de nenhum membro de igreja por deixar de contribuir financeiramente às igrejas. Mostre um evangélico processado, ou preso, ou morto por se negar a fazer algo dentro de uma igreja evangélica.

          Cara, continuas sem noção?

          • levi

            algumas denominações evangélicas chamam os que não dão o dízimo de ladrões de Deus…

            Outras, recusam dar cargos eclesiasticos a quem não dizimam.

            Expulsar alguém por não dar o dízimo eu nunca ouvi falar, mas não duvido se não tenha caso por aí, visto algumas até terem uma espécie de “caderneta” para que a pessoa declare quanto é o dízimo e quando vai ser dado…

          • Você criou uma coisa, a obrigatoriedade do dízimo no velho testamento, aí disse que era algo não no novo testamento.

            A primeira vez que se deu dízimo, Caim e Abel, disso gerou uma morte, e não havia registro algum de se dar o dízimo, muito menos da obrigatoriedade.

            Você afronta Deus com esta história de há obrigatoriedade do Velho Testamento, portanto haverás um dia de prestar contas pela inserção na sua palavra de um til.

            Diga em qual dos dez mandamentos há previsibilidade legal de dízimos? Ora, se até estes não são obrigatórios, cumpre que queira, pois possuímos o livre arbítrio, aí você vem pintando Deus sucessivamente de ditador, de arbitrário, de indolente, tudo em desfavor dos seus filhos, afinal a norma criticada nos penaliza, isso quando se sabe muito bem que Deus não quer nada dagente, pois não temos nada, exceto o coração.

            Brincadeira, Deus esmolando a evangélicos, de judeus, de gentios, de fascínoras, justo o dono do ouro, da prata, ora, de tudo que os olhos enxergam e o que não conseguem vê. É brincadeira.

    • pesquisa de orgão americano, mil dízimistas de mil igrejas provam, que o dízimo é por fé e por amor..todos tem casa própria tem carro próprio, não tem dividas no cartão de crédito, outros que estiveram na pesquisa e não são dízimistas dizem, com a maior frequencia…que da da porque sobra, não tem casa própria moram de aluguel ou moram de favor..não possem carro próprio ou quando o tem é um fuca véio. devem no mercado. ou são como jgmix a estrela caída a poeira da estrela caída o pai das safadesas a mãe das ,malandragens o afonso o de simas o nick a n ana clara…não piossuem nem uma bicicleta nem pc vivem de postar com pc emprestado….eita vida miseravel de quem não da dízimo..esta é a maior p-rova fé e amor

    • STARDUST:(fragmentos da estrela do leste,derrotado pelo santo Arcanjo Miguel e jogado fora na terra)
      Na nova alianca nao existe um minimo ou maximo… Pode ser 10% 20% isto depende da sua possibilidade o apostolo Paulo nos diz o seguinte

      Ora, quanto à coleta que se faz para os santos, fazei vós também o mesmo que ordenei às igrejas da Galácia.
      No primeiro dia da semana cada um de vós ponha de parte o que puder ajuntar, conforme a sua prosperidade, para que não se façam as coletas quando eu chegar.

      1 Coríntios 16:1-2

      So um lembrete a carteira geralmente e ultima etapa a se converter em um novo convertido….

      • samuel josé

        Vc só confirmou o que eu disse no estudo. No evangelho não há mandamento de 10% obrigatórios, as ofertas são por liberalidade, conforme 2 corintios 9:7.

        ofertas são parte do evangelho, dízimos não.

        Viu, como é fácil? é só apertar vcs com a bíblia que vcs confessam que dízimos nada tem a ver com o cristianismo!

        • Você criou uma coisa, a obrigatoriedade do dízimo no velho testamento, aí disse que era algo não no novo testamento.

          A primeira vez que se deu dízimo, Caim e Abel, disso gerou uma morte, e não havia registro algum de se dar o dízimo, muito menos da obrigatoriedade.

          Você afronta Deus com esta história de há obrigatoriedade do Velho Testamento, portanto haverás um dia de prestar contas pela inserção na sua palavra de um til.

          Diga em qual dos dez mandamentos há previsibilidade legal de dízimos? Ora, se até estes não são obrigatórios, cumpre que queira, pois possuímos o livre arbítrio, aí você vem pintando Deus sucessivamente de ditador, de arbitrário, de indolente, tudo em desfavor dos seus filhos, afinal a norma criticada nos penaliza, isso quando se sabe muito bem que Deus não quer nada dagente, pois não temos nada, exceto o coração.

          Brincadeira, Deus esmolando de evangélicos, de judeus, de gentios e de fascínoras, justamente o Dono do ouro, da prata e de tudo que os olhos enxergam? É brincadeira.

      • Samuel José
        Se for depender de carteira da Jussara stardust se converter ela vai direto para o inferno pois esta mulher e a maior sovina,da tchau de mão fechada é um avarenta.

      • Se eu fosse retardado ou analfabeto, jamais teria tido a capacidade de escrever o estudo que desmascara a farsa dos dízimos nas denominações evangélicas.

        E eu sei que isso incomoda vcs, a verdade sobre o dízimo, que não existe na nova aliança em Jesus Cristo.

        E Jesus incomodava os fariseus com a verdade, então eu vou incomodar vcs com a verdade.

        porque ao invés de me xingar, mostrando que vc não é convertido realmente, vc não procura provar na bíblia que dízimo é para o cristão?

        Aí é mais difícil, não é?

        • ´´Porque o AMOR ao DINHEIRO é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores´´. (1 Timóteo 6:10)

          A Paz de Cristo seja com vc, Stardust. Como vai?

          A questão do Dízimo incomoda a vc e a muitos.

          E com razão – diante de tantas distorções que pastores de mega-igrejas, com grande visibilidade nas mídias. Isto é lamentável. Pois, conforme 2 Corintios 9:9 (citação do Salmo 112:9), que diz:

          ´´Como está escrito: Distribuiu, DEU AOS POBRES, a sua justiça permanece para sempre.´´

          Os Pobres parecem passar bem longe de todos esses espetáculos, não é? Isso não é nada cristão, mas serve como termômetro para nós, que cremos no Evangelho de Cristo, de que o Cristianismo tem se maculado, e que é necessário que vigiemos e zelemos pela sã doutrina, a Palavra de Deus.

          Mas, mesmo esses absurdos são esperados, pois são sinais dos tempos em que vivemos. Compartilho com vc 2 trechos bíblicos:

          1) ´´E disse aos discípulos: É impossível que não venham escândalos, mas ai daquele por quem vierem!´´ (Lucas 17:1)

          Certo? O versículo a seguir agrega um outro valor. Veja:

          2) ´´E rogo-vos, irmãos, que noteis os que promovem dissensões e escândalos contra a doutrina que aprendestes; desviai-vos deles.´´ (Romanos 16:17)

          Entendo com isto, que, para minha própria saúde espiritual, devo direcionar minhas atenções para a simplicidade de Cristo e do Seu Evangelho…

          Se a gente procurar Escândalos (e discuti-los vastamente, como muitas vezes acontece, aqui, às vezes grosseiramente), podemos em alguma medida, irmão, nos alimentar ou nos deixar influenciar por essas coisas ruins, esse espírito que não procede de Deus. A ponto de afastarmos nossas atenções do que realmente importa e precisamos, que é Cristo.

          O que vc acha?

          De minha parte, eu, como cristão, me sinto muito, muito triste ao ver como a Igreja vem sendo influenciada (quando deveria e deve influenciar!) pelos valores materialistas e temporais desta sociedade:
          Ocorre que muita gente busca Deus por interesses próprios, e não por quem Deus É. E não me refiro a pastores milionários, não, mas às pessoas que buscam igrejas que prometem bênçãos, sem se comprometerem a trilhar o caminho estreito, que Jesus ensinou. Por isso, eu procuro manter meu foco em Cristo, e jamais nos homens.

          ´´Olhai para Mim, e sereis salvos, vós, todos os termos da terra; porque Eu Sou Deus, e não há outro.´´ Isaías 45:22

          Retomando Romanos 16:17, ´´E rogo-vos, irmãos, que noteis os que promovem dissensões e escândalos contra a doutrina que aprendestes; desviai-vos deles´´, gostaria de destacar a última frase:

          ´´desviai-vos deles.´´

          Entende? Escândalos e deturpações são inevitáveis neste mundo. Por isso, convido-o a nos desviarmos deles, e, melhor, buscarmos e compartilharmos os caminhos de Deus, que são mais altos que os nossos:

          ´´Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.´´ (Isaías 55:9)

          Aliás, este belo, maravilhoso capítulo do profeta Isaías me conforta muito, Stardust. Porque Deus NÃO É COMO OS HOMENS!!! Deus seja louvado. Glórias a Jesus. Isso é um alívio e tanto, rsrss.

          ´´Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, NISSO PENSAI.´´ (Filipenses 4:8)

          e

          ´´Ora, quanto ao que está enfermo na fé, recebei-o, não em CONTENDAS sobre dúvidas. Porque um crê que de tudo se pode comer, e outro, que é fraco, come legumes. O que come NÃO DESPREZE o que não come; e o que não come, NÃO JULGUE o que come; porque Deus o recebeu por seu.

          Quem és tu, que julgas o servo alheio? Para seu próprio senhor ele está em pé ou cai. Mas estará firme, porque poderoso é Deus para o firmar.

          (…) Porque nenhum de nós vive para si, e nenhum morre para si.
          Porque, se vivemos, para o Senhor vivemos; se morremos, para o Senhor morremos. De sorte que, ou vivamos ou morramos, somos do Senhor.
          Porque foi para isto que morreu Cristo, e ressurgiu, e tornou a viver, para ser Senhor, tanto dos mortos, como dos vivos.

          Mas tu, por que julgas teu irmão? Ou tu, também, por que DESPREZA teu irmão? Pois todos havemos de comparecer ante o tribunal de Cristo.

          Porque está escrito: Como Eu vivo, diz o Senhor, que todo o joelho se dobrará a Mim, e toda a língua confessará a Deus.

          De maneira que cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus.´´

          (Romanos 14:1-12)

          Irmãos, que opiniões postadas estimulem o respeito mútuo, gentileza, e o Amor a Cristo. Não tratemos um ao outro com grosserias, pois isso não nos convém, se somos irmãos na fé em Cristo, nosso Senhor e Salvador…

          Abraço! Paz.

    • Taí, Alex, vc disse uma grande verdade:

      Deus não está preocupado com política, políticos e politicagens. Deus se interessa, e espera de nós apenas o ESSENCIAL, a saber:

      ´´Dá-me, filho meu, o teu coração, e os teus olhos observem os Meus caminhos.´´ (Provérbios 23:26)

      Abraço!

    • Fernando, vamos aos fatos. O Marco Feliciano já assumiu que era um adolescente problemático e consumia drogas. E comum nesse meio de viciados o rapaz se prostituir para comprar drogas. E eles recorrem às mariconas velhas carentes que pagam bem. Marco Feliciano hoje está só o bagaço, apesar da chapinha e sobrancelha tirada, mas era bonito quando era jovem. Garanto que não faltavam maericonas para sustentar seu vício. Então, o que você deduz? Talvez venha daí a revolta dele para com os homossexuais, quando declara que “a Aids é o câncer gay”. Seu fosse Marco Feliciano, não entrava nessa canoa furada. Neste momento, seus adversários políticos estão preparando um dossiê para apresentar aos eleitores quendo a campanha política estiver no auge. Quer apostar?

  6. Este e o politico brasileiro.Quando ve sua popularidade cair logo se volta contra os que ele mesmo ja apoiou.Esse individuo que foi agraciado, por algum infeliz sem discernimento algum sobre o que e um pastor de DEUS,com o titulo de pastor(afinal ele so tem o titulo e nada mais),deve achar(como todo politico brasileiro)que o povo em sua maioria tem memoria volatil,mas felizmente existem alguns que nao sofrem de tal defeito,eu sou um destes,que seja por bem ou por mal,arquivo varias informaçoes qu a maioria esquece,poo que estou escrevendo isto?Explico:Na epoca das eliçoes para presidente,o senhor caricato ai da materia,abriu um comite pro Dilma em sua cidade natal,no qual poderia ser lida a seguinte frase”Dilma para presidente so bençao”.E agora ele vem falar de açao divina na queda da popularidade da mesma.Ah meus irmaos,leitores e outros parem de se enganar com estes mercenario e mercadores da fe.Pastor de verdade esta na igreja velando pela alma de suas ovelhas.E fica uma pergunta em quase 4 anos que esse individuo esta la no congresso quantas leis,ou seja oque for,ele propos a favor do povo que tanto carece de saude,educaçao e segurança?

    • Estude!! fernanda.
      SODOMA E GOMORRA (GÊNESIS 18-19)

      “O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei”… (Oséias 4, 6)

      A passagem do livro do profeta Oséias (4, 6) é muito séria! Muitos homossexuais e heterossexuais foram enganados simplesmente por falta de conhecimento, porque não se aplicaram em conhecer e estudar a fundo as Escrituras, buscando o direcionamento do Espírito Santo para compreender estas pouquíssimas passagens, que tão facilmente podem ser explicadas. Nesta parte, faremos uma abordagem a todas as passagens intencionalmente interpretadas contra os homossexuais.

      Não pense que as interpretações acerca do pecado de Sodoma e Gomorra foram sempre as mesmas. Na verdade, elas têm sido variadas entre os tempos e por último, para sustentar um preconceito, há alguns séculos os homofóbicos passaram a afirmar que a destruição havia sido por causa da “homossexualidade”.

      Leia os textos dos capítulos 18 e 19 de Gênesis e sem “pré-conceitos” entenda realmente o que aconteceu. Perceberá que os homens daquelas cidades queriam violentar sexualmente os anjos que chegaram à casa de Ló. Caso você nunca tenha ouvido falar, consulte livros de história, enciclopédias, internet… sobre o assunto xenofobia, que é a repulsa a coisas ou pessoas estrangeiras, medo e ódio aos estrangeiros.

      Por que o medo de nações estrangeiras? Lembra dos “espias de Jericó”? Existia uma estratégia de guerra e dominação entre os povos da Antiguidade de enviarem seus espiões para examinar a terra inimiga e voltarem às suas contando sobre todos os procedimentos e andamentos das cidades a serem invadidas. Uma forma de intimidar e refrear o envio de espiões, era violentando sexualmente os “visitantes”.

      Voltando ao contexto, se fosse uma questão de homossexualidade pura e simples, por que haveria Ló de oferecer suas filhas virgens? Ele não seria tão estúpido para oferecer mulheres a um bando de homossexuais abusadores. Se ele ofereceu suas filhas, é porque sabia que os mesmos não eram homossexuais.

      Esta situação de repulsa aos estrangeiros é logo encontrada alguns livros a frente do Antigo Testamento e pouco se fala sobre este texto da Bíblia. “Estando eles alegrando o seu coração, eis que os homens daquela cidade (homens que eram filhos de Belial) cercaram a casa, batendo à porta; e falaram ao ancião, senhor da casa, dizendo: Tira para fora o homem que entrou em tua casa, para que o conheçamos. E o homem, dono da casa, saiu a eles e disse-lhes: Não, irmãos meus, ora não façais semelhante mal; já que este homem entrou em minha casa, não façais tal loucura. Eis que a minha filha virgem e a concubina dele vo-las tirarei fora; humilhai-as a elas, e fazei delas o que parecer bem aos vossos olhos; porém a este homem não façais essa loucura.” (Juízes 19, 22-24).

      Estas histórias apenas confirmam os assuntos que seguem, por isso é importante que você leia com muita atenção. Este tipo de atitude para Deus é degradante. Violentar sexualmente uma pessoa, com o prazer de humilhar uma orientação sexual que não lhe era natural. Isto é exatamente o contrário da vontade de partilhar afetivamente uma vida a dois.

      O profeta Ezequiel revela o verdadeiro pecado de Sodoma: “Eis que esta foi a iniqüidade de Sodoma, tua irmã: Soberba, fartura de pão, e abundância de ociosidade teve ela e suas filhas; mas nunca fortaleceu a mão do pobre e do necessitado.” (Ezequiel 16, 49). Sodoma cometeu abominação por sua constante hostilidade, segregação e agressão ao ser humano. Trazendo esta questão para os nossos dias, podemos afirmar que o papel “sodomita” atualmente é desempenhado pelas próprias igrejas homofóbicas, pelo alto grau de rejeição a seres humanos, vidas, enfim, a toda uma comunidade de pessoas que Deus aceitou em amor.

      Jesus repreende com severidade estas atitudes de rejeição a pessoas: “E quando te vimos estrangeiro, e te hospedamos? Ou nu, e te vestimos? E quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos ver-te? E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes. Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos; Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber. Sendo estrangeiro, não me recolhestes; estando nu, não me vestistes; e enfermo, e na prisão, não me visitastes. Então, eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos? Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim. E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna.” (Mateus 25,38-46).

      2) LEVÍTICO 18,22 e 20,13

      Pois, com efeito, o mandamento anterior é ab-rogado por causa da sua fraqueza e inutilidade (pois a lei nenhuma coisa aperfeiçoou), e desta sorte é introduzida uma melhor esperança, pela qual nos aproximamos de Deus. (Hebreus 7,18-19).

      Transcrevemos um e-mail que circula na Internet de autor desconhecido muito usado em diversos estudos sobre o tema desta obra. É a resposta a uma locutora homofóbica de uma rádio evangélica norte-americana que adora usar o Livro Levítico para condenar os homossexuais.

      “Querida locutora,
      Gosto muito do Livro de Levítico e concordo que os cristãos devem sim viver debaixo da lei. Afinal, para que um sacrifício único e suficiente em Jesus Cristo? Para que uma Nova Aliança no Espírito deixando todo o conteúdo, rituais, sacrifícios da lei mosaica de lado? Mas tenho alguns problemas em cumprimento da Lei. Será que você poderia me ajudar?
      • Eu sei que quando eu queimo um bezerro no altar, como um sacrifício, o odor que se desprende é cheiro suave e agradável ao Senhor. (Levítico 1, 5-9). O problema são meus vizinhos. Eles dizem que o odor não é nada agradável e ameaçam chamar a Saúde Pública, que também não gosta do odor. Que devo fazer?
      • Levítico 11, 7-8 – diz que ao tocar o cadáver de um porco me torna impuro. Poderei praticar algum esporte com bola feita de pele de porco, caso use luvas?
      • Levítico 11, 12 – diz que comer marisco é abominação. É uma abominação maior ou menor do que a homossexualidade?
      • Eu sei que não devo ter contato com uma mulher durante o seu período menstrual (Levítico 18,19). O problema é; como saber? Sempre que pergunto, a maioria das mulheres se sentem ofendidas.
      • Levítico 19,19 – diz-me que não posso plantar tipos diferentes de sementes no mesmo campo, e nem usar roupas feitas de dois tipos diferentes de material. Devo concluir que serei condenado se tiver uma hortazinha no fundo do quintal com alguns vegetais e temperos, ou se usar uma camisetinha básica, de algodão e poliéster.
      • A maioria das pessoas que conheço corta o cabelo de vez em quando, apesar de que isso é expressamente proibido (Levítico 19, 27). Estaremos todos condenados?
      • Levítico 21,16-20 – declara que eu não posso me aproximar do altar de Deus se eu tiver um defeito físico. Eu uso óculos. Será que Deus faz “vista grossa” para este pequeno detalhe?
      • Levítico 25, 44 – declara que eu posso possuir escravos ou escravas, desde que tenham sido comprados em um dos países vizinhos. Um amigo meu insiste que essa regra se aplica a argentinos e paraguaios, mas não a uruguaios. Poderia me orientar? Por que não me é permitido possuir escravos uruguaios?”

      No Antigo Testamento, a aliança de Deus com o povo de Israel dependia do cumprimento da lei mosaica, que compõem os cinco primeiros livros da Bíblia chamado Pentateuco , e que posteriormente foi compilado pelo filósofo judeu Maimônides em seiscentos e treze mandamentos.

      Hoje, como cristãos, vivemos na Nova Aliança ou tempo da graça e não estamos sujeitos a estas proibições da lei de Moisés; tanto é que, por exemplo, não guardamos os sábados, comemos carne de porco, camarões (Deuteronômio 14,3-21), alimentos com sangue (Deuteronômio 12) etc.

      A lei era por demais austera e disseminava, por isso mesmo muito preconceito, impedindo o livre acesso de todos a uma vida plena com Deus. Veja aqui mais alguns exemplos: “Fala a Arão, dizendo: Ninguém da tua descendência, nas suas gerações, em que houver algum defeito, se chegará a oferecer o pão do seu Deus. Pois nenhum homem em quem houver alguma deformidade se chegará; como homem cego, ou coxo, ou de nariz chato, ou de membros demasiadamente compridos. Ou homem que tiver quebrado o pé, ou a mão quebrada, ou corcunda, ou anão, ou que tiver defeito no olho, ou sarna, ou impigem, ou que tiver testículo mutilado.” (Levítico 21, 17-20).

      Pobre daquele que tivesse o mínimo defeito. Imagine você quem usa óculos, tem o nariz chato, teve uma doença de pele, quebrou a mão ou o pé… um portador de necessidades especiais (cego, coxo, corcunda…), anão, eunuco (que entrasse na categoria mutilação), jamais teriam livre acesso a Deus. Exatamente por esta razão, o Apóstolo Paulo será categórico ao afirmar que a lei em nada aperfeiçoou a vida humana: “Pois a lei nenhuma coisa aperfeiçoou) e desta sorte é introduzida uma melhor esperança, pela qual chegamos a Deus.” (Hebreus 7, 19).

      Certa vez ouvi uma história muito interessante sobre os judeus homossexuais e o cumprimento da lei mosaica através de um amigo judeu e gay. Perguntei ao mesmo sobre como eles faziam para seguir a lei mosaica e a resposta foi: “Pastor Marcos, mesmo os judeus ortodoxos gays tem relacionamentos homossexuais sem muitas dificuldades. Você como advogado sabe que na lei é fácil encontrarmos uma brecha; o texto fala para não se deitar como se fosse uma mulher. Assim muitos judeus gays resolveram o problema não tendo relação com penetração, pois não estaria nenhum dos dois como ‘mulher fosse’, já que assim procedendo, o casal não incorreria nesta questão prevista pela Halachá .

      Por outro lado, como na lei judaica não há referência alguma sobre uma mulher deitando-se com outra mulher, como homem fosse ou coisas do gênero, não há problemas em relação às mulheres lésbicas.”

      Uma lei é passível de ser burlada, entretanto nossa Aliança com Cristo passa necessariamente por uma relação profunda com o Espírito Santo, relação esta impossível de ser burlada, já que ela é a base sobre a qual podemos viver plenamente a mesma Aliança pela justificação que o próprio Cristo nos concede. “E de tudo o que, pela lei de Moisés, não pudestes ser justificados, por ele é justificado todo aquele que crê.” (Atos 13, 39). E a própria homossexualidade está inscrita precisamente nesta justificação.

      Com Jesus nada mais precisa ser burlado, já que vivemos em uma Nova Aliança, pois a letra mata, mas o Espírito do Senhor vivifica (2 Coríntios 3,6); Jesus Cristo trouxe a todos esta nova aliança. Na ministração da Ceia do Senhor, seguindo os ensinamentos de Jesus, verbalizamos e afirmamos estar bebendo o sangue da “Nova Aliança”.

      Isto significa que não precisamos viver no cumprimento dos preceitos e prédicas da lei mosaica, pois temos acesso direto a Deus pela Graça de Jesus Cristo, através deste que é a própria Palavra viva de Deus.

      Assim: “O fim da lei é Cristo para a justiça de todo aquele que crê.” (Romanos 10,4).
      O Senhor Deus nos resgatou da lei, enviando o seu próprio filho Jesus que já pagou nossos pecados (cumprindo a própria lei) para que não fossemos mais subjugados a maldição dos antigos rudimentos mosaicos, afinal: “Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós.” (Gálatas l 3,13).

      A Epístola de Paulo aos Gálatas revela que aqueles que insistem na continuidade das práticas da Lei estão em maldição para com Deus. “Pois todos quantos são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque escrito está: Maldito todo aquele que não permanece em todas as coisas que estão escritas no livro da lei para fazê-las.” (Gálatas 3,10).

      Veja que a Lei em nada aperfeiçoou a vida dos homens e o propósito do Senhor Deus já era de introduzir uma esperança em um plano mais amplo. “Pois, com efeito, o mandamento anterior é ab-rogado por causa da sua fraqueza e inutilidade (pois a lei nenhuma coisa aperfeiçoou), e desta sorte é introduzida uma melhor esperança, pela qual nos aproximamos de Deus.” (Hebreus 7,18-19).

      A nova lei se estabelece em Cristo a partir do Amor e o fruto da nova aliança no Espírito Santo consiste na própria essência do amor; contra o amor nenhuma lei prevalece. “Mas o fruto do espírito é: o amor (…) contra estas coisas não há lei.” (Gálatas 5,22.23).

      Ultrapassadas estas questões faremos a exegese do texto do livro Levítico 18,22 e mostraremos que mesmo na antiga aliança a relação de amor entre pessoas do mesmo sexo não era condenada.

      Primeiramente, esta era uma lei que tinha como principal objetivo impedir que o povo de Deus se envolvesse em práticas de rituais dos povos circunvizinhos. Lembre-se de que, nesta época, o povo de Israel estava no meio do deserto e se desviava constantemente dos propósitos de Deus, por se misturar com os costumes de outros povos, dentre eles práticas de idolatria, prostituição cultual e sacrifícios sexuais a outros deuses que sempre envolviam a questão do sexo “contra a natureza.”

      Situe-se no contexto: “Não procedereis como se faz na terra do Egito, onde habitastes; não procedereis como se faz na terra de Canaã, para onde os conduzo”. (Levítico 18, 3).

      A partir de uma análise histórica daquela região na Antiguidade, compreendemos que a prática homossexual no Egito e em Canaã estava articulada diretamente à cultos ligados a questão do êxtase e da fertilidade, criando todo um conjunto de exercícios de prostituição ritual abominável aos olhos de Deus.

      Todo tipo de prática sexual era utilizada nestes rituais, incluindo sexo entre pessoas do mesmo gênero, mas não apenas este. Por exemplo, nestes rituais, famílias inteiras de agricultores quando desejavam uma colheita próspera, promoviam cultos de fertilidade nos templos destes “deuses” onde pais, mães, filhos… todos praticavam sexo ao mesmo tempo com os prostitutos cultuais ou os chamados “prostitutos sagrados” em sacrifício.

      O livro do Levítico não estava proibindo formas de relacionamento homossexual em amor (ou seja, o que hoje entendemos como homoafetividade), mas uma condenação a esta forma de adoração a outros deuses e também a esta forma de sacrifício idólatra, que se distanciava da adoração que se recomendava fazer ao Deus de Abraão. Algo que fornece um precioso embasamento aos nossos argumentos é que a própria palavra traduzida como “abominação” (no hebraico “toevah”) nos textos do Antigo Testamento, somente é utilizada num contexto de idolatria em toda a lei.

      Desta forma, podemos ler este texto de Levítico 18,22 como: “Com um homem não te deitarás, como se fosse mulher. É prática de idolatria.”

      Em Deuteronômio 23,17 (também outras passagens, principalmente no livro dos Reis) observamos a confirmação sobre a existência da prostituição cultual e o que o texto do Levítico estava condenando. Veja “Não haverá prostituta sagrada entre as israelitas, nem prostituto sagrado entre os israelitas” (Deuteronômio 23, 17 – versão da Bíblia de Jerusalém ).

      Algumas traduções bíblicas mais tendenciosas do Antigo Testamento trocam a terminologia: “prostituto sagrado” pela palavra “sodomita” já criando uma falsa idéia de que o texto estava se referindo aos homossexuais; aqui encontramos uma clara e mal intencionada manipulação das Sagradas Escrituras Sagradas para construir uma doutrina homofóbica onde o pecado de Sodoma corresponderia proposital e diretamente à homossexualidade.

      Perceba a malícia: “Não haverá prostituta dentre as filhas de Israel; nem haverá sodomita dentre os filhos de Israel.” (Deuteronômio 23, 17).

      A troca só nos ajuda a compreender que há sim uma manipulação da própria semântica bíblica em algumas passagens com a exclusiva finalidade de fomentar preconceito e exclusão.

      Por fim, ao longo desta obra teremos visto claramente que as Escrituras Sagradas jamais fizeram qualquer menção negativa ao relacionamento de amor entre duas pessoas do mesmo sexo. O que as Escrituras condenam realmente são as práticas de prostituição cultual e “sagrada”, a violência, e o abuso sexual e práticas de sexo contra a natureza, ou seja, privadas de contato, afeto e reciprocidade.

      3) ROMANOS 1, 21-28

      Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito. (Romanos 8, 1).

      Existe uma expressão muito intrigante que diz: “texto sem contexto é pretexto”. Não resta dúvida que a mensagem bíblica é atemporal, poderosa e eterna; mas sua narrativa necessita naturalmente de uma contextualização apropriada. Aqui nesta passagem da carta do Apóstolo Paulo aos cristãos de Roma devemos indagar questões como: qual tipo de sexo era praticado naquela cultura? A qual tipo de relação sexual estava o apóstolo se referindo?

      No verso 21, encontramos: “não o honraram como Deus” e logo em seguida dos versos 23-25 percebemos que o texto se refere ao pecado da idolatria. Nos versos 26-27, vemos o abandono do seu desejo natural, do seu prazer natural a uma vida de prática sexual desumanizada.

      Mais uma vez o texto trata da relação sexual que não é advinda de um gesto de amor, de complemento, de carinho, de unidade, mas “contra a natureza”.

      Pergunte a um homossexual o que lhe é natural na questão sexual. É amar a uma pessoa do mesmo sexo? Você se complementa em amor com uma pessoa do sexo igual ao seu ou com alguém de gênero diferente? Ao se provocar a situação em que alguém naturalmente homossexual tenha de se relacionar com uma pessoa do sexo oposto, o que se está fazendo na realidade é uma agressão de ordem mental e física, já que isto se choca frontalmente com a natureza daquela pessoa.

      Da mesma forma, converse com um heterossexual sobre o que seria natural para o mesmo. Como o mesmo teria uma vida completa não fugindo da sua natureza? A resposta seria com uma pessoa do sexo oposto.

      Podemos estudar o contexto da carta aos cristãos da igreja em Roma pela história, literatura, filmes de época, bem como outras fontes importantes, como discursos políticos, dramaturgia e a retórica latina.

      Uma das mais fundamentais características da sociedade romana era o seu desprezo pela questão da identidade sexual. Tudo poderia ser revertido, de forma obstinada e compulsiva para uma pluralidade descontrolada de atos sexuais, muitas vezes desumanos e perversos. Um dos personagens mais famosos daquela época era o Imperador Calígula, soberano de Roma exatamente na época em que Paulo escreveu esta epístola.

      Historiadores apontam para aspectos do mundo romano bastante marcantes de seu tempo: a indiferença a questão da natureza sexual dos cidadãos da “civitas”, o apego cada vez maior aos cultos de fertilidade vindos das províncias orientais do Império, a criação de adolescentes pelo aparelho de Estado, distante de suas famílias; neste último caso pode-se observar ainda a prática, de origem grega, do relacionamento sexual entre rapazes mais jovens e homens mais velhos, independente de suas orientações sexuais.

      Em determinada fase da vida eles até se casavam com uma mulher, todavia, o sexo entre homens se inscrevia na questão da honra e da dignidade aristocrática, já que as mulheres ocupavam socialmente a periferia das relações sociais, sendo terrivelmente marginalizadas e muitas vezes consideradas apropriadas exclusivamente para fins de procriação.

      Portanto, duas coisas podemos depreender da sociedade romana que Paulo testemunhou e na qual de uma certa forma viveu, a despeito de sua formação judaica: a misoginia e o abuso.

      Há ainda outro aspecto que precisa ser ressaltado: a forma de relação entre pessoas do mesmo sexo era absurdamente assimétrica, ou seja desigual e injusta, já que envolvia adultos e crianças, velhos e jovens no mesmo ato. Não há dúvida que essas práticas, em sua versão perversa, são absolutamente contra a natureza!

      Concluímos, portanto que a condenação da Carta aos Romanos era a condenação a experimentação de formas sexuais contra a natureza pelo simples desejo ou busca por prazer, sem uma orientação sexual correspondente e inata, estes não tinham a orientação homossexual. Isso nós também, da mesma maneira que Paulo, consideramos pecado.

      4) 1 CORÍNTIOS 6,9-10 E 1 TIMÓTEO 1,10

      O qual nos fez também capazes de ser ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata e o espírito vivifica. (1 Coríntios 3, 6).

      “Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem “malakoi”, nem “arsenokoitai”, nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus.”

      Nesta passagem, temos dois termos que chamam a atenção. O primeiro, “malakoi”, foi traduzido pela versão de Ferreira de Almeida, da Bíblia em Português, como “afeminados” e o segundo na mesma versão “arsenokoitai”, como “sodomitas”. Duas palavras equivocadamente traduzidas, em uma clara operação de adulteração das Sagradas Escrituras.

      Também, existem duas versões da Bíblia que fazem traduções para estas duas palavras que podemos chamar de abomináveis, tratam-se da “Bíblia na linguagem de hoje” que traduz “malakoi” como “adúlteros” e “arsenoitoitai” como “homossexuais”; já a “Nova Versão Internacional” – NVI traduz “malakoi” e “arsenoitoitai” como: “homossexuais ativos” e “passivos” respectivamente, o que configura um exercício semântico criminoso e abusivo, ressaltando que estas são as versões da Bíblia preferidas dos homofóbicos religiosos.

      Recomendamos que jamais comprem estas duas versões ou caso vocês já as tenham, risquem em seus exemplares as palavras falsamente traduzidas e coloquem as corretas, como mostraremos neste estudo.

      Veja como é fácil perceber a manipulação Bíblica. As Escrituras Sagradas datam de mais de 2000 anos; como seria possível ter na Bíblia a palavra homossexual se o termo surgiu apenas em 1869, criado pelo escritor e jornalista austríaco Karl-Maria Kertheby?

      Para esclarecermos estas dúvidas precisamos estudar os textos bíblicos em seus idiomas originais. É fácil comprar em qualquer loja de artigos bíblicos, uma versão original da Bíblia, do Novo Testamento em grego e verificar estas palavras. Compre também um dicionário, veja as raízes das palavras no grego e constate o que mencionamos aqui.

      Estas duas palavras podem, de acordo com o contexto em que são utilizadas, ter mais de um significado. Mas, esteja certo que jamais terão qualquer sentido real aplicado ao termo homossexual. Neste sentido elas jamais se aplicarão a um relacionamento de amor e fidelidade entre duas pessoas do mesmo sexo.

      O termo grego “malakoi” literalmente pode ser traduzido como “mole”. E dentro daquela cultura misógina do primeiro século, podemos dizer que uma associação com a feminilidade era vista como negativa em termos morais. Assim, “mole” poderia ser uma descrição de qualquer tipo de comportamento de vaidade exacerbada ou fraqueza de caráter. Um outro sentido para esta palavra poderia ser a referência à prostituição cúltica masculina, que também era muito forte na época e na cultura romanas .

      O termo “arsenokoitai” que foi traduzido como “sodomita” na versão de Ferreira de Almeida, só passou a se referir a prática homossexual na Alta Idade Média. Provavelmente, alguns homossexuais poderiam estar incomodando alguns religiosos que não entendiam o que era de fato ser homossexual!

      “Arsenokoitai” consiste em uma palavra de significado por demais obscuro, lembrando que é grande a quantidade de termos e palavras no grego clássico que significavam “comportamento homossexual”. É preciso lembrar ainda que o Apóstolo Paulo não utilizou nenhuma delas, de onde podemos concluir que ele se referia realmente a algo muito específico.

      Etimologicamente, podemos dizer que o radical linguístico “arsen”, quer dizer macho e “koitos”, quer dizer cama. Este termo não possui nenhum registro na literatura grega antes de ser utilizado pelo apóstolo Paulo. Isto parece ser, portanto um neologismo do próprio Paulo, elaborado na composição desta epístola. Como o significado original deste neologismo pode ter se perdido no tempo, isto favorece interpretações grosseiras, sendo esta a palavra predileta para o arsenal homofóbico e tendencioso. No passado esta palavra antes de “sodomita” foi usada como “masturbadores” por algumas traduções bíblicas.

      Por outro lado, é bom sabermos que nem tudo está perdido, pois hoje temos algumas traduções bíblicas, mais fiéis aos textos no idioma original. Em Português, temos a “Bíblia de Jerusalém” que é atualmente a melhor tradução das Sagradas Escrituras no mundo, onde teólogos judeus, cristãos e protestantes traduziram do hebraico, aramaico e grego para o francês sem intermediações pretensamente tradutológicas que acarretariam em qualquer distorção. Assim, quando queremos uma tradução mais fiel recorrermos à Bíblia de Jerusalém. As palavras que mencionamos de 1 Coríntios 6, 9 foram traduzidas pela Bíblia de Jerusalém da seguinte forma: “malakoi” como “depravados” e “arsenokoitai” como “pessoas de costumes infames”. Já em 1 Timóteo 1,10 a palavra “arsenokoitai” se repete e veio na versão da Bíblia de Jerusalém como “pederastas”, ou seja, adultos que fazem sexo com crianças

      • De vez em quando aparece aqui alguém (re)publicando esses “estudos”, citando as “impraticáveis” leis de Levítico, achando que estão calando de uma vez por todas a argumentação dos evangélicos quanto à condenação ao homossexualismo. Só quero informar aos tais que os mesmos estão, no mínimo, 1950 anos atrasados. Essa questão de “guardar a lei” foi resolvida a muito tempo, no Concílio de Jerusalém, registrado em Atos 15. Os mandamentos de Levítico foram dados à Israel, para aquele tempo, sendo toda a Lei cumprida por Cristo, em favor daqueles que nEle crêem. Todavia, algumas coisas devem ser consideradas: 1) Não é só a Lei que condena o homossexualismo: É a Bíblia toda: desde Genesis, 430 anos antes da Lei, a condenação de Sodoma e Gomorra mostra como Deus vê a questão. Além disso, no NT, o próprio Concílio de Jerusalém, apesar de “liberar” os gentios da observação da lei, determina algumas coisas necessárias: abster-se da idolatria, da ingestão de sangue e carne sufocada e das “relações sexuais ilícitas” (o que obviamente, inclui a homossexualidade). Além disso, Paulo falou claramente e duramente contra a homossexualidade em Rm 1.18 em diante, considerando a prática o cúmulo da idolatria (inclusive a homossexualidade feminina) não havendo qualquer margem para “manobras exegéticas” que possam afirmar que ele queria dizer “outra coisa”, senão o que disse. Também, o restante do NT condena em diversas passagens tal ato (muitas citadas acima, e “contestadas” pelos “”estudiosos gayzistas”). Finalmente, foi citado aqui que pederastia é “sexo com crianças”. Está errado: Isso é “pedofilia”. O dicionário Aurélio chama claramente pederastia de “contato sexual de homem com ‘rapaz bem jovem’, e não com criança. Também a define como “homossexualismo masculino”.

      • Esqueceu de genesis 1.27″macho e femea os criou Deus”
        “A nova lei se estabelece em Cristo a partir do Amor e o fruto da nova aliança no Espírito Santo consiste na própria essência do amor; contra o amor nenhuma lei prevalece. “Mas o fruto do espírito é: o amor (…) contra estas coisas não há lei.” (Gálatas 5,22.23)” “O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei”… (Oséias 4, 6)O qual nos fez também capazes de ser ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata e o espírito vivifica. (1 Coríntios 3, 6);Quanta contradição,quanta cegueira,quanta hipocresia…a letra mata, mas você só mostrou letra.. a nova lei é amor como você mesmo disse amor fruto do Espirito, não amor humano, nem amor gay… o povo foi destruído porque faltou conhecimento, esse conhecimento você não tem, pois se tivesse não perderia tempo tentando explicar passagens que são muito claras como a de romanos 1. Se você conhecesse e tivesse amor fruto do Espirito, então entenderia o que é perder a sua a vida por amor de mim..Mt 16.24, entenderia o que é renunciar,crucificar a velha natureza etc.Meu querido a Biblia é simples e clara. Nesta passagem, temos dois termos que chamam a atenção. O primeiro, “malakoi”, foi traduzido pela versão de Ferreira de Almeida, da Bíblia em Português, como “afeminados” e o segundo na mesma versão “arsenokoitai”, como “sodomitas”. Duas palavras equivocadamente traduzidas, em uma clara operação de adulteração das Sagradas Escrituras. quanto bláblá meu amigo e você ainda cita letra mata, você é que é um morto espiritual se não se arrepender dos seus pecados..sabe o pior de tudo não é ser homossexual, não é ser irado, ser uma prostituta, o pior é tentar, trazer esse monte de letra que de nada serve para se esconder atrás de um pecado que a Biblia condena explicitamente…Meu amigão eu sou cheio de pecados, mas uma coisa faço me esforço para saber a vontade de Deus, pois eu por exemplo era viciado em sexo, poderia ficar que nem você procurando na Biblia desculpas para ficar nesse pecado e com certeza acabaria “achando alguma coisa dentro de uma cegueira espiritual” poderia pensar que nunca seria feliz casando e tendo uma mulher só mas ao contrário eu preferi dar crédito a simplicidade da Biblia que diz que Deus liberta e nos faz pessoas completas e felizes..hoje depois de muitas erros,lutas, renuncias eu alcancei vitória e sou mais feliz que quando tinha muitas mulheres e mais importante sou salvo, pois nenhuma condenação há para os que não andam na carne mas no Espirito Rom 8.É bem simples não precisa desse estudo baboseiro todo, pois Deus é soberano, onipotente e como você falou estamos na aliança do Espirito. Agora se arrependa e abra os seus olhos, veja o contexto e a revelação de Rom 8″Porque se viverdes segundo a carne morrereis, mas se pelo Espirito mortificardes as obras do corpo vivereis.Agora olhe o que é a nova aliança Rom 8.14 “Porque todos que são guiados pelo Espirito de Deus esses são filhos de Deus” e verso 16 fecha com a chave de ouro o Espirito testifica ao nosso Espirito… traduzindo a revelação para você se tiver ouvidos para ouvir ouça, você não possui o Espirito de Deus habitando em você, pois quem de uma maneira simples e pura o possui, sabe o que é certo, o que é errado pois o Espirito de Deus comunica,testifica,fala ao nosso espirito que todas essas suas contestações são cumprimento de 1timóteo 4: apostasia,doutrinas de demônios,conciência cauterizada,2timoteo 3 amantes de si mesmo,obstinados,mais amigos do deleite do que de Deus, que aprendem sempre e nunca chegam ao conhecimento da verdade..sabe aquele conhecimento que você iniciou o seu sermão esse é que lhe falta, e também 2 timoteo 4.3 virá tempo que não sofrerãããããooo…. a sã doutrina, mas amontoarão para si doutores conforme seus próprios desejos, desviando os ouvidos da verdade..Você não quer perder a sua vida,não quer sofrer a sã doutrina, não quer renunciar e quer falar em aliança de amor..Amigão só existe um amor que deve ser exaltado o amor fruto do Espirito e esse amor nos leva a crucificação do eu.. Em Cristo Jesus eu tenho compaixão pela sua alma, e amor de Deus por você, mas não se engane meu amado o amor de Deus é compativel com sua palavra e com sua justiça, a Biblia é clara… pare de buscar subterfugios, a palavra diz todo aquele que nele crer não será confundido, porém fé sem obras é morta.. e obras inclui nossa renuncia..

      • Esqueceu de genesis 1.27 “macho e femea os criou Deus”
        “A nova lei se estabelece em Cristo a partir do Amor e o fruto da nova aliança no Espírito Santo consiste na própria essência do amor; contra o amor nenhuma lei prevalece. “Mas o fruto do espírito é: o amor (…) contra estas coisas não há lei.” (Gálatas 5,22.23)” “O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei”… (Oséias 4, 6)O qual nos fez também capazes de ser ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata e o espírito vivifica. (1 Coríntios 3, 6);Quanta contradição,quanta cegueira,quanta hipocresia…a letra mata, mas você só mostrou letra.. a nova lei é amor como você mesmo disse amor fruto do Espirito, não amor humano, nem amor gay… o povo foi destruído porque faltou conhecimento, esse conhecimento você não tem, pois se tivesse não perderia tempo tentando explicar passagens que são muito claras como a de romanos 1. Se você conhecesse e tivesse amor fruto do Espirito, então entenderia o que é perder a sua a vida por amor de mim..Mt 16.24, entenderia o que é renunciar,crucificar a velha natureza etc.Meu querido a Biblia é simples e clara. Nesta passagem, temos dois termos que chamam a atenção. O primeiro, “malakoi”, foi traduzido pela versão de Ferreira de Almeida, da Bíblia em Português, como “afeminados” e o segundo na mesma versão “arsenokoitai”, como “sodomitas”. Duas palavras equivocadamente traduzidas, em uma clara operação de adulteração das Sagradas Escrituras. quanto bláblá meu amigo e você ainda cita letra mata, você é que é um morto espiritual se não se arrepender dos seus pecados..sabe o pior de tudo não é ser homossexual, não é ser irado, ser uma prostituta, o pior é tentar, trazer esse monte de letra que de nada serve para se esconder atrás de um pecado que a Biblia condena explicitamente…Meu amigão eu sou cheio de pecados, mas uma coisa faço me esforço para saber a vontade de Deus, pois eu por exemplo era viciado em sexo, poderia ficar que nem você procurando na Biblia desculpas para ficar nesse pecado e com certeza acabaria “achando alguma coisa dentro de uma cegueira espiritual” poderia pensar que nunca seria feliz casando e tendo uma mulher só mas ao contrário eu preferi dar crédito a simplicidade da Biblia que diz que Deus liberta e nos faz pessoas completas e felizes..hoje depois de muitas erros,lutas, renuncias eu alcancei vitória e sou mais feliz que quando tinha muitas mulheres e mais importante sou salvo, pois nenhuma condenação há para os que não andam na carne mas no Espirito Rom 8.É bem simples não precisa desse estudo baboseiro todo, pois Deus é soberano, onipotente e como você falou estamos na aliança do Espirito. Agora se arrependa e abra os seus olhos, veja o contexto e a revelação de Rom 8″Porque se viverdes segundo a carne morrereis, mas se pelo Espirito mortificardes as obras do corpo vivereis.Agora olhe o que é a nova aliança Rom 8.14 “Porque todos que são guiados pelo Espirito de Deus esses são filhos de Deus” e verso 16 fecha com a chave de ouro o Espirito testifica ao nosso Espirito… traduzindo a revelação para você se tiver ouvidos para ouvir ouça, você não possui o Espirito de Deus habitando em você, pois quem de uma maneira simples e pura o possui, sabe o que é certo, o que é errado pois o Espirito de Deus comunica,testifica,fala ao nosso espirito que todas essas suas contestações são cumprimento de 1timóteo 4: apostasia,doutrinas de demônios,conciência cauterizada,2timoteo 3 amantes de si mesmo,obstinados,mais amigos do deleite do que de Deus, que aprendem sempre e nunca chegam ao conhecimento da verdade..sabe aquele conhecimento que você iniciou o seu sermão esse é que lhe falta, e também 2 timoteo 4.3 virá tempo que não sofrerãããããooo…. a sã doutrina, mas amontoarão para si doutores conforme seus próprios desejos, desviando os ouvidos da verdade..Você não quer perder a sua vida,não quer sofrer a sã doutrina, não quer renunciar e quer falar em aliança de amor..Amigão só existe um amor que deve ser exaltado o amor fruto do Espirito e esse amor nos leva a crucificação do eu.. Em Cristo Jesus eu tenho compaixão pela sua alma, e amor de Deus por você, mas não se engane meu amado o amor de Deus é compativel com sua palavra e com sua justiça, a Biblia é clara… pare de buscar subterfugios, a palavra diz todo aquele que nele crer não será confundido, porém fé sem obras é morta.. e obras inclui nossa renuncia..

      • O Andre disse a Fernanda, entre outras coisas: disse, não, citou as escrituras para defender o pecado, o texto citado:” Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito. (Romanos 8, 1). Duas perguntas, Primeira: Os Homossexuais estão em Cristo? Segunda: Eles andam segundo o Espirito ou segundo a pratica ABOMINÁVEL na carne, que é a pratica do HOMOSSEXUALISMO? Não precisa explicar, só queria entender!

      • O Andre disse a Fernanda, entre outras coisas: disse, não, citou as escrituras para defender o pecado, o texto citado:” Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito. (Romanos 8, 1). Duas perguntas, Primeira: Os Homossexuais estão em Cristo? Segunda: Eles andam segundo o Espirito ou segundo a pratica ABOMINÁVEL na carne, que é a pratica do HOMOSSEXUALISMO? Não precisa explicar, só queria entender!

      • Esqueceu de genesis 1.27 “macho e femea os criou Deus”
        “A nova lei se estabelece em Cristo a partir do Amor e o fruto da nova aliança no Espírito Santo consiste na própria essência do amor; contra o amor nenhuma lei prevalece. “Mas o fruto do espírito é: o amor (…) contra estas coisas não há lei.” (Gálatas 5,22.23)” “O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei”… (Oséias 4, 6)O qual nos fez também capazes de ser ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do espírito; porque a letra mata e o espírito vivifica. (1 Coríntios 3, 6);Quanta contradição,quanta cegueira,quanta hipocresia…a letra mata, mas você só mostrou letra.. a nova lei é amor como você mesmo disse amor fruto do Espirito, não amor humano, nem amor gay… o povo foi destruído porque faltou conhecimento, esse conhecimento você não tem, pois se tivesse não perderia tempo tentando explicar passagens que são muito claras como a de romanos 1. Se você conhecesse e tivesse amor fruto do Espirito, então entenderia o que é perder a sua a vida por amor de mim..Mt 16.24, entenderia o que é renunciar,crucificar a velha natureza etc.Meu querido a Biblia é simples e clara. Nesta passagem, temos dois termos que chamam a atenção. O primeiro, “malakoi”, foi traduzido pela versão de Ferreira de Almeida, da Bíblia em Português, como “afeminados” e o segundo na mesma versão “arsenokoitai”, como “sodomitas”. Duas palavras equivocadamente traduzidas, em uma clara operação de adulteração das Sagradas Escrituras. quanto bláblá meu amigo e você ainda cita letra mata, você é que é um morto espiritual se não se arrepender dos seus pecados..sabe o pior de tudo não é ser homossexual, não é ser irado, ser uma prostituta, o pior é tentar, trazer esse monte de letra que de nada serve para se esconder atrás de um pecado que a Biblia condena explicitamente…Meu amigão eu sou cheio de pecados, mas uma coisa faço me esforço para saber a vontade de Deus, pois eu por exemplo era viciado em sexo, poderia ficar que nem você procurando na Biblia desculpas para ficar nesse pecado e com certeza acabaria “achando alguma coisa dentro de uma cegueira espiritual” poderia pensar que nunca seria feliz casando e tendo uma mulher só mas ao contrário eu preferi dar crédito a simplicidade da Biblia que diz que Deus liberta e nos faz pessoas completas e felizes..hoje depois de muitas erros,lutas, renuncias eu alcancei vitória e sou mais feliz que quando tinha muitas mulheres e mais importante sou salvo, pois nenhuma condenação há para os que não andam na carne mas no Espirito Rom 8.É bem simples não precisa desse estudo baboseiro todo, pois Deus é soberano, onipotente e como você falou estamos na aliança do Espirito. Agora se arrependa e abra os seus olhos, veja o contexto e a revelação de Rom 8″Porque se viverdes segundo a carne morrereis, mas se pelo Espirito mortificardes as obras do corpo vivereis.Agora olhe o que é a nova aliança Rom 8.14 “Porque todos que são guiados pelo Espirito de Deus esses são filhos de Deus” e verso 16 fecha com a chave de ouro o Espirito testifica ao nosso Espirito… traduzindo a revelação para você se tiver ouvidos para ouvir ouça, você não possui o Espirito de Deus habitando em você, pois quem de uma maneira simples e pura o possui, sabe o que é certo, o que é errado pois o Espirito de Deus comunica,testifica,fala ao nosso espirito que todas essas suas contestações são cumprimento de 1timóteo 4: apostasia,doutrinas de demônios,conciência cauterizada,2timoteo 3 amantes de si mesmo,obstinados,mais amigos do deleite do que de Deus, que aprendem sempre e nunca chegam ao conhecimento da verdade..sabe aquele conhecimento que você iniciou o seu sermão esse é que lhe falta, e também 2 timoteo 4.3 virá tempo que não sofrerãããããooo…. a sã doutrina, mas amontoarão para si doutores conforme seus próprios desejos, desviando os ouvidos da verdade..Você não quer perder a sua vida,não quer sofrer a sã doutrina, não quer renunciar e quer falar em aliança de amor..Amigão só existe um amor que deve ser exaltado o amor fruto do Espirito e esse amor nos leva a crucificação do eu.. Em Cristo Jesus eu tenho compaixão pela sua alma, e amor de Deus por você, mas não se engane meu amado o amor de Deus é compativel com sua palavra e com sua justiça, a Biblia é clara… pare de buscar subterfugios, a palavra diz todo aquele que nele crer não será confundido, porém fé sem obras é morta.. e obras inclui nossa renuncia..

      • Léllison, vamos aos fatos. O Marco Feliciano já assumiu que era um adolescente problemático e consumia drogas. E comum nesse meio de viciados o rapaz se prostituir para comprar drogas. E eles recorrem às mariconas velhas carentes que pagam bem. Marco Feliciano hoje está só o bagaço, apesar da chapinha e sobrancelha tirada, mas era bonito quando era jovem. Garanto que não faltavam maericonas para sustentar seu vício. Então, o que você deduz? Talvez venha daí a revolta dele para com os homossexuais, quando declara que “a Aids é o câncer gay”.

      • A Paz de Cristo, Léllison, tudo bem?

        Não sei se vc é cristão; de qualquer modo, tomo a liberdade, com todo respeito, de opinar que sua expressão quanto aos gays além de homofóbica, é desumana (nojo, castração) e, seguramente, anti-cristã. Está escrito:

        ´´Porque TODOS pecaram e destituídos estão da glória de Deus; sendo justificados gratuitamente pela Sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus.´´ (Romanos 3:23-24)

        Tem cuidado, grande, pq TODOS somos pecadores, e carecemos das graças e misericórdias de Deus, em Cristo, a cada dia, pois

        ´´As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos.´´ (Lamentações 3:22a)

        ´´Na verdade que não há homem justo sobre a terra, que faça o bem, e nunca peque.´´ (Eclesiastes 7:20).

        Pra Deus, todo pecado É pecado. Por isso diz: ´´Aquele, pois, que cuida estar em pé, olhe não caia´´…

        Abraço, Deus nos abençoe. Que o Amor de Cristo nos ensine a amar uns aos outros.

  7. Feliciano me representa! Cara, essa mídia sensacionalista faz a caveira dele e distorce muitas vezes tudo que ele diz. Ele quer apenas preservar o que a palavra de Deus diz. E algo muito ESTUPIDO é neginho que vai protestar enfrente da igreja dele, beijando pessoas do mesmo sexo PENSANDO que ta ofendendo a ele… esses coitados estao prejudicando a si proprios… e tentando contra Deus. Que Deus tenha misericordia deles e que conheçam a verdade!

  8. Hahaha voce agora falou igual Judas Iscariotes quando Maria lavou os pes Do Senhor Jesus com o azeite carissimo, …..podiamos vende-lo mestre e comprar coisas para os pobres…Jesus porem disse deixe-a os pobres sempre teram convosco….

    Agora sabemos que a intencao de Judas era roubae o dinheiro…. E voce Stardust em que roubais ao Senhor?

    • samuel josé

      Vc fala de judas, mas omite que ele recebia ofertas em nome de Jesus…

      Eu não sou pastor, nem vivo de recolher dízimos ou ofertas…

      Simples assim!

      • … O amor ao dinheiro é a origem de todos os males no mundo.

        O que importa, é que os cristãos NÃO VOTEM EM DILMA-PT!

        Pois em 2010 ela assinou um acordo com a bancada evangélica, de q não iria tocar na questão do ABORTO, e aprovou lei a respeito.

        Agora ela tá ´´pedindo desculpas´´ (o_O) aos evangélicos – nem sei pelo quê, pois não gastei meu tempo, mas obviamente com intento em nossos votos. Sejamos prudentes.

        Irmãos na fé em Jesus Cristo, por favor:

        VAMOS DEIXAR de bate-boca em espaço público, e dirigir nossas atenções, ações e orações para a Sagrada Palavra de Deus. Todos somos imperfeitos. É Ela, junto com o Sangue de Jesus que nos lava.

        ´´Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie;
        porque somos feitura Sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.

        Portanto, lembrai-vos de que vós noutro tempo éreis gentios na carne, e chamados incircuncisão pelos que na carne se chamam circuncisão feita pela mão dos homens;
        Que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo.

        Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto. Porque Ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio,

        Na Sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em Si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz,
        e pela cruz reconciliar ambos com Deus em um corpo, matando com ela as inimizades.
        E, vindo, Ele evangelizou a paz, a vós que estáveis longe, e aos que estavam perto;

        porque por Ele ambos temos acesso ao Pai em um mesmo Espírito.
        Assim que já não sois estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos santos, e da família de Deus; edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, de que Jesus Cristo é a principal pedra da esquina; No qual todo o edifício, bem ajustado, cresce para templo santo no Senhor.

        (Efésios 2:8-22)

        FALEMOS DE JESUS CRISTO, em tempo e fora de tempo.
        Abraços.

  9. Falou totalmente a verdade, Feliciano, esta escrito que o diabo usaria esses falsos Pregadores Para enganar os seus semelhantes. eles indos pro lado dos caras, estão indo contra a verdadeira Palavra de Deus, e todos ele são sabedor do final que cada um vai ter. Continue nessa tua luta, Ta Escrito que eles prevalecerão ,aqui na Terra, mas nós temos que fazer a nossa parte, tentar Salvar algumas Almas. Esses vendidos para o diabo, estão pensando em ganhar Votos deles na Próxima eleição, eles não estão pensando e mostrar o que é pecado, e Salvar das garras do diabo, o seu semelhante. POVO BRASILEIRO, DE DEUS, SE DEUS ESCREVEU QUE É PECADO, É PORQUE É PECADO, SOMENTE DIZ O CONTRARIO, O dIABO, ATRAVEZ DOS SEUS SEGUIDORES. NÃO PENSE QUE VÃO TENTAR DESMENTIR A PALAVRA DE DEUS I FICAREM EM PUNES.DEUS NÃO VAI PUNIR NINGUÉM POR INQUANTO, MAS PERMITIRA QUE O dIABO, OS DESTRUA. QUANDO AS ARGURAS LHE CHEGAR, LEMBRE-SE QUE FOI VOCÊ QUE AS BUSCOU, COM SEUS ATO. QUE JESUS CRISTO, TENHA MISERICORDIA DE TODOS OS QUE L~EREM ESSAS FRAZES.

  10. Com todo o respeito ao ilustre deputado, mas Cristo não veio aqui para pôr fogo em assuntos que já vinham a milhares de anos antes dele.

    Cristo não veio aqui para fazer os cristãos de exércitos, de lutadores, de guerreiros, sim de pessoas que sabem conviver pacificamente com os adversários, com os que pensam diferente, com os que erram, com os de outra religião, nunca e jamais Cristo pregou a inversão da ordem das coisas se não pelo livre convencimento.

    Cristo não veio aqui para insuflar o povo para apedrejar as igrejas não.

    Cristo não veio aqui para ensinar o povo a se doar em sacrifício, do contrário, Ele se entregou em sacrifício para que os homens parem com a martirização o se martirizar.

    Deputado, quanto a essa parte madura, pacífica, tolerante, paciente, de pai e de mãe, vê-se que o ilustre não compreendeu direito não.

    Veja bem, na época de Cristo era comum a escravidão, todavia ele não insuflou os escravos contra os seus senhores, afinal consegueriria com isso apenas a insubordinação seguida de banho de sangue, calma pastor.

    O evangelho vem sendo pregado a dois mil anos, todavia tais pessoas nunca foram alvo, aliás ninguém deve ser alvo da palavra.

    Do que lê na bíblia e de Cristo, inclusive Paulo, é o fugir, o retirar-se, é o calar-se quando não se queria ouvir o discurso ou a presença deles.

    Tem hora pra tudo, pastor, e nesse momento em que universalmente tais pessoas estão se insurgindo e pondo os evangélicos – mesmo sem ser- como centro de suas acusações, cabe ficar mudo como ovelhas à semelhança de Cristo no caminho da crucificação, ou seja, se te impõem uma milha, vá duas.

    Aprendi pela mesma bíblia que o senhor lê, pastor, que o sacrifício de Cristo exorta o cristão a ser covarde vivo, não fundamentalista morto; tolerante vivo, não judeu caprichoso; o sacrifício foi feito por Ele, não é desse modo que se traz a verdade.

    Cristo veio ensinar a um povo seu certas regras de condutas, não impô-las ao mundo, isso é o catolicismo que costuma fazer, aliás tendo gerado em face dessa postura policiadora em nome de Cristo uma instabilidade mundial, tendo como sua mão de ferro no início o Império Romano.

    Cristãos são como ratos, em catacumbas e nunca em castelos, portanto sendo mandados e nunca mandando.

    Se pra continuar cristão, eu seja obrigado a olhar e reger a vida dos meus vizinhos, coisa que muito na época de Cristo a igreja judaica ensinava, RENUNCIOU AGORA MESMO O EVANGELHO E O DIREITO DE IR PARA O CÉU.

    Se Deus destruiu Sodoma e Gomorra por causa desse tipo de assunto, vê-se que Deus não atingiu as demais cidades em face de que não existia essa prática? Se sim, então temos que explicar o motivo de Deus não continuar botando fogo sucessivamente nas cidades onde tal ocorresse.

    Paulo escreve que tudo me é lícito, embora nem tudo me convenha. Se a lei vai permitir esse tipo de casamento, em que isso afeta a igreja? Ou seja, cabe ensinar aos da igreja que apesar de lícito, o cristão faça isso ou aquilo outro. Os comandos da lei não são para a igreja, muito menos a igreja deve impôr o seu domínio sobre o mundo. O cristão deve estar acima da lei, ou seja, cumpri-la, e cumpri-la tão bem, que pode dar a si o direito de escolher o que fazer. A lei não atinge os cristãos, sim os ensinamentos do altíssimo.

    Cristo não fez as vezes de legislador quanto a não apedrejar a adúltera, pois sabia que se tratava de assunto muito delicado entre os judeus, o que iria exigir dele tempo, preferiu cumprir a nova lei trazida por Ele, a da tolerância como fez questão de mencionar quanto ao divórcio, dizendo que Deus somente aceitou em face da dureza do coração humano, ou seja, a lei humana ultrapassando a intenção de Deus. Pastor, Deus deu ao homem o livre arbítrio de casar e de não casar, de alterar a lei e de não alterar.

  11. Com todo o respeito ao ilustre deputado, mas Cristo não veio aqui para pôr fogo em assuntos que já vinham a milhares de anos antes dele.

    Cristo não veio aqui para fazer os cristãos de exércitos, de lutadores, de guerreiros, sim de pessoas que sabem conviver pacificamente com os adversários, com os que pensam diferente, com os que erram, com os de outra religião, nunca e jamais Cristo pregou a inversão da ordem das coisas se não pelo livre convencimento.

    Cristo não veio aqui para insuflar o povo para apedrejar as igrejas não.

    Cristo não veio aqui para ensinar o povo a se doar em sacrifício, do contrário, Ele se entregou em sacrifício para que os homens parem com a martirização o se martirizar.

    Deputado, quanto a essa parte madura, pacífica, tolerante, paciente, de pai e de mãe, vê-se que o ilustre não compreendeu direito não.

    Veja bem, na época de Cristo era comum a escravidão, todavia ele não insuflou os escravos contra os seus senhores, afinal consegueriria com isso apenas a insubordinação seguida de banho de sangue, calma pastor.

    O evangelho vem sendo pregado a dois mil anos, todavia tais pessoas nunca foram alvo, aliás ninguém deve ser alvo da palavra.

    Do que lê na bíblia e de Cristo, inclusive Paulo, é o fugir, o retirar-se, é o calar-se quando não se queria ouvir o discurso ou a presença deles.

    Tem hora pra tudo, pastor, e nesse momento em que universalmente tais pessoas estão se insurgindo e pondo os evangélicos – mesmo sem ser- como centro de suas acusações, cabe ficar mudo como ovelhas à semelhança de Cristo no caminho da crucificação, ou seja, se te impõem uma milha, vá duas.

    Aprendi pela mesma bíblia que o senhor lê, pastor, que o sacrifício de Cristo exorta o cristão a ser covarde vivo, não fundamentalista morto; tolerante vivo, não judeu caprichoso; o sacrifício foi feito por Ele, não é desse modo que se traz a verdade.

    Cristo veio ensinar a um povo seu certas regras de condutas, não impô-las ao mundo, isso é o catolicismo que costuma fazer, aliás tendo gerado em face dessa postura policiadora em nome de Cristo uma instabilidade mundial, tendo como sua mão de ferro no início o Império Romano.

    Cristãos são como ratos, em catacumbas e nunca em castelos, portanto sendo mandados e nunca mandando.

    Se pra continuar cristão, eu seja obrigado a olhar e reger a vida dos meus vizinhos, coisa que muito na época de Cristo a igreja judaica ensinava, RENUNCIOU AGORA MESMO O EVANGELHO E O DIREITO DE IR PARA O CÉU.

    Se Deus destruiu Sodoma e Gomorra por causa desse tipo de assunto, vê-se que Deus não atingiu as demais cidades em face de que não existia essa prática? Se sim, então temos que explicar o motivo de Deus não continuar botando fogo sucessivamente nas cidades onde tal ocorresse.

    Paulo escreve que tudo me é lícito, embora nem tudo me convenha. Se a lei vai permitir esse tipo de casamento, em que isso afeta a igreja? Ou seja, cabe ensinar aos da igreja que apesar de lícito, o cristão faça isso ou aquilo outro. Os comandos da lei não são para a igreja, muito menos a igreja deve impôr o seu domínio sobre o mundo. O cristão deve estar acima da lei, ou seja, cumpri-la, e cumpri-la tão bem, que pode dar a si o direito de escolher o que fazer. A lei não atinge os cristãos, sim os ensinamentos do altíssimo.

    Cristo não fez as vezes de legislador quanto a não apedrejar a adúltera, pois sabia que se tratava de assunto muito delicado entre os judeus, o que iria exigir dele tempo, preferiu cumprir a nova lei trazida por Ele, a da tolerância como fez questão de mencionar quanto ao divórcio, dizendo que Deus somente aceitou em face da dureza do coração humano, ou seja, a lei humana ultrapassando a intenção de Deus. Pastor, Deus deu ao homem o livre arbítrio de casar e de não casar, de alterar a lei e de não alterar.

    Este site somente tem me censurado, vou consultar o Mini. das Comunicações, e vou sugerir que façam o mesmo tirando do ar, primeiro 24h, depois 48, 72 e por último, tirar de vez, modo de beber do próprio veneno;

  12. Com todo o respeito ao ilustre deputado, mas Cristo não veio aqui para pôr fogo em assuntos que já vinham a milhares de anos antes dele.

    Cristo não veio aqui para fazer os cristãos de exércitos, de lutadores, de guerreiros, sim de pessoas que sabem conviver pacificamente com os adversários, com os que pensam diferente, com os que erram, com os de outra religião, nunca e jamais Cristo pregou a inversão da ordem das coisas se não pelo livre convencimento.

    Cristo não veio aqui para insuflar o povo para apedrejar as igrejas não.

    Cristo não veio aqui para ensinar o povo a se doar em sacrifício, do contrário, Ele se entregou em sacrifício para que os homens parem com a martirização o se martirizar.

    Deputado, quanto a essa parte madura, pacífica, tolerante, paciente, de pai e de mãe, vê-se que o ilustre não compreendeu direito não.

    Veja bem, na época de Cristo era comum a escravidão, todavia ele não insuflou os escravos contra os seus senhores, afinal consegueriria com isso apenas a insubordinação seguida de banho de sangue, calma pastor.

    O evangelho vem sendo pregado a dois mil anos, todavia tais pessoas nunca foram alvo, aliás ninguém deve ser alvo da palavra.

    Do que lê na bíblia e de Cristo, inclusive Paulo, é o fugir, o retirar-se, é o calar-se quando não se queria ouvir o discurso ou a presença deles.

    Tem hora pra tudo, pastor, e nesse momento em que universalmente tais pessoas estão se insurgindo e pondo os evangélicos – mesmo sem ser- como centro de suas acusações, cabe ficar mudo como ovelhas à semelhança de Cristo no caminho da crucificação, ou seja, se te impõem uma milha, vá duas.

    Aprendi pela mesma bíblia que o senhor lê, pastor, que o sacrifício de Cristo exorta o cristão a ser covarde vivo, não fundamentalista morto; tolerante vivo, não judeu caprichoso; o sacrifício foi feito por Ele, não é desse modo que se traz a verdade.

    Cristo veio ensinar a um povo seu certas regras de condutas, não impô-las ao mundo, isso é o catolicismo que costuma fazer, aliás tendo gerado em face dessa postura policiadora em nome de Cristo uma instabilidade mundial, tendo como sua mão de ferro no início o Império Romano.

    Cristãos são como ratos, em catacumbas e nunca em castelos, portanto sendo mandados e nunca mandando.

    Se pra continuar cristão, eu seja obrigado a olhar e reger a vida dos meus vizinhos, coisa que muito na época de Cristo a igreja judaica ensinava, RENUNCIOU AGORA MESMO O EVANGELHO E O DIREITO DE IR PARA O CÉU.

    Se Deus destruiu Sodoma e Gomorra por causa desse tipo de assunto, vê-se que Deus não atingiu as demais cidades em face de que não existia essa prática? Se sim, então temos que explicar o motivo de Deus não continuar botando fogo sucessivamente nas cidades onde tal ocorresse.

    Paulo escreve que tudo me é lícito, embora nem tudo me convenha. Se a lei vai permitir esse tipo de casamento, em que isso afeta a igreja? Ou seja, cabe ensinar aos da igreja que apesar de lícito, o cristão faça isso ou aquilo outro. Os comandos da lei não são para a igreja, muito menos a igreja deve impôr o seu domínio sobre o mundo. O cristão deve estar acima da lei, ou seja, cumpri-la, e cumpri-la tão bem, que pode dar a si o direito de escolher o que fazer. A lei não atinge os cristãos, sim os ensinamentos do altíssimo.

    Cristo não fez as vezes de legislador quanto a não apedrejar a adúltera, pois sabia que se tratava de assunto muito delicado entre os judeus, o que iria exigir dele tempo, preferiu cumprir a nova lei trazida por Ele, a da tolerância como fez questão de mencionar quanto ao divórcio, dizendo que Deus somente aceitou em face da dureza do coração humano, ou seja, a lei humana ultrapassando a intenção de Deus. Pastor, Deus deu ao homem o livre arbítrio de casar e de não casar, de alterar a lei e de não alterar.

    Este site somente tem me censurado, vou consultar o Mini. das Comunicações, e vou sugerir que façam o mesmo tirando do ar, primeiro 24h, depois 48, 72 e por último, tirar de vez, modo de beber do próprio veneno;

    Este site católico, com perfil de protestante, mas que cuida de interesses diversos, precisa esclarecer o que tem contra mim.

  13. PR:marcos f vc/ esta sem visão pois o diabo esta alegre porque os cristão estão dando atenção ao q/ a biblia ja revelou a 2000 anos atras depois de cristo e 700 a pós o profeta revelar cristo e o profeta dos profetas na fundção do mundo disse nascera um varão q/ esmagará a cabeça do diabo e ele nasceu e desse q/ os gay lesb mentirosos….. não vai ter salvação e pronto a gora preste atenção esta chegando o sinal da besta e os cristão n/ vão poder comprar e vender e vc/ vai ser o primeiro. Então por ser lider queremos q/ vc/ convoque os lideres mundias das igrejas p/ criar aqui no brasil por ser um democratico um BANCO q/ possamos comprar e vender sem usar o sinal da besta na mão ou na testa pois a biblia diz q/ quado nossos irmãos clamava pelo sangue dos q/ forão mortos DEUS desse espere pois eles tem q/ passar por tudo q/ vcs/ passaram então o sinal vem ai e a igreja q/ somos nós esta desprotegida foi p/ isso q/ colocamos vc/ lá n/ deixe q/ o diabo venha esta te enganado c/ o q/ já foi revelado.

  14. Stardust, que bom que está bem.

    Mas eu lhe trouxe questões e perguntas de Ética cristã, e vc não fez menção a nenhuma. Pq?

    Seu interesse (aqui) restringe-se ao binômio Igreja / Dinheiro…?

    Paz.

    • Jota

      Eu não comentei muito o que vc disse pq eu penso parecido, tenho visão bem próxima da sua. Não é pq não fiz um grande texto de resposta que eu esteja discordando ou concordando. Estou evitando escrever muito pois estou em repouso médico.

      • O que aconteceu,Stardust Jussara,a mão de Deus já ta pesando sobre sua vida será que foi o pernil que você comprou com o dinheiro do dízimo?
        E ainda zombou de quem escolheu ser dizimista.
        É minha amiga arrependa-se enquanto você pode.
        Você tem direito de ser o que você quiser.
        Mais zombar dos fieis este direito Deus não te deu.

        • Ei!!!,

          Isso são modos cristãos de tratar o Stardust, ou seja quem for, irmãos?

          ´´Não levanteis a vossa fronte altiva, nem faleis com cerviz dura.´´ (Salmos 75:5)

          … ???!!!!

          Que o Senhor Jesus nos capacite a sermos Seus discípulos, se é que somos, e perdoe nossa bestialidade carnal, porque as afrontas que se lêem por aqui (não me refiro a apenas uma pessoa, mas várias) passam bem longe dAquele que é ´´manso e humilde de coração´´. DE QUEM SOMOS FILHOS E SERVOS, MESMO?

          Fala-se TANTO de dinheiro, pastores sem escrúpulos e que não dão exemplo, mas
          E NÓS?, NESTES DIÁLOGOS ALTIVOS AQUI?!

          Bora se envergonhar, pedir perdão a Deus e às pessoas que vêm sido agredidas verbalmente.

          ´´E os seus discípulos, Tiago e João, vendo isto, disseram:

          Senhor, queres que digamos que desça fogo do céu e os consuma, como Elias também fez?
          Voltando-se, porém, repreendeu-os, e disse: Vós não sabeis de que espírito sois.
          Porque o Filho do homem não veio para destruir as almas dos homens, mas para salvá-las. E foram para outra aldeia. (Lucas 9:54-56)

          Paz de Cristo. Abraço.

      • Entendo. Pow, então passa uns dias distante destas discussões (q vc mesmo, em parte, acirra), pq tem pessoas te agredindo muito, e isso deve prejudicar qualquer repouso.

        Saúde.
        A Paz de Jesus Cristo.

        • jota oliveira

          O que me entristece é que os que me atacam aqui, são os que se denominam cristãos… se são cristãos, não deveriam ter proceder diferente?

          eu causo parte da discussão… bom… porque tenho que renegar a pessoa que sou? imito meu Mestre, o Senhor Jesus.. Ele era especialista em causar discussões entre os fariseus religiosos…

          O problema jota, é que o “arraial gospel” é cheio de conceitos e normas, que quando estudadas a luz da bíblia, não se comprovam… veja… os evangelicos descem a lenha nos católicos, pela idolatria, mas dentro do nosso próprio arrail temos nossos ídolos… E VIVOS!

          cantores gospel que são tratados como estrelas, lideres que são inquestionáveis, objetos “ungidos ou consagrados” usados como amuletos… será que podemos criticar os católicos?

          E quando se ousa, no meio do mundo gospel, questionar o pq de certas crenças e práticas, vemos que os “cristãos” não toleram quem pensa diferente… é só usar a bíblia que nós provamos que os evangélicos que se gabam de seguirem só a bíblia não estão realmente amparados pelas Escrituras!

          Já passou da hora de certas heresias serem questionadas a luz da bíblia… os cristãos zelosos precisam se pronunciar:

          ” E até importa que haja entre vós heresias, para que os que são sinceros se manifestem entre vós” (I Coríntios 11:19)

          Agora deixa eu descansar e sarar…

          • Stardust

            A Paz de Cristo.

            ´´E logo os irmãos enviaram de noite Paulo e Silas a Beréia; e eles, chegando lá, foram à sinagoga dos judeus.

            Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, EXAMINANDO NAS ESCRITURAS SE ESTAS COISAS ERAM ASSIM.´´ (Atos 17:10-11)

            :)

            Concordo que a Fé em Cristo, que professamos e anunciamos , e as doutrinas cristãs que seguimos devem (PRECISAM), SIM, serem respaldadas biblicamente. Isto traz edificação e segurança de estarmos seguindo os passos do Senhor Jesus.

            Contudo, se já é difícil conversar pessoalmente sobre certas questões, então imagina aqui?? Em termos gerais, nós não temos paciência de ler e ouvir, mas:

            A-TEN-ÇÃO!!!

            Uma coisa uma coisa muito maligna está ocorrendo de forma sutil:

            Atualmente, escândalos na Igreja Cristã, + pastores polêmicos têm SIDO USADOS para DISTRAIR E AFASTAR a Igreja, da anunciação do Evangelho de salvação em Cristo, e ainda botarem os crentes em Cristo pra brigar um com o outro, quando o que Jesus pede de nós é união, um só Corpo em Cristo, que é a Cabeça da Igreja.

            PERCEBEM???
            E isso provém da atuação do espírito do Engano:

            ´´… este é o espírito do anticristo, do qual já ouvistes que há de vir, e eis que já agora está no mundo.´´ (1a João 4:3),

            e que desvia o coração das pessoas do Amor de Cristo, e os anestesia com debates de questões religiosas e temporais.

            Satanás tá atuando exatamente nisto:

            Fazer o mundo bater boca sobre os erros (ora, todos erramos e somos imperfeitos! Quem é perfeito é Deus) sobre os erros dos cristãos, e assim, tirar o foco do Evangelho do Reino de Deus, que Jesus, o Cordeiro de Deus sem mácula nem pecado nem escândalo nenhum veio oferecer a todos o que crêem nEle.

            Por isso, rogo A TODOS OS CRISTÃOS AQUI, que tenham cuidado pra não se distraírem perdendo tempo com polêmicas secundárias, mas usarem este espaço para proclamarmos que JESUS É A MANIFESTAÇÃO DA GLÓRIA DE DEUS, E QUE SÓ POR MEIO DELE TEMOS ACESSO AO PAI!

            Pois nem pastor A ou B, ou qualquer denominação cristã nos representa!, isto tmb é outro discurso pernicioso. Pois:

            A nossa bandeira é CRISTO, nosso alvo, nossa salvação. É pra isto que fomos chamados, irmãos. Não nos deixemos cair nestas ciladas.

            Paz a todos, em nome de Jesus.
            Abraço, boa semana.

          • Não, eu não apoio.

            Primeiro, que não são pastores que fazem a divergência.

            O homem sempre teve interpretações diversas de um mesmo texto, ora bolas.

            Segundo, quem quer se fazer de intérprete da bíblia é a igreja católica, daí vocês estão fazendo uso de uma metodologia de uma igreja que quer ser hegemônica.

            Se querem ser piolhos, ou seja, ir pela cabeça de outrem, que vão.

            Cada um deve interpretar ao seu modo, todavia sempre buscando a perfeição na interpretação, único meio de se evitar o domínio institucional de igrejas, mas sim de Cristo, sim de Deus. Religiões não devem reger tudo, igrejas não devem ser a última palavra, sim ter uma palavra, e se não for deste modo, despendura Cristo da cruz e põe entidades humanas.

  15. Cristo não veio aqui para fazer os cristãos de exércitos, de lutadores, de guerreiros, sim de pessoas que sabem conviver pacificamente com os adversários, com os que pensam diferente, com os que erram, com os de outra religião, nunca e jamais Cristo pregou a inversão da ordem das coisas se não pelo livre convencimento.

    Cristo não veio aqui para insuflar o povo para apedrejar as igrejas não.

    Cristo não veio aqui para ensinar o povo a se doar em sacrifício, do contrário, Ele se entregou em sacrifício para que os homens parem com a martirização o se martirizar.

    Deputado, quanto a essa parte madura, pacífica, tolerante, paciente, de pai e de mãe, vê-se que o ilustre não compreendeu direito não.

    Veja bem, na época de Cristo era comum a escravidão, todavia ele não insuflou os escravos contra os seus senhores, afinal consegueriria com isso apenas a insubordinação seguida de banho de sangue, calma pastor.

    O evangelho vem sendo pregado a dois mil anos, todavia tais pessoas nunca foram alvo, aliás ninguém deve ser alvo da palavra.

    Do que lê na bíblia e de Cristo, inclusive Paulo, é o fugir, o retirar-se, é o calar-se quando não se queria ouvir o discurso ou a presença deles.

    Tem hora pra tudo, pastor, e nesse momento em que universalmente tais pessoas estão se insurgindo e pondo os evangélicos – mesmo sem ser- como centro de suas acusações, cabe ficar mudo como ovelhas à semelhança de Cristo no caminho da crucificação, ou seja, se te impõem uma milha, vá duas.

    Aprendi pela mesma bíblia que o senhor lê, pastor, que o sacrifício de Cristo exorta o cristão a ser covarde vivo, não fundamentalista morto; tolerante vivo, não judeu caprichoso; o sacrifício foi feito por Ele, não é desse modo que se traz a verdade.

    Cristo veio ensinar a um povo seu certas regras de condutas, não impô-las ao mundo, isso é o catolicismo que costuma fazer, aliás tendo gerado em face dessa postura policiadora em nome de Cristo uma instabilidade mundial, tendo como sua mão de ferro no início o Império Romano.

    Cristãos são como ratos, em catacumbas e nunca em castelos, portanto sendo mandados e nunca mandando.

    Se pra continuar cristão, eu seja obrigado a olhar e reger a vida dos meus vizinhos, coisa que muito na época de Cristo a igreja judaica ensinava, RENUNCIOU AGORA MESMO O EVANGELHO E O DIREITO DE IR PARA O CÉU.

    Se Deus destruiu Sodoma e Gomorra por causa desse tipo de assunto, vê-se que Deus não atingiu as demais cidades em face de que não existia essa prática? Se sim, então temos que explicar o motivo de Deus não continuar botando fogo sucessivamente nas cidades onde tal ocorresse.

    Paulo escreve que tudo me é lícito, embora nem tudo me convenha. Se a lei vai permitir esse tipo de casamento, em que isso afeta a igreja? Ou seja, cabe ensinar aos da igreja que apesar de lícito, o cristão faça isso ou aquilo outro. Os comandos da lei não são para a igreja, muito menos a igreja deve impôr o seu domínio sobre o mundo. O cristão deve estar acima da lei, ou seja, cumpri-la, e cumpri-la tão bem, que pode dar a si o direito de escolher o que fazer. A lei não atinge os cristãos, sim os ensinamentos do altíssimo.

    Cristo não fez as vezes de legislador quanto a não apedrejar a adúltera, pois sabia que se tratava de assunto muito delicado entre os judeus, o que iria exigir dele tempo, preferiu cumprir a nova lei trazida por Ele, a da tolerância como fez questão de mencionar quanto ao divórcio, dizendo que Deus somente aceitou em face da dureza do coração humano, ou seja, a lei humana ultrapassando a intenção de Deus. Pastor, Deus deu ao homem o livre arbítrio de casar e de não casar, de alterar a lei e de não alterar.

    DE NOVO, QUER VÊ?

  16. e imoral o que vou dizer mas infelismente o brasil ta sendo comandado por rabos,literalmente bundas,rr soares e um covarde imoral so pede dinheiro pra um canal a cabo que ele recebe todo mes,edir macedo covarde,so silas malafaia e marcos feliciano estao representando a igreja no brasil e outros tambem,mas nao dao a cara´pra bater o psc fala de familia e quer liberar as drogas,mercenarios imundos,imorais…

  17. Marcos Feliciano Me representa sim! Todo mundo se faz de sonso quando chega época de elieção, principalmente o PT com discursos incisivos de que não iria compactuar com o casamento homofóbico e a questão do aborto! Hoje vemos que e a intenção não é essa! Temos que apoiar quem estar em eminência e até orar, mas concordar seria assinar um atestado de óbito para a nação Brasileira!! Sempre vamos nos posicionar contra o ativismo homossexual sim!!! Viva a família brasileira!! Viva a todos aqueles que não se prostram a baal!! Deus só precisou de um profeta pra que 360 profestas de baall fossem fulminados! O Deus de ontem é o mesmo Deus de Hoje e com Deus não se vbrinca!

  18. Sou Deputado Federal. Sempre estou ao lado do meu companheiro Marco Feliciano. Falo mais que Ele dentro do Congresso Nacional, até porque Ele como Presidente da Comissão dos Direitos Humanos deve evitar falar e atuar como magistrado. Outros companheiros também tem dado total apoio ao amigo. Lamento ler esta publicação de que Ele é o Único maluco que tem coragem de falar e nós todos somos covardes. Espera que esta colocação tenha sido apenas escrita por alguém irresponsável e com maldade e não dita pelouro amigo e irmão. Deputado Federal Pastor Eurico psb/PE.

  19. levi varela

    nem os pró-dízimos que defendem essa heresia de dízimos vão concordar com vc…

    caim e abel dando dízimo na bíblia? A primeira menção de alguém que deu dízimo é de abraão em genesis 14:20, que deu o dízimo de tudo o que ele conseguiu na guerra contra os reis à melquisedeque, rei de salém e sacerdote do Deus Altíssimo.

    Daqui a pouco vc vai dizer que adão e eva eram dizimistas…

    • Stardurt,

      Você criou uma coisa, a obrigatoriedade do dízimo no velho testamento, aí disse que era algo não continha no novo testamento.

      A primeira vez que se deu dízimo -Caim e Abel – disso gerou uma morte, e não havia registro algum de se dar o dízimo ou coisa que o valha para Deus, muito menos da obrigatoriedade que você fala, afinal apenas uma dádiva, assim como o são todo e qualquer recurso repassado às igrejas ou diretamente aos necessitados.

      Você afronta Deus com esta história de que há obrigatoriedade no Velho Testamento, portanto decorrente de sua afirmação contrária à bíblia, ao certo, haverás um dia de prestar contas pela inserção na palavra de Deus de um til.

      Diga em qual dos dez mandamentos há previsibilidade legal quanto a dízimos? Ora, se até estes dez não são obrigatórios, pois cumpre quem quer face o livre arbítrio, aí você vem e pinta Deus de ditador, de arbitrário, de indolente contra os próprios filhos Dele, afinal a norma que você diz que nos obriga tem o condão de nos penalizar, mas esquece você que Deus não quer nada do homem, pois pobres, sim e tão apenas o coração.

      Brincadeira, Deus esmolando de evangélicos, de judeus, de gentios, de fascínoras, justo Ele o Dono do ouro e da prata, justo Ele que possui tudo o que os nossos olhos enxergam, repito é brincadeira.

      • levi

        caim e abel nunca ofereceram dízimos… se vc puder mencionar a passagem da bíblia que prova o que vc diz, ficarei satisfeito.

        Dízimo é obrigação sim, no velho testamento. Ordenado a partir de levíticos 27:30-34… para os judeus!

        dizer que judeus não eram obrigados a dizimar é profunda falta de conhecimento bíblico.

        Agora, no novo testamento não há mandamento para que cristãos dizimem… isso é fato!

        • Stardut,

          Quantos milhões de judeus foram processados e presos pela não cumprimento ao mandamento do dízimo?

          É você não sabe mesmo o significado da norma nem humana e muito menos a de Deus.

          Deus não obriga ninguém a nada, meu caro.

          Toda e qualquer ajuda que se dá às instituições de caráter filantrópico, religioso ou às pessoas físicas nunca foram obrigatórias, são ou serão. Deus não põe em ninguém fardo algum, dá quem quer, ajudar quem acha que deve ajudar, fique calmo, vá estudar, que com certeza você está confundindo os institutos, a natureza. Deus perdoa a nossa ignorância, coisa que já não mais vai acontecer com você doravante, pois agora já sabe de tudo, aliás já havia falado antes. Deus tem pena da sua alma, peça perdão ao seu Pai, Ele é bondoso, misericordioso, mas fique alerta que ele tem um limite, em especial com os que queiram dar pernada nEle.

          Se quiser, eu ajudarei em orações.

          • levi

            Nenhum judeu foi preso ou processado pq não dar dízimo não era crime e sim era pecado.

            Pra ser preso seria descumprir a lei dos homens mas o dízimo era lei de Deus para os judeus…

            Acorda pra vida levi!

          • Stardut,

            Então se era de Deus, Deus não obriga nada, portanto dízimo não é obrigatório.

            Agora que ficou bem desenhado, você entendeu por definitivo.

            Vá a uma igreja e faça a sua parte.

          • Sim, não sou cego, o que você sempre foi parcial é em afirmar que o dízimo era obrigatório no Velho Testamento, fato não repetido no Novo testamento, segundo você, e com isso fazia conclusões ilógicas e irresponsáveis contra os cristãos, contra quem dava o dízimo.

            Eu sempre falei isso, inclusive cheguei a dizer que que a igreja arrecadava esses dez por cento como impostos, resolvendo as questões administrativas e tudo mais, fato totalmente mudado quando da invasão do Império Romano que fez com que os judeus tivesse que pagar o dízimo para as ações religiosas e administrativas do Estado judaico e ainda pagar imposto à Roma que cobrava também, ou seja, bitributação. Cristo quando diz a César o que é de Cesar e a Deus o que é Deus, é justamente para não entrar nessa discussão combustível puro, não esquecendo você que uma das acusações contra os judeus é que eles não gostavam de pagar impostos.

            Entendeu agora? Então peça perdão a Deus pela sua resistência nefasta, lembrando que até mesmo o percentual do Estado não era obrigatório, apelava-se pera o poder de discernimento de cada um, tanto que a igreja judaica era quem ajudava aos órfãos e as viúvas.

  20. Stardust,

    o estudo sobre os dízimos na nova aliança foi muito interessante e esclarecedor. Estarei copiando para considerar junto com minha família.

    Acredito que essa doutrina é algo quase cultural no meio evangélico e quem tem a mente aberta para considerar os dois lados da moeda pode se “desenjaular” do cativeiro da obrigatoriedade de dar 10% para uma instituição. Creio que o ser liberal em seu conceito cristão é bem amplo que essa “carga” de 10% mensalmente.

    Creio que quando os verdadeiro líderes levantados por Cristo decidirem morrer para este mundo e viver somente para Aquele que vos chamou, teremos uma igreja mais forte e muito mais liberal. porque se há algo que é inspirador é ver e presenciar pastores que doam a vida por suas ovelhas e não o inverso.

    Que o Senhor nos ilumine e nos faça a cada dia entender que que não vale nada ganhar o mundo e perder a sua própria alma.

  21. Marcos feliciano continue lutando Deus e fiel e vai te dar forças para vencer , todas essas provaçoes lembra do hino : e feliz quem segue fielmente. nos caminho s Santos. do senhor. na tribulaçao e pasciente esperando no seu Salvador .

DEIXE UMA RESPOSTA