Exército da Síria derrota tropas do Estado Islâmico e recupera controle de cidade cristã

2

A comunidade cristã da cidade de Al-Qaryatain, na Síria, comemora aliviada a vitória do exército sírio sobre o grupo extremista Estado Islâmico, que controlava a região desde agosto do ano passado.

As forças armadas reconquistaram a cidade no último final de semana – que é situada próximo a Palmira, outra que foi recuperada há pouco tempo. As forças aliadas ajudaram o exército sírio na batalha na região central do país.

A informação sobre a vitória sobre os extremistas islâmicos foi divulgada pelas autoridades militares e repercutida pela imprensa local e internacional, de acordo com a agência France Presse.

Al-Qaryatain é localizada em ponto estratégico e é cercada por montanhas. Localizada a 100 quilômetros a oeste de Palmira. Juntas, as duas cidades podem representar uma base essencial para as forças de Bashar Al-Assad tentarem reconquistar Damasco, que é a principal cidade da região mais populosa do país. Há um temor, no entanto, de que os confrontos contra o Estado Islâmico nessa área sejam mais acirrados e resultem em maiores baixas civis.


Durante a ocupação, os extremistas usaram escavadeiras para destruir um antigo monastério cristão e fizeram aproximadamente 200 civis como prisioneiros, levando-os para a cidade de Raqqa.

Agora, “[as tropas de Assad] restauraram completamente a segurança e a estabilidade em al-Qaryatain, depois de matar os últimos grupos restantes de terroristas do Daesh”, disse uma nota do exército, usando o termo mais popular em árabe para se referir ao Estado Islâmico.

Para as autoridades, a retomada da cidade vai permitir que o exército impeça a circulação dos extremistas em estradas que dão acesso a Damasco e a campos de petróleo no leste do país.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos, que monitora o conflito, afirmou que mais de 40 ataques aéreos foram realizados no domingo nas proximidades da cidade, tanto por aviões sírios como russos, permitindo o avanço das tropas sírias por diferentes acessos.


2 COMENTÁRIOS

  1. Glória a Deus por isso! A justiça de Deus nunca tarda! Deus é soberano e tudo acontece no seu devido tempo e com um propósito, que muitas vezes não sabemos qual é. O bem sempre vencerá o mal. E como diz o ditado: “não há mal que dure para sempre!”. O Estado Islâmico será derrotado, em nome de Jesus, e ficará esquecido ou será lembrado nos anais da história.

DEIXE UMA RESPOSTA