Vídeo mostra terroristas do Estado Islâmico torturando adolescente de 14 anos: “Pensei que morreria”

5

Um vídeo com imagens de uma sessão de tortura feita pelo Estado Islâmico mostrou detalhes das técnicas cruéis usadas pelos terroristas em sessões de interrogatório.

O material, fornecido por um ex-jihadista, mostra a tortura de Ahmed, um jovem que à época tinha apenas 14 anos de idade, e foi pendurado pelo braço e espancado.

“Naquele momento pensei na minha mãe. Pensei que morreria”, diz o jovem, que foi torturado após ser capturado sob acusação de conspirar contra o Estado Islâmico e sentenciado à morte.

No entanto, o carrasco que o espancava ficou com pena do rapaz, e facilitou sua fuga do cativeiro. Quando saiu, conseguiu fugir para a Turquia.


O terrorista que o espancou diz sentir muito remorso das atrocidades que cometeu quando entrou para o grupo extremista: “Arrependo-me de cada momento. Quando me juntei ao Estado Islâmico, não estava convencido de que deveria torturar pessoas. Mas tinha que fazer isso. Apesar de não ter sido muito agressivo, espero que as pessoas que machuquei me perdoem”, disse, em entrevista à BBC.

Já Ahmed, vem sofrendo com as lembranças dos momentos de tortura: “Quando cheguei na Turquia, costumava ter pesadelos o tempo todo e acordar gritando. Minha mãe me abraçava e me dava água para me acalmar. Nunca me esquecerei daquilo. Estou em tratamento. Graças a Deus está funcionando um pouco. As coisas estão melhores agora”, relatou o jovem.

Assista à reportagem da BBC neste link.

Recentemente, os terroristas do Estado Islâmico atearam fogo a uma senhora cristã de 80 anos porque ela se recusava a seguir as leis impostas. Em diversos outros casos, o grupo extremista decapitou homens e mulheres cristãos por se recusarem a se converter ao islamismo.

Na última semana, em um gesto de vingança, um soldado cristão das forças curdas capturou e decapitou um ex-militante do Estado Islâmico.

5 COMENTÁRIOS

  1. E quando foi, na história da humanidade, que as religiões abraâmicas não perseguiram e não mataram em nome de Deus? Crentes que ficam horrorizados – e com razão! – com tais manifestações de terrível ódio e violência contra seres humanos indefesos, deveriam se lembrar das barbáries que Moises, em nome do deus “homem de guerra” (Êx. 15:3), mandou praticar, como as que constam dessa macabra passagem bíblica:

    “Então ele [Moisés] lhes disse: Assim diz o Senhor, o Deus de Israel: Cada um ponha a sua espada sobre a coxa; e passai e tornai pelo arraial de porta em porta, e mate cada um a seu irmão, e cada um a seu amigo, e cada um a seu vizinho. E os filhos de Levi fizeram conforme a palavra de Moisés; e caíram do povo naquele dia cerca de três mil homens.” (Êxodo 32:27 e 28)

    • irmao quando Deus orienta a Moises para cada um pecar a sua espada e matar cada o seu visinho filha amigo, enfim isso era um medodo de punir aquela tribo que nao aquardaram por Moises como o salario do pecado é a morte foram sentenciados essa pena.Nao de jeito que os islâmistas fazem em alguns pontos do mundo de invadirem piscologicamente os cristao a crerem ou se converterem a suas crenças.

      • Esta errado, Marcos dos Santos. Deus, o Ser Supremo, nunca deu as ordens que o beligerante Moisés passou ao povo, pois Deus não muda, e Ele é um ser de amor e compaixão para com todas as Suas criaturas.

        Além disso, o mesmo argumento que você apresenta é o que os radicais islâmicos usam, ou seja, que em nome de Deus pode-se punir o pecador ou o infiel com a morte, e é exatamente isso o que eles fazem.

        Ademais, você foi seletivo ao condenar a execução de cristãos pelos radicais islâmicos e esquecer de todos os demais religiosos que esses extremistas executam. Marcos, não atribua a Deus a perversidade dos seres humanos.

        • …e ouvirão falar de guerras e rumores de guerras irmãos matando irmãos;em fim oque mais ainda falta para entenderem???fazem comentários ao invés de procurarem a presença inquestionável de DEUS e falarem de suas bençãos dar louvor e adoração ao seu SANTO NOME.

        • pelos seus argumentos sandro, estas dizendo que tbm nao eexistiu a arca de noe?
          pq a arca de noé, deus mandou ele fazer pq ia acabar com todos menos a familia de noé..
          matou todos, pq todos nao respeitavam mais ninguem e muito menos a deus.
          e deus irou-se com isso.

    • Ei todos que Moisés mandou matar eram , prevaricadores e idolatras , assim como tem muitos nos dias de hoje ,que so servem como lavadeiras para falar mal dos ouros

    • Eu sinceramente não sei, Frank, se eles não prenderiam e executariam os gays se tivessem o poder que os radicais islâmicos têm. Tá cheio de pastores nazistas que tudo fazem para banir os gays da sociedade. A fala de Malafaia, por exemplo, contra um simples comercial da Boticário sobre o namoro que inclui gays, é demonstrativo do ódio e maldade de muitos evangélicos contra a comunidade homoafetiva.

  2. Deus é amor, mas também é justiça. Não se prenda uma figura de Deus como somente ser bondoso e misericórdioso. Pois quando Ele é justo, não volta atrás e faz prevalecer a sua justiça sobre a terra. Doa a quem doer.

DEIXE UMA RESPOSTA